Cosme I de Médici, Grão-Duque da Toscana

(Redirecionado de Cosmo I da Toscana)

Cosme I de Médici, (em italiano: Cosimo I de' Medici; 12 de junho 151921 de abril de 1574), foi o segundo duque de Florença (1537-1569) e primeiro grão-duque da Toscana (1569-1574). Era um membro da família Médici. Sua gestão foi pontuada pela intenção de expandir a influência de Florença a toda a Toscana conquistando a vizinha República de Siena, constituindo, assim, o Grão-Ducado da Toscana. Construiu um novo porto em Livorno com o projeto de Giorgio Vasari para que concorresse com o porto de Pisa.

Cosme I de Médici
Duque de Florença
Reinado 6 de janeiro de 1537
a 21 de agosto de 1569
Antecessor(a) Alexandre
Grão-Duque da Toscana
Reinado 21 de agosto de 1569
a 21 de abril de 1574
Sucessor Francisco I
 
Esposas Leonor de Toledo
Camila Martelli (morganática)
Descendência Bianca de Médici
Maria de Médici
Francisco I de Médici
Isabel de Médici
João de Médici
Lucrécia de Médici
Pedro de Médici
Garcia de Médici
Fernando I de Médici
Ana de Médici
Pedro de Médici
Virgínia de Médici
Casa Médici
Nascimento 12 de maio de 1519
  Florença, República Florentina
Morte 21 de abril de 1574 (54 anos)
  Florença, Grão-Ducado da Toscana
Enterro Capela dos Médici, Basílica de
São Lourenço
, Florença, Itália
Pai João de Médici
Mãe Maria Salviati
Religião Catolicismo

DescendênciaEditar

Em 1539, Cosme casou-se com a nobre espanhola Leonor de Toledo (1522-1562), filha de Dom Pedro Álvarez de Toledo, vice-rei espanhol de Nápoles e primo, em terceiro grau, do próprio imperador Carlos V. O casal teve uma vida conjugal longa e pacífica. Surpreendentemente para a época, Cosme foi fiel à esposa durante toda a vida de casados. O exemplo de um casal tradicional serviu para fortalecer suas várias reformas e separar sua associação com o ex-duque. Leonor era consultora política do marido e muitas vezes governava Florença na sua ausência. Ela forneceu aos Médici o Palácio Pitti e foi patrona da nova Ordem Jesuíta. A duquesa morreu com seus filhos João e Garcia em 1562, quando ela tinha apenas quarenta anos; todos os três foram atingidos pela malária enquanto viajavam para Pisa.

Com Leonor, Cosme teve onze filhos:[1]

Antes de seu primeiro casamento, Cosme teve uma filha ilegítima com uma mulher desconhecida:

Após a morte de Leonor em 1562, Cosme teve dois filhos com sua amante Leonor degli Albizzi:

Em 1570, Cosme casou-se morganaticamente com Camila Martelli (morta em 1590) de quem teve uma filha:

Referências


Precedido por
Alexandre de Médici
 
Duque de Florença

1537 - 1569
Sucedido por
título extinto
Precedido por
novo título
 
Grão-Duque da Toscana

1569 - 1574
Sucedido por
Francisco I de Médici
  Este artigo sobre um nobre é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.