Abrir menu principal
Les Misérables
Os Miseráveis (PRT/BRA)
Pôster Nacional do Filme
 Reino Unido[1][2]
 Estados Unidos[3]

2012 •  cor •  158[4] min 
Direção Tom Hooper
Produção Tim Bevan
Eric Fellner
Debra Hayward
Cameron Mackintosh
Roteiro William Nicholson
Baseado em Les Misérables (musical), de Alain Boublil, Claude-Michel Schönberg e Herbert Kretzmer

Os Miseráveis, de Victor Hugo

Elenco Hugh Jackman
Russell Crowe
Anne Hathaway
Amanda Seyfried
Eddie Redmayne
Samantha Barks
Helena Bonham Carter
Sacha Baron Cohen
Isabelle Allen
Gênero musical
drama
Música Claude-Michel Schönberg
Anne Dudley
Cinematografia Danny Cohen
Edição Melanie Ann Oliver
Chris Dickens
Companhia(s) produtora(s) Working Title Films
Cameron Mackintosh Ltd.[5]
Relativity Media[5]
Distribuição Universal Studios
Lançamento Estados Unidos 25 de dezembro de 2012
Portugal 3 de janeiro de 2013
Brasil 1 de fevereiro de 2013
Idioma inglês
Orçamento US$ 61 milhões[6]
Receita US$ 441.809.770[6]
Site oficial

Les Misérables (bra/prt: Os Miseráveis)[3][7] é um filme britano-estadunidense de 2012, do gênero drama musical, dirigido por Tom Hooper para a Working Title Films, com roteiro de William Nicholson adaptado do musical Les Misérables (musical), de Alain Boublil, Claude-Michel Schönberg e Herbert Kretzmer, por sua vez baseado no romance Os Miseráveis, de Victor Hugo.

Estrelado por Hugh Jackman, Russel Crowe, Anne Hathaway, Eddie Redmayne, Amanda Seyfried, Sacha Baron Cohen e Helena Bonham Carter, Os Miseráveis estreou nos Estados Unidos em 25 de dezembro de 2012, em Portugal, em 3 de janeiro de 2013, e no Brasil, em 1.º de fevereiro de 2013.[8][9]

Trata-se de uma celebração pelos 25 anos do musical. A produção teve início oficialmente em meados de março de 2011, e as gravações, um ano depois.[10]

EnredoEditar

A história se passa em plena Revolução de Julho do século 19 entre duas grandes batalhas: a de Waterloo e a insurreição republicana de junho de 1832. Cumprida a pena, Jean é posto em liberdade condicional com a obrigatoriedade de se apresentar regularmente, correndo o risco de passar o resto da vida preso se não o fizer. Como ex-presidiário Valjean sente-se discriminado por todos, contudo tenta recomeçar a sua vida e redimir-se do tortuoso passado. Considerando-se livre, Jean Valjean quebra a condicional resultando na fuga contínua pela perseguição do inspetor Javert (Russell Crowe).[11]

Enquanto isso, do outro lado da França, Fantine (Anne Hathaway) enfrenta uma grande luta com sua filha Cosette. Ao viajar para o interior do país, a mãe deixa a menina com o casal Thénardier (Helena Bonham Carter e Sacha Baron Cohen), que maltratam a criança, a fazem de escrava e roubam seu dinheiro. Enquanto isso Fantine arranja emprego no interior, manda dinheiro para sua filha, enquanto o casal cobra cada vez mais e mais. Um dia um funcionário da fábrica descobre que a mesma tem uma filha ilegítima, e a expulsam do emprego em que trabalha. Desolada, e sem jeito de conseguir dinheiro, ela vende os invejados cabelos e dentes, e com mais cobrança dos vilões, ela se prostitui, porém está com Tuberculose. Por fatos ocorridos no passado, Jean Valjean conhece a doente Fantine e lhe faz a promessa de cuidar de sua filha.[11]

