Abrir menu principal

Liga Mundial de Voleibol de 2013

Liga Mundial de 2013
Voleibol Volleyball (indoor) pictogram.svg
Informações gerais
País-sede Fase final: Argentina Mar del Plata, Argentina
Organizador FIVB
Período 31 de maio21 de julho
Participantes 18
Premiações
Campeão Bandeira da Rússia Rússia (3º título)
Vice-campeão Bandeira do Brasil Brasil
MVP Rússia Nikolay Pavlov
◄◄ Bulgária Sófia 2012 Bola de volei de quadra.svg Florença 2014 Itália ►►
Página oficial da competição

A Liga Mundial de Voleibol de 2013 foi a 24ª edição do torneio anual de voleibol masculino promovido pela Federação Internacional de Voleibol (FIVB).

Consistindo de duas fases, a competição foi ampliada para dezoito equipes participantes que iniciaram as disputas na etapa intercontinental entre 31 de maio e 13 de julho. As equipes classificadas disputaram a fase final em Mar del Plata, na Argentina, entre 17 e 21 de julho.[1]

Rússia e Brasil chegaram a final pela terceira vez em quatro anos e, repetindo o resultado de 2011, os russos venceram por 3 sets a 0 e conquistaram o título pela terceira vez.[2]

QualificatóriaEditar

Quatro equipes participaram da primeira rodada das qualificatórias para a Liga Mundial. Cada uma das confederações filiadas à FIVB indicou um representante através de torneios qualificatórios ou nomeação direta, definido por cada entidade. Os dois vencedores (Países Baixos e Irã) enfrentaram as piores seleções classificadas na Liga Mundial de 2012.[3]

Seleção Confederação Qualificação
Segunda rodada
  Japão AVC 15º colocado na Liga Mundial de 2012
  Portugal CEV 16º colocado na Liga Mundial de 2012
Primeira rodada
  Egito CAVB Indicação
  Irã AVC Campeão do Campeonato Asiático de 2011
  República Dominicana NORCECA Melhor colocado na Copa Pan-Americana de 2012
  Países Baixos CEV Campeão da Liga Europeia de 2012
Classificados à Liga Mundial 2013.

Inicialmente as seleções do Japão e Portugal não conseguiram manter suas vagas na Liga Mundial e foram substituídos por Irã e Países Baixos, respectivamente.[4][5] Porém com a ampliação da competição para 18 equipes a partir de 2013, a FIVB convidou Japão e Egito para completar a lista de participantes.[6] Em março de 2013 o Egito anunciou sua desistência e foi substituído por Portugal, retomando a competição com todas as equipes participantes do ano anterior.[7]

Fórmula de disputaEditar

Em 2013 a Liga Mundial teve um formato inédito de disputa. As dezoito equipes participantes foram divididas em três grupos de seis seleções cada na fase intercontinental, disputada entre maio e julho. Nos grupos A e B estão as seleções melhores classificadas no ranking mundial de agosto de 2012, distribuídos através do sistema serpentina, e o grupo C é composto pelas demais seleções participantes, além das seleções convidadas. Ainda na fase intercontinental cada equipe realizou dois jogos por fim de semana contra cada equipe do grupo, sendo que as seleções mais bem ranqueadas jogaram em casa em três finais de semana e dois na casa adversária, totalizando 10 jogos.[8]

As duas melhores equipes dos grupos A e B e a campeã do grupo C disputaram a fase final, além da Argentina como país-sede da fase final.[1] Nesta última fase, as seis equipes foram divididas em dois grupos de três equipes cada. As duas primeiras colocadas de cada grupo avançaram às semifinais, jogando a primeira contra a segunda colocada do outro grupo, com as vencedoras se enfrentando na final.

