Vicente da Dinamarca

aristocrata dinamarquês

Vicente Frederico Minico Alexandre da Dinamarca (Vincent Frederik Minik Alexander; Copenhague, 8 de janeiro de 2011) é um dos filhos do príncipe herdeiro Frederico e de sua esposa, a princesa herdeira Maria. Ele é um neto da rainha reinante Margarida II da Dinamarca. Possui dois irmãos mais velhos, o príncipe Cristiano da Dinamarca e a princesa Isabel da Dinamarca; e uma irmã gêmea mais nova: a princesa Josefina de Dinamarca. [1] [2]

Vicente da Dinamarca
Príncipe da Dinamarca
Casa Eslésvico-Holsácia-
Sonderburgo-Glucksburgo
Nome completo Vincent Frederik Minik Alexander
Nascimento 8 de janeiro de 2011 (10 anos)
  Copenhaga, Dinamarca
Pai Frederico da Dinamarca
Mãe Maria Isabel da Dinamarca

É o quarto na linha de sucessão ao trono dinamarquês, apesar de que no futuro não deverá exercer qualquer atividade oficial na Casa Real Dinamarquesa.[3][4]

NascimentoEditar

O príncipe Vicente nasceu no dia 8 de janeiro de 2011, no Hospital Nacional de Rigshospitalet, localizado na cidade de Copenhaga na Dinamarca, às 10:30 (horário local), 26 minutos antes de sua irmã gêmea mais nova, a princesa Josefina da Dinamarca. Na ocasião, media 47 cm e pesava 2.67 kg.[5]

Ele é o terceiro e penúltimo nascido no geral (segundo menino) do príncipe Frederico, Príncipe Herdeiro da Dinamarca e a sua esposa, a princesa Maria Isabel, Princesa Herdeira da Dinamarca. Por isso Vicente tem dois irmãos maiores: príncipe Cristiano da Dinamarca e a princesa Isabel da Dinamarca. Ele também tem uma irmã gêmea caçula: a princesa Josefina de Dinamarca.

Em 11 de dezembro de 2020, o príncipe Vicente prestou exame do qual testou negativo para COVID-19, em meio a Pandemia de COVID-19; ao lado dos pais e duas irmãs. O exame foi feito por precaução médica, após o irmão maior (o príncipe Cristiano da Dinamarca) ter testado positivo para COVID-19 dias antes.

BatizadoEditar

O nome do príncipe Vicente Frederico Minico Alexandre só foi revelado no dia de seu batizado, em 14 de abril de 2011, seguindo a tradição da família real dinamarquesa de apenas revelar o nome do bebê no dia do batizado.

O pequeno tem como padrinhos: o príncipe Felipe de Bourbon; John Donaldson Jr. (seu tio, irmão de sua mãe, a princesa Maria Elizabeth Princesa Herdeira); o príncipe Gustavo de Berleburg (filho da princesa Benedita da Dinamarca, sua tia-avó); o conde Michael Ahlefeldt-Laurving-Bille; Caroline Hering (ajudante na câmara da princesa Mary) e a baronesa Helle Reedtz-Thott.[6]

EducaçãoEditar

O príncipe estuda na escola pública de Tranegårdsskolen em Gentofte, localizada ao norte da cidade de Copenhaga.[7]

Em 06 de janeiro 2020, ele e seus irmão começaram a estudar num colégio interno na Suíça, a Escola Internacional Lemania-Verbier. O anúncio de que as crianças estudariam por alguns meses neste colégio havia sido feito em outubro de 2019.