ElencoEditar

  • Hugh Jackman como Jean Valjean, um homem marcado pela a injustiça social, que ao voltar da sua prisão de dezenove anos, reergue-se e fica rico. O destino dele está cruzado ao de Fantine quando o mesmo cuida da sua filha Cosette.[12]
  • Russell Crowe, como o Inspetor Javert, fanático pela justiça persegue Jean Valjean para recapturá-lo e fazê-lo cumprir sua pena.
  • Anne Hathaway como Fantine, vítima da injustiça. Foi abandonada pelo seu namorado enquanto estava grávida de Cosette. Sem ter para onde correr, volta ao interior de onde nasceu, deixando a filha sob cuidados dos Thénardier. Depois de demitida do trabalho, vende os cabelos, os dentes e se prostitui. Morre de tuberculose e é jogada em uma cova de indigente. O mesmo papel foi cotado para as atrizes Rebecca Hall e Amy Adams, porém ficou com Hathaway.[13][14]
  • Daniel Huttlestone como Gravoche, menino irmão de Eponine. Rejeitado pelos pais, acaba tendo que viver na rua. Morre tentando pegar munição para Marius.
  • Amanda Seyfried como Cosette, filha de Fantine. Tinha belos olhos azuis, porém de tanto chorar com o seu sofrimento, os mesmos perderam a cor e se tornaram verdes. É cuidada durante a adolescência por Valjean.[15]
  • Helena Bonham Carter como Madame Thénardier, a "Vilã" da história, que desde cedo maltrata Cosette, a tornando sua escrava e roubando seu dinheiro. Porém, um dia vai a falência.[16]
  • Sacha Baron Cohen como Monsieur Thénardier, tomado muitas vezes como o "Vilão" da história, não tem amor a mais ninguém exceto a sua família.[14]
  • Eddie Redmayne como Marius, jovem revolucionário que busca o amor e vira amigo de Éponine.
  • Samantha Barks como Eponine, filha sofrida do casal Thénardier que é secretamente apaixonada por Marius. Taylor Swift, Evan Rachel Wood, Lea Michele e Scarlett Johanson foram cotadas para o papel.
  • Dee Bradley Baker como Person Inn[14][17]
  • Isabelle Allen como jovem Cosette, filha de Fantine, maltratada no começo da sua vida. Foi adotada por Valjean, que antes da morte da sua mãe, havia sido escrava doméstica enquanto morava na casa da Madame Thénardier e Monsieur Thénardier.[18]
  • Aaron Tveit como o revolucionário Enjolras, melhor amigo de Marius e líder dos Les Amis de L'ABC

ProduçãoEditar

A cantora Taylor Swift do filme "Idas e Vindas do Amor" foi dispensada do elenco. Ela viveria Eponine. Em seu lugar, foi contratada a inglesa Samantha Barks, que ficou em terceiro lugar no reality show musical 'I'd Do Anything'.[19]

Tom Hooper anteriormente tinha sido convidado para dirigir Iron Man 3, mas recusou o pedido, e para dirigir Les Misérables. Paul Bettany tinha sido até mesmo citado para interpretar o inspetor Javert, mas o estúdio decidiu contratar Russell Crowe para fazer o inspetor.[20] Amy Adams e Rebecca Hall também foram apontadas como candidata para o papel de Fantine, que acabou com Anne Hathaway.[13] Emma Watson, Hayden Panettiere, Miranda Cosgrove e Lucy Hale estiveram sondadas para os papéis das jovens Eponine e Cosette, mas não foram adiante.[21]

LançamentoEditar

A primeira apresentação do longa aconteceu no dia 23 de novembro de 2012 na cidade de Nova York. O filme foi ovacionado pela crítica especializada e aplaudido de pé por todos presentes na sala do cinema. No dia seguinte, o filme foi apresentado também na cidade de Los Angeles no estado da California e novamente, recebeu boas opiniões críticas.[22]

Opinião críticaEditar

A Universal Pictures proibiu qualquer crítica ao longa até a aproximação da estreia do filme, porém alguns críticos descreveram como: "Um musical desde Chicago, nunca chegou tão próximo à conquistar o Oscar de melhor filme. Performances como dos atores Hugh Jackman e Anne Hathaway foram aclamadas, a última descrita como: "Ninguém jamais interpretou Fantine como Hathaway".[23]

