Congresso Nacional Africano
African National Congress
African National Congress logo.svg
Líder Baleka Mbete
Presidente Cyril Ramaphosa
Secretário Gwede Mantashe
Fundação 1912
Sede Joanesburgo, África do Sul
Ideologia Nacionalismo africano
Social-democracia
Anti-imperialismo
Espectro político Esquerda
Ala jovem Liga Jovem do CNA
Afiliação internacional Internacional Socialista
Assembleia Nacional
230 / 400
Conselho de Províncias
62 / 90
Parlamento Pan-africano
3 / 5
Cores Preto, Verde e Dourado
Página oficial
www.anc.org.za

O Congresso Nacional Africano (CNA; em inglês African National Congress, ANC) é um movimento e partido político sul-africano. [1] Foi fundado em 1912,[2] na cidade de Bloemfontein, com a proposta de advocar os direitos da população negra do país. Desde o fim do regime conhecido como apartheid, em 1994, o CNA é o principal partido político da África do Sul, sendo apoiado pela aliança com Congresso dos Sindicatos Sul-africanos e o Partido Comunista Sul-Africano. Nelson Mandela foi a figura mais influente do partido, assim como de todo o continente africano. Nas eleições de 2009, o Congresso Nacional Africano obteve 65.9% dos votos para a Assembleia Nacional, confirmando-se como o partido político dominante.

Líder do CNA desde dezembro de 2017, Cyril Ramaphosa é o Presidente da República desde 15 de fevereiro de 2018, com a renúncia de Jacob Zuma, eleito em 2009, a presidência da república, por pressão do próprio CNA.[3]

HistóriaEditar

O Congresso Nacional Africano foi fundado em 8 de janeiro de 1912 como Congresso Nacional dos Nativos Sul-africanos (South African Native National Congress ou SANNC). A proposta principal era defender maiores liberdades civis, assim como, o fim das penas injustas contra a população negra do país. A data oficial de fundação do partido é de 1912, porém algumas fontes alegam que o movimento teve início um ano antes, através de um discurso proferido por Pixley Ka Izaka Seme, no qual defendia a união entre as etnias do país.

Temendo o alargamento do partido, a governança da recém-instaurada União da África do Sul iniciou um sistema de repressão violenta aos negros sul-africanos. Em 1913, foi promulgado o Ato de Terras (Land Act), que forçava os "nativos" (como eram conhecidos os negros) a abandonar as áreas rurais e migrar para os centros urbanos a fim de trabalhar. Anos depois, em 1923, o SANNC ganhou o apoio da União Industrial e Comercial (ICU) e do Partido Comunista, formando assim um novo e mais articulado partido chamado Congresso Nacional Africano.

Em 1927, o presidente do CNA, J.T Gumede, propôs uma união com os comunistas, fato que não procedeu fazendo com que o partido permanecesse na obscuridade até os anos de 1940. A partir deste período o CNA tomou uma iniciativa mais próxima das massas operárias dos centros urbanos, retomando sua popularidade inicial, por mais que ainda fosse anterior ao início da Guerra Fria, assim como também é anterior as mortes de Josef Stalin e Adolf Hitler e também é uma época anterior as revoluções de orientação marxista que mudaram o Mundo Ocidental.[4]

Em março de 1960, depois do massacre de Sharpeville, perpetrado pela polícia contra os manifestantes antisegregação que custou a vida de 69 pessoas, o governo do apartheid proibiu o CNA.[5]

Resultados eleitoraisEditar

Eleições legislativasEditar

Data Candidato CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1994 Nelson Mandela 1.º 12 237 655
62,7 / 100,0
252 / 400
Governo
1999 Thabo Mbeki 1.º 10 601 330
66,4 / 100,0
 3,7
266 / 400
 14 Governo
2004 Thabo Mbeki 1.º 10 880 915
69,7 / 100,0
 3,3
279 / 400
 13 Governo
2009 Jacob Zuma 1.º 11 650 748
65,9 / 100,0
 3,8
264 / 400
 15 Governo
2014 Jacob Zuma 1.º 11 436 921
62,2 / 100,0
 3,7
249 / 400
 15 Governo
2019 Cyril Ramaphosa 1.º 10 026 475
57,5 / 100,0
 4,7
230 / 400
 19 Governo

Eleições regionaisEditar

Cabo OcidentalEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1994 2.º 705 576
33,0 / 100,0
14 / 42
Oposição
1999 1.º 668 106
42,1 / 100,0
 9,1
18 / 42
 4 Governo
2004 1.º 709 052
45,3 / 100,0
 3,2
19 / 42
 1 Governo
2009 2.º 620 918
31,6 / 100,0
 13,7
14 / 42
 5 Oposição
2014 2.º 697 664
32,9 / 100,0
 1,3
14 / 42
  Oposição
2019 2.º 589 055
28,6 / 100,0
 4,3
12 / 42
 2 Oposição

