Abrir menu principal

Brandon Ingram

basquetebolista estadunidense

Brandon Xavier Ingram (nascido em 2 de setembro de 1997) é um jogador de basquete profissional americano que joga como Ala no New Orleans Pelicans da National Basketball Association (NBA). Ele foi selecionado pelo Lakers com a segunda escolha geral no draft da NBA de 2016 e foi nomeado para a Segunda-Equipe de Novatos da NBA.

Brandon Ingram
20150329 MCDAAG closed practice Brandon Ingram (1).JPG
Ingram em março de 2015
Informações pessoais
Nome completo Brandon Xavier Ingram
Data de nasc. 2 de setembro de 1997 (21 anos)
Local de nasc. Kinston, Carolina do Norte, Estados Unidos
Altura 2,05 m (6 ft 9 in)
Peso 86 kg (190 lb)
Informações no clube
Clube atual New Orleans Pelicans
Número 14
Posição Ala
Clubes de juventude
2015–2016 Duke Blue Devils
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
20162019
2019
Los Angeles Lakers
New Orleans Pelicans
190 (2,639)

Ingram teve uma carreira bem sucedida no ensino médio na Carolina do Norte, onde ganhou títulos estaduais em seus quatro anos de ensino médio e foi nomeado Mr. Basketball da Carolina do Norte. Ele jogou uma temporada de basquete universitário em Duke, onde ele foi nomeado Novato do Ano da Atlantic Coast Conference. Após a temporada, Ingram decidiu renunciar a sua elegibilidade universitária restante e se declarar para o draft da NBA.

Índice

Inicio da vidaEditar

Ingram nasceu em 2 de setembro de 1997 em Kinston, Carolina do Norte. Ele é o filho de Donald e Joann Ingram. Ele tem dois meio-irmãos, um irmão mais velho, Donovan, e uma irmã mais velha, Brittany.[1] Ele compartilha o pai com Donovan e a mãe com Brittany. O pai de Ingram começou sua carreira como policial e gerente de uma academia local, mas agora está trabalhando em tempo integral em uma fábrica de solda, onde faz empilhadeiras.[2] Antes disso, Donald era um aspirante a estrela, jogando nas ligas semi-profissionais. Quando ele voltou para Kinston, seu pai começou a jogar com um jovem Jerry Stackhouse, que estava jogando contra jogadores mais velhos e mais experientes para ajudá-lo a elevar seu jogo. Stackhouse, um ex-astro da NBA e nativo de Kinston, começou uma amizade com o pai de Ingram na quadra de basquete.

Enquanto Ingram cresceu em uma casa de um andar na Highland Avenue em Kinston, seu irmão Donovan cresceu em uma casa diferente, mas passava fins de semana com Brandon, ensinando-lhe basquete.[3] Kinston teve uma taxa de criminalidade extremamente alta, mas Ingram manteve seu foco no basquete. Antes de Ingram ser um adolescente, seu irmão permitiu que ele jogasse com ele e seus amigos mais velhos. Ele descreveu essa experiência como "a melhor coisa que já aconteceu". Seu irmão, conhecido como Bo[4], passou a jogar basquete universitário no South Plains College (2008-2010) e no UT Arlington (2010–2012).[5]

Quando Brandon alcançou o oitavo ano, Stackhouse tornou-se o treinador da Athletic Union (AAU) e orientou o jovem jogador de basquete.[6] Essas influências "me levaram ao próximo nível", disse Ingram, cuja fundação como jogador veio de seu pai. Ingram jogou todos os quatro anos de sua carreira de basquete no colégio Kinston High School e ajudou a levar Kinston a quatro campeonatos estaduais consecutivos.[7]

Carreira no ensino médioEditar

 
Ingram no All-American Game do McDonald's de 2015

Durante o seu primeiro ano na Kinston, ele era banco no time de basquete do colégio, mas ao longo do caminho seu papel cresceu.[8] Em seu primeiro ano com o Kinston Vikings, a equipe derrotou a Cuthbertson High School por três pontos para ganhar o campeonato estadual de basquete NCHSAA 2-A 2012 no Reynolds Coliseum.[9]