GruposEditar

Grupo A Grupo B Grupo C

  Brasil (1)
  Polônia (4)
  Estados Unidos (5)
  Bulgária (8)
  Argentina (9)
  França (16)

  Rússia (2)
  Itália (3)
  Cuba (6)
  Sérvia (7)
  Alemanha (10)
  Irã (14)

  Canadá (18)
  Coreia do Sul (22)
  Finlândia (31)
  Países Baixos (41)
  Japão (19)*
  Portugal (36)*

Fase intercontinentalEditar

  • Vitória por 3 sets a 0 ou 3 a 1: 3 pontos para o vencedor;
  • Vitória por 3 sets a 2: 2 pontos para o vencedor e 1 ponto para o perdedor.
Equipes classificadas para a fase final
Equipes eliminadas

Grupo AEditar

Jogos Pontos Sets
Pos Equipe Pts T V D V P R V P R
1   Brasil 25 10 9 1 928 835 1.111 28 11 2.545
2   Bulgária 19 10 7 3 865 855 1.012 23 15 1.533
3   França 15 10 5 5 966 971 0.995 21 23 0.913
4   Polônia 14 10 4 6 966 1006 0.960 21 24 0.875
5   Estados Unidos 12 10 4 6 913 877 1.041 18 21 0.857
6   Argentina 5 10 1 9 817 911 0.897 11 28 0.393
Primeira semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
7 jun Polônia   1–3   Brasil 22–25 20–25 25–22 15–25   82–97
7 jun França   2–3   Bulgária 21–25 25–14 25–21 22–25 11–15 104–100
7 jun Estados Unidos   1–3   Argentina 18–25 21–25 25–22 24–26   88–98
8 jun Estados Unidos   3–1   Argentina 22–25 27–25 25–19 25–16   99–85
9 jun França   0–3   Bulgária 24–26 29–31 20–25     73–82
9 jun Polônia   2–3   Brasil 26–28 22–25 25–23 25–20 10–15 108–111
Segunda semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
14 jun Argentina   0–3   Brasil 20–25 21–25 15–25     56–75
14 jun Estados Unidos   3–0   França 25–15 29–27 25–16     79–58
15 jun Argentina   0–3   Brasil 21–25 25–27 13–25     59–77
15 jun Estados Unidos   3–2   França 22–25 25–22 24–26 30–28 15–9 116–110
Terceira semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
21 jun França   3–2   Polônia 25–23 21–25 22–25 25–21 15–11 108–105
22 jun Bulgária   3–0   Argentina 25–18 25–21 25–16     75–55
23 jun França   3–2   Polônia 25–21 23–25 25–20 21–25 15–13 109–104
23 jun Bulgária   3–1   Argentina 17–25 25–19 25–21 31–29   98–94
Quarta semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
28 jun Brasil   3–2   França 25–20 25–19 22–25 21–25 15–12 108–101
28 jun Polônia   3–2   Argentina 26–24 19–25 19–25 25–17 15–8 104–99
28 jun Estados Unidos   3–0   Bulgária 25–19 25–22 25–21     75–62
29 jun Brasil   1–3   França 27–29 25–23 22–25 19–25   93–102
29 jun Estados Unidos   1–3   Bulgária 20–25 25–18 23–25 21–25   89–93
30 jun Polônia   3–1   Argentina 18–25 25–21 26–24 25–17   94–87
Quinta semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
5 jul Brasil   3–1   Bulgária 24–26 25–17 25–20 25–23   99–86
5 jul Polônia   3–2   Estados Unidos 25–22 19–25 13–25 30–28 18–16 105–116
6 jul Brasil   3–1   Bulgária 19–25 25–21 25–17 25–19   94–82
6 jul Argentina   2–3   França 18–25 18–25 25–17 25–22 11–15 97–104
7 jul Polônia   3–1   Estados Unidos 25–23 17–25 25–21 25–23   92–92
7 jul Argentina   1–3   França 23–25 20–25 25–22 19–25   87–97
Sexta semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
12 jul Bulgária   3–0   Polônia 25–21 25–21 25–21     75–63
13 jul Brasil   3–1   Estados Unidos 25–22 25–18 20–25 28–26   98–91
13 jul Bulgária   3–2   Polônia 20–25 23–25 25–21 25–21 19–17 112–109
14 jul Brasil   3–0   Estados Unidos 25–21 26–24 25–23     76–68

