Warner Bros. Discovery

empresa de mídia resultante da fusão entre WarnerMedia e Discovery Inc.

Warner Bros. Discovery, Inc.[4] é uma multinacional de mídia de massa americana e conglomerado de entretenimento.[5]

Warner Bros. Discovery, Inc.
Empresa de capital aberto
Cotação
Atividade
Fundação 8 de abril de 2022; há 3 meses
Sede 230 Park Avenue South, Nova Iorque  Estados Unidos
Área(s) servida(s) Mundo
Pessoas-chave
Produtos
Serviços
Divisões
  • Warner Bros. Discovery US Networks Group
  • Warner Bros. Discovery Sports
  • Warner Bros. Discovery Global Streaming & Interactive Entertainment
  • Warner Bros. Discovery International
Subsidiárias
Antecessora(s)
Website oficial www.wbd.com

A empresa foi formada através da fusão da WarnerMedia e Discovery Inc., concluída em 8 de abril de 2022.[1] O nome da empresa é uma combinação de Warner Bros. estúdio de cinema e a rede de TV paga Discovery Channel.

HistóriaEditar

 
Logotipo provisório revelado em junho de 2021

ComeçoEditar

Em 16 de maio de 2021, a Bloomberg News informou que a AT&T estava em negociações com a Discovery Inc. para se fundir com a WarnerMedia, a empresa controladora da Warner Bros., para formar uma empresa de capital aberto que seria dividida entre seus acionistas.[6][7]

Em 17 de maio de 2021, a AT&T anunciou que havia concordado em alienar sua participação acionária na subsidiária integral de mídia e entretenimento WarnerMedia (a antiga Time Warner, que a AT&T adquiriu em 2018 para em 2018 por pouco mais de US$ 85 bilhões na tentativa de se tornar a integração vertical conglomerado de mídia) e fundi-lo com a Discovery Inc. para formar uma nova empresa, que está sujeita a aprovação regulatória. A fusão, programada para ser concluída em meados de 2022, será estruturada como um Reverse Morris Trust com os acionistas da AT&T com 71% de participação nas ações da nova empresa e nomeando sete membros do conselho e acionistas da Discovery com 29% de participação e nomear seis membros do conselho. A AT&T receberá US$ 43 bilhões em dinheiro e dívidas da cisão.[8][9][10]

A nova empresa é liderada pelo atual CEO da Discovery, David Zaslav, enquanto a posição do CEO da WarnerMedia Jason Kilar na nova empresa é incerta.[8] Zaslav afirmou que as duas empresas gastam US$ 20 bilhões anualmente em conteúdo (superando Disney, Netflix e Amazon.com). A empresa terá como objetivo expandir seus serviços de streaming, que incluem o HBO Max da WarnerMedia, para atingir 400 milhões de assinantes globais.[9]

No Brasil, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) aprovou, sem ressalvas, a criação da Warner Bros Discovery. Tal ato surpreendeu muitos, já que geralmente o órgão impões condicionantes quando conglomerados gigantes de mídia se fundem. No caso da fusão entre a The Walt Disney Company e a Twentyth Century Fox por exemplo, uma das condições que a entidade pediu foi para manter um dos canais da antiga companhia ativos por um certo tempo, o extinto Fox Sports. [11] E durante a fusão, a nova empresa decidiu encerrar o aplicativo all-news CNN+ com apenas 1 mês de atividade [12]

UnidadesEditar

A Warner Bros. Discovery consiste em sete divisões de negócios principais:

LiderançaEditar

Referências

  1. a b Maas, Jennifer (8 de abril de 2022). «Discovery Closes $43 Billion Acquisition of AT&T's WarnerMedia». Variety. Penske Media Corporation. Consultado em 8 de abril de 2022. Discovery completed its $43 billion acquisition of WarnerMedia from AT&T on Friday to form new company Warner Bros. Discovery. 
  2. Szalai, Georg (17 de junho de 2021). «Cash Never Lies: Meet the Discovery CFO Targeting $3B in Savings in the Warner Merger». The Hollywood Reporter. Consultado em 4 de abril de 2022 
  3. «Privacy statement». Warner Bros Discovery. Consultado em 8 de abril de 2022 
  4. «AT&T Announces Details for Completion of WM Spin-Off». AT&T. 25 de março de 2022. Consultado em 26 de março de 2022 
  5. Maas, Jennifer; Maas, Jennifer (6 de abril de 2022). «Discovery Makes Big WarnerMedia Executive Suite Changes Ahead of Merger; Toby Emmerich and Gerhard Zeiler to Remain». Variety (em inglês). Consultado em 7 de abril de 2022 
  6. Hammond, Ed (16 de maio de 2021). «AT&T Is Preparing to Merge Media Assets With Discovery». Bloomberg News (em inglês). Consultado em 2 de junho de 2021 
  7. Sherman, Alex (16 de maio de 2021). «AT&T in advanced talks to merge WarnerMedia with Discovery, deal expected as soon as Monday». CNBC (em inglês). Consultado em 2 de junho de 2021 
  8. a b Hammond, Ed; Turner, Nick (17 de maio de 2021). «AT&T's WarnerMedia, Discovery to Merge in Blockbuster Deal». Bloomberg News (em inglês). Consultado em 2 de junho de 2021 
  9. a b Kovach, Steve; Meredith, Sam (17 de maio de 2021). «AT&T announces $43 billion deal to merge WarnerMedia with Discovery». CNBC (em inglês). Consultado em 2 de junho de 2021 
  10. Hayes, Dade (17 de maio de 2021). «David Zaslav And John Stankey Outline Plans For Merging Discovery And WarnerMedia, Addressing Future Of Jason Kilar, CNN, Streaming». Deadline Hollywood (em inglês). Consultado em 2 de junho de 2021 
  11. https://www.minhaoperadora.com.br/2022/02/cade-aprova-sem-restricoes-a-fusao-entre-warnermedia-e-discovery.html
  12. https://www.seudinheiro.com/2022/empresas/cnn-warner-bros-discovery-plataforma-de-streaming-netflix-miql/
  13. Vlessing, Etan (15 de março de 2022). «AT&T Names Warner Bros. Discovery Board Appointees, Including Ex-BET Chief Debra Lee». Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 7 de abril de 2022 
  14. «Discovery, Inc. Announces Future Leadership Team for Warner Bros. Discovery». Discovery (em inglês). 7 de abril de 2022. Consultado em 7 de abril de 2022 

Ligações ExternasEditar