Abrir menu principal

Campeonato Gaúcho de Futebol de 2016 - Divisão de Acesso

Campeonato Gaúcho de Futebol
Divisão de Acesso de 2016
Campeonato Gaúcho de Futebol de 2016 - Série A2
Dados
Participantes 16
Organização FGF
Anfitrião  Rio Grande do Sul
Período 12 de março10 de julho
Gol(o)s 374
Partidas 161
Média 2,32 gol(o)s por partida
Campeão Bandeira de Caxias do Sul - RS.svg Caxias
Vice-campeão Bandeira Pelotas.png Pelotas
Rebaixado(s) Bandeira marau.png Marau
BandeiraSantaMariaRS.svg Riograndense
Bandeira Santo Angelo.JPG Santo Ângelo
Melhor marcador Jajá (Caxias) – 13 gols
Melhor ataque Caxias – 46 gols
Melhor defesa Caxias – 15 gols
Maior goleada
(diferença)
Caxias Bandeira de Caxias do Sul - RS.svg 7–0 Bandeira Santo Angelo.JPG Santo Ângelo
CentenárioCaxias do Sul
13 de abril, nona rodada (1ª fase)
◄◄ Rio Grande do Sul 2015 Soccerball.svg 2017 Rio Grande do Sul ►►

O Campeonato Gaúcho de Futebol da Divisão de Acesso de 2016 foi a 60ª edição da Divisão de Acesso do futebol gaúcho. A competição, organizada pela Federação Gaúcha de Futebol, foi disputada por dezesseis equipes entre os meses de março e julho e garantiu à equipe campeã o acesso à Primeira Divisão de 2017. Em 14 de fevereiro, a FGF suspendeu o início da competição, pois nenhum estádio havia recebido o alvará do Corpo de Bombeiros.[1] Mas, em 10 de março, a Federação anunciou que a competição se iniciaria no dia 12 do mesmo mês, com final a definir.[2]

RegulamentoEditar

Dezesseis equipes participaram da competição: os clubes que terminaram o torneio do ano passado entre o 2º e o 13º lugares, os três rebaixados da Primeira Divisão de 2015 e o campeão da Segunda Divisão de 2015, equivalente ao terceiro nível do futebol gaúcho.

Os clubes foram divididos em dois grupos (A e B) e, na primeira fase, que foi disputada entre 12 de março e 1º de maio, os times se enfrentaram dentro da chave em jogos de ida e volta, totalizando quatorze rodadas. Ao fim da primeira fase, os cinco primeiros colocados de cada grupo se classificaram para a segunda fase, na qual os clubes permaneceram nos mesmos grupos (denominados C e D a partir de então) e se enfrentaram dentro da chave em jogos de ida e volta, totalizando mais dez rodadas. Em seguida, os dois mais bem colocados de cada grupo se classificaram para a terceira fase, em que os quatro clubes se enfrentariam em jogos de ida e volta (grupo E), totalizando mais seis rodadas, porém a última foi cancelada. O líder do grupo E foi o campeão da Divisão de Acesso de 2016 e disputará a Primeira Divisão em 2017.

Ao término da primeira fase, o último colocado de cada um dos grupos A e B esteve automaticamente rebaixado para a Segunda Divisão de 2017. Além disso, o penúltimo colocado (7ª posição) de cada grupo avançou para a disputa pela permanência na Série A2. Em jogos de ida e volta, o vencedor continuará disputando a Divisão de Acesso em 2017, enquanto o perdedor caiu para a Segunda Divisão.[3]