No segundo ano, Kinston derrotou Cuthbertson pelo segundo ano consecutivo para ganhar o título de estado e Ingram teve uma média de 12,4 pontos por jogo, 3,9 rebotes por jogo e 1,5 assistências por jogo.[10]

Antes do início de seu terceiro ano, Ingram começou a mostrar melhorias durante o verão de 2013 e entrou no ano com altas expectativas e recebeu grande atenção dos treinadores da faculdade que estavam alinhados para recrutar Ingram para uma escola da Divisão I. Ingram levou o Kinston Vikings ao seu terceiro título consecutivo, com 28 pontos e 16 rebotes contra North Rowan.[11] Durante a temporada, os Vikings ficaram invictos em sua conferência com um recorde geral de 26-4, enquanto Ingram tinha uma média de 19,5 pontos, 9,1 rebotes, 2,5 bloqueios e 1,5 assistências por jogo e foi nomeado MVP da região.[12]

Em seu última ano, ele teve uma média de 24,3 pontos e 10,4 rebotes por jogo e levou os Vikings a um recorde de 26-4.[13] No Spalding Hoophall Classic, Kinston conseguiu uma virada no quarto quarto, derrotando a Trenton Catholic Academy por 56-54 com Ingram fazendo 22 pontos.[14] Em seu último jogo de basquete colegial, ele foi nomeado MVP da final do campeonato estadual depois de marcar 28 pontos, 10 rebotes e 5 bloqueios em uma vitória sobre East Lincoln High School. Isso fez de Ingram o primeiro jogador de basquete masculino a vencer quatro campeonatos consecutivos na North Carolina High School Athletic Association (NCHSAA). Os Vikings também se tornaram a primeira escola Classe 2A na história da Carolina do Norte a conquistar quatro títulos estaduais consecutivos. Após a temporada, Ingram participou do All-American Game McDonald's de 2015, onde marcou 15 pontos e teve cinco rebotes.

Ingram foi classificado como um recruta de cinco estrelas e foi considerado entre os melhores alunos do ensino médio de 2015. Ele foi classificado como recruta geral No. 3 pela ESPN e Scout, bem como No. 4 geral pela Rivals.[15][16] Ele foi nomeado Mr. Basketball da Carolina do Norte e Jogador do Ano pela Associação de Treinadores da Carolina do Norte (NCBCA).[17]

Em 27 de abril de 2015, ele anunciou que participaria da Duke e jogará no Blue Devils na temporada 2015-16. Ingram disse que "provavelmente" teria se comprometido com a Universidade Estadual da Carolina do Norte em novembro, se eles não estivessem envolvidos em um "escândalo acadêmico de longo alcance".[18]

Carreira universitáriaEditar

Ingram começou seu primeiro ano de basquete universitário jogando dois jogos de exibição contra Florida Southern e Livingstone.[19] Em sua estréia, Ingram marcou 15 pontos contra o Siena.[20] No segundo jogo, ele marcou 21 pontos para ajudar Duke a derrotar Bryant no 2K Sports Classic.[21] Durante um período de cinco jogos em dezembro, Ingram teve uma média de 21,2 pontos e 8,8 rebotes.[22] Depois de ter 24 pontos e 6 rebotes o ACC-Big Ten Challenge em 2 de dezembro[23], Ingram fez 23 pontos para liderar Duke sobre Buffalo.[24] Por seus esforços, ele recebeu sua primeira honraria de Novato da Semana da ACC.[25]

Em 12 de dezembro de 2015, Ingram marcou 26 pontos e pegou 14 rebotes em uma vitória em casa sobre Georgia Southern.[26] Nesse mesmo mês, ele marcou 25 pontos e teve 9 rebotes em uma vitória sobre Boston College em sua estréia no ACC. Depois de ter sido eleito Novato Nacional da Semana e Novato da Semana da ACC por duas vezes no mês de janeiro, Ingram ajudou Duke a quebrar uma série de três derrotas, marcando 25 pontos e 7 rebotes contra NC State.[27]

