Abrir menu principal

Léo Gamalho

futebolista brasileiro

Leonardo Gamalho de Souza, mais conhecido como Léo Gamalho, ou simplesmente Léo, ou Gamalho[6] (Porto Alegre, 30 de janeiro de 1986), é um futebolista brasileiro que atua como atacante.[1] Atualmente joga pelo Criciúma.

Léo Gamalho
Informações pessoais
Nome completo Leonardo Gamalho de Souza
Data de nasc. 30 de janeiro de 1986 (33 anos)
Local de nasc. Porto Alegre (RS), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,88 m
Destro[1]
Apelido Léo Gamalho,
Ibra[2]
Samurai Tricolor[2]
Ibrahimović do Cerrado[2]
Ibra do Nordeste[3]
Ibra da Ilha[4]
Gamalhović[5]
Zlatan Brasileiro[6]
Informações profissionais
Período em atividade 2003presente (16 anos)
Clube atual Criciúma
Número 99
Posição Atacante[1]
Clubes de juventude
1997–2002
2003
Grêmio
River Plate
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2004–2005
2006
2007
2007–2008
2009
2010
2011
2012
2012
2013
2013
2014
2015
2015
2016
2016–2017
2017
2018
2019–
Internacional
Botafogo
América de Natal
Valdevez
Shenyang Dongjin
Pudong Zobon
Grêmio Barueri
ABC
Caxias
ASA
Ceará
Santa Cruz
Bahia
Avaí
Nacional
Goiás
Ponte Preta
Pohang Steelers
Criciúma
0000 0000
0000 00000
00000 00000
000002 00000(0)
00000 00000
0000 00000
000027 00000(3)
000003 00000(0)
00000 00000
000035 0000(14)
000025 00000(6)
000057 0000(32)
000029 00000(7)
000014 00000(5)
000016 00000(2)
000049 0000(24)
000015 00000(3)
000028 00000(6)
000036 0000(13)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 21 de maio de 2019.

CarreiraEditar

Passou pelos juvenis do River Plate, realizando 4 jogos e marcando 5 golos. Antes de viajar para Portugal, esteve no América de Natal, onde fez 4 golos em 4 jogos, além de ter jogado no Cruzeiro.

Teve passagem por 2 times da China, em 2009 assinou com o Shenyang Dongjin.[7] No ano seguinte assinou com o Pudong Zobon.[8]

No final de dezembro de 2011, foi anunciado como reforço do ABC para a temporada 2012[9].

ASAEditar

Em janeiro de 2013 foi anunciado como novo reforço do ASA para disputar a Copa do Nordeste 2013. Sua estreia ocorreu já na primeira rodada, na qual o ASA venceu o Salgueiro em casa por 2x0. Nas quartas de final marcou seu primeiro gol pelo clube, justamente o gol que garantiu a classificação do ASA para a semifinal diante do ABC na vitória por 2x1 em pleno Frasqueirão. No jogo de ida da semifinal, Léo foi decisivo marcando dois gols, mas não conseguiu evitar que o ASA cedesse o empate em casa contra o Ceará por 3x3. Entretanto no jogo de volta foi dele o gol que deu a vitória por 1x0 ao ASA, resultado que classificou o clube arapiraquense para a decisão. Pelo Campeonato Alagoano 2013 destacou-se ao lado de Didira conduzindo o ASA até a semifinal, onde foram eliminados pelo CSA. Em toda sua passagem pelo ASA, Léo Gamalho disputou 23 jogos e balançou as redes em 14 oportunidades.

CearáEditar

Em 2013, depois de brilhar pelo ASA, assinou contrato com o Ceará.[10] Sua passagem pelo Ceará não foi tão boa como se esperava. Disputou a Série B 2013 e marcou 6 gols. No dia 5 de outubro fez um gol contra o seu ex-clube e comemorou de frente a torcida do ASA, que não economizou nas vaias; A partida acabou 3x1 para o Ceará.

Santa CruzEditar

No começo de 2014, assinou com o Santa Cruz por um ano[11][12]. Foi artilheiro do Campeonato Pernambucano de 2014 com 12 gols. Em um jogo pela Copa do Brasil contra o Lagarto onde o Santa Cruz ganhou pelo placar de 3x1, Flávio Caça-rato marca um gol aos 45 minutos mas na sumula do juiz conta como gol de Léo Gamalho. Em jogo contra o Vasco da Gama terminado com o placar de 1x0 pro Santa Cruz, Léo chegou a marca de 50 jogos pelo Santa Cruz e 28 gols.[13] Na Copa do Brasil de 2014, faz 6 gols em 5 jogos dividindo a artilharia com Gabriel do Santos e Bill do Ceará.[14] Terminou o ano de 2014 com com 32 gols em 57 jogos. No final de 2014 não renovou o contrato com o clube.