Equipes participantesEditar

Equipe Cidade Em 2015 Estádio (capacidade) Títulos (Último)
Associação Esportiva e Recreativa Santo Ângelo   Santo Ângelo Zona Sul (8 000) 1 (1995)
Clube Esportivo Bento Gonçalves   Bento Gonçalves 12º Montanha dos Vinhedos (15 000) 3 (último em 2012)
Esporte Clube Avenida   Santa Cruz do Sul 16º (Série A1) Eucaliptos (3 000) 1 (2011)
Esporte Clube Internacional   Santa Maria Baixada Melancólica (12 000) 2 (último em 1991)
Esporte Clube Guarani   Venâncio Aires Edmundo Feix (4 000) 0
Esporte Clube Pelotas   Pelotas Boca do Lobo (23 336) 1 (1983)
Esporte Clube São Gabriel   São Gabriel Silvio de Faria Corrêa (8 500) 0
Esporte Clube São Luiz   Ijuí 19 de Outubro (6 000) 3 (último em 2005)
Futebol Clube Marau   Marau 1º (Série B) Estádio Carlos Renato Bebber (2 000) 0
Futebol Clube Santa Cruz   Santa Cruz do Sul 13º Estádio dos Plátanos (4 000) 0
Riograndense Futebol Clube   Santa Maria Eucaliptos (4 000) 1 (1978)
Sociedade Esportiva Recreativa e Cultural Brasil   Farroupilha Castanheiras (5 000) 1 (1992)
Sociedade Esportiva e Recreativa Caxias do Sul   Caxias do Sul 14º (Série A1) Centenário (22 132) 1 (1953)
Sociedade Esportiva Recreativa Panambi   Panambi 10º Piratini (2 400) 0
Tupy Futebol Clube   Crissiumal 11º Municipal Rubro-Negro (2 500) 0
União Frederiquense de Futebol   Frederico Westphalen 15º (Série A1) Vermelhão da Colina (4 000) 0
Estádios

Primeira faseEditar

  Classificados à segunda fase.
  Playoff pela permanência na Série A2 de 2017.
  Rebaixado à Série B de 2017.

Grupo AEditar

Grupo BEditar

Playoff de permanênciaEditar

IdaEditar

4 de maio de 2016 Santo Ângelo   2 – 2   Santa Cruz-RS Estádio da Zona Sul, Santo Ângelo
15:30
Elton   20'
Diniz   90+3'
  54' Maiquel
  80' William Campos
Árbitro:  RS Jonathan Pinheiro
     
 
 
Santo Ângelo
     
 
 
Santa Cruz-RS

VoltaEditar

7 de maio de 2016 Santa Cruz-RS   1 – 1   Santo Ângelo Estádio dos Plátanos, Santa Cruz do Sul
15:30
Júnior Gaúcho   2'   59' (pen) Diniz Árbitro:  RS Anderson Farias
     
 
 
Santa Cruz-RS
     
 
 
Santo Ângelo

Segunda faseEditar

  Classificados ao quadrangular final.

Grupo CEditar

Grupo DEditar

Quadrangular finalEditar

  Campeão e classificado para a Série A de 2017.

PremiaçãoEditar

Campeonato Gaúcho - Divisão de Acesso de 2016
 
Caxias
Campeão
(2º título)

EstatísticasEditar

PúblicoEditar

Maiores públicosEditar

Público[PP] Mandante Placar Visitante Estádio Data Rodada Ref.
1 1 194 Pelotas   0–0   Brasil de Farroupilha Boca do Lobo 19 de junho 2ª (3ª fase) [4]
2 1 122 Caxias   3–0   União Frederiquense Francisco Stédile 12 de março 1ª (1ª fase) [5]
3 1 084 Pelotas   1–1   Guarani-VA Boca do Lobo 16 de março 2ª (1ª fase) [6]
4 886 Caxias   1–0   União Frederiquense Francisco Stédile 7 de maio 2ª (2ª fase) [7]
5 882 Caxias   2–1   Pelotas Francisco Stédile 22 de junho 3ª (3ª fase) [8]
  • PP: ^ Considera-se apenas o público pagante.

Menores públicosEditar

Público[PP] Mandante Placar Visitante Estádio Data Rodada Ref.
1 9 Marau   1–1   Panambi Carlos Bebber 27 de abril 13ª (1ª fase) [9]
2 13 Guarani-VA   0–1   Pelotas Edmundo Feix 5 de junho 10ª (2ª fase) [10]
3 14 Tupi   1–2   Esportivo Rubro-Negro 1 de junho 9ª (2ª fase) [11]
4 19 Tupi   0–0   São Luiz Rubro-Negro 15 de maio 4ª (2ª fase) [12]
5 23 Tupi   1–2   União Frederiquense Rubro-Negro 29 de maio 8ª (2ª fase) [13]
  • PP: ^ Considera-se apenas o público pagante.

