Abrir menu principal
Josh Thomson
Informações
Nome
completo
Joshua Joseph Thomson
Nascimento 21 de setembro de 1978 (40 anos)
Estados Unidos San Jose, California
Nacionalidade Americano
Outros nomes The Punk
Altura 1.78 m
Peso 69 kg
Divisão Peso Leve
Luta por San Jose, California
Equipe American Kickboxing Academy
Graduação      Faixa Preta em Jiu Jitsu Brasileiro
Cartel nas artes marciais mistas
Total 32
Vitórias 22
Por nocaute 6
Por finalização 10
Por decisão 6
Derrotas 9
Por nocaute 2
Por decisão 7
Sem resultado 1
Ligações externas
Página oficial:
Cartel no MMA pelo Sherdog

Joshua Joseph Thomson (San Jose, 01978-09-21 21 de setembro de 1978) é um lutador americano de artes marciais mistas, atualmente compete no Peso Leve do Bellator. Thomson esteve nas promoções do PRIDE Fighting Championships, Strikeforce e World Fighting Alliance. Thomson ja foi Campeão Peso Leve do Strikeforce.Agora ele compete peloBellator Fighting Championships

Índice

Carreira no MMAEditar

Thomson começou sua carreira no MMA vencendo suas duas primeiras lutas profissionais, antes de uma luta sem resultado contra Norifumi Yamamoto. Thomson então venceu suas três lutas seguintes, incluindo uma vitória sobre o ex-Campeão Peso Leve do WEC Rob McCullough.

Ultimate Fighting ChampionshipEditar

Thomson fez sua estréia no UFC no UFC 44 derrotando Gerald Strebendt por nocaute no primeiro round. Ele então conseguiu uma vitória por decisão sobre Hermes França em uma luta incrível no UFC 46, após isso, Thomson foi nocauteado em sua luta seguinte por Yves Edwards no UFC 49.

StrikeforceEditar

Thomson tinha o recorde de 2-1 no UFC e 7-1(1) ao todo antes de deixar o UFC e optar para ir lutar no Japão na promoção do PRIDE Fighting Championships. Ele venceu a única luta que fez no PRIDE por finalização no primeiro round. Thomson então entrou para o Strikeforce e perdeu sua luta de estréia no companhia uma luta pelo Cinturão Peso Leve Vago do Strikeforce contra Clay Guida, mas venceu suas seis lutas seguintes, incluindo vitórias sobre Duane Ludwig e Nam Phan e ganhou outra chance pelo Cinturão Peso Leve do Strikeforce.

Em 27 de Junho de 2008, ele derrotou Gilbert Melendez por decisão unânime no Strikeforce: Melendez vs. Thomson e se tornou o Campeão Peso Leve do Strikeforce.

Em 11 de Abril de 2009, Thomson era esperado para fazer sua primeira defesa de cinturão em uma revanche contra Gilbert Melendez na estréia do Strikeforce na Showtime, porém foi obrigado à se retirar da luta após quebrar o tornozelo nos treinos em 1 de Abril de 2009. Rodrigo Damm foi escolhido para pegar o lugar de Thomson no card.

Em 15 de Agosto de 2009, Thomson era esperado para unificar seu título com o Cinturão Peso Leve Interino do Strikeforce contra o Campeão Interino Gilbert Melendez no Strikeforce: Carano vs. Cyborg, porém não foi liberado pelos médicos para luta devido à sua perna que ainda o incomodava. Mitsuhiro Ishida foi escolhido para enfrentar Melendez.[1]

Em 19 de Dezembro de 2009 no Strikeforce: Evolution, Thomson enfrentou Gilbert Melendez pelo Cinturão Peso Leve Incontestável.[2] Thomson perdeu por decisão unânime.

Thomson enfrentou Pat Healy no Strikeforce: Fedor vs. Werdum e venceu por finalização no terceiro round. Após a vitória, Dave Camarillo o graduou como Faixa Preta em Guerrilla Ju-Jitsu. Thomson quebrou suas duas costelas durante a luta na primeira queda de Healy e lutou o resto da luta com um estilo mais defensivo.

Thomson enfrentou Gesias Cavalcante em 9 de Outubro de 2010 no Strikeforce: San Jose onde venceu por uma controversa decisão unânime.[3]

A luta seguinte de Thomson foi contra Tatsuya Kawajiri no evento de final de ano do Dream, o Dynamite!! 2010.[4] Ele perdeu por decisão unânime.

