Portal:Hungria/Biografia selecionada

Biografia selecionada

Ferenc Puskás.jpg

Ferenc Puskás Biró (Budapeste, 1 de abril de 1927Budapeste, 17 de novembro de 2006) foi um futebolista e treinador húngaro. É considerado o maior futebolista da história do futebol húngaro e um dos maiores futebolistas de todos os tempos. Tendo defendido também a Seleção Espanhola.

Puskás celebrizou-se como o líder da Seleção Húngara que fez história na primeira metade da década de 1950, quando seu elenco ficou conhecido como "os mágicos magiares". O país ficou quatro anos invicto, ganhando a medalha de ouro do futebol nos Jogos Olímpicos de Verão de 1952 e terminando a Copa do Mundo de 1954 vice-campeão, embora seja considerado indubitavelmente a melhor equipa deste torneio. Paralelamente, era o líder natural do clube que servia de base para aquele selecionado, o Honvéd. Seus 84 gols em 85 jogos pela Hungria fazem-no o maior artilheiro da seleção magiar; foi por muito tempo o maior goleador de uma seleção, recorde batido pelo iraniano Ali Daei.

Puskás, que tinha a patente de major (daí seu apelido Major Galopante), tem uma marca de gols excepcional por seu país, 84 em 85 jogos. Dono de habilidade precisa para passes e dribles curtos e secos, além de um primoroso chute de esquerda, era um jogador cerebral.

Hungary stub.svg Ler mais ...



MorThanFeastofAttila.jpg

Átila (n. 406 - m. 453) foi o último e mais poderoso líder dos hunos, tribo provavelmente procedente da Ásia, apesar de suas origens exatas serem desconhecidas. Átila governou o maior império europeu de seu tempo, de 434 até sua morte em 453. Conhecido no Ocidente como "Flagelo de Deus", suas possessões estenderam-se da Europa Central até o Mar Negro, e desde o Danúbio até o Báltico. Durante o seu reinado, foi um dos mais ferrenhos inimigos do Império Romano, que nesta fase final do mesmo, estava dividido em dois: o Império Romano do Oriente com capital em Constantinopla, atual Istambul, e o Império Romano do Ocidente com capital em Roma e mais tarde em Ravena. Por duas vezes invadiu os Balcãs; esteve a ponto de tomar a cidade de Roma e chegou a sitiar Constantinopla. Marchou pela França até chegar a Orleães, até que o general romano Flávio Aécio, forçou-o a recuar na Batalha dos Campos Cataláunicos em 451 (Châlons-sur-Marne). Ele conseguiu fugir do imperador Ocidente, Valentiniano III, de sua capital, Ravena, em 452.

Hungary stub.svg Ler mais ...



Franz Liszt

Franz Liszt (Doborján, 22 de outubro de 1811Bayreuth, 31 de julho de 1886) foi um compositor, pianista, maestro e professor e terciário franciscano húngaro do século XIX. Liszt ganhou fama na Europa durante o início do século XIX por sua habilidade como pianista virtuoso. Foi citado por seus contemporâneos como o pianista mais avançado de sua idade, e em 1840 ele foi considerado por alguns como, talvez, o maior pianista de todos os tempos. Liszt foi também um compositor bem conhecido e influente, professor e maestro. Ele foi um benfeitor para outros compositores, incluindo Richard Wagner, Hector Berlioz, Camille Saint-Saëns, Edvard Grieg e Aleksandr Borodin.

Como compositor, ele foi um dos representantes proeminentes da "Neudeutsche Schule" ("Nova Escola Alemã"). Deixou para trás um corpo extenso e diversificado de trabalho em que ele influenciou seus contemporâneos sobre o futuro e antecipou algumas ideias e tendências do século XX. Algumas de suas contribuições mais notáveis ​​foram a invenção do poema sinfônico, desenvolvendo o conceito de transformação temática, como parte de suas experiências em forma musical e fazer rupturas radicais em harmonia. Ele também desempenhou um papel importante na popularização de uma grande variedade de música de transcrição para piano.

Hungary stub.svg Ler mais ...



Portal:Hungria/Biografia selecionada/4