Abrir menu principal

Valadares (Monção)

localidade e antiga freguesia de Monção, Portugal
Portugal Valadares 
  Freguesia portuguesa extinta  
Valadares Church.jpg
Valadares está localizado em: Portugal Continental
Valadares
Localização de Valadares em Portugal Continental
Coordenadas 42° 4' 46" N 8° 21' 19" O
Concelho primitivo Monção
Extinção 28 de janeiro de 2013
Área
- Total 1,86 km²
Orago Santa Eulália

Valadares é uma antiga freguesia portuguesa do concelho de Monção, com 1,86 km² de área e 205 habitantes (2011)[1]. A sua densidade populacional era 110,2 h/km².
Foi extinta (agregada) pela reorganização administrativa de 2012/2013,[2] sendo o seu território integrado na União de Freguesias de Messegães, Valadares e Sá.

Índice

PopulaçãoEditar

População da freguesia de Valadares [3]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
335 338 332 307 339 315 327 349 385 399 288 287 239 218 205
Distribuição da População por Grupos Etários
Ano 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos
2001 26 22 111 59 11,9% 10,1% 50,9% 27,1%
2011 10 17 110 68 4,9% 8,3% 53,7% 33,2%

HistóriaEditar

No primeiro recenseamento da população que se fez em Portugal, em 1527, no reinado de D. João III, integravam Valadares o couto do mosteiro de Paderne, o do mosteiro de Fiães, as igrejas de São João de Lamas de Mouro, Riba de Mouro, Tangil, São Martinho de Alvaredo, Santiago do Penso, São João de Sá e Santa Ovaia, sua anexa, São Miguel de Messegães, São Salvador Mouro Jusão de Badim e São Gião de Badim, sua anexa, São Paio de Segude e São Cosme de Podame.

Foi vila e sede de concelho até 1855. Era constituído pelas freguesias de Alvaredo, Badim, Ceivães, Cousso, Cubalhão, Fiães, Gave, Lamas de Mouro, Messegães, Paderne, Parada do Monte, Penso, Podame, Riba de Mouro, , Segude, Tangil e Valadares.

Tinha, em 1801, 11 208 habitantes.

Após as reformas administrativas do início do liberalismo foram desanexadas as freguesias de Fiães, Lamas de Mouro e Paderne.

Tinha, em 1849, 9 989 habitantes.

PatrimónioEditar

Referências

  1. «População residente, segundo a dimensão dos lugares, população isolada, embarcada, corpo diplomático e sexo, por idade (ano a ano)». Informação no separador "Q601_Norte". Instituto Nacional de Estatística. Consultado em 3 de Março de 2014. Cópia arquivada em 4 de dezembro de 2013 
  2. Lei n.º 11-A/2013, de 28 de janeiro: Reorganização administrativa do território das freguesias. Anexo I. Diário da República, 1.ª Série, n.º 19, Suplemento, de 28/01/2013.
  3. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  Este artigo sobre freguesias portuguesas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.