Abrir menu principal

Prêmio Ibero-Americano de Cinema Fênix

Prêmio Ibero-Americano de Cinema Fênix
Imagem do troféu Fênix.
Organização Cinema23
Local Teatro de la Ciudad Esperanza Iris
País  México
Sítio oficial

O Prêmio Ibero-Americano de Cinema Fênix (Premio iberoamericano de cine Fénix em espanhol) é uma premiação realizada anualmente que homenageia os melhores profissionais da indústria cinematográfica da América Latina, Espanha e Portugal.[1]

Os prêmios são entregues desde 2014 e organizados pela Cinema 23, uma associação formada por mais de 700 profissionais de cinema de 22 países diferentes, com o objetivo de reunir as produções cinematográficas de diferentes países e projetar o cinema ibero-americano a outras regiões do mundo.[1]

O galardão concedido aos vencedores do prêmio é uma peça que representa um ovo de uma ave fênix, criada pelo artista brasileiro Artur Lescher.[2] Juntamente com os prêmios correspondentes à 13 categorias disputáveis, é entregue o Premio a la Trayectoria a uma personalidade que realizou importantes contribuições ao cinema ibero-americano.[3]

Índice

HistóriaEditar

 
A atriz brasileira Sônia Braga sendo agraciada com o Prêmio Fênix de melhor atriz em 2016.

A primeira edição do Prêmio Ibero-Americano de Cinema Fênix foi realizada no Teatro de la Ciudad Esperanza Iris, localizado na Cidade do México em 30 de outubro de 2014. Diversas personalidades do munda da música e do cinema se apresentaram para animar o evento que distribuiu prêmios à artistas das artes cinematográficas pertencentes à Ibero-América.

O PrêmioEditar

A peça original concedida aos ganhadores a cada edição é uma criação do artista brasileiro Artur Lescher. Representa uma ovo da ave Fênix e é feita de alumínio anodizado preto fosco com um anel de latão, para as 13 categorias disputáveis, e de alumínio natural polido, para os prêmios especiais. A fênix faz referência, de um lado, à fantástica ave que os antigos creiam que se consumia pela ação do fogo a cada 500 anos e renascia das suas próprias cinzas, e por outro, ao que é singular e único em sua espécie. O prêmio evoca a metáfora do renascimento em diferentes processos que compõem a criação cinematográfica: ideia, desenvolvimento, realização, distribuição e exibição.

CategoriasEditar

  • Longa-metragem de ficção[1]
  • Direção[1]
  • Atuação feminina[1]
  • Atuação masculina[1]
  • Roteiro[1]
  • Fotografia de ficção[1]
  • Direção de arte[1]
  • Figurino[1]
  • Som[1]
  • Montagem[1]
  • Música original[1]
  • Documentário de longa-metragem[1]
  • Fotografia de documentário[1]

Cerimônias e principais vencedoresEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m n o «Presentación del Premio iberoamericano de cine Fénix en Cannes 2014» (em espanhol). Consultado em 8 de Dezembro de 2016 
  2. «A Peça». Premios Fenix (em espanhol). 2017. Consultado em 6 de junho de 2017 
  3. Editores (1 de dezembro de 2016). «Premio Iberoamericano de Cine Fénix por Studio Universal». Cuatro Bastardos (em espanhol). Consultado em 6 de junho de 2017 

Ligações externasEditar