Abrir menu principal
Leandra Leal
A atriz em 2015, no Prêmio da Música Brasileira no Theatro Municipal.
Nome completo Leandra Rodrigues Leal Braz e Silva
Nascimento 8 de setembro de 1982 (37 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade brasileira
Ocupação
Atividade 1990–presente
Parentesco Ângela Leal (mãe)
Cônjuge José Paes de Lira (c. 2003–10)
Alê Youssef (c. 2010–18)
Outros prêmios

Leandra Rodrigues Leal Braz e Silva (Rio de Janeiro, 8 de setembro de 1982) é uma atriz, autora, diretora, produtora e cantora brasileira. Desde 2010, atriz é uma das sócias-fundadoras da "Daza Produções"[1] e em 2016, assumiu o legado de sua família, herdando o Teatro Rival.[2]

BiografiaEditar

É neta do produtor cultural Américo Leal e filha da atriz Ângela Leal. Filha única, ela perdeu o pai quando tinha 12 anos – o advogado Julio Braz sofreu complicações ligadas ao coração. Desde então, cresceu ao lado da mãe e de seus amigos artistas. Conviveu com figuras como Dias Gomes e Grande Otelo[3]. Assume ter sido influenciada pela mãe na escolha da carreira, pois desde muito pequena conviveu no meio artístico e fascinou-se pela arte de interpretar.[4] Casou-se em 2003 com o cantor pernambucano José Paes de Lira, o Lirinha, com quem terminou em 2010[5]. Seu segundo matrimônio ocorreu com o ativista e gestor cultural Alê Youssef, com quem foi casada de 2010 a 2018. Juntos, após três anos e oito meses na fila de espera, conseguiram, em dezembro de 2016, adotar uma menina, na qual batizaram de Júlia Leal Youssef. A criança nasceu em 2014. Em entrevistas revelou ser consciente das dificuldades enfrentadas em criar uma filha negra na sociedade brasileira, que é racista [6].

CarreiraEditar

1990–2000: Primeiros trabalhosEditar

 
A atriz em 2003.

Começou no teatro aos sete anos de idade e na televisão com oito anos, quando participou do último capítulo da novela Pantanal, em que sua mãe também trabalhava.

Em 1994 participou da minissérie Confissões de Adolescente, transmitida pela TV Cultura e pela Band.

Seu primeiro papel de destaque na televisão foi na novela Explode Coração, com a personagem Yanka, uma cigana que se apaixona pelo pretendente de sua irmã mais velha.

Foi premiada nacional e internacionalmente, com apenas 13 anos de idade, pela sua interpretação em A Ostra e o Vento, seu primeiro filme, onde contracenou com grandes atores, como Lima Duarte e Fernando Torres. No longa, assumiu o papel de uma menina que se apaixonava pelo vento.

Ainda em 1997 participou da primeira fase da novela A Indomada e, no ano seguinte, integrou o elenco de remake da novela Pecado Capital.

Já trabalhou com importantes diretores brasileiros, como Walter Lima Jr., Jorge Furtado, Murilo Salles, Paulo Cesar Saraceni, Júlio Bressane, Sérgio Rezende, Moacyr Góes e José Eduardo Belmonte.

Aos 18 anos, abriu sua própria produtora, chamada As Três Meninas.

Engajada em eventos sócio-culturais, com as amigas Fernanda Boechat e Lívia Falcão, sócias na produtora, rodou no ano passado um documentário sobre música contemporânea, que ainda está guardado.[3]

Em 2000 protagonizou a minissérie A Muralha e depois a novela O Cravo e a Rosa, despontando, em ambas, bastante destaque.[7]

2001–11: Próximos trabalhosEditar

 
Em 2010, na Toscana, durante gravação de Passione.

Assim que O Cravo acabou, ela se afastou da tevê para se dedicar aos estudos e a outra grande paixão: o cinema.

Entre muitas leituras, aulas de teatro, dança e circo, filmou três longas – o último foi O Homem que Copiava, de Jorge Furtado e se prepara a rodar Cazuza - O Tempo Não Pára, de Sandra Werneck, como Bebel, melhor amiga do cantor..

Em 2002 participou da minissérie Pastores da Noite e, em 2003, esteve presente em uma temporada do infantil Sítio do Pica Pau Amarelo.

Também chegou a participar de alguns episódios da série A Grande Família, como Viviane, uma das namoradas do Tuco.[8]

Em 2004, atuou na novela Senhora do Destino, de 2004, conquistou a simpatia dos telespectadores por bater de frente com a vilã Nazaré, vivida por Renata Sorrah.

No teatro, escreveu, dirigiu e produziu a peça Impressões do meu Quarto, com Bianca Gismonti, em 2005. Além de participar da montagem de Antonio Pedro do clássico nacional Se Correr o Bicho Pega, Se Ficar o Bicho Come, Tartufo, de Tonio Carvalho, e Simpatia, de Renata Melo.

Em 2006 integrou o elenco de Zuzu Angel e atuou na novela Páginas da Vida.

No ano seguinte foi Camila, protagonista do filme Nome Próprio, dirigido por Murilo Salles, baseado na obra Máquina de Pinball de Clara Averbuck.

Como produtora, realizou vários shows no teatro de sua família — Teatro Rival — como Seu Jorge, Mundo Livre SA, Los Sebosos Postizos, Cordel do Fogo Encantado e Paula Lima.

Em 2008 protagonizou remake de Ciranda de Pedra, como Elzinha.[9] No final do ano, estreou na direção do espetáculo teatral Mercadorias e Futuro, com José Paes de Lira.[10]

Em 2009 foi uma das protagonistas da série Decamerão: A Comédia do Sexo, ao lado de nomes como Deborah Secco, Lázaro Ramos, Daniel de Oliveira e Drica Moraes, entre outros.

Em 2010 interpretou Agostina, uma das protagonistas da novela Passione.

Em 2011 fez parte do elenco do filme Estamos Juntos,[11] participou do último capítulo da novela Insensato Coração,[12] e participou também de um quadro do Fantástico chamado A História do Amor, no qual ela interpretou 64 personagens diferentes ao lado do ator Daniel de Oliveira.[13][14]

2012–presente: Cheias de Charme e trabalhos recentesEditar

 
Leandra em 2014.

Em 2012, esteve no episódio A Sexóloga de Floripa da série As Brasileiras.[15]

No mesmo ano, Leandra protagonizou com Taís Araújo e Isabelle Drummond a telenovela Cheias de Charme, interpretando empregadas domésticas. Nesta novela, Leandra viveu a sonhadora Maria do Rosário, cozinheira que quer virar cantora e é fã enlouquecida do cantor Fabian, papel de Ricardo Tozzi. Na novela, chegou a cantar algumas músicas.[16]

Em 2013, viveu a veterinária Zélia, uma das personagens centrais de Saramandaia.[17]

Em 2014, é escalada para interpretar Cristina em Império, novela de Aguinaldo Silva.[18][19][20][21][22][23]

Em 2016 esteve no ar na minissérie Justiça, onde interpreta a ambiciosa Kellen, personagem que pela primeira vez explora um lado mais sensual de Leandra.

É porta estandarte do bloco de carnaval o Cordão da Bola Preta.[24]

À frente da produtora Daza Cultural, que divide com as amigas Carolina Benjamin e Rita Toledo, rodou três longas na chamada Operação Sônia Silk (O Uivo da Gaita, O Rio nos Pertence e O Fim de uma Era), com mesma equipe e elenco – Leandra e Mariana Ximenes protagonistas – com jovens diretores: Bruno Safadi, Felipe Bragança e Ricardo Pretti.[3]

Estreia na direção com o documentário sobre transformistas Divinas Divas, que tem seu nome tirado da peça homônima — que tem uma encenação incluída no filme — estrelada por Rogéria. Parcialmente financiada por crowdfunding, chegou aos cinemas em 2017.[25][26] Resultado de 400 horas de gravação e anos de preparação, o documentário é um dos pontos altos num ano particularmente especial, como participou, como atriz, de inúmeros filmes – a comédia La Vingança, o terror O Rastro, a cinebiografia Bingo: O Rei das Manhãs e outros.

Ainda, prepara uma série sobre adolescentes nos anos 1990, dois outros documentários, um filme de ficção, produz espetáculos no Rival (recentemente encarnou Carmen Miranda na noite do Rebolado) e participa de shows de amigos como Thiago Petit.[27]

Em 2018, viaja pra Amazônia para gravar Aruanas, série de investigação ambiental protagonizada por ela, Taís Araújo e Débora Falabella. A história acompanha três amigas que formam a ONG Aruana e vão investigar a ação de uma mineradora na Floresta Amazônica.[28]

FilmografiaEditar

TelevisãoEditar

Ano Título Personagem Nota
1990 Pantanal Maria Marruá Leôncio Episódio: "10 de dezembro"
1991 A História de Ana Raio e Zé Trovão Kátia Episódio: "13 de fevereiro"
1994 Confissões de Adolescente Mariana Temporada 1
1995 Explode Coração Yanka Sbano[29]
1996 Você Decide Laura Episódio: "Um Mundo Cão"
1997 A Indomada Lúcia Helena de Mendonça (jovem) Episódios: "17–24 de fevereiro"
1997–98 Globo Ciência Apresentadora[30]
1998 Você Decide Flávia Episódio: "Seria Trágico, Se não Fosse Cômico"
Mulher Lilian Episódio: "Repulsa"
Pecado Capital Clarelis Batista
2000 A Muralha Beatriz Ataíde Olinto
O Cravo e a Rosa Bianca Batista das Neves
Brava Gente Margarida Episódio: "Lira Paulistana"
2002 Pastores da Noite Otália
Copas de Mel Vitória[31] Episódio: "1992"
2003 Sítio do Picapau Amarelo Guinevere Episódio: "A Lenda do Rei Arthur"
2003–04 A Grande Família Viviane Vidal (Vivi) Temporadas 3–4
2004 Um Só Coração Úrsula Schmidt da Silva (Ucha)
Senhora do Destino Maria Cláudia Tedesco (Claudinha)
2006 Páginas da Vida Sabrina Marcondes
2007–08 Cine Conhecimento Apresentadora[31]
2008 Ciranda de Pedra Elza Carmelo Cassini (Elzinha)
2009 Decamerão: A Comédia do Sexo Isabel
2010 Passione Agostina Mattoli
2011 Insensato Coração Adriana Episódio: "19 de agosto"
A História do Amor Vários personagens
2012 As Brasileiras Rosa Maria Episódio: "A Sexóloga de Floripa"
Cheias de Charme Maria do Rosário Monteiro da Silva
2013 Saramandaia Zélia Tavares Vilar
2014 Império Cristina Bastos de Medeiros
2015 Babilônia Ela mesma[32] Episódio: "12 de agosto"
2016 Justiça Kellen Aparecida[33]
2019 Aruanas Luíza Laes[34]

CinemaEditar

Ano Título Personagem Nota
1997 A Ostra e o Vento Marcela
1999 O Viajante Sinhá
2000 O Maior Curta-metragem
2001 Dias de Nietzsche em Turim Irene Fino
2003 O Homem que Copiava Sílvia
2004 Cazuza - O Tempo Não Pára Bebel Gilberto
2006 Zuzu Angel Sônia
2007 Nome Próprio Camila
2009 Se Nada Mais Der Certo Georgina
2009 Insolação Liuba
2009 My Favorite Things Ana Curta-metragem
2011 Estamos Juntos Carmem
2012 Boca Silvia
2013 Bonitinha, mas Ordinária Ritinha
2013 Éden Karine[35]
2013 O Uivo da Gaita Luana também produtora
2013 O Rio nos Pertence! Marina também produtora
2013 O Lobo atrás da Porta Rosa
2013 Mato sem Cachorro Zoé[36]
2014 O Fim de uma Era[37] também produtora
2015 Chatô, o Rei do Brasil Lola Abranches[38]
2016 La Vingança Júlia[39]
2016 Precisamos falar com os homens?
Uma jornada pela igualdade de gênero
Narração Documentário
2017 Love Film Festival Luzia
2017 O Rastro Leila
2017 Bingo: O Rei das Manhãs Lúcia[40]
2018 O Homem que Falava com Borboletas Manuela[1] também produtora
2020 Derrapada

VideoclipesEditar

Ano Artista Música
2013 Tianastácia "Love Love"[41]
2016 Matheus VK "La Malemolência"[42]

TeatroEditar

Ano Título Personagem / Função
1994 Eles, Elas e Nós[43]
1999 Tiro de Misericórdia[43]
Alice
2002 Se Correr o Bicho Pega, Se Ficar o Bicho Come Mocinha[44]
2003–04 Tartufo[45] Mariana
2004–05 Impressões do Meu Quarto[46] Alice (direção/autora)
2007–08 Simpatia[47] Várias personagens
2009 Vestido de Noiva[48] Alaíde
2011 ObsCena Cantora / Perfomance
2016–18 Rival Rebolado Carmem Miranda
2018 PI - Panorâmica Insana Várias personagens

