Abrir menu principal
Ola Oliver
Nome completo Ola J.Oliver-Hudson
Nascimento 1946
Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos
Morte 5 de junho de 2009 (63 anos)
Santa Monica, Califórnia, Estados Unidos
Ocupação Estilista e figurinista

Ola J.Oliver-Hudson (1946 - 5 de junho de 2009) foi uma estilista e figurinista afro-americana, tendo trabalhado com grandes celebridades da música e do cinema como Stevie Wonder, David Bowie, Ringo Starr, Janet Jackson, Diana Ross, Iggy Pop e John Lennon. Foi casada com Anthony "Tony" Hudson, conhecido no mundo do entretenimento pelas capas que criou para os álbuns de Neil Young. Mãe de Albion Hudson e Saul Hudson, o Slash, guitarrista da banda Guns N' Roses[1].

Vida pessoal e carreiraEditar

Ola nasceu em Los Angeles, em 1946, mas estudou na Europa. Frequentou o The Lester Horton School of Modern Dance, estudando Dança e Arte Dramática. Frequentou também o Instituto de Dança de Paris, o Le Loft na Suíça e o The Max Rivers School, em Londres[1][2].

Conhecida como grande figurinista e estilista, Ola foi responsável por todo o design de David Bowie em O Homem Que Caiu na Terra e que hoje está em exposição permanente no Metropolitan, em Nova York[1][2].

Os interesses de Ola iam do design e figurinismo à fotografia, dança, música e poesia. Trabalhou para a Voices Magazine e Testimony, este último sobre a tragédia do Furacão Katrina em Nova Orleans[1][2].

Ola e Anthony tinham uma relação conturbada, segundo a biografia de Slash. O casal passava muito tempo separado e Anthony se ressentia do sucesso da esposa e nunca aprovou o envolvimento de sua sogra na criação das crianças, o que levou a uma separação e posteriormente ao divórcio em 1974[3].

MorteEditar

Ola faleceu em 5 de junho de 2009 devido a um câncer de pulmão[2].

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. a b c d Afrobella (ed.). «RIP, Ola Hudson». Afrobella. Consultado em 25 de fevereiro de 2017 
  2. a b c d Los Angeles Times (ed.). «Ola J. Oliver-Hudson Obituary». Los Angeles Times. Consultado em 25 de fevereiro de 2017 
  3. Bozza, Anthony (2008). Slash. Los Angeles: Harper. p. 457. ISBN 978-0007257751