Abrir menu principal
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde outubro de 2011). Ajude a melhorar este artigo inserindo fontes.

Ana de Lobera Torres (Medina del Campo, 25 de novembro de 1545Bruxelas, 4 de março de 1621), mais conhecida como Ana de Jesús, foi uma freira e escritora espanhola.

InfânciaEditar

Foi batizada no mesmo dia que nasceu, pois nasceu surda e muda e assim permaneceu até os sete anos de idade, até começar a falar. Não chegou a conhecer o pai, já que o mesmo morreu poucos antes do nascimento de Ana. Teve um irmão mais velho, chamado Cristóbal, que depois foi jesuíta.

Ao completar nove anos de idade, morre a mãe de Ana e a tutela das crianças passou para a avó materna. No ano seguinte à tutela da avó, a criança fez voto de castidade, ainda que contra a vontade da avó, que intencionava orientá-la para o matrimônio.

Já em 1560, aos 15 anos de idade, decide com o irmão Cristóbal, ir viver em Plasencia, com a avó paterna, onde viveria por dez anos.

BibliografiaEditar

  • La Venerable Madre Ana de Jesús, discípula y compañera de la S.M. Teresa de Jesús y principal aumento de su orden. Fundadora de Francia y Flandes. Ángel, Manrique. 1632. Lucas de Meerbeeck. Bruxelas.
  • Vida devota de la beata madre María Ana de Jesús: religiosa del sacro, real, y militar Orden de Descalzos de Nuestra Señora de la Merced, Redención de Cautivos. 1748. Madrid: I. de Hernández Pacheco, 1784. (3ª Impresión).
  • Humor y espiritualidad en la escuela teresiana primitiva; Santa Teresa de Jésus, Jerónimo Gracián, Ana de Jesús, María de San José.

V.V.A.A. 1966. Burgos: Editorial "El Monte Carmelo", 1996.

  • Escritos y documentos de Ana de Jesús. 1996.
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ana de Jesús