Abrir menu principal

Wikipédia β

Campeonato Baiano de Futebol de 2015

O Campeonato Baiano de Futebol de 2015 foi a centésima décima primeira edição da competição, realizado no estado da Bahia e organizado pela Federação Bahiana de Futebol.

Campeonato Baiano de Futebol Profissional
Edição 2015
Baianão 2015
Baiano2015.jpg
Dados
Participantes 12
Período 31 de janeiro – 3 de maio
Gol(o)s 126
Partidas 56
Média 2,25 gol(o)s por partida
Campeão Bahia (46° título)
Vice-campeão Vitória da Conquista
Rebaixado(s)
Melhor marcador 8 gols:
Melhor ataque 34 gols:
Melhor defesa 4 gols:
Maiores goleadas
(diferença)
Bahia 7 - 1 Feirense
Arena Fonte NovaSalvador
8 de março, 6ª rodada
 
Bahia 6 - 0 Vitória da Conquista
Arena Fonte NovaSalvador
3 de maio, Final
Outras divisões
Premiações
Melhor jogador
(FBF)
Kieza (Bahia)
Melhor treinador
(FBF)
Sérgio Soares (Bahia)
Melhor árbitro
(FBF)
Lúcio José Silva de Araújo
◄◄ 2014 Soccerball.svg 2016 ►►

O Bahia foi o campeão da edição, conquistando o seu 46º título da competição, o segundo consecutivamente, sobre o Vitória da Conquista pelo placar de 6 a 0 na Arena Fonte Nova, no segundo jogo da final.[1] Na disputa dos terceiro e quarto lugares, o Juazeirense ganhou a disputa vencendo o segundo jogo, em casa, por 2 x 0 sobre o Colo Colo e optou pela vaga na Copa do Nordeste de 2016, sobrando a Série D 2015 para a equipe de Ilhéus.[2]

Índice

RegulamentoEditar

Na primeira fase, as equipes foram divididas em dois grupos e disputaram jogos só de ida, 3 em casa e 3 fora, um grupo contra o outro. Bahia e Vitória foram os "cabeças de chave". Os oito melhores times na classificação geral, independentemente do grupo em que estão, garantem vaga na próxima fase. A partir daí, o campeonato entra na fase de mata-mata: quartas, semi e final, todos com jogos de ida e volta. Nas quartas de final, o time de melhor campanha na primeira fase enfrenta o 8°, o 2° pega o 7°, o 3° duela com o 6° e o 4° enfrenta o 5°. Se as duas partidas persistirem no 0 x 0, encaminham-se para os pênaltis, assim como com os que lutam contra o rebaixamento. Na disputa contra o rebaixamento, em 2015, a briga é direta, em um quadrangular. Os quatro últimos se enfrentam: o 9º pega o 12º e o 10º duela com o 11º em partidas de ida e volta. Os dois derrotados caem para a segunda divisão estadual.

O campeão e o vice disputarão a Copa do Nordeste de 2016 e a Copa do Brasil de 2016. A equipe que conquistar o 3º lugar terá direito a escolher uma vaga na Copa do Nordeste de 2016 ou na Série D do Campeonato Brasileiro de 2015. A competição que vai ser disputada será definida pela vontade do clube. O time que ficar em 4º herda a vaga no torneio que for dispensado pelo 3º colocado.[3]

Clubes participantesEditar

Locais de disputaEditar

TelevisãoEditar

Pelo quinto ano consecutivo, a TV Bahia (afiliada da Rede Globo) e suas afiliadas detém todos os direitos de transmissão para a temporada de 2015 pela TV aberta e em pay-per-view, através do canal Premiere FC.[carece de fontes?]

Primeira faseEditar

Grupo 1 Bahia, Bahia de Feira, Colo Colo, Galícia, Juazeirense, Serrano
Grupo 2 Catuense, Feirense, Jacobina, Jacuipense, Vitória, Vitória da Conquista

ClassificaçãoEditar

Pos. Times P J V E D GP GC SG %
Vitória da Conquista 14 6 4 2 0 8 3 5 77.78% Zona de classificação às quartas-de-final
Bahia 10 6 3 1 2 14 7 7 55.56%
Vitória 10 6 2 4 0 4 1 3 55.56%
Jacuipense 9 6 2 3 1 9 6 3 50.00%
Juazeirense 9 6 2 3 1 4 5 -1 50.00%
Colo Colo 8 6 2 2 2 2 2 0 44.44%
Galícia 8 6 2 2 2 5 6 -1 44.44%
Bahia de Feira 8 6 1 5 0 3 2 1 44.44%
Catuense 7 6 2 1 3 7 6 1 38.89% Zona da disputa contra o rebaixamento
10º Serrano 7 6 2 1 3 7 9 -2 38.89%
11º Jacobina 3 6 0 3 3 2 6 -4 16.67%
12º Feirense 1 6 0 1 5 1 13 -12 5.56%

JogosEditar

Para ler a tabela, a linha horizontal representa os jogos da equipe como mandante. A coluna vertical indica os jogos da equipe como visitante.

  BAH BFE CAT COL FEI GAL JCB JAC JZE SER VIT VCO
Bahia 2–0 7–1 3–1
Bahia de Feira 2–1 0–0 0–0
Catuense 0–0 3–0 3–1
Colo Colo 1–0 0–0 0–1
Feirense 0–0 0–2 0–2
Galícia 1–0 0–0 1–2
Jacobina 1–1 0–1 0–0
Jacuipense 2–1 4–1 1–2
Juazeirense 1–0 0–0 0–0
Serrano 1– 0 2–2 0–2
Vitória 1–1 0–0 1–0
Vitória da Conquista 2–0 1–1 2–1

Desempenho por rodadaEditar

Fase finalEditar

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito os times classificados.

Quartas de final Semifinais Final
    5 e 19 de abril  26 de abril e 3 de maio
                                     
 Bahia de Feira 0 2 2  
 Vitória da Conquista 0 2 2  
   Vitória da Conquista 3 1 4  
   Colo Colo 0 1 1  
 Colo Colo 1 2 3
 Vitória 2 0 2  
   Vitória da Conquista 3 0 3
   Bahia 0 6 6
 Juazeirense 1 3 4  
 Jacuipense 1 1 2  
   Juazeirense 1 2 3
   Bahia 2 3 5
 Galícia 0 0 0
 Bahia 5 4 9
  Disputa do 3° lugar
         
 Colo Colo 1 0 1
 Juazeirense 0 2 2
Campeão Baiano de 2015
 
Bahia
46° título

Disputa contra o rebaixamentoEditar

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito os times rebaixados.

  Chave 1
         
 Feirense 2 1 3
 Catuense 2 0 2
  Chave 2
         
 Jacobina 1 3 4
 Serrano 1 1 2
Vice-campeão: Terceiro colocado: Artilheiro: Melhor goleiro:
Vitória da Conquista Juazeirense Kieza (Bahia) Léo (Bahia de Feira)

Classificação finalEditar