Em 12 de março de 2020, foi foi anunciado oficialmente que Vincente não seguiria com o seu intercâmbio de doze semanas prevista na escola da Suíça, após menos de três meses do início. Tal escolha, foi uma opção da sua própria família, que optou por retornar a casa na Dinamarca devido a crise da Pandemia de COVID-19. Dessa maneira, a princesa retornou a cidade de Copenhaga na Dinamarca, e voltou a sua turma na escola pública de Tranegårdsskolen em Gentofte, como havia sido anunciado antes.[8][9][7][10]

Questão do salário do governo dinamarquêsEditar

Em maio de 2016, em uma norma oficial divulgada pela família real dinamarquesa, após pressão pública e de alguns partidos políticos, a rainha reinante Margarida II da Dinamarca decidiu que, além do príncipe Christian da Dinamarca (futuro Rei da Dinamarca), nenhum de seus outros netos (incluindo Vincente) receberia um salário do Estado dinamarquês após atingirem a maioridade, o que, portanto, o desobrigava de terem que cumprir compromissos oficiais na família real dinamarquesa.[11][12][13]

Deveres públicosEditar

Como um filho do atual príncipe Frederico, Príncipe Herdeiro da Dinamarca, as suas aparições públicas são constantes, em eventos não-oficiais que envolvam os seus pais e a família; bem como ele também participa de outros evento da família real dinamarquesa com frequência.[2]

Todos os anos, a família real dinamarquesa também divulga fotos oficiais inéditas de Vincente para celebrar o seu aniversário.[14]

Durante 2017Editar

Em abril de 2017, Vincente compareceu a cerimônia de crisma do seu primo em primeiro grau, o príncipe Félix da Dinamarca.

Durante 2018Editar

Em maio de 2018, Vincente esteve nas comemorações do aniversário de 50 anos do príncipe Frederico, Príncipe Herdeiro da Dinamarca, onde apareceu na bancada do Palácio de Frederico VIII, ao lado dos pais, três irmãos e da rainha Margarida II da Dinamarca.[15]

No final de agosto de 2018, ao príncipe Vincente participou da visita oficial à Ilhas Feroe, ao lado dos pais e irmãos, estando a bordo do iate KDM Dannebrog.[16]

Durante 2019Editar

Em 16 de abril de 2019, participou dos festejos de comemoração aos 79 anos da rainha Margarida II da Dinamarca, ao lado da família e outros membros da casa real dinamarquesa.[17]

Em 07 de julho de 2019, participou dos festejos do 50º aniversário do seu tio paterno, o príncipe Joaquim da Dinamarca.[18]

Em 10 de junho de 2019, Vincente participou da maratona Royal Run na cidade de Copenhage, ao lado dos pais e dos três irmãos.[19]

No final de agosto de 2018, o príncipe Vicente da Dinamarca participou da visita oficial à Ilhas Feroe, ao lado dos pais e irmãos, estando a bordo do iate KDM Dannebrog.[20]

Durante 2020Editar

Em janeiro de 2020, Vincente ao lado dos três irmãos, participou de uma sessão de fotos na cidade de Verbier na Suíça antes do primeiro dia de aulas na escola suíça, que foi organizada pela família real dinamarquesa com o intuito dela e dos seus irmãos puderem ter maior privacidade no primeiro dia na instituição.[21]

Em 20 de dezembro de 2020, aparece no vídeo da sua família completando o quarto domingo de Advento.[22]

Durante 2021Editar

No dia 08 de janeiro de 2021, em celebração ao seu décimo aniversário, foi anunciado oficialmente que o príncipe Vicente da Dinamarca havia recebido oficialmente o seu monograma real próprio; a sua irmã gêmea a princesa Josefina da Dinamarca, também ganhou o seu próprio monograma de presente.[23]

Títulos, estilos, honras e armasEditar

  • 08 de janeiro de 2011 - presente: Sua Alteza Real, príncipe Vicente da Dinamarca, Conde de Monpezat.

Seu título oficial em dinamarquês é: Hans Kongelige Højhed Prins Vincent af Danmark, Greve af Monpezat.

