Abrir menu principal
Bola na Rede
Antigo logo do programa
Informação geral
Formato Telejornal
Gênero esportivo
Duração 30 minutos
País de origem Brasil
Idioma original português
Produção
Diretor(es) Franz Vacek
Apresentador(es) Fernando Fontana
Exibição
Emissora de televisão original RedeTV-Logotipo.svg
Formato de exibição 480i (SDTV)
1080i (HDTV)
Transmissão original 21 de novembro de 1999 - presente

Bola na Rede é um programa esportivo brasileiro da RedeTV!, exibido na madrugada de domingo para segunda às 02h00. Era um programa de debates sobre futebol que esteve no ar entre 21 de novembro de 1999 e 15 de agosto de 2010 e retornou ao ar um ano e meio depois.

SinopseEditar

Estreou sob o comando de Juca Kfouri com debate esportivo fora dos padrões convencionais, ou seja, sem jogadores e técnicos de futebol.[1] Logo depois Roberto Avallone assumiu o comando do programa, dando ao Bola na Rede um toque especial com análises sobre futebol, polêmicas e muito humor. Ultimamente era apresentado pelo jornalista Fernando Vannucci.[2] O programa tinha como integrante fixo o ex-goleiro Ronaldo Giovaneli, que marcou época no Corinthians, além de jornalistas e convidados especiais. O programa saiu do ar em 15 de agosto de 2010, substituído pelo Belas na Rede, mesa-redonda composto somente por mulheres.

O programa voltou a ser exibido novamente apenas com 15 minutos de duração de Domingo para Segunda, logo após o É Notícia, e a partir de 21 de novembro de 2011, passou a ser exibido diariamente às 18h00, agora no comando de Gabriela Pasqualin.[3] sendo que com a volta do RedeTV! Esporte nos fins de tarde, voltou a ser exibido de madrugada.[4] Quem apresenta hoje é Fernando Fontana, com a participação de jornalistas convidados. Em maio de 2018, o programa voltou a ser diário, exibido às 18h00, com a apresentação de Silvio Luiz, tendo em vista os bons resultados obtidos pela exibição de um boletim esportivo feito pela emissora, durante o Operação de Risco. Em outubro de 2018, devido a estreia do Tricotando, novo programa de variedades da emissora, o esportivo deixa de ser diário e volta a ser exclusivamente semanal.

Caso VanucciEditar

Em 9 de julho de 2006, dia da final da Copa do Mundo, vencida pela Itália, o apresentador Fernando Vanucci apareceu no programa de um modo que chamou a atenção, alterado, aparentando estar sob efeito de álcool. Durante a apresentação, fez um comentário que ficou famoso: "A África do Sul é logo ali", referindo-se ao próximo Mundial de Futebol que ocorreria em 2010 na África do Sul. Depois, o apresentador se retrataria publicamente, afirmando que estava assistindo à final da Copa com amigos e familiares, e que durante o almoço havia bebido algumas taças de vinho. Afirmou que durante o almoço havia discutido com um familiar. Foi para casa bastante nervoso e tomou um remédio para pressão e dois comprimidos do relaxante muscular Lexotan antes de seguir para a emissora.[5] Por causa de sua condição, teve que deixar o estúdio e o programa passou a ser apresentado por Augusto Xavier. Nos programas seguintes, Vanucci voltou ao comando, sem maiores consequências.

Ver tambémEditar

Referências

Ligações externasEditar