Abrir menu principal

Partido de Ação Nacional (México)

partido político mexicano
(Redirecionado de Partido da Ação Nacional)
Partido da Ação Nacional
Partido Acción Nacional
Presidente Damián Zepeda Vidales
Secretário Cecilia Romero Castillo
Fundação 1939
Sede Av. Coyoacán nº1546, Benito Juárez, Cidade do México,  México
Ideologia Democracia cristã
Conservadorismo
Liberalismo económico
Espectro político Direita
Ala jovem Acción Juvenil
Afiliação internacional Internacional Democrata Centrista
União Internacional Democrata
Câmara de Deputados
109 / 500
Senado
38 / 128
Estados
11 / 32
Cores Azul e Branco
Página oficial
http://www.pan.org.mx/ Site oficial

O Partido da Ação Nacional, (em espanhol Partido Acción Nacional), conhecido pelo acrônimo PAN, é um dos maiores partidos políticos do México. Os membros deste partido se denominam como panistas. O PAN é um partido de direita, internamente existem diferentes correntes de pensamento, tanto de direita moderada como de extrema direita. No contexto da política e da sociedade mexicana, o enquadramento da direita não provêm do PAN e sim da atuação do Partido Revolucionário Institucional, com uma política de centro e mais de 80 anos no poder do país. Foi fundado em 16 de setembro de 1939 por Manuel Gómez Morín com sede na Cidade do México. Seu lema é "Por uma pátria com ordem e generosa e uma vida melhor e mais digna para todos".

O PAN conta com o governo local nos departamentos da Baja California, Aguascalientes, San Luis Potosí, Jalisco, Guanajuato, Querétaro, Morelos, Tlaxcala e Yucatán.

Índice

HistóriaEditar

Voltando do exílo em 1929 Manuel Gómez Morín ex-reitor da Universidad Nacional Autónoma de México, se reuniu com alguns amigos entre eles, Mauricio Magdaleno, Germán del Campo, Fernando Azuela e outros ex-exilados por apoiar a candidatura presidencial do pensador e ex-ministro da educação José Vasconcelos contra o candidato oficial, se reuniram para tratar de convencer Vasconcelos da necesidade de fundar um partido político nacional, José Vasconcelos tinha outras idéias e não aceitou a proposta.

Em 1938, Gómez Morín viajou por todo o país a fim de convencer intelectuais e personalidades políticas para a criação de um partido político que conseguisse por um fim a desordem econômica e social que vivia o país. Em fevereiro de 1939 se formou um comitê organizador que deu o primeiro passo para a fundação do novo partido.

Em setembro de 1939 foi oficialmente criado o PAN, entre os fundadores estavam Efraín González Luna, Gustavo Molina Font, Manuel Herrera y Lasso, Aquiles Elorduy, Luis Calderón Vega.

Doutrina políticaEditar

Tradicionalmente o PAN segue os pensamentos característicos da direita política. Tem uma posição clara sobre diversos temas, especificamente se opõe categoricamente ao aborto e a qualquer método anticonceptivo que atente contra a vida humana, é a favor do livre comércio e considera que as estatais são pouco eficientes e deveriam ser administradas por empresas privadas interessados em sua prosperidade, desde 1998 pertence à Internacional Democrata Cristã, a organização política internacional que enquadra os partidos democratas cristãos. O PAN é um dos partidos de evidente inclinação religiosa católica.

Presidentes do PANEditar

Candidatos a Presidência da RepúblicaEditar

Presidentes do México emanados do PANEditar

Resultados eleitoraisEditar

Eleições presidenciaisEditar

Data Candidato Votos % Status
1946 Nenhum candidato apresentado
1952 Efráin González Luna 285 555 7,8 (3.º) Não Eleito
1958 Luis H. Álvarez 705 303 9,4 (2.º) Não Eleito
1964 José González Torres 1 034 337 11,0 (2.º) Não Eleito
1970 Efráin González Morfín 1 945 070 14,0 (2.º) Não Eleito
1976 Ernesto Rojo 2 600 147 13,7 (4.°) Não Eleito
1982 Pablo Emilio Madero 3 700 045 16,4 (2.º) Não Eleito
1988 Manuel Clouthier 3 208 584 16,8 (3.º) Não Eleito
1994 Diego Fernández de Cevallos 9 146 841 25,9 (2.º) Não Eleito
2000 Vicente Fox 15 989 636 42,5 (1.º) Eleito
2006 Felipe Calderón 15 000 284 35,9 (1.º) Eleito
2012 Josefina Vázquez Mota 12 786 647 25,4 (3.º) Não Eleito

Eleições legislativasEditar

Câmara dos DeputadosEditar

Data M. Uninominal M. Proporcional Deputados +/- Status
Votos % +/- Votos % +/-
1946 51 312 2,2 (2.º)
4 / 147
Oposição
1952 301 986 8,3 (3.º)  6,1
5 / 161
 1 Oposição
1958 749 519 10,2 (2.º)  1,9
5 / 162
  Oposição
1964 1 042 396 11,5 (2.º)  1,3
20 / 210
 15 Oposição
1970 1 893 289 14,2 (2.º)  2,7
20 / 213
  Oposição
1976 1 358 403 9,0 (2.º)  5,2
20 / 237
  Oposição
1982 3 663 846 17,5 (2.º) 3 786 348 17,4 (2.º)  8,4
51 / 400
 31 Oposição
1988 3 276 824 18,0 (2.º)  0,6
101 / 500
 50 Oposição
1994 8 664 834 25,8 (2.º) 8 833 468 25,8 (2.º)  7,8
119 / 500
 18 Oposição
1997 7 698 840 26,6 (2.º)  0,8 7 795 538 26,6 (2.º)  0,8
121 / 500
 2 Oposição
2000 14 212 476 38,2 (1.º)  11,6 14 323 649 38,2 (1.º)  11,6
224 / 500
 103 Governo
2003 8 189 699 31,8 (1.º)  6,4 8 219 649 31,8 (1.º)  6,4
151 / 500
 73 Governo
2006 13 784 935 33,4 (1.º)  1,6 12 876 499 33,4 (1.º)  1,6
206 / 500
 55 Governo
2009 Governo
2012 Oposição
2015 Oposição

SenadoEditar

Data M. Uninominal M. Proporcional Senadores +/-
Votos % +/- Votos % +/-
1964 1 001 045 11,2 (2.º)
0 / 64
1970 1 889 157 14,3 (2.º)  3,1
0 / 64
 
1976 1 245 406 7,5 (2.º)  6,8
0 / 64
 
1982 Não se apresentou
1988 3 293 460 18,1 (2.º)
0 / 64
1994 8 805 038 25,7 (2.º)  7,6
25 / 128
 25
1997 7 881 121 26,9 (2.º)  1,2
33 / 128
 8
2000 14 208 973 38,1 (1.º) 14 339 963 38,2 (1.º)  11,3
60 / 128
 27
2006 13 896 869 33,5 (1.º)  4,6 14 043 213 33,6 (1.º)  4,6
52 / 128
 8
2012

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar