Abrir menu principal

Taça Challenge da EHF de 2016–17

Taça Challenge da EHF de 2016–17
2016–17 EHF Men's Challenge Cup (em inglês)
Almada.jpg
Lisbon One - 071 (3467122276).jpg
Almada sediou a primeira mão da final da competição.
Dados
Participantes 32
Organização EHF
Período 18/11/2016 – 27/07/2017
Classificações
Campeão Portugal Sporting CP (2º título)
Vice-campeão Romênia AHC Potaissa Turda
Estatísticas do torneio
Partidas 62
Gol(o)s 3379
Média 54,5 gol(o)s por partida
Maior goleada
(diferença)
HC Dobrudja 19–43 AHC Potaissa Turda
Pavilhão Gheorghe BaritiuTurda
27 de novembro de 2016, ronda 3
◄◄ 2015–16 Handball the ball2.png 2017–18 ►►

A Taça Challenge da EHF de 2016–17 foi a 24ª edição da Taça Challenge da EHF, a terceira maior competição de clubes europeus de andebol masculino organizada pela EHF. A final foi disputada a duas mãos, com a 1ª mão a ser disputada a 21 de maio de 2017 e a 2ª mão a ser disputada a 27 de maio.

O Sporting Clube de Portugal venceu os romenos do AHC Potaissa Turda por um agregado de 67-52 na final da competição e conquistou o seu segundo título.[1]

FormatoEditar

Um total de 32 equipas disputarão a Taça Challenge de 2017–18.

Ronda 3

Um total de 32 equipas participarão nesta eliminatória. Os jogos serão disputados a duas mãos, em casa e fora. Os vencedores de cada jogo qualificam-se para os oitavos-de-final enquanto as restantes equipas são eliminadas da competição.

Oitavos-de-final

Participam nesta eliminatória as 16 equipas apuradas da eliminatória anterior. Os jogos serão disputados a duas mãos, em casa e fora. Os vencedores de cada jogo qualificam-se para os quartos-de-final enquanto as restantes equipas são eliminadas da competição.

Quartos-de-final

Participam nesta eliminatória as 8 equipas apuradas da eliminatória anterior. Os jogos serão disputados a duas mãos, em casa e fora. Os vencedores de cada jogo qualificam-se para as semi-finais enquanto as restantes equipas são eliminadas da competição.

Semi-finais

Participam nesta eliminatória as 4 equipas apuradas da eliminatória anterior. Os jogos serão disputados a duas mãos, em casa e fora. Os vencedores de cada jogo qualificam-se para a Final da Taça Challenge da EHF de 2017–18 enquanto as restantes equipas são eliminadas da competição.

Final

Participam na final as 2 equipas apuradas da eliminatória anterior. O jogo será disputado a duas mãos, em casa e fora.

O vencedor conquista a Taça Challenge da EHF de 2016–17.

Distribuição de Vagas e QualificaçãoEditar

No total da competição, 77 equipas poderão se candidatar a participar na edição de 2017–18 da Taça Challenge da EHF, cabendo à federação internacional eleger as equipas que poderão competir. Este número é baseado no Coeficiente da EHF do país, usado para determinar o número de participantes que cada associação poderá candidatar.[2]

Ao contrário do que acontece nas restantes competições europeias, quanto menor for o ranking do país, maior será o número de equipas que poderão disputar a Taça Challenge, com exceção às dez últimas associações do ranking (que inclui 50 no total). Estas dez associações só qualificam quatro equipas no seu conjunto.

  • Associações 8-13 classificam uma equipa cada.
  • Associações 14-27 classificam duas equipas cada.
  • Associações 28–40 classificam três equipas cada.
  • Associações 41–50 classificam quatro equipas no seu conjunto.