Em fevereiro de 2016, ele foi eleito o Novato da Semana da ACC pela quarta vez, após uma média de 21,5 pontos, 8,5 rebotes e 2,5 assistências na semana, quando Duke derrotou Louisville e Virgínia. Naquele mesmo mês, Ingram foi nomeado para a lista de observação de 35 homens do prêmio de Melhor Jogador do Ano da Naismith College.[28] Em um jogo contra Carolina do Norte, Ingram fez 20 pontos e pegou 10 rebotes para dar a Duke uma vitória de apenas um ponto sobre Tar Heels em 17 de fevereiro.[29]

No Torneio da NCAA de 2016, Duke venceu a partida da primeira rodada contra UNC Wilmington.[30] Depois de derrotar Yale no segundo round, Duke foi derrotado no Sweet 16 por Oregon, apesar dos 24 pontos no Ingram.[31] Em 36 jogos para Duke em 2015-16, Ingram teve uma média de 17,3 pontos, 6,8 rebotes e 2,0 assistências em 34,6 minutos por jogo. Ele terminou o torneio com uma média de 23,0 pontos junto com 6,3 rebotes e 2,7 assistências nos três jogos. Ele posteriormente ganhou o Novato do Ano da ACC e menção honrosa All-American da AP. [32]

Ingram teve uma das melhores temporadas de sempre para um jovem jogador de Duke, ficando entre os 3 melhores entre os calouros de todos os tempos da escola em pontuação (terceiro), três pontos (segundo) e jogos de 20 pontos (empatado em segundo).[33] Em 4 de abril de 2016, Ingram se declarou para o draft de 2016 da NBA, renunciando aos seus últimos três anos de elegibilidade na faculdade.[34]

EstatísticasEditar

Ano Time J MPJ FG% 3P% FT% RPJ APJ SPJ BPJ PPJ
2015–16 Duke 36 34.6 .442 .410 .682 6.8 2.0 1.1 1.4 17.3

Carreira profissionalEditar

Los Angeles Lakers (2016 – presente)Editar

Temporada de calouro (2016–17)Editar

Em 23 de junho de 2016, Ingram foi selecionado com a segunda escolha geral no Draft da NBA de 2016 pelo Los Angeles Lakers.[35] Tendo 18 anos na época, ele foi o segundo jogador mais jovem selecionado em 2016.[36] Em 23 de agosto de 2016, ele assinou seu contrato de novato com os Lakers.[37]

Ele fez sua estréia pelo Lakers na abertura da temporada em 26 de outubro de 2016, marcando nove pontos vindo do banco na vitória por 120-114 sobre o Houston Rockets.[38] Em 23 de novembro, em seu primeiro jogo como titular de carreira, Ingram marcou 16 pontos em uma derrota por 149-106 para o Golden State Warriors. Em 2 de dezembro, ele marcou 17 pontos em uma derrota por 113-80 para o Toronto Raptors.

Em 17 de dezembro, ele teve nove pontos, 10 rebotes e nove assistências, terminando apenas uma assistência e um ponto de se tornar o mais jovem jogador da história da NBA a registrar um triplo-duplo na derrota por 119-108 para o Cleveland Cavaliers.[39] Em 6 de janeiro de 2017, ele teve seu segundo jogo de 17 pontos da temporada em uma vitória por 127-100 sobre o Miami Heat.[40] Dois dias depois, ele teve outro jogo de 17 pontos em uma vitória por 111-95 sobre o Orlando Magic.[41]

Durante o fim de semana All-Star da NBA, ele participou do Desafio das Estrelas em Ascensão junto com o companheiro de equipe D'Angelo Russell.[42]

Ele marcou a marca de 20 pontos pela primeira vez em sua carreira em 26 de fevereiro, marcando 22 pontos em uma derrota por 119-98 para o San Antonio Spurs. No final da temporada, ele foi nomeado para a Segunda-Equipe dos novatos da NBA.[43]