Grupo BEditar

Jogos Pontos Sets
Pos Equipe Pts T V D V P R V P R
1   Itália 19 10 7 3 953 896 1.064 25 16 1.563
2   Rússia 19 10 7 3 939 889 1.056 25 16 1.563
3   Alemanha 17 10 5 5 865 878 0.985 21 19 1.105
4   Sérvia 16 10 5 5 958 992 0.966 22 22 1,000
5   Irã 15 10 5 5 929 898 1.035 20 21 0.952
6   Cuba 4 10 1 9 794 885 0.897 9 28 0.321
Primeira semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
7 jun Rússia   3–0   Irã 25–21 25–22 25–17     75–60
7 jun Itália   3–0   Alemanha 25–15 25–23 25–21     75–59
7 jun Cuba   1–3   Sérvia 17–25 21–25 25–21 20–25   83–96
8 jun Rússia   3–1   Irã 25–23 25–22 17–25 25–18   92–88
8 jun Cuba   1–3   Sérvia 24–26 22–25 25–18 21–25   92–94
9 jun Itália   3–2   Alemanha 22–25 19–25 25–17 26–24 15–6 107–97
Segunda semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
14 jun Rússia   3–0   Sérvia 29–27 25–14 25–20     79–61
14 jun Itália   3–0   Cuba 25–20 25–17 25–23     75–60
15 jun Rússia   3–2   Sérvia 25–23 24–26 22–25 25–18 15–8 111–100
16 jun Itália   3–0   Cuba 25–23 25–18 25–19     75–60
Terceira semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
21 jun Rússia   1–3   Itália 24–26 30–28 20–25 17–25   91–104
21 jun Irã   2–3   Sérvia 24–26 23–25 25–17 25–14 16–18 113–100
22 jun Rússia   3–2   Itália 25–23 25–23 26–28 23–25 15–12 114–111
22 jun Alemanha   3–0   Cuba 25–18 25–19 25–16     75–53
23 jun Irã   3–2   Sérvia 25–20 24–26 23–25 25–22 15–12 112–105
23 jun Alemanha   3–1   Cuba 25–23 25–22 24–26 25–23   99–94
Quarta semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
28 jun Itália   1–3   Irã 23–25 22–25 25–22 30–32   100–104
28 jun Cuba   0–3   Rússia 20–25 23–25 23–25     66–75
29 jun Sérvia   1–3   Alemanha 20–25 21–25 25–21 21–25   87–96
29 jun Cuba   3–1   Rússia 25–23 20–25 25–20 25–22   95–90
30 jun Itália   3–2   Irã 25–22 25–20 20–25 18–25 15–13 103–105
30 jun Sérvia   3–2   Alemanha 23–25 25–19 25–22 21–25 15–12 109–103
Quinta semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
5 jul Alemanha   2–3   Rússia 25–21 25–18 22–25 16–25 7–15 95–104
5 jul Cuba   2–3   Irã 26–24 25–19 19–25 22–25 14–16 106–109
6 jul Sérvia   2–3   Itália 25–20 22–25 25–21 22–25 17–19 111–110
6 jul Alemanha   3–2   Rússia 25–21 25–21 18–25 23–25 18–16 109–108
6 jul Cuba   1–3   Irã 25–22 20–25 18–25 22–25   85–97
7 jul Sérvia   3–1   Itália 28–26 17–25 25–23 25–19   95–93
Sexta semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
12 jul Irã   3–0   Alemanha 25–19 25–18 25–20     75–57
13 jul Irã   0–3   Alemanha 21–25 23–25 22–25     66–75