Prêmios e nomeaçõesEditar

Prêmio Categoria Recebedor(s) Resultado
Óscar 2013 Melhor Filme Indicado[24]
Melhor Atriz Coadjuvante Anne Hathaway Venceu[24]
Melhor Ator Principal Hugh Jackman Indicado[24]
Melhor Mixagem de Som Simon Hayes, Andy Nelson, Mark Paterson, Jonathan Allen, Lee Walpole e John Warhurst Venceu[24]
Melhor Maquiagem Lisa Westcott Venceu[24]
Melhor Direção de Arte Anna Lynch-Robinson, Eve Stewart Indicado[24]
Melhor Figurino Indicado[24]
Melhor Canção Original "Suddenly" - Alain Boublil, Claude-Michel Schonberg, Herbert Kretzmer Indicado[24]
Hollywood Film Festival Melhor Produção Venceu[carece de fontes?]
Melhor Trailer Venceu[carece de fontes?]
Melhor Atriz Revelação Samantha Barks Venceu[carece de fontes?]
New York Film Critics Circle Awards 2012 Melhor Atriz Coadjuvante Anne Hathaway Indicado[25]
BAFTA 2012 Melhor Filme Indicado[carece de fontes?]
Melhor Filme Britânico Indicado[carece de fontes?]
Melhor Atriz Coadjuvante Anne Hathaway Venceu[carece de fontes?]
Melhor Ator Hugh Jackman Indicado[carece de fontes?]
Melhor Fotografia Danny Cohen Indicado[carece de fontes?]
Melhor Som Simon Hayes, Andy Nelson, Mark Paterson, Jonathan Allen, Lee Walpole e John Warhurst Venceu[carece de fontes?]
Melhor Maquiagem e Cabelo Lisa Westcott Venceu[carece de fontes?]
Melhor Design de Produção Anna Lynch-Robinson, Eve Stewart Venceu[carece de fontes?]
Melhor Figurino Indicado[carece de fontes?]
Melhor Edição Chris Dickens Indicado[carece de fontes?]
Empire Awards Melhor Filme Britânico Anne Hathaway Indicado[carece de fontes?]
Melhor Atriz Revelação Samantha Barks Venceu[carece de fontes?]
Satellite Awards 2012 Melhor Ator Coadjuvante Eddie Redmayne Indicado[26]
Melhor Atriz Coadjuvante Anne Hathaway Venceu[26]
Samantha Barks Indicado[26]
Melhor Ator Hugh Jackman Indicado[26]
Melhor Canção Original Suddenly - Cantada por Hugh Jackman (Alain Boubil e Herbert Kretzmer, compositores) Venceu[26]
Melhor Direção de Arte Anna Lynch-Robinson, Eve Stewart Indicado[26]
Melhor Figurino Indicado[26]
Melhor Edição Chris Dickens Indicado[26]
Melhor Elenco Hugh Jackman, Anne Hathaway, Russel Crowe, Amanda Seyfried, Eddie Redmayne, Samantha Barks, Helena Bonham Carter, Sacha Baron Coen Venceu[26]
Melhor Filme Indicado[26]
Prêmios Globo de Ouro 2013 Melhor Filme - Comédia ou Musical Venceu[27]
Melhor Ator - Comédia ou Musical Hugh Jackman Venceu[27]
Melhor Atriz Coadjuvante - Cinema Anne Hathaway Venceu[27]
Melhor Canção Original Suddenly - Hugh Jackman (Alain Boubil e Herbert Kretzmer, compositores) Indicado[27]
Prémio Screen Actors Guild 2013
Melhor elenco em cinema Hugh Jackman, Anne Hathaway, Russel Crowe, Amanda Seyfried, Eddie Redmayne, Samantha Barks, Helena Bonham Carter, Sacha Baron Coen Indicado[carece de fontes?]
Melhor ator em cinema Hugh Jackman Indicado[carece de fontes?]
Melhor atriz em cinema Anne Hathaway Venceu[carece de fontes?]
Melhor elenco de dublês em cinema Indicado[carece de fontes?]