Ranking EHF 2016-17Editar

Rank Association Coeff. Teams Notes
1   Alemanha 154,83 0
2   Espanha 122,83
3   Hungria 103,83
4   França 75,33
5   Dinamarca 70,00
6   Polónia 54,22
7   Eslovénia 54,00
8   Macedónia 40,56 1
9   Roménia 36,44
10   Suécia 34.75
11   Croácia 33,71
12   Rússia 31,00
13   Portugal 30,25
14   Bielorrússia 28,78 2
15   Suíca 22,33
16   Ucrânia 21,78
17   Noruega 21,11
Rank Association Coeff. Teams Notes
18   Sérvia 20,44 2
19   Eslováquia 13,56
20   Turquia 13,00
21   Luxemburgo 11,13
22   Finlândia 11.00
23   Grécia 11,00
24   Bélgica 9,71
25   Israel 9,00
26   Áustria 9,00
27   República Checa 6,27
28   Bósnia e Herzegovina 5,78 3
29   Kosovo 5,17
30   Lituânia 4,83
31   Itália 4,78
32   Países Baixos 4,75
33   Chipre 4,73
34   Estónia 3,50
Rank Association Coeff. Teams Notes
35   Bulgária 3,50 3
36   Islândia 3,29
37   Montenegro 3,14
38   Moldávia 1,17
39   Reino Unido 1,00
40   Geórgia 0,17
41   Albânia
  Andorra
  Arménia
  Azerbeijão
  Ilhas Faroé
  Irlanda
  Letónia
  Liechtenstein
  Malta
  Mónaco
0,00 4

Equipas ClassificadasEditar

As seguintes equipes classificaram-se para a terceira eliminatória desta edição da Taça Challenge de Andebol Masculino da EHF.

  • TH: Campeão em título da Taça Challenge
  • CW: Vencedores da Taça Nacional
  • CR: Finalistas da Taça Nacional
  • 2º, 3º, 4º, 5º, 6º, etc.: Classificação na Liga Nacional
Fase Final
  HC Visé BM (5º)   Valur Reykjavík (CW)   RK Pelister Bitola (7º)   RK Partizan Belgrade (3º)
  RK Vogošća (2º)   ASD Romagna (3º)   PGU-Kartina TV Tiraspol   RK Sloga Pozega (5º)
  HK Lokomotiv Varna (4º)   Ramat Hasharon HC (4º)   HC Riviera Chișinău   HC MŠK Považská Bystrica (CR)
  HC Dobrudja (2º)   Hapoel Ashdod (3º)   RK Partizan Tivat (3º)   HKM Sala (3º)
  ASS Spes (4º)   KH Kastrioti   Haslum HK (2º)   TSV Saint-Gall (CR)
  Cambridge HC (3º)   HC Klaipėda Dragūnas (2º)   JMS Hurry-Up Zwartemeer (3º)   Göztepe SK (CR)
  IEK Xini Dikeas (4º)   HB Esch (3º)   Sporting CP (4º)   Amasya Tasova SK (3º)
  AC Doukas (CR)   HB Dudelange (4º)   AHC Potaissa Turda (4º)   HC ZNTU-ZAB Zaporozhye (4º)

CalendárioEditar

Todos os sorteios foram realizados na sede da Federação Europeia de Andebol, em Viena, Áustria.

Ronda Data do Sorteio 1ª Mão 2ª Mão
3ª Eliminatória 19 Julho 2016 18–20 Novembro 2016 26–27 Novembro 2016
Oitavos-de-Final 29 Novembro 2016 18–19 Fevereiro 2017 25–26 Fevereiro 2017
Quartos-de-Final 23 Fevereiro 2017 19–20 Março 2017 26–27 Março 2017
Semi-Finais 22 Abril 2017 29–30 Abril 2017
Final 21 Maio 2017 27 Maio 2017

ResultadosEditar

3ª EliminatóriaEditar

Um total de 32 equipas participaram nesta eliminatória. Os jogos foram disputados entre 18 e 27 de Novembro de 2016.

As equipas na primeira coluna jogarem a 1ª mão em casa. Algumas equipas concordaram em jogar os dois jogos no mesmo recinto. As equipas a negrito qualificaram-se para os oitavos-de-final.[3]

Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Sporting CP   69–49   ASD Romagna 32–25 37–24
AHC Potaissa Turda   75–42   HC Dobrudja 32–23 43–19
HB Dudelange   56–55   Hapoel Ashdod 23–28 33–27
RK Sloga Požega   50–47   HC Visé BM 26–21 24–26
PGU-Kartina TV Tiraspol   51–58   HC ZNTU-ZAB Zaporozhye 23–27 28–31
Ramat Hasharon HC   39–54   HB Esch 21–29 18–25
RK Partizan Tivat   49–43   ASS Spes 27–21 22–22
RK Partizan Belgrade   52–59   MSK Povazska Bystrica 23–31 29–28
Valur Reykjavík   56–49   Haslum HK 31–24 25–25
IEK Xini Dikeas   43–45   AC Doukas 27–21 16–24
KH Kastrioti   51–60   HKM Sala 29–31 22–29
Göztepe SK   47–48   JMS Hurry-Up 22–20 25–28
Klaipeda Dragunas   52–63   TSV St. Gallen 28–35 24–28
Amasya Tasova SK   65–56   HC Riviera Chișinău 32–29 33–27
Cambridge HC   47–76   HC Lokomotiv Varna 22–36 25–40
RK Pelister   49–48   RK Vogošća 21–23 28–25

Oitavos-de-FinalEditar

Participam nesta eliminatória as 16 equipas apuradas na eliminatória anterior. Os jogos foram todos disputados entre 11 de fevereiro e 26 de fevereiro de 2017.[4]

As equipas na primeira coluna jogarem a 1ª mão em casa. Algumas equipas concordaram em jogar os dois jogos no mesmo recinto. As equipas a negrito qualificaram-se para os quartos-de-final.

Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Amasya Tasova SK   58–66   AC Doukas 28–32 30–34
Valur Reykjavík   45–45   RK Partizan Tivat 21–21 24–24
HB Esch   56–59   AHC Potaissa Turda 27–31 29–28
HC ZNTU-ZAB Zaporozhye   54–57   HB Dudelange 27–32 27–25
HKM Sala   57–55   TSV St. Gallen 30–27 27–28
RK Pelister   44–66   Sporting CP 18–32 26–34
MSK Povazska Bystrica   49–51   JMS Hurry-Up 30–19 19–32
RK Sloga Požega   58–44   HC Lokomotiv Varna 35–22 23–22

Quartos-de-FinalEditar

Participam nesta eliminatória as 8 equipas apuradas na eliminatória anterior. Os jogos foram todos disputados entre 25 de março e 2 de abril de 2017.[5]

As equipas na primeira coluna jogarem a 1ª mão em casa. Algumas equipas concordaram em jogar os dois jogos no mesmo recinto. As equipas a negrito qualificaram-se para as semi-finais.

Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
RK Sloga Požega   53–59   Valur Reykjavík 27–30 26–29
AHC Potaissa Turda   68–64   HB Dudelange 32–29 36–35
AC Doukas   48–62   Sporting CP 23–35 25–27
JMS Hurry-Up   66–56   HKM Sala 28–24 38–32

Semi-finaisEditar

Participam nesta eliminatória as 4 equipas apuradas na eliminatória anterior. Os jogos foram todos disputados entre 22 de abril e 30 de abril de 2017.[6]

As equipas na primeira coluna jogarem a 1ª mão em casa. As equipas a negrito qualificaram-se para a final.

Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
JMS Hurry-Up   41–69   Sporting CP 27–32 14–37
Valur Reykjavík   53–54   AHC Potaissa Turda 30–22 23–32

Fase FinalEditar

  Meias Finais Final
                     
 JMS Hurry-Up 27 14 41  
 Sporting CP 32 37 69  
   Sporting CP 67
   AHC Potaissa Turda 52
 Valur Reykjavík 30 23 53
 AHC Potaissa Turda 22 32 54

Final da EHF Men's Challenge CupEditar

Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Sporting CP   67–52   AHC Potaissa Turda 37–28 30–24

1ª MãoEditar

21 de maio de 2017 Sporting Clube de Portugal 37 – 28 AHC Potaissa Turda Pavilhão do Ginásio Clube do Sul, Almada
17:00
Relatório Público: 837
Árbitro:  FRA Said Bounouara e Khalid Sami

2ª MãoEditar

27 de maio de 2017 AHC Potaissa Turda 24 – 30 Sporting Clube de Portugal Sala Sporturilor Horea Demian, Cluj-Napoca
17:00
Relatório Público: 3 000
Árbitro:  SLO Bojan Lah e David Sok

CampeãoEditar

Taça Challenge de Andebol Masculino 2016-17
 
Sporting Clube de Portugal
2.° Título


Referências