Grupo CEditar

Jogos Pontos Sets
Pos Equipe Pts T V D V P R V P R
1   Canadá 23 10 8 2 881 771 1.143 26 11 2.364
2   Países Baixos 22 10 7 3 935 881 1.061 25 14 1.786
3   Coreia do Sul 13 10 4 6 840 893 0.941 16 22 0.727
4   Finlândia 12 10 4 6 864 896 0.964 18 21 0.857
5   Portugal 11 10 4 6 908 949 0.957 16 24 0.667
6   Japão 9 10 3 7 895 933 0.959 16 25 0.640
Primeira semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
31 mai Finlândia   3–0   Portugal 25–13 29–27 25–18     79–58
31 mai Canadá   3–1   Países Baixos 25–22 22–25 27–25 27–25   101–97
1 jun Coreia do Sul   3–1   Japão 25–22 25–20 21–25 25–19   96–86
1 jun Finlândia   2–3   Portugal 25–23 23–25 23–25 25–23 12–15 108–111
1 jun Canadá   1–3   Países Baixos 22–25 17–25 25–20 23–25   87–95
2 jun Coreia do Sul   3–1   Japão 25–21 25–23 11–25 25–22   86–91
Segunda semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
7 jun Canadá   3–0   Portugal 25–19 25–19 25–18     75–56
8 jun Coreia do Sul   0–3   Finlândia 23–25 23–25 20–25     66–75
8 jun Países Baixos   3–1   Japão 18–25 25–20 25–22 25–17   93–84
8 jun Canadá   1–3   Portugal 19–25 25–20 18–25 23–25   85–95
9 jun Coreia do Sul   2–3   Finlândia 25–23 18–25 24–26 25–15 14–16 106–105
9 jun Países Baixos   3–0   Japão 25–20 25–21 25–18     75–59
Terceira semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
14 jun Canadá   3–0   Coreia do Sul 25–19 25–10 25–18     75–47
15 jun Japão   3–1   Finlândia 25–17 25–18 24–26 25–18   99–79
15 jun Canadá   3–0   Coreia do Sul 25–23 25–20 25–20     75–63
16 jun Japão   3–1   Finlândia 23–25 25–21 25–19 25–22   98–87
Quarta semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
22 jun Países Baixos   2–3   Portugal 21–25 25–19 25–23 26–28 13–15 110–110
23 jun Países Baixos   3–0   Portugal 36–34 25–23 25–22     86–79
Quinta semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
28 jun Finlândia   1–3   Canadá 13–25 25–22 21–25 20–25   79–97
29 jun Coreia do Sul   1–3   Países Baixos 23–25 25–22 20–25 16–25   84–97
29 jun Finlândia   0–3   Canadá 23–25 22–25 17–25     62–75
29 jun Portugal   3–1   Japão 25–22 20–25 26–24 25–15   96–86
30 jun Coreia do Sul   1–3   Países Baixos 20–25 22–25 25–21 20–25   87–96
30 jun Portugal   2–3   Japão 25–22 23–25 30–28 22–25 10–15 110–115
Sexta semana
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
5 jul Finlândia   1–3   Países Baixos 25–23 23–25 23–25 23–25   94–98
6 jul Japão   1–3   Canadá 11–25 21–25 25–23 20–25   77–98
6 jul Finlândia   3–1   Países Baixos 25–19 26–24 20–25 25–20   96–88
6 jul Portugal   1–3   Coreia do Sul 18–25 25–22 23–25 21–25   87–97
7 jul Japão   2–3   Canadá 23–25 25–23 27–25 18–25 7–15 100–113
7 jul Portugal   1–3   Coreia do Sul 32–34 23–25 25–21 26–28   106–108

Fase finalEditar

A fase final da Liga Mundial de 2013 foi realizada em Mar del Plata, na Argentina, entre os dias 17 e 21 de julho. Os dois primeiros colocados dos grupos A e B, o vencedor do grupo C e o país-sede da fase final (Argentina) formaram as seis equipes que disputaram essa fase.[9]