Parte TécnicaEditar

Outros
Ano Título Cargo Nota
2000 Concertos para a Juventude Produtora evento beneficente
2001 Produtora 3meninas Produtora shows no Rio e São Paulo
2005 Na Veia Diretora Clip banda Cordel do Fogo Encantado
2007 Mercadorias e Futuro Diretora Espetáculo teatral
Produtora Daza Filmes
Ano Título Cargo Nota
2011 Sushi Diretora Clipe para Tulipa Ruiz
2013 Studio SP Diretora Documentário
2013 Operação Sônia Silk Produtora Três Longas
2014 Aquele Abraço[49] Diretora/Roteiro Curta-metragem
2015 A Vida pela Frente Diretora[1] Série
2017 Divinas Divas Diretora[1] Documentário
2017 Capoeira, Um Passo a Dois Produtora[1] Documentário
2019 As Mil Mulheres Produtora[1] Documentário
2019 Fico te devendo uma carta sobre o Brasil Produtora[1] Documentário

DiscografiaEditar

Como artista convidada
Ano Título Outro(s) artista(s) Álbum
2008 "Certeza" 3 Na Massa Na Confraria das Sedutoras

VideoclipesEditar

Título Ano
"Vida de Empreguete" 2012
"Nosso Brilho"

Trilha sonoraEditar

Em novembro de 2012, foi lançado o DVD "Os Grandes Sucessos Musicais da Novela Cheias De Charme", contendo canções gravadas pelas protagonistas, além de participações do elenco da novela e cantores convidados.[50] Além de participar do DVD, Leandra gravou para o Roberto Carlos Especial de 2012, onde cantou junto a outras atrizes e ao cantor.[51]

Ano Canção Álbum
2012 "Vida de Empreguete" (com Taís Araújo e Isabelle Drummond) DVD: Os Grandes Sucessos Musicais
da Novela Cheias De Charme
"Marias Brasileiras" (com Taís Araújo e Isabelle Drummond)
"Forró das Curicas" (com Taís Araújo e Isabelle Drummond)
"Nosso Brilho" (com Taís Araújo e Isabelle Drummond)
"Chá Lá Lá" (com Taís Araújo e Isabelle Drummond)
"Lê Lê Lê " (com Taís Araújo e Isabelle Drummond Part. João Neto & Frederico)
"Ex My Love" (com Taís Araújo,Isabelle Drummond, Cláudia Abreu e Ricardo Tozzi)
"Vou Matar Esse Amor Dentro de Mim" (com Ricardo Tozzi)
"Minha Sorte (Amor sem Fim)" - faixa bônus
"Só Me Vejo Contigo " (com Ricardo Tozzi) - faixa bônus
"É Meu, É Meu, É Meu" (com Taís Araújo, Isabelle Drummond, Roberto Carlos, Cláudia Abreu e Titina Medeiros) Criança Esperança 2012

