Abrir menu principal
Luís Gonzaga Silva Pepeu, O.F.M.Cap.
Arcebispo da Igreja Católica
Arcebispo de Vitória da Conquista
Dom Frei Luís Gonzaga Silva Pepeu
Hierarquia
Papa Francisco
Ordem Religiosa Frei Roberto Genuin, O.F.M.Cap.
Atividade Eclesiástica
Ordem Ordem dos Frades Menores Capuchinhos
Diocese Arquidiocese de Vitória da Conquista
Nomeação 11 de junho de 2008
Entrada solene 28 de setembro de 2008
Predecessor Dom Geraldo Lyrio Rocha
Mandato 2008 -
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 8 de dezembro de 1982
Caruaru
Nomeação episcopal 13 de junho de 2001
Ordenação episcopal 6 de outubro de 2001
Caruaru
por Dom Antônio Soares Costa
Lema episcopal NE TIMEAS TECVM SVM
Não temas, estou contigo
Nomeado arcebispo 11 de junho de 2008
Brasão arquiepiscopal
Brasãodompepeu.jpg
Dados pessoais
Nascimento Bandeira caruaru.jpg Caruaru,  Pernambuco
18 de fevereiro de 1957 (62 anos)
Nacionalidade brasileiro
Funções exercidas - Bispo de Afogados da Ingazeira (2001-2008)
dados em catholic-hierarchy.org
Arcebispos
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Dom Frei Luís Gonzaga Silva Pepeu OFMCap (Caruaru, 18 de fevereiro de 1957) é um frade capuchinho e bispo católico brasileiro.

Índice

BiografiaEditar

Fez a profissão religiosa no dia 17 de janeiro de 1978. Fez seus estudos superiores de filosofia e teologia no Instituto Filosófico e Teológico da Província dos Capuchinhos de São Paulo e no Instituto de Teologia do Recife (ITER) e foi ordenado sacerdote em 8 de dezembro de 1982.

Ele recebeu um doutorado em direito canônico do Pontifícia Universidade Santo Tomás de Aquino, Angelicum em 2001, com uma dissertação intitulada Leigos e leigas, membros do conselho econômico diocesano : uma participação no poder de regime de maior significado no actual Código de direito canônico.

EpiscopadoEditar

Foi nomeado terceiro Bispo de Afogados da Ingazeira, Pernambuco, pelo papa João Paulo II e foi sagrado bispo no dia 6 de outubro de 2001, em Caruaru, por Dom Antonio Soares Costa.

No dia 11 de junho de 2008 foi nomeado segundo Arcebispo Metropolitano de Vitória da Conquista, Bahia, pelo papa Bento XVI. Recebeu o pálio no dia 29 de junho do mesmo ano, no Vaticano.

BrasãoEditar

  • Descrição: Escudo eclesiástico cortado. O 1º partido, sendo: I de blau com uma estrela com cinco pontas de argente ; e II do segundo esmalte com uma letra grega Tau de sépia. O 2º de argente com uma montanha de sinopla onde se destaca um caminho de argente, encimada por uma cruz latina de sable, contrachefe diminuto de sépia. O escudo está assente em tarja branca, na qual se encaixa o pálio branco com cruzetas de sable. O conjunto pousado sobre uma cruz trevolada, de dois traços, de ouro. O todo encimado pelo chapéu eclesiástico com seus cordões em cada flanco, terminados por dez borlas cada um, postas: 1, 2, 3 e 4 - tudo de verde, forrado de vermelho. Brocante sob a ponta da cruz um listel de jalde com a legenda: NE TIMEAS TECVM SVM, em letras de sable.[1] .
    .

Ordenações episcopaisEditar

Referências

Ligações externasEditar