Thomson era esperado para enfrentar o estreante na promoção Maximo Blanco no Strikeforce: Barnett vs. Kharitonov porém outra lesão o tirou da luta.

Thomson retornou em Março de 2012 e enfrentou K.J. Noons no Strikeforce: Tate vs. Rousey.[5] Ele venceu por decisão unânime.

Thomson mais uma vez enfrenotu Gilbert Melendez pelo Cinturão Peso Leve do Strikeforce no Strikeforce: Barnett vs. Cormier em 19 de Maio de 2012.[6] Ele perdeu por decisão dividida.

Volta ao UFCEditar

Thomson fez sua volta ao UFC em 20 de Abril de 2013 no UFC on Fox: Henderson vs. Melendez contra o vencedor do The Ultimate Fighter 5 Nate Diaz.[7] Thomson venceu por nocaute técnico no segundo round, ganhando o prêmio de Nocaute da Noite.

Thomson enfrentaria Anthony Pettis pelo Cinturão Peso Leve do UFC em 14 de Dezembro de 2013 no UFC on Fox: Pettis vs. Thomson, porém, Pettis lesionou seu joelho e foi forçado a se retirar do evento.[8]

Thomson enfrentou o ex-Campeão Peso Leve do UFC Ben Henderson em 25 de Janeiro de 2014 no UFC on Fox: Henderson vs. Thomson. Thomson dominou a maior parte da luta, sendo superior em quase todo o momento da luta, mas, uma decisão dividida deu a vitória para Henderson. Muitos meios de comunicação e observadores foram divididos em que eles achavam que Thomson deveria ter sido declarado vencedor. Thomson tinha um takedown a mais (5 a 4) e foi capaz de colocar Henderson de costas no chão em vários ocasiões. Durante o primeiro round Thomson quebrou o polegar da mão direita, contribuindo para a sua incapacidade de soco com muita eficácia.

Thomson era esperado para enfrentar Michael Johnson em 26 de Julho de 2014 no UFC on Fox: Lawler vs. Brown. No entanto, Johnson se retirou da luta com uma lesão e foi substituído por Bobby Green. Ele foi derrotado por decisão dividida.

Thomson enfrentaria o invicto Gilbert Burns em 21 de Março de 2015 no UFC Fight Night: Maia vs. LaFlare. No entanto, uma lesão o forçou a ser retirado do card, sendo substituído pelo estreante Alex Oliveira.[9]

Thomson enfrentou Tony Ferguson em 15 de Julho de 2015 no UFC Fight Night: Mir vs. Duffee e foi derrotado por decisão unânime.

Bellator MMA Em 11 de Agosto, 2015, Thomson assinou um contrato multi-luta com Bellator MMA . [35] Ele fez sua estréia em 19 de setembro, 2015, Bellator MMA & Glory: Dynamite 1 contra Mike Bronzoulis , vencendo por finalização no terceiro round.

Em sua segunda luta para a promoção, Thomson enfrentou Pablo Villaseca em 4 de Dezembro, 2015, Bellator 147 . [36] Ele ganhou a luta por nocaute técnico no segundo round.