Prêmios e indicaçõesEditar

Ano Prêmios Categoria Trabalhos Resultado Ref
1997 Biarritz International Festival of Latin American Cinema Melhor Atriz A Ostra e o Vento Venceu [52]
Prêmio Estação Unibanco Melhor Atriz Revelação Venceu [52]
1998 Festival de Cinema Brasileiro de Miami Melhor Atriz Venceu [53]
Troféu APCA Melhor Atriz Revelação Venceu
Festival de Cinema e Vídeo de Natal Melhor Atriz Venceu [52]
Festival de Cinema e Vídeo de Recife Melhor Atriz Venceu [52]
Prêmio Sesc de Cinema Melhor Atriz Venceu [52]
Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro Melhor Atriz Indicada
2003 Prêmio Qualidade Brasil Melhor Atriz O Homem Que Copiava Indicada
Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro Melhor Atriz Indicada
2005 Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Atriz Coadjuvante Cazuza - O Tempo não Pára Indicada
Prêmio Qualidade Brasil Melhor Atriz Coadjuvante Senhora do Destino Venceu [52]
Prêmio Melhores do ano Melhor Atriz Coadjuvante Venceu [52]
Prêmio Contigo! de TV Melhor Atriz Coadjuvante Venceu [52]
2008 Prêmio Quem de Televisão Melhor Atriz Ciranda de Pedra Indicada
Prêmio Qualidade Brasil Melhor Atriz Coadjuvante Indicada
Festival de Cinema de Gramado Melhor Atriz Nome Próprio Venceu [52]
Prêmio Qualidade Brasil Melhor Atriz Indicada [52]
2009 Festival de Cinema de Países de Língua Portuguesa Melhor Atriz Venceu [52]
Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Atriz Venceu [52]
Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro Melhor Atriz Indicada
Prêmio ACIE de Cinema Melhor Atriz Indicada [54]
Festiva de Cinema SESC Melhor Atriz Venceu [52]
2010 Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Atriz Coadjuvante Se Nada Mais Der Certo Indicada
Prêmio Faz Diferença - O Globo Personalidade do Ano Ela Mesma Venceu [52]
2011 Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Atriz Coadjuvante Insolação Indicada
Prêmio Fiesp/Sesi de Cinema Melhor Atriz Coadjuvante Venceu [55]
Festival de Cinema e Vídeo de Cuiabá Melhor Atriz Estamos Juntos Venceu
Festival de Cinema e Vídeo de Natal Melhor Atriz Venceu
Cine PE Melhor Atriz Venceu [52]
2012 Festival Internacional de Cinema de Toronto Melhor Atriz Venceu
Prêmio Fiesp/Sesi de Cinema Melhor Atriz Venceu
Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Atriz Indicada
Prêmio Contigo! de Cinema Melhor Atriz Indicada
Prêmio Quem de Televisão. Melhor Atriz Cheias de Charme Indicada
Meus Prêmios Nick Atriz Favorita Indicada
Prêmio Contigo! de Tv Melhor Atriz de Novela Indicada
Festival do Rio Melhor Atriz Éden Venceu [52]
2013 Festival de Cinema de Gramado Melhor Atriz Venceu
Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Atriz Coadjuvante Boca do Lixo Venceu
Festival de Cinema de Lisboa Melhor Atriz Bonitinha, mas Ordinária Venceu [52]
Festival do Rio Melhor Atriz O Lobo atrás da Porta Venceu [52]
2014 Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Atriz Mato sem Cachorro Indicada
Prêmio Ibero-Americano de Cinema Fênix Melhor Atriz O Lobo atrás da Porta Venceu [56]
Mostra de Cinema Latino-Americano de Lérida Melhor Atriz Venceu [52]
Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro Melhor Atriz Venceu
Festival de Cine de Lima Melhor Atriz Venceu [52]
Festival de Marseilles Melhor Atriz Venceu [52]
2015 Festiva de Cinema SESC Melhor Atriz (Juri) Venceu
Melhor Atriz (Voto Popular) Venceu
Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Atriz Venceu [57]
Prêmio Fiesp/Sesi de Cinema Melhor Atriz Venceu [52]
Prêmio Platino Melhor Atriz Indicada
Prêmio Contigo! de TV Melhor Atriz Império Indicada [58]
2016 Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Atriz Coadjuvante Chatô, o Rei do Brasil Indicada [59]
Prêmio Extra de Televisão Melhor Atriz Coadjuvante Justiça Indicada [60]
Festival do Rio Melhor Documentário (júri popular) Divinas Divas Venceu [61]
Prêmio LGBT Felix Venceu
Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro Melhor Diretora Venceu [52]
Melhor Filme Venceu [52]
2017 Festival South by Southwest Melhor Filme (voto popular) Venceu [52]
Mostra de Cinema de Tiradentes Homenagem Conjunto da Obra Venceu
2018 Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Documentário Divinas Divas Venceu [62]
Melhor Roteiro Original Indicada
Melhor Atriz Bingo: O Rei das Manhãs Indicada
12º Prêmio Fiesp/Sesi de Cinema e TV Melhor Atriz Indicada [63]
Prêmio Aplauso Brasil Melhor Elenco PI - Panorâmica Insana Indicada [64]