Temporada de 2017–18Editar

Durante seu único jogo na Liga de Verão, Ingram marcou 26 pontos e de acordo com o Los Angeles Times: "teve uma estréia fabulosa [...] e superou todos os outros jogadores na quadra".[44]

Em 20 de outubro de 2017, ele marcou 25 pontos em uma vitória de 132-130 sobre o Phoenix Suns.[45] Em 15 de novembro de 2017, ele marcou 26 pontos e pegou 11 rebotes na derrota por 115-109 para o Philadelphia 76ers.[46] Em 29 de novembro, ele marcou 32 pontos em uma derrota de 127-123 para o Golden State Warriors. Em 7 de dezembro, ele marcou 21 pontos, incluindo a cesta de 3 pontos com 0,8 segundos restantes, levando os Lakers a uma vitória por 107-104 sobre o 76ers para acabar com uma série de cinco derrotas. [47]

Em 5 de janeiro de 2018, ele teve 22 pontos e 14 rebotes em uma derrota por 108-94 para o Charlotte Hornets.[48] Pelo segundo ano, ele participou do Rising Stars Challenge durante o All-Star Weekend da NBA na equipe dos EUA.[49]

Em 1º de março, Ingram sofreu uma lesão na virilha que faria com que ele perdesse 12 jogos seguidos.[50] Ele retornou em 30 de março contra o Milwaukee Bucks, mas sofreu uma contusão no músculo do pescoço durante o jogo e foi colocado no protocolo de concussão da NBA, fazendo com que ele perdesse o resto da temporada.

Temporada 2018-19Editar

Ingram recebeu uma suspensão de quatro jogos no início da temporada 2018-19 por seu envolvimento em uma briga contra o Houston Rockets em 20 de outubro.[51][52]

PerfilEditar

 
Ingram durante treinos no All-American Game do McDonald's de 2015

Com 2,06m de altura e pesando 86 kg, o Ingram joga principalmente como Ala.[53] Seus longos braços, que se estendem até uma altura de 2,13 e 7,62cm de envergadura e um alcance de 2,74 e 2,5 de distância, permitem que ele seja atingido por defensores e bloqueie arremessos.[54]

Ingram é comparado frequentemente com Kevin Durant, após o qual ele padronizou seu estilo de jogo revelando: "Eu tento tirar pedaços do jogo dele [Durant] e colocá-lo no meu jogo [mas] no final do dia, ele é Kevin Durant e eu sou Brandon Ingram ".[55] Como Durant, o adolescente tem sido criticado por seu corpo magro; No entanto, um treinador da Western Conference afirmou que Ingram é "apenas fraco agora. Ele não é suave, por qualquer trecho da imaginação." [56]

Depois de uma prática do Team USA, Durant disse aos repórteres que Ingram é "a primeira pessoa que eu pude olhar para ele e sentir como se estivesse me olhando no espelho".[57] Em seu ano de estreia, Ingram foi utilizado como Ala-pivô pelo técnico Luke Walton, que afirmou que "isso ajuda a engajar [Ingram] no jogo".[58]

Fora da quadraEditar

Crescendo, uma de suas coisas favoritas para fazer era pescar com sua avó em Atlantic Beach.[59]

Ingram assinou com a Excel Sports Management e é representada pelo fundador e presidente do Jeff, Jeff Schwartz.[60] Em 2016, ele optou por assinar um contrato de patrocínio com a Adidas Basketball e fez uma aparição em um comercial para o Speed ​​Stick, juntamente com o então armador do Minnesota Timberwolves, Kris Dunn.[61][62]

No início de 2017, ele se juntou ao artista de rua Jonas Never para a campanha "Beyond the Court" da Delta, que verá Ingram e o colega de equipe, Jordan Clarkson, explorarem suas paixões fora do basquete.[63] Enquanto Clarkson é um aspirante a designer de moda, a paixão de Ingram pela arte começou com ele desenhando jogadores de basquete e personagens de desenhos animados, o que foi reforçado por uma aula de desenho em Duke.

