Abrir menu principal

Agora É Domingo

programa de variedades brasileiro apresentado por José Luiz Datena e exibido na Band
(Redirecionado de Agora É com Datena)
Agora É Domingo
Informação geral
Também conhecido(a) como
  • Agora É com Datena (2018)
  • Brasil da Gente (2018)[nota 1]
Formato Programa de variedades
Duração 300 minutos
Estado Encerrado
País de origem Brasil
Idioma original português
Produção
Apresentador(es) José Luiz Datena
Exibição
Emissora de televisão original Band
Formato de exibição 1080i (HDTV)
Formato de áudio Estéreo
Transmissão original 22 de abril de 2018 (2018-04-22) – 30 de dezembro de 2018 (2018-12-30)

Agora É Domingo, anteriormente Agora É com Datena, foi um programa de televisão dominical brasileiro produzido e exibido pela Band de 22 de abril de 2018 a 30 de dezembro de 2018, contando com a apresentação do jornalista José Luiz Datena, que comandava, nas seis horas de duração do programa, atrações diversificadas como musicais, entrevistas e games.

A estreia da programa marca definitivamente a transição de Datena do jornalismo para o entretenimento na televisão. Porém, esta não é a primeira experiência de Datena no comando de um programa de auditório, sendo que o jornalista já apresentou o game show Quem Fica em Pé? na Band entre 2012 e 2013. Ainda na mesma área, comandou os programas No Vermelho e No Coração do Brasil.

Com a candidatura de Datena ao senado por São Paulo nas eleições gerais de 2018, o apresentador teve que deixar o comando do programa. Para substituí-lo, a Band escalou o jornalista Joel Datena e o apresentador Netinho de Paula, que passaram a apresentar a parte jornalística e de entretenimento respectivamente, sendo que a parte de Netinho passou a ter o título de Brasil da Gente e a de Joel como Agora É Domingo.[1] Datena retornou ao comando da atração em 15 de julho e o título do programa passa a ser em definitivo Agora É Domingo, devido a sua desistência em participar do pleito.[2]

AntecedentesEditar

O jornalista José Luiz Datena iniciou sua carreira como repórter esportivo na TV Ribeirão, afiliada da Rede Globo no interior paulista.[3] Suas reportagens para os programas esportivos da emissora tinham um tom irreverente, característica na qual se perdurou nas suas passagens pelas redes Band e Record como repórter.[4]

Em 1996, com a extinção do então departamento de esportes da Record, Datena passou a comandar o policialesco Cidade Alerta.[5] Datena deixou a Record definitivamente em 2003, quando entrou na Band para comandar o similar Brasil Urgente.[6] O jornalista sempre se queixou de ter que apresentar o noticiário policial e, ao mesmo tempo, manifestava seu desejo deixar o comando do programa.[7]

A primeira tentativa de Datena fora do mundo policial foi, ainda na Record, o game show No Vermelho.[8] Já na Band, apresentou o No Coração do Brasil,[9][10] programa de viagens no qual passou por diversas locações do país.[11] Alguns anos depois, após uma rápida passagem pela Record em 2011,[12][13] retornou para a Band e apresentou o Quem Fica em Pé?,[14] voltando também para o Brasil Urgente.[15] O game show não perdurou na grade e saiu do ar no final de 2013.[16]

No final de 2017, a Band tirou do ar e dispensou toda a equipe do Pânico na Band,[17] programa que até então era sua maior audiência nacionalmente.[18] A motivação da TV era reduzir os custos para conseguir transmitir a Copa do Mundo de 2018,[19] o que não acabou se concretizando.[20] O espaço destinado ao Pânico foi inicialmente substituído por filmes.[21]

Com um espaço vago na grade e com objetivo de manter a audiência que tinha anteriormente aos domingos com o Pânico, a Band começou a produzir dois novos programas. Um deles, o novo Show do Esporte, eliminou o Terceiro Tempo da grade, mas manteve Milton Neves no comando da nova atração. O Agora É com Datena foi a segunda atração da reformulação da grade dominical da Band, deslocando Datena do Brasil Urgente, que deixou definitivamente a ancoragem do jornalístico.[22]

ExibiçãoEditar

A estreia de Agora É com Datena foi anunciada em março, no lançamento da programação da Band para 2018, e foi inicialmente marcada para o dia 1.º de abril de 2018.[3] A primeira chamada anunciando a nova atração começou a ir ao ar no mesmo mês.[23] Posteriormente, a estreia foi adiada para 15 de abril.[24] Em abril, a estreia foi adiada novamente, devido a uma mudança de estratégia da Band para o lançamento do programa, que foi remarcado para o dia 22 do mesmo mês.[25] O programa estreou ocupando seis horas na grade de programação da Band aos domingos.

