Partido Popular Nacional Alemão

O Partido Popular Nacional Alemão (em alemão: Deutschnationale Volkspartei, DNVP) foi um movimento político conservador-nacional da Alemanha durante a República Weimar. Antes da ascensão do Partido Nazista, foi o principal partido conservador e pangermânico em território alemão. Foi uma aliança entre elementos nationalistas, monarquistas reacionários, völkischs e antissemitas da sociedade alemã da época, apoiados pelo Alldeutscher Verband e outros movimentos de extrema-direita.[7]

Partido Popular Nacional Alemão
Deutschnationale Volkspartei
DNVP logo (basic).svg
Fundação 24 de novembro de 1918
Dissolução 27 de junho de 1933
Ideologia Proto-fascismo[1]
Nacionalismo alemão
Monarquismo
Conservadorismo nacional[2]
Conservadorismo social
Populismo de direita
Anti-semitismo
Anti-comunismo
Espectro político Direita[3][4] a extrema-direita[5][6]
Ala jovem Bismarckjugend
Cores Preto, Branco e Vermelho
Bandeira do partido
Flag of the German Empire.svg

Fundado em Novembro de 1918, o DNVP foi a junção de diversos movimentos e partidos de direita que pretendiam a restauração monárquica na Alemanha. O partido adoptou uma retórica fortemente nacionalista, sendo um firme opositor à República de Weimar e, acima de tudo, ao Tratado de Versalhes, apelidando os signatários do tratado como traidores e uma desgraça para a nação alemã.

Apesar de terem havido esforços para o partido moderar a sua retórica no início da década de 1920, com a ascensão o DNVP reafirmou-se como um partido claramente nacionalista, monárquico e fazendo campanha contra os judeus. Tal alinhamento ideológico, tornou o DNVP um firme aliado do Partido Nazi, apoiando a chegada ao poder de Adolf Hitler em 1933.[8]

Com a ascensão do nazismo na Alemanha, muitos ex-membros do DNVP fizeram carreira no regime nazi como Friedrich Jeckeln, Kurt Blome, entre outros. Porém, uma facção importante de membros do partido juntaram-se à oposição alemã anti-nazi com muitos dos seus simpatizantes a apoiarem o falhado Atentado de 20 de Julho para matar Hitler, forçar a queda do nazismo e apontar um novo governo para assinar um tratado de paz que iria ser liderado por Carl Friedrich Goerdeler, membro do DNVP.

Resultados eleitoraisEditar

Eleições legislativasEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1919 4.º 3 121 479
10,3 / 100,0
44 / 459
Oposição
1920 3.º 4 249 100
15,1 / 100,0
 4,8
71 / 459
 27 Oposição
05/1924 2.º 5 696 475
19,5 / 100,0
 4,4
95 / 472
 24 Oposição
12/1924 2.º 6 205 803
20,5 / 100,0
 1,0
103 / 493
 8 Oposição
1928 2.º 4 381 563
14,2 / 100,0
 6,3
73 / 491
 30 Oposição
1930 5.º 2 457 686
7,0 / 100,0
 7,2
41 / 577
 32 Oposição
07/1932 5.º 2 178 024
5,9 / 100,0
 1,1
37 / 606
 4 Governo
11/1932 5.º 2 959 053
8,3 / 100,0
 2,4
51 / 584
 14 Governo
03/1933 5.º 3 136 760
8,0 / 100,0
 0,3
52 / 647
 1 Governo

PresidentesEditar

Referências

  1. Peter Davies, Derek Lynch. The Routledge Companion to Fascism and the Far Right London, England, UK; New York, New York, USA: Routledge. p.94.
  2. Ulrike Ehret (2012). «The Catholic right, political Catholicism and radicalism: the Catholic right in Germany». Church, Nation and Race: Catholics and Antisemitism in Germany and England, 1918-45. [S.l.]: Manchester University Press. ISBN 978-1-84779-452-9 
  3. Jones, Larry Eugene; Retallack, James (1992). Introduction. Elections, Mass Politics and Social Change in Modern Germany: New Perspectives. [S.l.]: Cambridge University Press. p. 11 
  4. Stibbe, Matthew (2010). Germany, 1914–1933: Politics, Society and Culture. [S.l.]: Pearson Education. p. 212 
  5. Caldwell, Peter C. (1997), Popular Sovereignty and the Crisis of German Constitutional Law: The Theory & Practice of Weimar Constitutionalism, Duke University Press, p. 74 
  6. Caldwell, Peter C. (2008), «The Citizen and the Republic in Germany, 1918–1935», Stanford University Press, Citizenship and National Identity in Twentieth-Century Germany, p. 48 
  7. Hertzman, Lewis (1963), DNVP: Right-wing opposition in the Weimar Republic, 1918–1924, Lincoln: University of Nebraska Press 
  8. Walker, D.C. "The German Nationalist People's Party: The Conservative Dilemma in the Weimar Republic" págs 627-647 do Journal of Contemporary History, Volume 14, Outubro de 1979.