María Rojo

María de Lourdes Rojo e Incháustegui (Cidade do México, 15 de agosto de 1943), mais conhecida como María Rojo é uma atriz de cinema, teatro e televisão no México e tem desenvolvido uma carreira política como membro do Partido da Revolução Democrática. Foi senadora de 2006 a 2012.

María Rojo
Rojo em maio de 2018.
Nome completo María de Lourdes Rojo e Incháustegui
Nascimento 15 de agosto de 1943 (77 anos)
Cidade de México, D.F.,
México
Nacionalidade mexicana
Ocupação
Período de atividade 1956–presente
Religião catolicismo
Página oficial
https://www.mariarojo.com

BiografiaEditar

Tem participado em vários filmes como "El apando" 1975, dirigido por Felipe Cazals, baseado na obra do escritor José Revueltas, que opera paralelamente Salvador Sánchez, Delia Casanova, José Carlos Ruiz, Manuel Ojeda, e entre outros atores retratavam o confinamento no famoso Palácio Lecumberri também no anos em 1976 participou no filme "Las poquianchis" com a sua amiga Diana Bracho.

Um de seus filmes mais fortes dos dois contém cenas de sexo explícito do cinema mexicano; ; "La tarea" (1990), ao lado do ator José Alonso, comédia erótica, dirigida por Jaime Humberto Hermosillo, onde um casal finge não se ver há anos, como forma de inovar seu vida sexual.

"Rojo amanecer" 1989, dirigido por orge Fons, onde atuou paralelamente com Hector Bonilla, Jorge Fegan, Demián Bichir, Bruno Bichir, Eduardo Palomo, que narra o drama do inquilinos que viviam nos edifícios que rodeiam a Plaza de las Tres Culturas em Tlatelolco no México, Distrito Federal, na noite de 2 de outubro de 1968.

"Danzon" 1991 dirigido por Maria Novaro, onde Maria atuou com Carmen Salinas, Blanca Guerra, filme onde interpreta uma telefonista que decide ir para Veracruz para procurar Carmelo, seu parceiro de dança, também e "Perfume de Violetas" e outros.

Na televisão ela participou em telenovelas como, Te sigo amando, Mariana de la noche, e Mañana es para siempre, também esteve no reality show musical Bailando por un Sueño. Em 2008 participa no capítulo 9 da série produzida por Pedro Torres "Mujeres Asesinas".

Maria Rojo foi deputada federal e promoveu em diferentes leis é a favor do cinema mexicano, foi também deputada o local para a Assembléia Legislativa do México durante 2003-2006. Desde 2006, é senadora da República e presidente da Comissão da Cultura do Senado. Foi chefe Delegacional em Coyoacán ao longo dos ano 2000-2003.

Vida pessoalEditar

Filha de Roberto Rojo, engenheiro agrônomo, e Águeda Incháustegui, professora. De sua infância, recorda ter sido nervosa e sofrido de dislexia, o que a trouxe problemas de personalidade e insegurança, mas logo se sobressaiu por seus dotes artísticos.[1]

Ela também tem 5 filhos, Martibel, Marilyn, Elisabeth, Angela e Patricio.

FilmografiaEditar

TelevisãoEditar

CinemaEditar

 Ver artigo principal: Categoría:Películas de María Rojo
Ano Filme Personagem Notas
1956 Besos Prohibidos
1969 Los Recuerdos del Porvenir
1973 El Castillo de la Pureza
Los Cachorros
1974 Lo Mejor de Teresa Carmen
Candy Stripe Nurses Marisa Valdez Produção norte americana
1975 El apando Meche
1976 Las Poquianchis Lupe
1977 Idilio
1978 Nuevo Mundo
Naufrágio Leticia
1979 María de mi Corazón Maria Torres López
La Hermana Enemiga
1981 Complot Petróleo: La Cabeza de la Hidra
1982 La Víspera
Confidencias Anastacia
1983 Las Apariencias Engañan
Bajo La Metralla Maria
1984 Desde El Cristal Con Que Se Mire
El Corazón De La Noche Interprete
1985 Viaje Al Paraíso Quela
1986 Me Llaman La Chata Aguayo
Las Inocentes
Astucia
Robachicos
1987 Los Confines
Zapata en Chinameca
Greene, Los Caminos Del Poder y La Gloria
Lo Que Importa Es Vivir Chabela
1988 El Otro Crimen
Break of Dawn Maria Produção norte americana
Día De Muertos
1989 Rojo Amanecer Alicia
Coração Vagabundo Produção brasileira
Intimidades De Un Cuarto De Baño Esperanza
1990 Morir En El Golfo Conchita
La sombra del ciprés es alargada co-produção com a Espanha
1991 Vai Trabalhar, Vagabundo II
Infamia
La leyenda de una máscara Emília
El extensionista Guera
Triste recuerdo Esperanza Gómez
Danzón Julia Solórzano
La tarea 'Virginia', Maria
1992 El chupes
La casa de los cuchillos
Al caer la noche
Tequila
La tarea prohibida
1993 Las mil y una aventuras del metro
Móvil pasional Produção venezuelana
Otoñal
Encuentro inesperado
1994 La señorita
Amor que mata
1995 El callejón de los milagros Doña Cata
1996 La mudanza
De muerte natural
Salón México Mercedes
¿Por qué nosotros no? Nun
Los vuelcos del corazón
Danske Piger Viser Alt Produção na Dinamarca e Canadá[2]
Doble indemnización Paulina
1997 Alta tensión Paulina
Reencuentros Soledad
De noche vienes, Esmeralda Esmeralda Loyden
Reclusorio Gloria Castro
1999 Crónica de un desayuno Luz María
Perfume de violetas, nadie te oye Madre de Yessica
2002 Demasiado amor Tía Greta
2004 El edén Magda
El misterio de los almendros Doña Josefina
2005 Momento extraño Abuela
Dos auroras
2006 Un mundo maravilloso Comadre Chismosa 1
2007 La misma luna Reina
2008 El garabato
Todos hemos pecado La Perfidia
2010 El atentado Madre de Arroyo
El Infierno Doña Mari Reyes
2014 El crimen del Cácaro Gumaro Maria Cocinera
La Dictadura Perfecta Doña Chole

