Abrir menu principal

José Carlos de Aguirre

(Redirecionado de Dom Aguirre)
José Carlos de Aguirre
Bispo da Igreja Católica
Diocese de Sorocaba

Título

Bispo Diocesano de Sorocaba
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 8 de dezembro de 1904
Ordenação episcopal 8 de dezembro de 1924
Lema episcopal Por Ele, Com Ele, Nele
Dados pessoais
Nascimento Brasil Itaqueri da Serra,
28 de abril de 1880
Morte Brasil Sorocaba
8 de janeiro de 1973 (92 anos)
dados em catholic-hierarchy.org
Bispos
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

José Carlos de Aguirre, o Dom Aguirre, (Itaqueri da Serra, 28 de abril de 1880 - Sorocaba, 8 de janeiro de 1973) foi um bispo católico brasileiro.

Filho de Francisco Leopoldo de Aguirre e Maria Ercília de Campos Aguirre, morava na fazenda Paraíso, na cidade de Rio Claro. Ordenado presbítero em 8 de dezembro de 1904 e sagrado Bispo em 8 de dezembro de 1924, ano da criação da Diocese de Sorocaba, foi nomeado pelo papa Pio XI. Dom José Carlos de Aguirre foi o primeiro Bispo Diocesano de Sorocaba. Assumiu sua primeira e única diocese em 31 de dezembro de 1924, ficando até o ano de seu falecimento, em 1973 (49 anos de espicopado).

Cultivou uma vida de modéstia e desprendimento, foi um Bispo admirado e respeitado por todas as pessoas e um homem que privilegiou a educação e o trabalho científico. Construiu o Seminário São Carlos Borromeu. Fundou a Fundação Dom Aguirre em 1963, da qual foi seu presidente até 1966. Os idealizadores da Fundação como Dom José Carlos de Aguirre, (Bispo Diocesano), Cônego Aldo Vannucchi, (Professor), João Tortelo (Professor), José Carlos de Araújo Neves (secretário da Faculdade de Filosofia), Dr. Artidoro Mascarenhas, (Prefeito Municipal de Sorocaba), e Pedro Augusto Rangel, (Presidente da Câmara Municipal de Sorocaba) e criaram à Fundação Dom Aguirre, apesar da resistência do bispo em aceitar a Fundação com seu nome[1]. Teve uma experiência profícua, notadamente no campo cultural, fundando e participando ativamente da vida das faculdades de Medicina e Filosofia, Ciências e Letras de Sorocaba que veio a se tornar a Universidade de Sorocaba.

Com grande abnegação, serenidade e bondade conquistou os sorocabanos, onde é homenageado com o nome da principal avenida de Sorocaba - Avenida Dom Aguirre, a marginal do rio Sorocaba. O Monumento a Dom Aguirre foi inaugurado em 4 de julho de 1974, junto à Avenida Dom Aguirre, também data de comemoração do Jubileu de Ouro da Arquidiocese de Sorocaba.

Seu lema do episcopado era “Por Ele, Com Ele, Nele”[2]. Seus restos mortais estão sepultados numa cripta construída por sua iniciativa, à esquerda da porta principal da Catedral, junto ao Batistério na Catedral Metropolitana de Sorocaba.

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Fundação Dom Aguirre - Histórico» 
  2. «Dom Aguirre». Consultado em 30 de março de 2011. Arquivado do original em 4 de dezembro de 2010