Referências

  1. a b c d e f g «Daza Produções». Daza Produções. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  2. «Teatro Rival». Teatro Rival. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  3. a b c "«Uma das melhores atrizes de sua geração, ela transita entre Globo, cinema e noites do Rio». Revista Trip. Consultado em 4 de Abril de 2018 
  4. «Biografia da atriz Leandra Leal». Members. Consultado em 30 de agosto de 2011. Arquivado do original em 8 de março de 2012 
  5. http://entretenimento.r7.com/famosos-e-tv/noticias/leandra-leal-e-lirinha-terminam-relacionamento-de-sete-anos-diz-jornal-20100317.html
  6. «Leandra Leal e Alê Youssef estão separados depois de oito anos de casamento». Extra Online. 3 de setembro de 2018. Consultado em 9 de março de 2019 
  7. «O Cravo e a Rosa – Galeria de personagens». Memória Globo. Consultado em 3 de dezembro de 2015. Cópia arquivada em 12 de julho de 2015 
  8. «A Grande Família (2005)». Terra Networks. 12 de junho de 2005. Consultado em 15 de setembro de 2011 [ligação inativa]
  9. «Personagem Elzinha, Ciranda de Pedra (2008)». Globo.com. Consultado em 3 de outubro de 2011 
  10. «Mercadorias e Futuro». Consultado em 3 de outubro de 2011. Arquivado do original em 19 de janeiro de 2012 
  11. «Depois de lançamento no Rio, Leandra Leal participa de coletiva de filme em São Paulo». EGO. 1 de junho de 2011. Consultado em 5 de junho de 2011 
  12. «Leandra Leal, participara do último capítulo de Insensato Coração». IG. 12 de agosto de 2011. Consultado em 3 de outubro de 2011 
  13. «Leandra Leal e Daniel de Oliveira contam História de Amor no Fantástico». Globo.com. Consultado em 4 de novembro de 2011 
  14. «Daniel de Oliveira e Leandra Leal vivem 64 personagens em quadro do 'Fantástico' sobre o amor». O Globo. Globo.com. 30 de outubro de 2011. Consultado em 4 de novembro de 2011 
  15. «ROSA, A SEXÓLOGA DE FLORIPA». Globo.com. Consultado em 31 de março de 2012 
  16. Rede Globo. «Cheias de Charme tem como história principal o dia a dia das três domésticas.». Rede Globo - novelas. Consultado em 1 de fevereiro de 2012 
  17. «Com novo visual para novela, Leandra Leal vive veterinária». Consultado em 1 de junho de 2013 
  18. Isabelle Moreira Lima (8 de junho de 2014). «Leandra Leal vai tentar evitar rejeição a mocinha na novela 'Império'». F5 - televisão. Consultado em 12 de junho de 2014 
  19. Isabelle Moreira Lima (8 de junho de 2014). «Novela 'Império', com Leandra Leal, tenta evitar rejeição a mocinha». Folha de S. Paulo. Ilustrada. Consultado em 5 de janeiro de 2015 
  20. Carla Neves (21 de julho de 2014). «Leandra Leal sobre mocinha de "Império": "Forte e esperta, não é certinha"». UOL Televisão. Consultado em 5 de janeiro de 2015 
  21. Carla Bittencourt (22 de julho de 2014). «'Império': Leandra Leal será a mocinha Cristina. 'O telespectador vai se identificar e torcer por ela', diz autor». Extra. Telinha. Consultado em 5 de janeiro de 2015 
  22. Gshow (22 de junho de 2014). «Leandra Leal revela cachos compridos para viver heroína humilde em 'Império'». Extras - Império. Consultado em 23 de junho de 2014 
  23. UOL RJ (23 de junho de 2014). «Leandra Leal será mocinha que fará tudo pela família em "Império"». UOL Televisão. Consultado em 23 de junho de 2014 
  24. «Começa o desfile do Cordão da Bola Preta». G1. Globo.com. 5 de março de 2011. Consultado em 7 de novembro de 2011 
  25. Leandra Leal dirige documentário sobre travestis na época áurea da Cinelândia, Folha de S. Paulo
  26. Homenageada pela Mostra de Tiradentes, a atriz Leandra Leal estreia como diretora
  27. "«Leandra Leal - diva discreta». Vermelho Org. Consultado em 4 de Abril de 2018 
  28. Thaís Sant'Anna (21 de setembro de 2018). «Débora Falabella, Leandra Leal e Taís Araújo gravam série em Manaus». UOL. Consultado em 24 de setembro de 2018 
  29. http://gshow.globo.com/programas/video-show/Bau-TV/noticia/2014/09/de-yanka-a-cristina-relembre-os-papeis-de-leandra-leal-desde-a-sua-estreia.html
  30. «Leandra Leal: Trabalhos na TV». site Leandra leal. Consultado em 4 de Abril de 2015 
