Boxe nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020

Os torneios de boxe nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020 em Tóquio foram realizados entre os dias 24 de julho a 8 de agosto de 2021 no Ryōgoku Kokugikan.[1] Em 22 de maio de 2019, o Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou que a Associação Internacional de Boxe (AIBA) perdeu o direito de organizar a competição, devido a "questões nas áreas de finança, governança, ética, arbitragem e julgamento".[2] O boxe será organizado por uma força-tarefa liderada por Morinari Watanabe, presidente da Federação Internacional de Ginástica.[2]

Olympic Rings white.svg
Boxe nos
Jogos Olímpicos de Verão de 2020
Japão Tóquio, Japão
Dados
Participantes 291
Sede Ryōgoku Kokugikan
Dias de competição 16
Dias de finais 6
Eventos 13
Medalhistas
Medalha de ouro Ouro CubaCUB Cuba (4 medalhas)
Grã-BretanhaGBR Grã-Bretanha (2 medalhas)
ver a lista completa...
Medalha de prata Prata Estados UnidosUSA Estados Unidos (3 medalhas)
FilipinasPHL Filipinas (2 medalhas)
Grã-BretanhaGBR Grã-Bretanha (2 medalhas)
ver a lista completa...
Medalha de bronze Bronze ROCROC ROC (4 medalhas)
ver a lista completa...
◄◄ Brasil 2016 Olympic Rings white.svg França 2024 ►►
Boxe nos
Jogos Olímpicos de Verão de 2020
Boxing pictogram.svg
Mosca masc fem
Pena masc fem
Leve masc fem
Meio-médio masc fem
Médio masc fem
Meio-pesado masc
Pesado masc
Superpesado masc
Ryōgoku Kokugikan

QualificaçãoEditar

Cada Comitê Olímpico Nacional teve a permissão de inscrever um atleta em cada categoria. Seis vagas (quatro homens e duas mulheres) foram reservada ao Japão, país-sede, enquanto oito outras vagas (cinco homens e três mulheres) foram alocadas à Comissão Tripartite.[3]

Todas as outras vagas serão alocadas através de Eventos de Qualificação Olímpica Continentais (um cada para África, América, Ásia/Oceania e Europa) de fevereiro de 2020 a junho de 2021, seguido por um evento de qualificação olímpica para os CONs sem um boxeador qualificado na categoria correspondente.[3]

Formato da competiçãoEditar

Em 23 de março de 2013, a AIBA instituiu alterações significativas no programa. A World Series of Boxing, liga de equipes profissionais da AIBA , consistindo em profissionais que assinaram contratos de 5 anos com a AIBA e competindo em carteis profissionais que levam até o torneio, também fornece um caminho para atletas recém profissionais manterem sua elegibilidade olímpica e seus laços com os comitês olímpicos nacionais. A eliminação do capacete e a adoção do sistema de pontuação de "10 pontos" posteriormente reduziu a delineação entre o formato amador e o profissional.[4][5]

O número de categorias de peso para homens foi reduzido de 10 para 8, com um aumento das categorias femininas de 3 para 5. O COI confirmou os limites de peso para todas as classes em 19 de junho de 2019.[6]

CalendárioEditar

PR Primeira rodada OF Oitavas-de-final QF Quartas-de-final SF Semifinais F Final
Data 24/07 25/07 26/07 27/07 28/07 29/07 30/07 31/07 01/08 02/08 03/08 04/08 05/08 06/08 07/08 08/08
Evento T N T N T N T N T N T N T N T N T N T N T N T N T N T N T N T N
Peso mosca masculino R32 OF QF SF F
Peso pena masculino R32 OF QF SF F
Peso leve masculino R32 OF QF SF F
Peso meio-médio masculino R32 OF QF SF F
Peso médio masculino R32 OF QF SF F
Peso meio-pesado masculino R32 OF QF SF F
Peso pesado masculino OF QF SF F
Peso superpesado masculino OF QF SF F
Peso mosca feminino R32 OF QF SF F
Peso pena feminino R32 OF QF SF F
Peso leve feminino R32 OF QF SF F
Peso meio-médio feminino R32 OF QF SF F
Peso médio feminino OF QF SF F

[7][8]