Na edição de estreia do programa, Datena entrevistou o político Jair Bolsonaro, pré-candidato à presidência pelo PSL,[26] além de contar com a presença do cantor Amado Batista e das duplas sertaneja Bruno & Marrone e Zezé di Camargo & Luciano como atrações musicais.[27] Também na estreia, foi exibida uma reportagem sobre a venda de venezuelanos para prostituição e trabalho escravo no Brasil, feita por Agostinho Teixeira,[28] e uma outra com um encontro entre o Luan Santana e uma fã do cantor de 81 anos de idade.[29]

FormatoEditar

De acordo com a Band, o Agora É com Datena é uma atração que reúne "música boa, entrevistas exclusivas e (um) game eletrizante".[30] Na parte musical do programa, contra com a presença de músicos no palco ao vivo, além de contar com o quadro Caixa de Talentos, segmento inspirado no formato dos programas de calouros.[31]

A FugaEditar

Uma das principais atrações do programa, o game show A Fuga é baseado no formato de Raid the Cage, distribuído internacionalmente pela Sony Pictures Entertainment.[32]

AudiênciaEditar

No primeiro programa, Agora É com Datena registrou 3,2 pontos de média e 4,6 de picos na Grande São Paulo de acordo com dados da Kantar Ibope Media, ficando atrás das atrações exibidas pelas redes Globo, SBT e Record durante o tempo em que ficou no ar. Apesar deste resultado, a atração chegou a perder para o Encrenca da RedeTV!, que fechou com média de 6,4 pontos, até então a maior audiência registrada pelo humorístico desde sua estreia em 2014.[33]

A segunda edição de Agora É com Datena registrou uma queda em relação ao programa de estreia, marcando 2,2 pontos de média, uma diferença de 32% em relação com o que foi registrado na edição anterior da atração.[34]

ReformulaçãoEditar

Na edição do programa exibido em 24 de junho, Datena demonstrou que deixaria o comando da atração caso decidisse se candidatar ao senado pelo estado de São Paulo.[35] Tal intenção de candidatura por parte do apresentador foi inicialmente sinalizada em maio do mesmo ano, após se decepcionar com Joaquim Barbosa, ex-ministro do STF, que tinha anunciado que não iria mais se candidatar no pleito de 2018.[36] A candidatura de Datena foi anunciada definitivamente em 28 de junho, em evento realizado por seu partido, o Democratas.[37]

ExtinçãoEditar

Na tarde de 3 de janeiro de 2019, a direção da Band anuncia a extinção do programa.[38]