BahiaEditar

Em 2015, foi o camisa 11 do Bahia, fez sua estreia pelo tricolor na partida contra o Jacobina pelo campeonato baiano, marcou seu primeiro gol no dia 25 de fevereiro contra Catuense. Em 8 de março Gamalho faz hat-trick pelo Campeonato Baiano contra o Feirense partida vencida por 7 x 1.

AvaíEditar

Em 19 de agosto acertou sua ida para o Avaí para a disputa do Campeonato Brasileiro da Séria A de 2015.[15]

Logo na sua estréia já fez dois gols na derrota de 5x2 para o Santos em São Paulo, pela 20ª rodada do Brasileirão, trazendo confiança para a torcida. Em seu segundo jogo com a camisa do Avaí, foi decisivo na vitória por 3x0 sobre o Internacional na Ressacada, marcando dois gols e sendo o melhor jogador em campo, com suas duas atuações começou a cair nas graças da torcida, que gritou seu nome no fim da partida e o apelidou de Ibra da Ilha.

NacionalEditar

Sem renovar com o Avaí, Léo Gamalho acertou com o Nacional, contrato válido por 6 meses.[16] Pelo Nacional Léo Gamalho disputou a Copa Libertadores da América, onde ajudou sua equipe a se classificar para as quartas de final, onde foi eliminado pelo Boca Juniors.

GoiásEditar

2016Editar

Após o fim do contrato com o time uruguaio, Léo Gamalho acertou com o Goiás até o final de 2017.[17] Logo na estreia Léo Gamalho marcou seu primeiro gol pelo clube esmeraldino na vitória por 2 a 0 sobre o Ceará. Já no jogo seguinte fez o gol que garantiu o empate contra o Vasco da Gama no Estádio Serra Dourada por 1 a 1. Em seu terceiro jogo marcou outro gol, mas não conseguiu evitar a derrota para o Bahia por 4 a 2 na Arena Fonte Nova. Em seu quarto jogo pelo Goiás fez seu quarto gol pelo clube, ajudando na vitória sobre o Oeste por 2 a 0. Em 29 de setembro fez dois gols e foi o nome da goleada aplicada sobre o Paraná Clube no Serra Dourada por 4 a 0, alcançando a marca de 6 gols marcados em 5 jogos com a camisa do clube esmeraldino. Seu começo no clube anima o torcedor esmeraldino que começa a ver o clube reagir na competição. No dia 7 de outubro marcou mais dois na vitória sobre o Bragantino por 2 a 1 no Serra Dourada, alcançando a marca de oito gols marcados em seis partidas com a camisa do esmeraldino, sendo apelidado de "Ibra do Cerrado" pelos torcedores. Voltou a marcar no clássico contra o Atlético Goianiense no Serra Dourada no dia 5 de novembro, no qual o clube esmeraldino perdeu por 4x2. No dia 11 do mesmo mês fez mais dois na vitória de virada sobre o Joinville por 3x2.

2017Editar

Foi um dos destaques da campanha do título do Campeonato Goiano de 2017 e fez parte da Seleção do campeonato.

Em 13 de abril, foi decisivo na partida contra o Fluminense, pela terceira fase da Copa do Brasil, na qual marcou, de pênalti, um dos gols da emocionante vitória de virada por 2x1 no Estádio Serra Dourada. Apesar do bom resultado em casa, o clube acabou sendo eliminado no Maracanã por 3x0.

Voltou a marcar pelo Goiás em 29 de julho na vitória sobre o CRB por 3x0 no Serra Dourada pela Série B, depois de três meses de jejum.

Em 12 de agosto de 2017, Léo Gamalho acertou sua rescisão de contrato com o Goiás.[18]

Ponte PretaEditar

Após rescindir seu contrato com o Goiás foi anunciado como novo reforço da Ponte Preta para a disputa do Campeonato Brasileiro. Já na sua estreia fez seu primeiro gol pelo clube, mas não conseguiu evitar a derrota no Moisés Lucarelli por 2x1 para o Atlético Mineiro.

TítulosEditar

ArtilhariasEditar

Vida pessoalEditar

O jogador é irmão do cantor de música Vini Gamalho sertanejo universitário. Quando marca um hat-trick (três gols numa mesma partida), costuma pedir músicas de seu irmão no Fantástico, programa da Rede Globo. Sempre se mostra um atleta sereno e respeitoso nas entrevistas.

Referências

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Léo Gamalho