TeatroEditar

  • Made in Mexico (2016)
  • El chófer y la señora Daisy
  • La tarea
  • Cada quien su vida
  • Manos arriba
  • Fiesta de cumpleaños
  • Mala semilla
  • La caperucita roja

Prêmios e IndicaçõesEditar

Ano Festival Categoria Nomeações Resultado
1977 Prêmio Ariel de Cinema Mexicano Melhor Atriz
El apando
Indicada
Melhor Atriz Co-Protagonista
Las Poquianchis
Indicada
1978 Prêmio Ariel de Cinema Mexicano Melhor Atriz
Naufrágio
Venceu
1983 Prêmio Ariel de Cinema Mexicano Melhor Atriz
La víspera
Indicada
La pachanga
Indicada
1988 Prêmio Ariel de Cinema Mexicano Melhor Atriz
Lo que importa es vivir
Venceu
1991 Prêmio Ariel de Cinema Mexicano Melhor Atriz
Rojo amanecer
Venceu
Prêmio TVyNovelas[3] Melhor Atriz Co-Estelar
Cuando llega el amor
Indicada
Festival Internacional de Cinema de Valladolid Melhor Atriz
Danzón
Venceu
1992 Prêmios ACE de Nova York Melhor Atriz Venceu
Festival Internacional de Cinema de Havana Melhor Atriz
La tarea prohibida
Venceu
1995 Prêmio Ariel de Cinema Mexicano Melhor Atriz
Los vuelos del corazón
Indicada
Melhor Atriz de Quadro
El callejón de los milagros
Indicada
1997 Festival Internacional de Cine de Huesca Prêmio Especial por Uma Vida de Cinema Venceu
1998 Prêmio Ariel de Cinema Mexicano Melhor Atriz
De noche vienes, Esmeralda
Indicada
Festival de Cinema Latino-Americano de Toulouse Menção Honrosa Venceu
2001 Festival Independente de Cinema de Chamizal Prêmio especial pela carreira Venceu
2002 MTV Movie Awards Latin America[4] Mamãe mais Malvada
Perfume de violetas, nadie te oye
Venceu
2006 Prêmio Califa de Ouro[5] Melhor Atuação
Alborada
Venceu
2008 Prêmios TV Adicto Golden Awards Melhor Atuação Especial
Mañana es para siempre
Venceu
2011 Prêmio Ariel de Cinema Mexicano Melhor Atriz Co-Protagonista
El infierno
Indicada
2014 Prêmios ACE de Nova York Melhor Atriz Coadjuvante em Televisão
Hasta el fin del mundo
Venceu
2016 Prêmios Diosas de Platas Melhor Atriz Coadjuvante
Las Horas Contigo
Indicada
2017 Prêmios Diosas de Platas Melhor Atriz
Jirón de Niebla
Indicada

Referências

  1. «Los rostros de las telenovelas: María Rojo». Consultado em 25 de noviembre de 2014. Cópia arquivada em |arquivourl= requer |arquivodata= (ajuda) 🔗  Parâmetro desconhecido |fechaarchivo= ignorado (|arquivodata=) sugerido (ajuda); Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «Soñadores: vvMaría Rojo» (em Spanish) 
  3. Premio TVyNovelas 1991
  4. MTV Movie Awards, Latin America 2002
  5. Orizaba en Red (Entregan el Premio Califa de Oro)

Ligações externasEditar