  31. a b Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome trabalho na tv
  32. «Leandra Leal entra em Babilônia». Uol. Consultado em 22 de julho de 2016 
  33. Gshow (23 de junho de 2016). «Elenco de 'Justiça': veja os atores da nova minissérie». TV. Consultado em 22 de julho de 2016 
  34. «Globo: Série sobre crimes ambientais na Amazônia». O Dia 
  35. Fabíola Ortiz (6 de outubro de 2012). «Diretor de "Éden" arrisca com tema evangélico e provoca com interpretação de Leandra Leal e João Miguel». UOL. Consultado em 31 de janeiro de 2013 
  36. «Mato Sem Cachorro ficha Imagem Filmes». Imagem Filmes. Consultado em 29 de Julho de 2013 
  37. «Filme O Fim de uma Era». Rio show. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  38. «Leandra Leal diz estar curiosa para o filme 'Chatô'». G1. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  39. «Comédia La Vingança». Em Cena Ação. Consultado em 28 de agosto de 2017 [ligação inativa]
  40. «Quem é quem no filme 'Bingo: o rei das manhãs'». O Globo. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  41. «Tianastácia lança clipe da nova música 'Love love'». uai. Consultado em 21 de fevereiro de 2017 
  42. «Leandra Leal, Bruno Mazzeo, Luis Lobianco e Bianca Comparato não perdem a malemolência em clipe de Matheus VK». O Globo. 29 de janeiro de 2016. Consultado em 21 de fevereiro de 2017 
  43. a b «Carreira Leandra Leal». Murilo salles. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  44. «Peça Se Correr o Bicho Pega, Se Ficar o Bicho Come». Terra. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  45. «Peça Tartufo». Folha Uol. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  46. «Peça Impressoes do meu Quarto». Gazeta do Povo. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  47. «Peça Simpatia». Folha Uol. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  48. «Peça Vestido de Noiva». O Globo. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  49. «Aquele Abraço. Curta-metragem de Leandra Leal.». Porta Curtas. Consultado em 28 de agosto de 2017 
  50. «Grandes sucessos musicais de Cheias de Charme retornam em DVD». Rede Globo. 16 de novembro de 2012. Consultado em 17 de setembro de 2016 
  51. «Rei faz a festa com Teló e as Empreguetes». Diário de S. Paulo. 23 de novembro de 2012. Consultado em 17 de setembro de 2016 
  52. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y «Leandra Leal -Biografia». Leandra Leal. Consultado em 4 de Abril de 2018 
  53. «Personagem vivido por Leandra Leal se apaixona pelo vento da ilha em 'A ostra e o vento'». Tv brasil. Consultado em 6 de novembro de 2018 
  54. «Confira abaixo os filmes indicados e vencedores de todas as edições do Prêmio ACIE de Cinema». Prêmio ACIE de Cinema. 2009. Consultado em 25 de fevereiro de 2017 
  55. «Os Inquilinos vence troféu de melhor filme e direção no Prêmio Fiesp/ Sesi - Entretenimento - BOL Notícias». BOL Notícias 
  56. «Leandra Leal vence prêmio de melhor atriz em festival no México». Portal G1. 31 de outubro de 2014. Consultado em 6 de novembro de 2014 
  57. «'O Lobo atrás da Porta' leva Grande Prêmio do Cinema Brasileiro». www1.folha.uol.com.br 
  58. «A lista completa de indicados ao Prêmio Contigo!». E! Online. Consultado em 9 de outubro de 2017 
  59. «Grande Prêmio do Cinema Brasileiro: 'Que horas ela volta?' lidera indicações». G1. 2 de setembro de 2016. Consultado em 27 de agosto de 2018 
  60. "Conheça os vencedores do Prêmio Extra de TV 2016!". Extra. 30/11/2016. Consultado em 11 de Janeiro de 2017.
  61. «Leandra Leal ganha 2 troféus por 'Divinas Divas'». Purepeople. Consultado em 6 de novembro de 2018 
  62. «Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2018: Bingo - O Rei das Manhãs é o líder de indicações ao 'Oscar nacional'». Adoro Cinema. Consultado em 20 de julho de 2018 
  63. «12° Prêmio Fiesp/Sesi-SP de Cinema e TV». Blog Tânia Muller. 28 de julho de 2018. Consultado em 31 de julho de 2018 
  64. «Prêmio Aplauso Brasil: Escolha seus artistas preferidos pelo 1º semestre de 2018». Aplauso Brasil. Consultado em 18 de agosto de 2018 

Ligações externasEditar