Abrir menu principal
Hematúria
Hematúria microscópica
Classificação e recursos externos
CID-10 N02, R31
DiseasesDB 19635
MedlinePlus 003138
eMedicine 981898
MeSH D006417
A Wikipédia não é um consultório médico. Leia o aviso médico 

Hematúria é a presença de sangue na urina. Tem como definição mais exata a presença de cinco ou mais eritrócitos (hemácias) por campo na análise microscópica do sedimento urinário, e deve ser confirmada em pelo menos duas amostras de urina. É um sinal de várias doenças dos rins e do trato urinário, podendo ser benigna a letal. É um dos achados mais frequentes em análise urinária de crianças.

Ocasionalmente "hemoglobinúria" é usada como um sinônimo, embora este termo se refira mais precisamente a hemoglobina na urina.

Índice

TiposEditar

A hematúria pode ser classificada como:

  • macroscópica ou microscópica;
  • assintomática ou sintomática;
  • permanente ou transitória;
  • associada ou não a outros achados.

Hematúria macroscópicaEditar

É a hematúria na qual há perda de grande quantidade de sangue através da urina, com alteração da coloração urinária; a urina pode apresentar-se mais escura, levemente avermelhada (cor de água de carne) ou vermelho-vivo, quando o sangramento for muito intensa. Alguns pigmentos podem alterar a cor da urina e dar uma falsa impressão de hematúria; beterraba, páprica e ruibarbo são exemplos de alimentos que podem tornar a urina avermelhada.

Hematúria microscópicaEditar

É a hematúria na qual há perda de pequena quantidade de sangue através da urina, não havendo alteração da sua coloração. Na hematúria microscópica são eliminados na urina células vermelhas do sangue (as hemácias ou eritrócitos). É normal perder algumas dessas células na urina; o quadro de hematúria microscópica existe quando a perda ultrapassa a faixa normal. O limite de corte que separa a hematúria microscópica da normalidade não é único, podendo variar entre diferentes laboratórios ou diferentes profissionais, de acordo com o caso do paciente.

Somente é possível diagnosticar a hematúria microscópica através de análise de urina, em que a amostra é analisada ao microscópio óptico e a quantidade aproximada de células perdidas na urina é estimada.

EtiologiaEditar

A hematúria pode se originar de diversas formas, podendo ser de causa imunológica, inflamatória, pós-infecciosa, traumática ou tóxica.

Pode-se dividir em:

Etiologia glomerularEditar

Etiologia não glomerularEditar

A hematúria pode ser de origens hematológicas, como coagulopatia, trombocitopenia, uso de anticoagulante; anemia falciforme, Hemoglobinopatia SC e trombose de veia renal.

Também pode ser causada por exercícios físicos.

Drogas que causam ou mimetizam hematúriaEditar

Algumas drogas podem causar o mimetizar a hematúria

Drogas causadoras de hematúriaEditar

Exemplos de drogas que causam hematúria são: cefalosporina, penicilina,fenitoína, anti-inflamatório não-hormonal, ciclofosfamida e anticoagulantes.

Drogas que mimetizam hematúriaEditar

Exemplos de drogas que mimetizam a hematúria são: antineoplásicos, antimaláricos, deferoxamina, fenolftaleína, levodopa e metildopa, nitrofurantoína, hidantoína, rifampicina e sulfametoxazol.

PrevalênciaEditar

Segundo dados dos EUA,a prevalência da hematúria macroscópica é de 0,13%, sendo que 56% a causa é identificável, sendo a cística a mais comum. Já para microscópica a prevalência é de 1,5%, e geralmente são de casos transitórios, a coexistência de hematúria e proteinúria esta presente em 0,06% e significa doença renal.

Mortalidade e morbidadeEditar

Geralmente as hematúrias são benignas, exceto aquelas que vêm associadas a outros fatores, tais como proteinúria, hipertensão e ou alteração de creatinina.

IncidênciaEditar

Abordagem diagnósticaEditar

Avaliação clínicaEditar

O médico vai avaliar o tipo de sangramento, se é no início ou no final da micção. A cor da urina também é importante, se for vermelho-vivo o sangramento é baixo, se for marrom o sangramento é alto. A presença de coágulos indicam lesão extra-glomerular.

Também deve ser avaliada a periodicidade, se próximo a menstruação pode indicar endometriose.

Quando a hematúria for associada a exercícios, geralmente ocorre após atividade física mais intensa e desaparece em quarenta e oito horas.

  • Antecedente recente de IVAS (infecção de vias aéreas superiores);
  • Uso de drogas, principalmente as supra citadas;
  • Dados epidemiológicos (questionar antecedentes para tuberculose e esquistossomose)

Exames de imagemEditar

Podem ser realizados exames de imagem como a ultra sonografia; uretrocistografia miccional retrógrada e a urografia excretora.

Biópsia renalEditar

A biópsia do rim deve ser feita quando houver proteinúria acentuada ou persistente associada a hematúria; hematúria macroscópica por mais de três semanas; complemento sérico alterado por mais de oito semanas; deterioração da função renal; suspeita de nefrite lúpica; hematúria macroscópica recorrente.

TratamentoEditar

Quando a hematúria é isolada não é necessário tratamento, somente seguimento, se associada a outras anormalidades o tratamento deve ser da doença de base. O tratamento cirúrgico se torna necessário quando houver má formação renal, tumores ou cálculo renal. A dieta somente deve ser feita se causa da hematúria for metabólica, exemplo hipercalciúria. Os exercícios físicos somente devem ser restritos se houver piora da hematúria com a realização de exercícios físicos.

ReferênciasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Hematúria

Ver tambémEditar