Cartel no MMAEditar

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Derrota 22-9-(1)  Patricky Freire KO (soco) Bellator 172 18/02/2017 2 0:40   San Jose, California
Vitória 22-8 (1)   Pablo Villaseca Nocaute Tecnico (Socos) Bellator 147 11/12/2015 2 3:59   Fresno, California
Vitória 21-8 (1)   Mike Bronzoulis Finalização (katagatame) Bellator 142 19/09/2015 3 0:39   San Jose, California
Derrota 20-8 (1)   Tony Ferguson Decisão (unânime) UFC Fight Night: Mir vs. Duffee 15/07/2015 3 5:00   San Diego, California
Derrota 20-7 (1)   Bobby Green Decisão (dividida) UFC on Fox: Lawler vs. Brown 26/07/2014 3 5:00   San Jose, California
Derrota 20-6 (1)   Ben Henderson Decisão (dividida) UFC on Fox: Henderson vs. Thomson 25/01/2014 5 5:00   Chicago, Illinois
Vitória 20-5 (1)   Nate Diaz Nocaute Técnico (socos) UFC on Fox: Henderson vs. Melendez 20/04/2013 2 3:44   San Jose, California Nocaute da Noite.
Derrota 19–5 (1)   Gilbert Melendez Decisão (dividida) Strikeforce: Barnett vs. Cormier 19/05/2012 5 5:00   San Jose, California Pelo Cinturão Peso Leve do Strikeforce.
Vitória 19–4 (1)   K.J. Noons Decisão (unânime) Strikeforce: Tate vs. Rousey 03/03/2012 3 5:00   Columbus, Ohio Pela chance de disputar o Cinturão Peso Leve do Strikeforce
Derrota 18–4 (1)   Tatsuya Kawajiri Decisão (unânime) Dynamite!! 2010 31/12/2010 3 5:00   Saitama
Vitória 18–3 (1)   Gesias Cavalcante Decisão (unânime) Strikeforce: Diaz vs. Noons II 09/10/2010 3 5:00   San Jose, California
Vitória 17–3 (1)   Pat Healy Finalização (mata leão) Strikeforce: Fedor vs. Werdum 26/06/2010 3 4:27   San Jose, California
Derrota 16–3 (1)   Gilbert Melendez Decisão (unânime) Strikeforce: Evolution 19/12/2009 5 5:00   San Jose, California Perdeu o Cinturão Peso Leve do Strikeforce
Vitória 16–2 (1)   Ashe Bowman Nocaute Técnico (socos) Strikeforce: At The Mansion II 20/09/2008 1 1:14   Beverly Hills, California
Vitória 15–2 (1)   Gilbert Melendez Decisão (unânime) Strikeforce: Melendez vs. Thomson 27/06/2008 5 5:00   San Jose, California Ganhou o Cinturão Peso Leve do Strikeforce
Vitória 14–2 (1)   Adam Lynn Nocaute (socos) Strikeforce: Playboy Mansion 29/09/2007 1 4:45   Beverly Hills, California
Vitória 13–2 (1)   Nick Gonzalez Finalização (mata leão) Strikeforce: Shamrock vs. Baroni 22/06/2007 1 1:42   San Jose, California Defendeu o Cinturão Peso Leve Americano do Strikeforce.
Vitória 12–2 (1)   Nam Phan Decisão (unânime) Strikeforce: Triple Threat 08/12/2006 3 5:00   San Jose, California Ganhou o Cinturão Peso Leve Americano do Strikeforce.
Vitória 11–2 (1)   Duane Ludwig Finalização (guilhotina) Strikeforce: Tank vs. Buentello 07/11/2006 2 4:36   Fresno, California
Vitória 10–2 (1)   Rocky Johnson Finalização (chave de braço) PFA: Pride and Fury 5 06/07/2006 1 1:55   Worley, Idaho
Vitória 9–2 (1)   Harris Sarmiento Finalização (triângulo de braço) Strikeforce: Revenge 09/06/2006 3 3:19   San Jose, California
Derrota 8–2 (1)   Clay Guida Decisão (unânime) Strikeforce: Shamrock vs. Gracie 10/03/2006 5 5:00   San Jose, California Pelo Cinturão Peso Leve Vago do Strikeforce.
Vitória 8–1 (1)   Daisuke Sugie Finalização (chave de joelho) Pride Bushido 8 17/07/2005 1 4:35   Nagoya
Derrota 7–1 (1)   Yves Edwards Nocaute (chute voador e socos) UFC 49: Unfinished Business 21/08/2004 1 4:32   Las Vegas, Nevada
Vitória 7–0 (1)   Hermes França Decisão (unânime) UFC 46: Supernatural 31/11/2004 3 5:00   Las Vegas, Nevada
Vitória 6–0 (1)   Gerald Strebendt Nocaute (socos) UFC 44: Undisputed 26/09/2003 1 2:45   Las Vegas, Nevada
Vitória 5–0 (1)   Rob McCullough Decisão (unânime) WFA 3: Level 3 23/11/2002 3 5:00   Las Vegas, Nevada
Vitória 4–0 (1)   Kajan Johnson Finalização (cotoveladas) SE: North American Sport Fighting Invitational 07/09/2002 2 4:56   Boise, Idaho
Vitória 3–0 (1)   Doug Evans Finalização (triângulo) NW Submission Fighting 1 04/05/2002 1 1:29   Boise, Idaho
NC 2–0 (1)   Norifumi Yamamoto NC (chute genital acidental) Shogun 1 15/12/2001 2 2:00   Honolulu, Hawaii Yamamoto levou um golpe genital
Vitória 2–0   Víctor Estrada Finalização (triângulo) Gladiators Vale Tudo 10/03/2001 2 N/A   Worley, Idaho
Vitória 1–0   Jason Abajian Nocaute (socos) Bushido 1 18/01/2001 1 N/A   Tempe, Arizona

ReferênciasEditar