Notas

  1. Sob o comando de Netinho de Paula.

Referências

  1. «Band confirma Joel e Netinho em programa de Datena». Veja. 29 de junho de 2018. Consultado em 1 de julho de 2018 
  2. Endrigo Annyston (13 de julho de 2018). «Datena volta ao ar, mas Band mantém programa sem o nome do apresentador». Observatório da Televisão. BOL. Consultado em 13 de julho de 2018 
  3. a b Gilvan Marques (27 de fevereiro de 2018). «Datena comemora liberdade com novo programa: "Estava em prisão perpétua"». UOL. Consultado em 17 de maio de 2017 
  4. Luiz Andreoli (3 de abril de 2015). «Lembra do Datena como repórter esportivo?». UOL. Consultado em 17 de maio de 2017 
  5. Thell de Castro (28 de fevereiro de 2016). «Datena foi obrigado a fazer jornalismo policial para não perder emprego». Notícias da TV. UOL. Consultado em 17 de maio de 2017 
  6. Daniel Castro (8 de março de 2003). «Outro Canal: Datena estréia segunda na Bandeirantes». Ilustrada. Folha de S.Paulo. Consultado em 17 de maio de 2018 
  7. «"Sincerão"! Datena diz que não gosta de apresentar "Brasil Urgente"». UOl. 30 de junho de 2017. Consultado em 24 de maio de 2018 
  8. Daniel Castro (16 de janeiro de 2003). «Record substitui Datena e encerra programa». Ilustrada. Folha de S.Paulo. Consultado em 19 de maio de 2018 
  9. «No aniversário de Datena, veja alguns das brigas do apresentador na televisão». Vírgula. 19 de maio de 2010. Consultado em 17 de maio de 2018 
  10. Daniel Castro (21 de junho de 2005). «Pane no 'Pânico' não foi pegadinha, diz TV». Ilustrada. Folha de S.Paulo. Consultado em 17 de maio de 2018 
  11. Túlio Nassif. «José Luiz Datena». Terceiro Tempo. BOL. Consultado em 17 de maio de 2018 
  12. «Menos de dois meses após trocar a Band pela Record, Datena dá meia volta». Veja. 29 de julho de 2011. Consultado em 17 de maio de 2018 
  13. «Record entra com ação contra Datena». Cultura. O Estado de S. Paulo. 24 de agosto de 2011. Consultado em 17 de maio de 2018 
  14. «Novo programa de Datena, o game-show "Quem Fica em Pé?", estreia na Band». Portal Imprensa. 9 de abril de 2012. Consultado em 17 de maio de 2018. Arquivado do original em 18 de maio de 2018 
  15. «Datena: "Minha briga com a Record é na Justiça"». iG. 31 de agosto de 2011. Consultado em 17 de maio de 2018 
  16. Duh Secco; Thell de Castro (5 de dezembro de 2017). «5 de dezembro na história da TV: em 1977, último capítulo de Espelho Mágico». TV História. Consultado em 17 de maio de 2018 
  17. Marcelo Nascimento; Mauricio Stycer (17 de dezembro de 2017). «"Quem disse que acabou? Longe disso", diz o diretor do "Pânico"». UOL. Consultado em 17 de maio de 2017 
  18. Gabriel Vaquer (24 de outubro de 2017). «Sem Pânico, Band pode perder maior Ibope nacional e seu último programa de auditório». BOL. Consultado em 17 de maio de 2017 
  19. «Band troca Pânico por Copa do Mundo». Gazeta Digital. 7 de novembro de 2017. Consultado em 17 de maio de 2017 
  20. Bárbara Sacchitiello (22 de fevereiro de 2018). «Band desiste de negociação e fica fora da Copa da Rússia». Meio&Mensagem. Consultado em 17 de maio de 2017 
  21. Leandro Sarubo (9 de janeiro de 2018). «Sem concorrência do "Pânico", RedeTV! vence Band na noite de domingo». Teleguiado. Consultado em 17 de maio de 2018 
  22. Luciano Guaraldo (6 de fevereiro de 2018). «Band transforma Datena em Silvio Santos para atrair famílias e mulheres». Notícias da TV. UOL. Consultado em 17 de maio de 2017 
  23. Datena mostra chamada de seu novo programa. Brasil Urgente. Band. 13 de março de 2018. Consultado em 19 de maio de 2018 
  24. Flávio Ricco; José Carlos Nery (6 de março de 2018). «Novo programa do Datena já tem data de estreia». Coluna Flávio Ricco. UOL. Consultado em 19 de maio de 2018 
  25. «Por estratégia, Band adia estreia de novo programa de Datena para o dia 22». UOL. 13 de abril de 2018. Consultado em 19 de maio de 2018 
  26. Leandro Sarubo (19 de abril de 2018). «Datena estreia aos domingos entrevistando Jair Bolsonaro». Teleguiado. Consultado em 19 de maio de 2018 
  27. «Datena estreia com nomes de peso e emociona convidado». Agora É com Datena. Band.com.br. 22 de abril de 2018. Consultado em 19 de maio de 2018 
  28. Sarah Mota Resende (22 de abril de 2008). «Na fuga do sensacionalismo, Datena mescla entretenimento, denúncias e assistencialismo». F5. Folha de S.Paulo. Consultado em 19 de maio de 2018 
  29. Maria Carolina Maia (17 de maio de 2018). «Datena promete domingo 'sem sensacionalismo', depois corrige: 'Bom gosto'». Veja. Consultado em 24 de maio de 2018 
  30. «Agora é com Datena estreia neste domingo: É um sonho realizado». Agora É com Datena. Band.com.br. 21 de abril de 2018. Consultado em 19 de maio de 2018 
  31. Fabrício Falcheti (25 de abril de 2018). «"Agora é com Datena" define seus próximos convidados em seis horas de duração». UOL. Consultado em 19 de maio de 2018 
  32. Lincoln de Brito (17 de abril de 2018). «"Agora é com Datena" mistura game, entrevista e show de calouros». TV Magazine. Consultado em 23 de maio de 2018 
  33. Mauricio Stycer (22 de abril de 2018). «Datena tropeça na missão impossível de ficar no ar por seis horas». Blog do Mauricio Stycer. UOL. Consultado em 19 de maio de 2018 
  34. Fabrício Falcheti (30 de abril de 2018). «"Agora é com Datena" desaba audiência em sua segunda edição». NaTelinha. UOL. Consultado em 23 de maio de 2018 
  35. Leandro Sarubo (25 de junho de 2018). «VÍDEO: Datena admite deixar Band na próxima semana para ser senador». Teleguiado. Consultado em 1 de julho de 2018 
  36. Jovem Pan debate: Datena lamenta a saída de Barbosa e sonha com o Senado. Jornal da Manhã. Jovem Pan. 10 de maio de 2018. Consultado em 1 de julho de 2018 
  37. Datena vai concorrer ao Senado em 2018. Brasil Urgente. Band. 28 de junho de 2018. Consultado em 1 de julho de 2018 
  38. TV, Notícias da (3 de janeiro de 2019). «Band cancela programa de Datena aos domingos e demite equipe da atração». Notícias da TV. Consultado em 3 de janeiro de 2019 

Ligações externasEditar