Seleções classificadasEditar

País Classificação
  Argentina País-sede da fase final
  Brasil Campeão do Grupo A
  Itália Campeão do Grupo B
  Canadá Campeão do Grupo C
  Bulgária Vice-campeão do Grupo A
  Rússia Vice-campeão do Grupo B

Grupo DEditar

Jogos Pontos Sets
Pos Equipe Pts T V D V P R V P R
1   Itália 6 2 2 0 192 173 1.110 6 2 3,000
2   Bulgária 3 2 1 1 187 191 0.979 4 4 1,000
3   Argentina 0 2 0 2 181 196 0.923 2 6 0.333
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
17 jul Argentina   1–3   Bulgária 26–28 23–25 25–20 23–25   97–98
18 jul Bulgária   1–3   Itália 18–25 25–18 22–25 24–26   89–94
19 jul Itália   3–1   Argentina 25–20 23–25 25–17 25–22   98–84

Grupo EEditar

Jogos Pontos Sets
Pos Equipe Pts T V D V P R V P R
1   Brasil 4 2 1 1 177 176 1.006 5 3 1.667
2   Rússia 3 2 1 1 215 203 1.059 5 5 1,000
3   Canadá 2 2 1 1 172 185 0.930 3 5 0.600
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
17 jul Brasil   2–3   Rússia 17–25 25–23 25–22 19–25 11–15 97–110
18 jul Rússia   2–3   Canadá 25–20 25–21 23–25 21–25 11–15 105–106
19 jul Canadá   0–3   Brasil 18–25 28–30 20–25     66–80

Final fourEditar

  Semifinais Final
20 de julho
   Itália  1  
   Rússia  3  
 
21 de julho
       Rússia  3
     Brasil  0
3º lugar
20 de julho 21 de julho
   Brasil  3    Itália  3
   Bulgária  1      Bulgária  2
Semifinais
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
20 jul Itália   1–3   Rússia 12–25 23–25 26–24 20–25   81–99
20 jul Brasil   3–1   Bulgária 25–12 25–17 23–25 25–16   98–70
Terceiro lugar
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
21 jul Itália   3–2   Bulgária 21–25 25–21 25–20 21–25 15–7 107–98
Final
Data Placar 1º Set 2º Set 3º Set 4º Set 5º Set Total
21 jul Rússia   3–0   Brasil 25–23 25–19 25–18     75–60

Classificação finalEditar

[10]

Prêmios individuaisEditar

Na Liga Mundial de 2013 a premiação se deu de maneira diferenciada, através da escolha de uma seleção do campeonato:[11]

Referências

  1. a b «Mar del Plata to host World League Finals». FIVB. 15 de março de 2013. Consultado em 15 de março de 2013 
  2. «Russia beat Brazil in straight sets to claim third World League title». FIVB. 21 de julho de 2013. Consultado em 21 de julho de 2013 
  3. «Iran and the Netherlands confirmed as new teams in 2013 World League». FIVB. 10 de setembro de 2012. Consultado em 15 de março de 2013 
  4. «Netherlands replace Portugal in World League after two superb five-setters». FIVB. 2 de setembro de 2012. Consultado em 15 de março de 2013 
  5. «Iran beat Japan to secure historic World League spot». FIVB. 9 de setembro de 2012. Consultado em 15 de março de 2013 
  6. «Egypt and Japan welcomed into World League». FIVB. 15 de dezembro de 2012. Consultado em 15 de março de 2013 
  7. «Portugal replace Egypt in World League». FIVB. 21 de março de 2013. Consultado em 21 de março de 2013 
  8. «FIVB World League expands to 18 teams for 2013». FIVB. 1 de dezembro de 2012. Consultado em 15 de março de 2013 
  9. «FIVB World League Finals Mar del Plata 2013». FIVB. Consultado em 13 de julho de 2013 
  10. «FIVB World League Finals Mar del Plata 2013 - Final Standing». FIVB. Consultado em 21 de julho de 2013 
  11. «Russia become three-time World League champions». FIVB. 21 de julho de 2013. Consultado em 21 de julho de 2013 

Ligações externasEditar