1986 (série de televisão)

(Redirecionado de 1986 (série))

1986 é uma série de televisão portuguesa de comédia criada por Nuno Markl e produzida pela Hop!.[1][2] A série estreou a 13 de março de 2018, na RTP1, e conclui a transmissão televisiva a 19 de junho de 2018.[3]

1986
Informação geral
Formato série
Gênero Comédia
Ficção histórica
Duração 42 minutos
Criador(es) Nuno Markl
País de origem Portugal Portugal
Idioma original português
Produção
Diretor(es) Henrique Oliveira
Produtor(es) Henrique Oliveira
Editor(es) Pedro Ribeiro
Guionista(s) Ana Markl
Filipe Homem Fonseca
Joana Stichini Vilela
Nuno Markl
Elenco Miguel Moura e Silva
Laura Dutra
Miguel Partidário
Eva Fisahn
Henrique Gil
Adriano Carvalho
Teresa Tavares
Tema de abertura "Electrificados", de Catarina Salinas, João Só e Lena d'Água
Composto por João Só e Henrique Oliveira
Empresa(s) produtora(s) Hop!
Exibição
Emissora original RTP1
RTP Play
Formato de exibição 16:9 576i (SDTV)
Transmissão original 13 de março de 2018 – 19 de junho de 2018
Temporadas 1
Episódios 13
Cronologia
Excursões Air Lino
Verão M
Programas relacionados Caderneta de Cromos

Esta série, também no dia 13 de março de 2018, foi o segundo programa em Portugal e feito por uma televisão portuguesa que teve todos os seus episódios estreados ao mesmo tempo, neste caso, na RTP Play, tal como já acontece com outras plataformas, como é o caso da Netflix, que também costuma estrear todos os episódios de cada temporada das suas produções originais ao mesmo tempo.[4] A primeira vez em que esta situação ocorreu foi com a série, também do mesmo canal, A Criação.[5]

SinopseEditar

A série acontece em 1986, durante a segunda volta de uma das eleições presidenciais mais intensa de sempre em Portugal. Num lado, Mário Soares, e do outro, Freitas do Amaral. O duelo contamina tudo e todos, e até uma clássica busca pelo amor. Aqui aparece a história de Tiago. Um jovem tímido, filho de um comunista ferrenho que terá de engolir o sapo de votar em Mário Soares. O jovem apaixona-se por Marta, idealista candidata a astronauta, filha de um empresário de videoclubes que organiza festas para Freitas do Amaral.

A série é totalmente envolvida no ambiente do mesmo ano em que Portugal entra na CEE (a atual União Europeia). As personagens vivem um universo que replica as roupas, os sons e as imagens da época. Uma era em que as tensões políticas entravam nas escolas e em que a cultura popular que, feita em Portugal ou importada do estrangeiro, invadia as vidas dos portugueses: as séries e os filmes que se viam e os discos que se ouviam.[6]

ElencoEditar

  • Miguel Moura e Silva como Tiago
  • Laura Dutra como Marta
  • Miguel Partidário como Sérgio
  • Eva Fisahn como Patrícia
  • Henrique Gil como Gonçalo
  • Adriano Carvalho como Eduardo
  • Teresa Tavares como Alice
  • Gustavo Vargas como Fernando
  • Mafalda Santos como Maria de Lurdes
  • Tiago Garrinhas como Tó
  • Simon Frankel como Professor Zé
  • Ana Cunha como Teresa
  • Marina Albuquerque como Isabel
  • Anabela Teixeira como Mãe de Patrícia
  • Carlos Almeida Ribeiro como Manuel
  • Ana Bola como Conceição

Elenco adicionalEditar

  • Nuno Markl como Pai do Sérgio
  • Diogo Fialho como Jovem Assaltante
  • Cristina Cavalinhos como Tia Emília
  • Rita Demel como Mariana
  • Carlos Fartura como Isaías
  • Cláudio Teixeira como António Variações / Chuck Norris
  • Alice Medeiros como Olívia
  • Paula Valério como Professora Conselho Diretivo
  • Helena Caldeira como Sandra
  • Joana Flora como Rita
  • Gabriel Teixeira António como Tiago
  • Maria Carson como Professora de Matemática
  • Artur Dinis como Aluno 1
  • Cláudia Negrão como Professora de Inglês
  • Pedro J. Ribeiro como Rocha
  • Rodrigo Esteves como Aluno 2
  • Carlota Froes como Joana
  • Fernando Lupach como Professor E.V.
  • Sérgio Moura Afonso como Inspector
  • Lourenço Henriques como Assessor
  • Carolina Carvalhais como Secretária Conselho
  • Catarina dos Reis como Amiga da Sandra
  • Catarina Salinas como Lena d'Água