ParticipaçãoEditar

Nações participantesEditar

MedalhistasEditar

Masculino
Evento   Ouro   Prata   Bronze
Mosca
detalhes
Galal Yafai
 GBR Grã-Bretanha
Carlo Paalam
 PHI Filipinas
Ryomei Tanaka
 JPN Japão
Saken Bibossinov
 KAZ Cazaquistão
Pena
detalhes
Albert Batyrgaziev
 ROC ROC
Duke Ragan
 USA Estados Unidos
Lázaro Álvarez
 CUB Cuba
Samuel Takyi
 GHA Gana
Leve
detalhes
Andy Cruz
 CUB Cuba
Keyshawn Davis
 USA Estados Unidos
Harry Garside
 AUS Austrália
Hovhannes Bachkov
 ARM Armênia
Meio-médio
detalhes
Roniel Iglesias
 CUB Cuba
Pat McCormack
 GBR Grã-Bretanha
Andrey Zamkovoy
 ROC ROC
Aidan Walsh
 IRL Irlanda
Médio
detalhes
Hebert Conceição
 BRA Brasil
Oleksandr Khyzhniak
 UKR Ucrânia
Eumir Marcial
 PHI Filipinas
Gleb Bakshi
 ROC ROC
Meio-pesado
detalhes
Arlen López
 CUB Cuba
Benjamin Whittaker
 GBR Grã-Bretanha
Loren Alfonso
 AZE Azerbaijão
Imam Khataev
 ROC ROC
Pesado
detalhes
Julio César La Cruz
 CUB Cuba
Muslim Gadzhimagomedov
 ROC ROC
David Nyika
 NZL Nova Zelândia
Abner Teixeira
 BRA Brasil
Superpesado
detalhes
Bakhodir Jalolov
 UZB Uzbequistão
Richard Torrez
 USA Estados Unidos
Frazer Clarke
 GBR Grã-Bretanha
Kamshybek Kunkabayev
 KAZ Cazaquistão
Feminino
Evento   Ouro   Prata   Bronze
Mosca
detalhes
Stoyka Krasteva
 BUL Bulgária
Buse Naz Çakıroğlu
 TUR Turquia
Huang Hsiao-wen
 TPE Taipé Chinês
Tsukimi Namiki
 JPN Japão
Pena
detalhes
Sena Irie
 JPN Japão
Nesthy Petecio
 PHI Filipinas
Karriss Artingstall
 GBR Grã-Bretanha
Irma Testa
 ITA Itália
Leve
detalhes
Kellie Harrington
 IRL Irlanda
Beatriz Ferreira
 BRA Brasil
Sudaporn Seesondee
 THA Tailândia
Mira Potkonen
 FIN Finlândia
Meio-médio
detalhes
Busenaz Sürmeneli
 TUR Turquia
Gu Hong
 CHN China
Lovlina Borgohain
 IND Índia
Oshae Jones
 USA Estados Unidos
Médio
detalhes
Lauren Price
 GBR Grã-Bretanha
Li Qian
 CHN China
Nouchka Fontijn
 NLD Países Baixos
Zemfira Magomedalieva
 ROC ROC

Quadro de medalhasEditar

     País sede destacado

 Ordem  País         Ordem
por total
1  CUB Cuba 4   1 5 3
2  GBR Grã-Bretanha 2 2 2 6 1
3  ROC ROC 1 1 4 6 1
4  BRA Brasil 1 1 1 3 5
5  TUR Turquia 1 1   2 8
6  JPN Japão 1   2 3 5
7  IRL Irlanda 1   1 2 8
8  BUL Bulgária 1     1 12
8  UZB Uzbequistão 1     1 12
10  USA Estados Unidos   3 1 4 4
11  PHL Filipinas   2 1 3 5
12  CHN China   2   2 8
13  UKR Ucrânia   1   1 12
14  KAZ Cazaquistão     2 2 8
15  ARM Armênia     1 1 12
15  AUS Austrália     1 1 12
15  AZE Azerbaijão     1 1 12
15  TPE Taipé Chinês     1 1 12
15  FIN Finlândia     1 1 12
15  GHA Gana     1 1 12
15  IND Índia     1 1 12
15  ITA Itália     1 1 12
15  NED Países Baixos     1 1 12
15  NZL Nova Zelândia     1 1 12
15  THA Tailândia     1 1 12
TOTAL 13 13 26 52

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Tokyo 2020: Boxing». Consultado em 22 de julho de 2018 
  2. a b Ingle, Sean (22 de maio de 2019). «Aiba stripped of right to run boxing tournament at Tokyo Olympics». The Guardian. Consultado em 22 de maio de 2019 
  3. a b «Tokyo 2020 – Boxing Qualification System» (PDF). IOC. Consultado em 19 de junho de 2019 
  4. «Changes of rules move Olympic Boxing closer to its professional counterpart and split opinions». Rio 2016. 1 de novembro de 2013. Consultado em 30 de janeiro de 2015. Cópia arquivada em 16 de dezembro de 2015 
  5. «Olympic boxing drops head guards». ESPN. 23 de março de 2013. Consultado em 30 de janeiro de 2015 
  6. «IOC EXECUTIVE BOARD APPROVES QUALIFICATION PATHWAY FOR ATHLETES IN BOXING ON THE ROAD TO TOKYO 2020». olympic.org. IOC. 19 de junho de 2019. Consultado em 19 de junho de 2019 
  7. «Schedule - Boxing Tokyo 2020 Olympics». Olympian Database. Consultado em 1 de março de 2020 
  8. «Boxing Competition Schedule». Tokyo 2020. Consultado em 1 de março de 2020 
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Boxe nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020

Ligações externasEditar