Cabo OrientalEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1994 1.º 2 453 790
84,4 / 100,0
48 / 56
Governo
1999 1.º 1 606 856
73,8 / 100,0
 10,6
47 / 63
 1 Governo
2004 1.º 1 768 987
79,3 / 100,0
 5,5
51 / 63
 4 Governo
2009 1.º 1 552 676
68,8 / 100,0
 10,5
44 / 63
 7 Governo
2014 1.º 1 528 345
70,1 / 100,0
 1,3
45 / 63
 1 Governo
2019 1.º 1 357 157
68,7 / 100,0
 1,4
44 / 63
 1 Governo

Cabo SetentrionalEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1994 1.º 200 839
49,7 / 100,0
15 / 30
Governo
1999 1.º 210 837
64,3 / 100,0
 14,6
20 / 30
 5 Governo
2004 1.º 219 365
68,8 / 100,0
 4,5
21 / 30
 1 Governo
2009 1.º 245 699
60,8 / 100,0
 8,0
19 / 30
 2 Governo
2014 1.º 272 053
64,4 / 100,0
 3,6
20 / 30
 1 Governo
2019 1.º 228 265
57,5 / 100,0
 6,9
18 / 30
 2 Governo

Estado LivreEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1994 1.º 1 037 998
76,7 / 100,0
24 / 30
Governo
1999 1.º 881 381
80,8 / 100,0
 4,1
25 / 30
 1 Governo
2004 1.º 827 338
81,8 / 100,0
 1,0
25 / 30
  Governo
2009 1.º 734 688
71,1 / 100,0
 10,7
22 / 30
 8 Governo
2014 1.º 708 720
69,9 / 100,0
 1,2
22 / 30
  Governo
2019 1.º 541 534
61,1 / 100,0
 8,8
19 / 30
 3 Governo

GautengEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1994 1.º 2 418 257
57,6 / 100,0
50 / 86
Governo
1999 1.º 2 448 780
67,9 / 100,0
 10,3
50 / 73
  Governo
2004 1.º 2 331 121
68,4 / 100,0
 0,5
51 / 73
 1 Governo
2009 1.º 2 662 013
64,0 / 100,0
 4,4
47 / 73
 4 Governo
2014 1.º 2 348 564
53,6 / 100,0
 10,4
40 / 73
 7 Governo
2019 1.º 2 168 253
50,2 / 100,0
 3,4
37 / 73
 3 Governo

Kwazulu-NatalEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1994 2.º 1 181 118
32,2 / 100,0
26 / 81
Oposição
1999 2.º 1 167 094
39,4 / 100,0
 7,2
32 / 80
 6 Oposição
2004 1.º 1 287 823
47,0 / 100,0
 7,6
38 / 80
 6 Governo
2009 1.º 2 192 516
63,0 / 100,0
 16,0
51 / 80
 13 Governo
2014 1.º 2 475 041
64,5 / 100,0
 1,5
52 / 80
 1 Governo
2019 1.º 1 950 022
54,2 / 100,0
 10,3
44 / 80
 8 Governo

LimpopoEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1994 1.º 1 759 597
91,6 / 100,0
38 / 40
Governo
1999 1.º 1 464 432
88,3 / 100,0
 3,3
44 / 49
 5 Governo
2004 1.º 1 439 853
89,2 / 100,0
 0,9
45 / 49
 1 Governo
2009 1.º 1 265 631
84,9 / 100,0
 4,3
43 / 49
 2 Governo
2014 1.º 1 149 348
78,6 / 100,0
 6,3
39 / 49
 4 Governo
2019 1.º 1 096 300
75,5 / 100,0
 3,1
38 / 49
 1 Governo

MpumalangaEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1994 1.º 1 070 052
80,7 / 100,0
25 / 30
Governo
1999 1.º 954 788
84,8 / 100,0
 4,1
26 / 30
 1 Governo
2004 1.º 959 436
86,3 / 100,0
 1,5
27 / 30
 1 Governo
2009 1.º 1 110 190
85,6 / 100,0
 0,7
27 / 30
  Governo
2014 1.º 1 045 409
78,2 / 100,0
 7,4
24 / 30
 3 Governo
2019 1.º 859 589
70,6 / 100,0
 7,6
22 / 30
 2 Governo

NoroesteEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1994 1.º 1 310 080
83,3 / 100,0
26 / 30
Governo
1999 1.º 1 030 901
79,0 / 100,0
 4,3
27 / 33
 1 Governo
2004 1.º 1 048 089
80,7 / 100,0
 1,7
27 / 33
  Governo
2009 1.º 783 794
72,9 / 100,0
 7,8
25 / 33
 2 Governo
2014 1.º 733 490
67,4 / 100,0
 5,5
23 / 33
 2 Governo
2019 1.º 590 777
61,9 / 100,0
 5,5
21 / 33
 2 Governo

Presidentes eleitosEditar

Ver tambémEditar

Referências

  Este artigo sobre a África do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.