Abrir menu principal

Fábio Aurélio

futebolista brasileiro
(Redirecionado de Fábio Aurélio Rodrigues)

Fábio Aurélio Rodrigues (São Carlos, 24 de setembro de 1979) é um ex-futebolista brasileiro que atuava como lateral-esquerdo ou meio-campista. Se aposentou ao fim da temporada de 2013.[1]

Fábio Aurélio
Fábio Aurélio
Fábio Aurélio
Informações pessoais
Nome completo Fábio Aurélio Rodrigues
Data de nasc. 24 de setembro de 1979 (40 anos)
Local de nasc. São Carlos, Brasil
Altura 1,73 m
canhoto
Informações profissionais
Clube atual aposentado
Posição lateral-esquerdo ou meia
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1997–2000
2000–2006
2006–2012
2012–2013
São Paulo
Valencia
Liverpool
Grêmio
0054 0000(3)
0096 000(11)
0134 0000(4)
0005 0000(0)
Seleção nacional
1999–2000 Brasil sub-23 0013 0000(1)

CarreiraEditar

São PauloEditar

Fábio iniciou sua carreira no São Paulo, quando tinha apenas dezessete anos. Durante seus três anos no clube, teve participações importantes, principalmente, na conquista dos títulos paulistas de 1998 e 2000.

ValenciaEditar

Com suas boas participações com a camisa são-paulina, acabou despertando interesse dos grandes clubes europeus, tando acabou se transferindo para o espanhol Valencia, assinando um contrato de seis temporadas.

Viveu ótimos momentos em sua passagem no Valencia, tendo conseguido chegar em sua primeira temporada à uma final de Liga dos Campeões da UEFA, mas não participando da final contra o Bayern München. Na temporada seguinte, conquistou seu primeiro título nacional, La Liga, quebrando um jejum de trinta e um anos do clube.[2] Porém, durante a temporada 2003–04, viveu um dos seus piores períodos como jogador, quando quebrou a perna, ficando de fora durante quase toda temporada.

LiverpoolEditar

Após o término do contrato com o Valencia, acabou assinando com o Liverpool, sendo uma indicação do treinador na época, Rafa Benítez, que trabalhou com Fábio em sua passagem pelo Valencia.[3] Com um ótimo início, tendo participado da conquista da Supercopa da Inglaterra logo em sua primeira partida oficial com os Reds, acabou amargando mais um campeonato da Liga dos Campeões da UEFA em sua temporada de estreia.

Suas temporadas seguintes foram de altos e baixos, principalmente, por suas seguidas lesões.[4] Não podendo contar sempre com o jogador durante a temporada inteira, o Liverpool acabou oferecendo uma renovação de contrato para Fábio, onde ele ganharia seu salário conforme seu desempenho e partidas que disputasse na temporada, mas sendo recusado pelo mesmo. Logo, em 25 de maio de 2010 foi confirmada sua saída da equipe.[5] Porém, foi recontratado em 31 de julho, após ser procurado pelo novo treinador Roy Hodgson para retornar ao clube.[6]

GrêmioEditar

No dia 24 de maio, o Grêmio anunciou a contratação de Fábio a pedido do técnico Vanderlei Luxemburgo, que já havia trabalhado com o jogador na Seleção Brasileira. Fábio Aurélio assinou contrato até 31 de dezembro de 2013.[7] Porém, antes mesmo de estrear Fábio Aurélio rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho direito em um recreativo e ficaria seis meses sem jogar. Estreou contra o Cerâmica, na vitoria por um a zero, no dia 6 de abril de 2013. Jogou os noventa minutos, impressionando a todos. Ainda cobrou uma falta que bateu na trave, quase ampliando o placar.[8]

Em dezembro de 2013, após uma passagem frustrante pelo Tricolor Gaúcho, deixou o clube ao término do contrato.[9]

Seleção BrasileiraEditar

Fábio esteve presente com as seleções de bases em inúmeros campeonatos, destacando-se o Campeonato Mundial Sub-20 de 1999, onde disputou a maioria das partidas, tendo marcado um gol contra Zâmbia, ainda na fase de grupos. Também esteve presente na campanha nos Jogos Olímpicos de 2000, onde a Seleção Brasileira era a grande favorita a conquistar seu primeiro ouro na modalidade, mas tendo sido eliminada nas quartas de final para os Camarões.

 
Fabio Aurélio atuando pelo Liverpool em um jogo contra o Real Madrid.

Recebeu sua primeira oportunidade para defender a seleção principal em outubro de 2009, quando recebeu uma convocação para as partidas contra a Inglaterra e Omã, mas devido a uma lesão, acabou ficando de fora das partidas, nem mesmo tendo viajado com o grupo, perdendo uma possível convocação para a Copa do Mundo de 2010, devido a grande carência na posição de Fábio.[10]

TítulosEditar

Referências

  1. Angelo Tedeschi e Gláucia Santiago (24 de outubro de 2014). «Aposentado, Fábio Aurélio revela mágoa com Grêmio e critica Seleção». globoesporte.com. Consultado em 7 de novembro de 2014 
  2. «"1st Team Squad Profiles"». Consultado em 4 de junho de 2010 
  3. «"Reds confirm Aurelio capture"». Consultado em 4 de junho de 2010 
  4. «"Aurelio Blow For Reds"». Consultado em 4 de junho de 2010 
  5. «"Fabio Aurelio to leave Liverpool"». Consultado em 4 de junho de 2010 
  6. «"Fábio Aurélio é recontratado pelo Liverpool"». Consultado em 31 de julho de 2010 [ligação inativa]
  7. «"GRÊMIO CONFIRMA ACERTO COM O LATERAL FÁBIO AURÉLIO"». Consultado em 24 de maio de 2012. Arquivado do original em 22 de setembro de 2015 
  8. «Lateral Fábio Aurélio será desfalque por seis meses». Lance!. 30 de julho de 2012. Consultado em 30 de julho de 2012 
  9. «Sem propostas, Fábio Aurélio cumpre últimos meses de contrato com o Grêmio». UOL Esporte. Consultado em 28 de dezembro de 2013 
  10. «Lesionado, Fábio Aurélio falta a apresentação do Brasil». Consultado em 4 de junho de 2010 [ligação inativa]

Ligações externasEditar