EpisódiosEditar

TítuloExibição original
na RTP1
Exibição original
na RTP Play
Audiência na RTP1
(espectadores)
Audiência na RTP1
(share)
1 "Tarzan Boy" 13 de março de 201813 de março de 2018247 0005,6%[7]
2 "A Bordo do Challenger" 20 de março de 201813 de março de 2018228 0005,1%[7]
3 "Sólido Como Rocha" 27 de março de 201813 de março de 2018285 0006,1%[7]
4 "TV Realidade" 3 de abril de 201813 de março de 2018275 5006,1%[7]
5 "A Grande Festa" 10 de abril de 201813 de março de 2018190 0004,1%[7]
6 "A Grande Depressão" 17 de abril de 201813 de março de 2018199 5004,5%[7]
7 "Os Cinco e a Bomba" 24 de abril de 201813 de março de 2018190 0004,9%[7]
8 "Os Cinco e a Bomba - Parte II" 1 de maio de 201813 de março de 2018190 0004,7%[7]
9 "Pesadelo em Tiago Street" 15 de maio de 201813 de março de 2018161 5003,7%[7]
10 "Video Magic Fora de Horas" 22 de maio de 201813 de março de 2018218 5004,8%[7]
11 "A Educação de Rita" 29 de maio de 201813 de março de 2018228 0005,0%[7]
12 "Juntos em Sonhos Eléctricos" 5 de junho de 201813 de março de 2018199 5004,5%[7]
13 "O Dia de Todos os Perigos" 19 de junho de 201813 de março de 2018228 0005,9%[7]

TransmissãoEditar

Em termos de audiência, 1986 teve uma média de audiências de 2,3%/5,0% (rating/share), ficando atrás de Excursões Air Lino no ranking de 2018.

Banda sonoraEditar

1986
Banda sonora de vários artistas
Lançamento 16 de março de 2018
Género(s)
Duração 28:10
Idioma(s) Português
Formato(s) CD
Editora(s) Sony Music

Para a banda sonora desta série foram compostas músicas originais, que acabaram incluídas num álbum, com o mesmo nome que a série, 1986. Com a coordenação do cantor João Só, este álbum conta com a participação de alguns aclamados cantores portugueses, tais como Ana Bacalhau, David Fonseca, Lena d'Água, Rita Redshoes e Samuel Úria.[8]

TítuloLetrasMúsicaPersonagem Duração
1. "Electrificados"  João Só, Henrique OliveiraCatarina Salinas, João Só, Lena d'ÁguaGenérico 2:25
2. "Pensamos No Futuro Amanhã"  João SóAna BacalhauMarta 2:53
3. "Hoje Eu Vi O Mundo"  Miguel AraújoMiguel Araújo, João SóFernando e Maria de Lurdes 4:25
4. "A América Ao Pequeno-Almoço"  João SóSamuel ÚriaSérgio 3:44
5. "O Que É Que Vês"  João SóMárcia, TatankaEduardo e Alice 3:35
6. "Ninguém"  David FonsecaDavid FonsecaTiago 3:47
7. "Quanto É Que Falta"  João SóJoão SóGonçalo 3:53
8. "A Verdade Nunca Sai À Rua"  João Só, Nuno RafaelRita RedshoesPatrícia 3:28
Duração total:
28:10

No dia 17 de maio de 2018, um concerto de cariz solidário, intitulado de Concerto por um Novo Futuro, acabou por ser realizado na Altice Arena contando com as músicas e os cantores que participaram na banda sonora da série.[9]

Referências

  1. «1986». RTP. Consultado em 25 de dezembro de 2018 
  2. Joana Amaral Cardoso (15 de agosto de 2017). «Freitas, Soares... e Markl - 1986, o ano em que se viveu perigosamente». Público. Consultado em 21 de dezembro de 2017 
  3. Tiago David (10 de março de 2018). «Uma viagem no tempo até "1986". A nova série da RTP criada por Nuno Markl». SAPO Mag. Consultado em 13 de julho de 2019 
  4. Joana Amaral Cardoso (13 de março de 2018). «"Sacana do Facho! Sacana do Bochechas!": a série Markl que vai rebobinar 1986». Público. Consultado em 13 de março de 2018 
  5. Pedro Miguel Coelho (6 de setembro de 2017). «'A Criação' estreia todos os episódios ao mesmo tempo… no RTP Play». Espalha-Factos. Consultado em 19 de setembro de 2017 
  6. Luís Freitas Branco (11 de março de 2018). «Como é que a música pop cantou "1986" em Portugal?». Observador. Consultado em 13 de março de 2018 
  7. a b c d e f g h i j k l m Os dados das audiências incluem VOSDAL e são da autoria da CAEM/GfK. (acesso restrito)
  8. «Banda sonora de 1986, a série escrita por Nuno Markl». RTP Extra. 20 de fevereiro de 2018. Consultado em 12 de julho de 2018 
  9. Marta Vicente (24 de maio de 2018). «Concerto 1986: uma viagem solidária à decada de 80». Comunidade Cultura e Arte. Consultado em 12 de julho de 2018 

Ligações externasEditar