Média de públicoEditar

Público[PP]/Jogos Time
1 665 (13)   Caxias
2 650 (13)   Pelotas
3 361 (14)   União Frederiquense
4 226 (11)   São Luiz
5 214 (11)   Guarani-VA
6 206 (11)   Avenida
206 (11)   São Gabriel
8 169 (11)   Esportivo
9 151 (4)   Riograndense
10 140 (8)   Santa Cruz-RS
11 121 (5)   Inter de Santa Maria
12 115 (13)   Brasil de Farroupilha
13 104 (7)   Panambi
14 100 (11)   Tupi
15 58 (8)   Santo Ângelo
16 56 (3)   Marau
  • PP: ^ Considera-se apenas o público pagante.
  • Jogos com portões fechados: Riograndense-SM (3), Inter de Santa Maria (2) e Marau (4).

Rodadas na liderançaEditar

Primeira faseEditar

Grupo A
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14
SGA PEL BRA SGA BRA GUA
Grupo B
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14
CAX

Segunda faseEditar

Grupo C
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
BRA PEL BRA PEL BRA PEL
Grupo D
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
CAX UFR CAX UFR CAX

Quadrangular finalEditar

Grupo E
1 2 3 4 5
PEL CAX

Rodadas na lanternaEditar

Primeira faseEditar

Grupo A
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14
ISM RIO ISM RIO
Grupo B
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14
UFR MAR UFR SAN MAR

Segunda faseEditar

Grupo C
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
AVE SGA GUA
Grupo D
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
TUP

Quadrangular finalEditar

Grupo E
1 2 3 4 5
UFR

Classificação geralEditar

Pos Times Pts J V E D GP GC SG AP Zona de classificação ou Rebaixamento
1   Caxias 58 27 17 7 3 46 15 31 71 Campeão e classificado para a Série A de 2017
2   Pelotas 43 27 12 7 8 36 25 11 53 Eliminados no quadrangular final
3   Brasil de Farroupilha 47 27 13 8 6 35 21 14 58
4   União Frederiquense 37 27 9 10 8 33 30 3 45
5   Esportivo 36 22 9 9 4 28 20 8 54 Eliminados na segunda fase
6   São Gabriel 34 22 9 7 6 31 26 5 51
7   Guarani-VA 32 22 9 5 8 27 21 6 48
8   Avenida 30 22 8 6 8 33 26 7 45
9   São Luiz 29 22 7 8 7 19 23 -4 43
10   Tupi 24 22 5 9 8 20 24 -4 36
11   Panambi 14 14 3 5 6 19 21 -2 33 Eliminados na primeira fase
12   Inter de Santa Maria 14 14 3 5 6 12 20 -8 33
13   Santa Cruz-RS 14 16 3 5 8 11 21 -10 29
14   Santo Ângelo 13 16 2 7 7 11 26 -15 27 Rebaixados à Série B de 2017
15   Riograndense 8 14 2 2 10 10 36 -26 19
16   Marau 7 14 1 4 9 9 25 -16 16

Ver tambémEditar

Referências

  1. «SUSPENSÃO DO INÍCIO DA DIVISÃO DE ACESSO». FGF. Consultado em 15 de fevereiro de 2016 
  2. «Divisão de Acesso 2016». FGF. Consultado em 12 de março de 2016 
  3. Francisco Novelletto Neto (14 de dezembro de 2015). «Regulamento do Campeonato Gaúcho de Futebol - Divisão de Acesso de 2016» (PDF). Federação Gaúcha de Futebol. Consultado em 1º de janeiro de 2016 
  4. «Borderô (Pelotas x Brasil de Farroupilha)» (PDF). FGF. Consultado em 23 de junho de 2016 
  5. «Borderô (Caxias x União Frederiquense)» (PDF). FGF. Consultado em 20 de março de 2016 
  6. «Borderô (Pelotas x Guarani-VA)» (PDF). FGF. Consultado em 20 de março de 2016 
  7. «Borderô (Caxias x União Frederiquense)» (PDF). FGF. Consultado em 17 de maio de 2016 
  8. «Borderô (Caxias x Pelotas)» (PDF). FGF. Consultado em 4 de julho de 2016 
  9. «Borderô (Marau x Panambi)» (PDF). FGF. Consultado em 7 de maio de 2016 
  10. «Borderô (Guarani-VA x Pelotas)» (PDF). FGF. Consultado em 17 de junho de 2016 
  11. «Borderô (Tupy x Esportivo)» (PDF). FGF. Consultado em 13 de junho de 2016 
  12. «Borderô (Tupy x São Luiz)» (PDF). FGF. Consultado em 20 de maio de 2016 
  13. «Borderô (Tupy x União Frederiquense)» (PDF). FGF. Consultado em 2 de junho de 2016