EstatísticasEditar

Temporada regularEditar

Ano Time J MPJ FG% 3P% FT% RPJ APJ SPJ BPJ PPJ
2016–17 L.A. Lakers 79 28.8 .402 .294 .621 4.0 2.1 .6 .4 9.4
2017–18 L.A. Lakers 59 33.5 .470 .390 .681 5.3 3.9 .8 .7 16.1
Total 138 30.8 .438 .329 .655 4.6 2.9 .7 .6 12.2

Prêmios e honrasEditar

NBAEditar

  • Segunda-Equipe dos novatos da NBA: 2017
  • Desafio das Estrelas em Ascensão: 2017, 2018

FaculdadeEditar

  • Rookie do Ano pela ACC: 2016

ColegialEditar

  • Campeão 4 × NCHSAA: 2012, 2013, 2014, 2015
  • Mr. Basketball da Carolina do Norte: 2015
  • McDonald's All-American: 2015
  • Primeira-Equipe Parade All-American: 2015
  • Nike Hoop Summit All-American: 2015

ReferênciasEditar

  1. «Duke's Brandon Ingram is rare case of a quiet, creative superstar». CBSSports.com (em inglês) 
  2. News, A. B. C. (24 de março de 2016). «Brandon Ingram's rise has brought a whole new batch of Duke fans». ABC News (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  3. Adams, Jonathan (23 de junho de 2016). «Brandon Ingram's Family: The Pictures You Need to See». Heavy.com (em inglês) 
  4. «UTAMavs.com :: The Official Site of the UT Arlington Mavericks». University of Texas Arlington (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  5. «Brandon Ingram Bio». goduke.com (em inglês) 
  6. «Farewell, Duke | By Brandon Ingram». The Players' Tribune (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  7. Editor, Jessika Morgan / Sports. «Brandon Ingram is The Free Press Player of the Year». The Free Press (em inglês) 
  8. «Brandon Ingram & Darnell Dunn Make NC History | Carolina Blitz». carolinablitz.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  9. WRAL. «Boys Basketball: Kinston vs. Cuthbertson (Mar. 10, 2012)». www.highschoolot.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  10. WRAL. «Kinston repeats as state champs with win over Cuthbertson» (em inglês) 
  11. WITN. «Kinston Wins Third Straight State Title» (em inglês) 
  12. «Schedule - Kinston Vikings 2013-14 Basketball (NC)». www.maxpreps.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  13. «Weddington's Stephanie Watts, Kinston's Brandon Ingram named Ms., Mr. Basketball in NC». charlotteobserver (em inglês) 
  14. «VIDEO: Brandon Ingram's 22 points, two dunks lead Kinston to win over Trenton Catholic at Hoophall Classic». masslive.com (em inglês) 
  15. «ESPN Basketball Recruiting - Player Rankings». ESPN.com 
  16. «2015 Basketball». www.scout.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  17. WRAL. «Brandon Ingram named player of the year by NCBCA» (em inglês) 
  18. «Elite recruit Brandon Ingram's attention on 4th title, then decision». charlotteobserver (em inglês) 
  19. «Kennard, Ingram Lead Duke Past Livingstone 119-54». goduke.com (em inglês) 
  20. «Siena vs. Duke - Game Recap - November 13, 2015 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  21. «Bryant vs. Duke - Game Recap - November 14, 2015 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  22. «Duke's Ingram excels thanks to Kinston roots». ESPN.com (em inglês) 
  23. «Indiana vs. Duke - Game Recap - December 2, 2015 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  24. «Buffalo vs. Duke - Game Recap - December 5, 2015 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  25. «Ingram Named ACC Rookie of the Week». The Devils Den (em inglês) 
  26. «Georgia Southern vs. Duke - Game Recap - December 15, 2015 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  27. «Ingram Named ACC Rookie of the Week». The Devils Den (em inglês) 
  28. «Naismith Watch: Ben Simmons, Buddy Hield among midseason finalists | NCAA.com» (em inglês) 
