Zurique

cidade no cantão de Zurique, Suíça

Zurique (alemão: Zürich, IPA[ˈtsyːʁɪç]; em suíço-alemão: Züri, IPA[ˈtsyɾi]; em francês: Zurich, IPA[zyʁik]; em italiano Zurigo, IPA[dzuˈriːɡo]; em romanche: Turitg, IPA[tuˈritɕ]; em latim: Turicum) é a maior cidade da Suíça. Localiza-se no nordeste do país, no centro da zona germanófona, possui 379 915 habitantes (2012),[1] sendo mais populosa do que qualquer outra cidade suíça. Sua região metropolitana, também a maior aglomeração urbana do país, conta com cerca de 1,8 milhão de habitantes em 2011,[2] abrigando dessa forma, cerca de 20% da população do país. É a capital do Cantão de Zurique.

Picto infobox map.png
Zurique
Comuna da Suíça
Ch zh wappen stadt.gif
Brasão de armas
City of Zürich.jpg
Vista de Zurique.
Administração
Cantão Zurique
Distrito Zurique
Código postal 8000-8099
Língua oficial alemão
Demografia
População 409,241 hab.
Densidade 4 700 hab./km²
Geografia
Coordenadas 46° 57' N 7° 25' E
Altitude 408 m
Área 91.88 km²
Website oficial www.stadt-zuerich.ch
Localização
Karte Gemeinde Zürich.png

No período pós-Segunda Guerra Mundial, a cidade conseguiu estabelecer uma significativa evolução urbana e econômica, estendendo sua influência global ao longo das últimas décadas do século XX. É hoje considerada uma cidade global "alfa".[3] Sedia inúmeros bancos, instituições financeiras, organizações e entidades internacionais das mais variadas do mundo. Em 2009, ficou entre as "10 cidades mais poderosas do mundo",[4] estabelecendo-se através de sua intensa atividade económica, cultural, tecnológica e didática. Em termos de qualidade de vida, foi eleita em 2012 a melhor "grande cidade para se viver" no mundo,[5] baseado nas perspectivas da cidade em educação, saúde, segurança pública e desenvolvimento económico.

EtimologiaEditar

A origem do nome está provavelmente nas línguas celtas com a palavra Turus. Os celtas colonizaram a área pelo menos desde 500 a.C.; o nome romano da cidade era Turicum.

HistóriaEditar

A cidade foi construída no século V pelos alamanos. Converteu-se em cidade imperial em 1218, entrando na Confederação Helvética em 1351 e obtendo grande importância, graças à aquisição de numerosos condados vizinhos e à grande prosperidade do seu artesanato têxtil. Ulrico Zuínglio introduziu a reforma protestante em Zurique a partir de 1519. A cidade e o cantão foram governados pela rica burguesia protestante até à reforma liberal de 1830.

EconomiaEditar

 
Vista do topo de uma torre em Zurique após uma nevasca

Zurique é o centro financeiro da Suíça e uma das bolsas de valores mais importantes da Europa. A cidade sedia numerosos bancos, tais como o UBS e o Credit Suisse, seguradoras e empresas de alta tecnologia. Atualmente, cerca de um quarto de suas atividades são ligadas ao setor financeiro.

Um dos Fatores que ajudam a atrair investimentos na região de Zurique são os baixos impostos e a possibilidade de grande empresas fazerem acordos com as autoridades para conseguirem "impostos personalizados".

Zurique é também o mais importante centro de transportes da Suíça. Tem o maior aeroporto do país e da região dos Alpes. Os transportes públicos estão a cargo da Verkehrsbetriebe Zürich.

Em 2011, foi considerada pela pesquisa anual Mercer Human Resource a cidade com a melhor qualidade de vida do mundo.[6] Mas também uma das mais caras.

GeografiaEditar

Zurique fica no nordeste da Suíça, a norte do lago de Zurique. Do lago surge o rio Limmat, que cruza a cidade na direcção noroeste.

Os bairros da cidade de Zurique são: Affoltern, Albisrieden, Altstetten, Aussersihl, Enge, Fluntern, Hirslanden, Höngg, Hottingen, Leimbach, Oberstrass, Oerlikon, Riesbach, Schwamendingen, Seebach, Seefeld, Tiefenbrunnen, Triemli, Unterstrass, Wiedikon, Wipkingen, Witikon, Wollishofen.

CulturaEditar

Zurique conta com a Universidade de Zurique, que é local e administrada pelo Cantão de Zurique, e o Instituto Federal de Tecnologia da Suíça (Eidgenössische Technische Hochschule - ETH). A ETH é a maior do país e uma das mais prestigiadas da Europa.

 
Igreja de S.João em Zurique (1898)

Entre os monumentos mais importantes estão:

  • Grossmünster - a antiga catedral
  • Fraumünster
  • Peterskirche - igreja de S. Pedro
  • Kirche zu Predigern
  • Johanneskirche - igreja de S. João

Zurique alberga diversos museus, incluindo:

DesportoEditar

O clube de futebol mais famoso da cidade é o FC Zürich.

Panorama de Zurique, a maior cidade da Suíça.
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Zurique
O Wikivoyage possui o guia Zurique

Referências

  Este artigo sobre Geografia da Suíça é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.