Referências

  1. «'Les Miserables'». Guardian. Consultado em 14 de janeiro de 2013 
  2. «'Les Miserables'». Odeon. Consultado em 14 de janeiro de 2013 
  3. a b «Os Miseráveis». Brasil: CinePlayers. Consultado em 12 de janeiro de 2019 
  4. «Les Miserables». British Board of Film Classification. 28 de novembro de 2012. Consultado em 29 de dezembro de 2012 
  5. a b «Production Notes» (PDF). Universal Pictures. Consultado em 10 de janeiro de 2013. Arquivado do original (PDF) em 15 de outubro de 2013 
  6. a b «Les Miserables (2012)» (em inglês). Box Office Mojo. Consultado em 19 de março de 2014 
  7. «Os Miseráveis». Portugal: CineCartaz. Consultado em 12 de janeiro de 2019 
  8. http://www.bonde.com.br/?id_bonde=1-1--89-20121129
  9. «Filmes de Comédia Musical: Os Miseráveis». AdoroCinema. Consultado em 5 de novembro de 2012 
  10. «Twitter Watch: Hugh Jackman». BroadwayWorld.com. Wisdom Digital Media. 8 de março de 2012. Consultado em 28 de julho de 2012 
  11. a b «Os Miseráveis». Consultado em 17 de março de 2013 
  12. Luiz Felipe (10 de outubro de 2012). «Veja Hugh Jackman como Jean Valjean». Leia Já. Consultado em 5 de novembro de 2012. Arquivado do original em 12 de outubro de 2012 
  13. a b Walter McBride. «Anne Hathaway Talks Singing 'Fantine' in LES MIS Film». Broadway World. Consultado em 5 de novembro de 2012 
  14. a b c «Os Miseráveis: Elenco, atores, equipe técnica». AdoroCinema. Consultado em 5 de novembro de 2012 
  15. Ávila Souza Oliveira (13 de outubro de 2012). «Anne Hathaway como Fantine e Amanda Seyfried como Cosette». Diário do Nordeste. Consultado em 5 de novembro de 2012 
  16. «Helena Bonham Carter - Atriz britânica». AdoroCinema. Consultado em 5 de novembro de 2012 
  17. «Dee Bradley Baker». IMDb. Consultado em 5 de novembro de 2012 
  18. Frances Hardy (22 de dezembro de 2012). «From school play to Les Mis superstar: How a chance sighting by a talent spotter (...)» (em inglês). dailymail.co.uk/news. Consultado em 4 de fevereiro de 2012 
  19. Renato Marafon (30 de setembro de 2012). «Hugh Jackman em vídeo dos bastidores de 'Os Miseráveis'». Cine Pop. Consultado em 5 de novembro de 2012 
  20. «Russell Crowe é confirmado na nova adaptação». Consultado em 5 de novembro de 2012 
  21. «Curiosidades, bastidores, novidades, e até segredos escondidos». AdoroCinema. Consultado em 5 de novembro de 2012 
  22. Jose, Matheus. «'O Diretor de Os Miseráveis, Tom Hooper é ovacionado junto com Anne Hathaway». Consultado em 26 de novembro de 2012 
  23. «'Os Miseráveis é recebido com Palmas, encanta crítica, e dispara como favorito ao Oscar». 24 de novembro de 2012. Consultado em 24 de novembro de 2012 [ligação inativa]
  24. a b c d e f g h «85.º Oscar - 2013». CinePlayers. Consultado em 12 de janeiro de 2019 
  25. DH (3 de Dezembro de 2012). «Zero Dark Thirty é o grande vencedor do New York Film Critics 2012». RFI Português. Consultado em 3 de dezembro de 2012. Arquivado do original em 9 de junho de 2015 
  26. a b c d e f g h i j DH (4 de Dezembro de 2012). «Les Miserables e Silver Linings Playbook lideram indicações ao Satellite Awards 2012». RFI Português. Consultado em 4 de dezembro de 2012. Arquivado do original em 30 de dezembro de 2012 
  27. a b c d «70.º Globo de Ouro - 2013». CinePlayers. Consultado em 12 de janeiro de 2019 
  Este artigo sobre um filme britânico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.