Robert Brandom

Robert Brandom
Nascimento 13 de março de 1950 (70 anos)
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Universidade de Princeton, Universidade Yale
Ocupação filósofo, professor universitário
Empregador Universidade de Pittsburgh

Robert B. Brandom é um filósofo estadunidense. Sua principal obra é Making It Explicit, onde trabalha com a idéia de inferencismo com o objetivo de oferecer uma alternativa à semântica representacionalista. Brandom defende um neopragmatismo na lingüística, cujo objetivo é extrair todas as consequências da ideia wittgensteiniana de que o significado está no uso. Estas são as idéias que ele desenvolve em seu livro Making it Explicit de 1994 e, mais brevemente, em Articulating Reasons: An Introduction to Inferentialism (2000). Brandom também publicou uma coletânea de ensaios sobre a história da filosofia (Tales of the Mighty Dead, 2002).

Robert Brandom defende uma espécie de estrutura normativa implícita nas práticas linguísticas. A investigação pragmática de Brandom pressupõe uma dimensão normativa de “direitos e compromissos” atreladas ao uso de palavras significativas. O significado de uma sentença é definido em termos de seu poder inferencial, ou seja, em termos de suas consequências normativas, tais como certos pressupostos de garantia, e o entendimento dos fundamentos da asserção.[1]

VidaEditar

Brandom fez seus estudos primeiramente em Matemática e, depois, em Filosofia e Ciências da Cultura. Em 1972, tornou-se Bacharel em filosofia, "summa cum laude", pela Universidade de Yale. No ano de 1977, tornou-se doutor pela Universidade de Princeton, orientado por Richard Rorty e David Lewis. Desde 1981, é professor de Filosofia na Universidade de Pittsburgh.[2]

Além de ter recebido uma forte influência de Richard Rorty e David Lewis, ocupou-se com Wilfrid Sellars,[3][4] Gottlob Frege,[5] Ludwig Wittgenstein, Jürgen Habermas[6] e Michael Dummett. Ele é o editor de uma coleção de artigos sobre a filosofia de Richard Rorty (Rorty and His Critics, 2000). Brandom está atualmente trabalhando em um livro sobre a Fenomenologia do Espírito, de Hegel.[7][8]

Robert B. Brandom é casado com Barbara Wendeborn-Brandom e tem dois filhos.

FilosofiaEditar

Para Brandom os seres racionais são usuários de conceitos e sensíveis às razões (conceito apropriado de Wilfrid Sellars. Esse espaço, na visão de Brandom é uma estrutura conceitual, linguística e normativa por meio da qual os seres humanos podem aplicar conceitos e justificar razões, além de articular inferências, ou seja, a capacidade de fornecer razões e justificá-las num contexto inferencial.[9]

LivrosEditar

  • The Logic of Inconsistency, with Nicholas Rescher. Basil Blackwell, Oxford 1980.
  • Making It Explicit: Reasoning, Representing, and Discursive Commitment, Harvard University Press (Cambridge) 1994. ISBN 0-674-54319-X
  • Empiricism and the Philosophy of Mind, by Wilfrid Sellars, Robert B. Brandom (ed.) Harvard University Press, 1997. With an introduction by Richard Rorty and Study Guide by Robert Brandom ISBN 0-674-25154-7
  • Rorty and His Critics, edited, with an introduction (includes "Vocabularies of Pragmatism") by Robert Brandom. Original essays by: Rorty, Habermas, Davidson, Putnam, Dennett, McDowell, Bouveresse, Brandom, Williams, Allen, Bilgrami, Conant, and Ramberg. Blackwell's Publishers, Oxford, July 2000 ISBN 0-631-20981-6
  • Articulating Reasons: An Introduction to Inferentialism, Harvard University Press, 2000 (paperback 2001), 230 pp. ISBN 0-674-00158-3
  • Tales of the Mighty Dead: Historical Essays in the Metaphysics of Intentionality, Harvard University Press, 2002. ISBN 0-674-00903-7
  • In the Space of Reasons: Selected Essays of Wilfrid Sellars, edited with an introduction by Kevin Scharp and Robert Brandom. Harvard University Press, 2007. ISBN 0-674-02498-2
  • Between Saying and Doing: Towards an Analytic Pragmatism, Oxford University Press, 2008. ISBN 0-199-54287-2
  • Reason in Philosophy: Animating Ideas, Harvard University Belknap Press, 2009. ISBN 9780674053618
  • Perspectives on Pragmatism: Classical, Recent, & Contemporary, Harvard University Press, 2011. ISBN 978-0-674-05808-8
  • From Empiricism to Expressivism: Brandom Reads Sellars, Harvard University Press, 2015 ISBN 978-0674187283
  • Wiedererinnerter Idealismus, Suhrkamp Verlag, 2015 ISBN 978-3-518-29704-9

Textos de Brandom na Internet (em inglês)Editar

Referências

Ligações externasEditar