AscendênciaEditar

Referências

  1. «H.K.H. Prins Vincent». Kongehuset (em dinamarquês). 19 de outubro de 2011. Consultado em 24 de janeiro de 2021 
  2. a b «Príncipe Vicente de Dinamarca». www.bekia.es (em espanhol). Consultado em 24 de janeiro de 2021 
  3. www.thelocal.dk https://www.thelocal.dk/20160531/danish-royals-only-prince-christian-should-get-money. Consultado em 24 de janeiro de 2021  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  4. www.thelocal.dk https://www.thelocal.dk/20160530/denmark-ready-to-cut-off-royal-family-members-financially. Consultado em 24 de janeiro de 2021  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  5. «Já nasceram os gémeos da princesa Mary Donaldson». Caras. Consultado em 9 de janeiro de 2020 
  6. «Bautizo Real de los mellizos de los príncipes Federico y Mary de Dinamarca». HOLA USA (em espanhol). 14 de abril de 2011. Consultado em 9 de janeiro de 2020 
  7. a b «Príncipes da Dinamarca acompanham os filhos no seu primeiro dia de aulas na Suíça». Caras. Consultado em 9 de janeiro de 2020 
  8. «D.K.H. Prins Christian, Prinsesse Isabella, Prins Vincent og Prinsesse Josephines første skoledag i Schweiz». Kongehuset (em dinamarquês). 6 de janeiro de 2020. Consultado em 9 de janeiro de 2020 
  9. «D.K.H. Prins Christian, Prinsesse Isabella, Prins Vincent og Prinsesse Josephines første skoledag i Schweiz». Kongehuset (em dinamarquês). 6 de janeiro de 2020. Consultado em 9 de janeiro de 2020 
  10. «Frederico e Mary da Dinamarca reúnem-se com os filhos no início da sua estada na Suíça». Lux. Consultado em 9 de janeiro de 2020 
  11. «Danish royal family says Queen's grandchildren won't get state salary – except one». The Independent (em inglês). 31 de maio de 2016. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  12. www.thelocal.dk https://www.thelocal.dk/20160531/danish-royals-only-prince-christian-should-get-money. Consultado em 24 de janeiro de 2021  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  13. www.thelocal.dk https://www.thelocal.dk/20160530/denmark-ready-to-cut-off-royal-family-members-financially. Consultado em 24 de janeiro de 2021  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  14. «H.K.H. Prins Vincent 10 år». Kongehuset (em dinamarquês). 7 de janeiro de 2021. Consultado em 24 de janeiro de 2021 
  15. «H.K.H. Kronprinsen på balkonen». Kongehuset (em dinamarquês). 26 de maio de 2018. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  16. «Besøg på Færøerne – dag 1». Kongehuset (em dinamarquês). 23 de agosto de 2018. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  17. «VIDEO: H.M. Dronningens 79-års fødselsdag». Kongehuset (em dinamarquês). 16 de abril de 2019. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  18. «Middag i anledning af H.K.H. Prins Joachims 50-års fødselsdag». Kongehuset (em dinamarquês). 7 de junho de 2019. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  19. «Royal Run i København/Frederiksberg». Kongehuset (em dinamarquês). 10 de junho de 2019. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  20. «Besøg på Færøerne – dag 1». Kongehuset (em dinamarquês). 23 de agosto de 2018. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  21. «D.K.H. Prins Christian, Prinsesse Isabella, Prins Vincent og Prinsesse Josephines første skoledag i Schweiz». Kongehuset (em dinamarquês). 6 de janeiro de 2020. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  22. «VIDEO: Julehilsen fra Kronprinsfamilien». Kongehuset (em dinamarquês). 20 de dezembro de 2020. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  23. «HRH Prince Vincent gets a royal monogram». The Danish Monarchy - Front Page (em inglês). 7 de janeiro de 2021. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 

Ligações externasEditar

Precedido por
Isabel da Dinamarca
Linha de sucessão ao trono dinamarquês
Sucedido por
Josefina de Dinamarca