  29. «Duke vs. North Carolina - Box Score - February 17, 2016 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  30. «Marshall Plumlee's big second half helps Duke subdue UNC Wilmington». ESPN.com (em inglês) 
  31. «Duke vs. Oregon - Game Recap - March 24, 2016 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  32. «Allen named 3rd team AP All-American, Ingram earns honorable mention». The Chronicle 
  33. Bresnahan, Mike. «Brandon Ingram ready to join Lakers' rebuilding process - Los Angeles Times». latimes.com. Consultado em 15 de novembro de 2018 
  34. «Likely lottery pick Ingram bolts Duke for draft». ESPN.com (em inglês) 
  35. «Lakers draft Duke's Ingram with No. 2 selection». ESPN.com (em inglês) 
  36. Writer, Staff (24 de agosto de 2016). «Brandon Ingram and NBA Rookie of the Year Odds - Lakers Nation». Lakers Nation (em inglês) 
  37. «Lakers Sign Brandon Ingram | Los Angeles Lakers». Los Angeles Lakers (em inglês) 
  38. «Rockets vs. Lakers - Game Recap - October 26, 2016 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  39. «Ingram, Young Provide Huge Nights In Loss to Cavs | Los Angeles Lakers». Los Angeles Lakers (em inglês) 
  40. «Heat vs. Lakers - Game Recap - January 6, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  41. «Magic vs. Lakers - Game Recap - January 8, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  42. Ganguli, Tania. «Lakers' Brandon Ingram and D'Angelo Russell are Rising Stars - Los Angeles Times». latimes.com. Consultado em 15 de novembro de 2018 
  43. «Draymond Green, Joel Embiid headline NBA's All-Defensive, All-Rookie team announcements» (em inglês) 
  44. Ganguli, Tania. «Lakers shut down Brandon Ingram for rest of Summer League - Los Angeles Times». latimes.com. Consultado em 15 de novembro de 2018 
  45. «Lonzo Lights Up Suns in Season's First Win | Los Angeles Lakers». Los Angeles Lakers (em inglês) 
  46. «Ingram, Kuzma Score Career-Highs in Slugfest Loss to Sixers | Los Angeles Lakers». Los Angeles Lakers (em inglês) 
  47. «Lakers vs. 76ers - Game Recap - December 7, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  48. «Hornets vs. Lakers - Game Recap - January 5, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  49. Bobb, Maurice. «NBA Rising Stars Challenge 2018: Rosters, Snubs, Predictions for USA vs. World». Bleacher Report (em inglês) 
  50. «Brandon Ingram Out At Least Two More Games». NBC Southern California (em inglês) 
  51. «Sources: NBA looking at Rondo spitting video». ESPN.com (em inglês) 
  52. «Ingram, Rondo, Paul get suspended for melee». ESPN.com (em inglês) 
  53. «NBA Draft 2016 small forward rankings: Brandon Ingram in a class of his own». CBSSports.com (em inglês) 
  54. «Brandon Ingram 2016 NBA Draft Profile - ESPN». ESPN.com. Consultado em 15 de novembro de 2018 
  55. «Ingram says he sees Durant comparisons». Silver Screen and Roll 
  56. Lane, Trevor, Lakers News: Coach Describes Brandon Ingram As 'Weak', But Not 'Soft' - Lakers Nation (em inglês), consultado em 15 de novembro de 2018 
  57. «Kevin Durant Declares Brandon Ingram Is 'Like I'm Looking In A Mirror'». UPROXX (em inglês). 20 de julho de 2016 
  58. «Lakers Experimenting With Brandon Ingram At Point Guard» 
  59. Bresnahan, Mike. «Duke's Brandon Ingram figures to be quite a catch for some NBA team - Los Angeles Times». latimes.com. Consultado em 15 de novembro de 2018 
  60. «Excel Sports Management Signs Potential Top NBA Draft Pick Brandon Ingram». www.sportsbusinessdaily.com (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2018 
  61. «adidas Signs Five Top Picks in 2016 NBA Draft». adidas NEWS STREAM (em inglês). 21 de junho de 2016 
  62. «- The Chronicle». The Chronicle 
  63. «Brandon Ingram: 6-foot-9 Lakers forward and aspiring artist» (em inglês) 

Ligações externasEditar