Abrir menu principal

Festival Eurovisão da Canção 1971

Festival Eurovisão da Canção 1971
 Irlanda
The Gaiety Theatre, King St South, Dublin (507127) (32615681881).jpg
Logo do Festival Eurovisão da Canção 1971
Edição
16.ª edição
Datas
Final 3 de abril de 1971
Anfitrião
Local Gaiety Theatre, Dublin,Irlanda
Apresentador(es) República da Irlanda Bernadette Ní Ghallchóir
Diretor República da Irlanda Tom McGrath
Supervisor executivo Reino Unido Clifford Brown
Estação anfitriã RTÉ logo.svg Raidió Teilifís Éireann
Atuações
Atuações de abertura Dublin
Atuações nos intervalos Bunratty Castle Entertainers
Participantes
Número de entradas 18 países
Países estreantes  Malta
Países de regresso  Áustria
 Finlândia
 Noruega
 Portugal
 Suécia
Países de saída Nenhum
Mapa dos países participantes
Portugal no Festival Eurovisão da CançãoEspanha no Festival Eurovisão da CançãoSan Marino no Festival Eurovisão da CançãoFrança no Festival Eurovisão da CançãoReino Unido no Festival Eurovisão da CançãoIrlanda no Festival Eurovisão da CançãoIslândia no Festival Eurovisão da CançãoBélgica no Festival Eurovisão da CançãoPaíses Baixos no Festival Eurovisão da CançãoSuíça no Festival Eurovisão da CançãoAlemanha no Festival Eurovisão da CançãoDinamarca no Festival Eurovisão da CançãoMalta no Festival Eurovisão da CançãoItália no Festival Eurovisão da CançãoNoruega no Festival Eurovisão da CançãoSuécia no Festival Eurovisão da CançãoFinlândia no Festival Eurovisão da CançãoEstónia no Festival Eurovisão da CançãoLetónia no Festival Eurovisão da CançãoLituânia no Festival Eurovisão da CançãoEslováquia no Festival Eurovisão da CançãoÁustria no Festival Eurovisão da CançãoJugoslávia no Festival Eurovisão da CançãoHungria no Festival Eurovisão da CançãoJugoslávia no Festival Eurovisão da CançãoJugoslávia no Festival Eurovisão da CançãoJugoslávia no Festival Eurovisão da CançãoJugoslávia no Festival Eurovisão da CançãoAlbânia no Festival Eurovisão da CançãoJugoslávia no Festival Eurovisão da CançãoGrécia no Festival Eurovisão da CançãoBulgária no Festival Eurovisão da CançãoRoménia no Festival Eurovisão da CançãoMoldávia no Festival Eurovisão da CançãoUcrânia no Festival Eurovisão da CançãoBielorrússia no Festival Eurovisão da CançãoRússia no Festival Eurovisão da CançãoGeórgia no Festival Eurovisão da CançãoAzerbaijão no Festival Eurovisão da CançãoTurquia no Festival Eurovisão da CançãoChipre no Festival Eurovisão da CançãoIsrael no Festival Eurovisão da CançãoArménia no Festival Eurovisão da CançãoMarrocos no Festival Eurovisão da CançãoLiechtenstein no Festival Eurovisão da CançãoAndorra no Festival Eurovisão da CançãoMónaco no Festival Eurovisão da CançãoPolónia no Festival Eurovisão da CançãoRepública Checa no Festival Eurovisão da CançãoLuxemburgo no Festival Eurovisão da CançãoLíbano no Festival Eurovisão da CançãoTunísia no Festival Eurovisão da CançãoArgélia no Festival Eurovisão da CançãoUm mapa colorido dos países da Europa
Sobre esta imagem

     Países confirmados que já escolheram o seu artista e/ou canção     Países que não se classificaram para a final     Países que participaram no passado mas não em 1971

Votação
Sistema de
voto
Cada país tem dois júris, um menor de 25 anos e outro maior de 25 anos. Cada um atribui 1 a 5 votos a cada canção
Vencedor(a)  Mónaco
Séverine
"Un banc, un arbre, une rue"
Website Sítio oficial
Cronologia
Fleche-defaut-gauche-gris-32.png   1970     Wiki Eurovision Heart (Infobox).svg     1972   Fleche-defaut-droite-gris-32.png

O Festival Eurovisão da Canção 1971 (em inglês: Eurovision Song Contest 1971; em francês: Concours Eurovision de la chanson 1971; em irlandês: Comórtas Amhránaíochta na hEoraifíse 1971) foi o 16ª edição anual do evento e teve lugar a 3 de abril de 1971 em Dublin. A apresentadora do evento foi Bernadette Ní Ghallchóir. Séverine foi a vencedora do festival com a canção Un banc, un arbre, une rue. Os países classificados em 2º (Espanha) e 3º lugares (Alemanha) também receberam prémios no palco.[1] A pedido de vários países, a EBU alterou o sistema de votação, assegurando assim que nenhuma canção obteria 0 pontos, consistindo em 2 júris por país que avaliaram individualmente todas as canções concorrentes e atribuíram-lhes 5, 4, 3, 2 ou 1 pontos consoante o seu agrado. No entanto o sistema causou muita polémica pois o total de pontos atribuído por cada país não era o mesmo. A título de exemplo, o Luxemburgo concedeu um total de 43 pontos, enquanto que a França concedeu um total de 107 pontos.[2] Apesar da polémica, o sistema vira a ser novamente utilizado em 1972 e 1973. Pela primeira vez, grupos até 6 elementos foram permitidos participar, com a Suécia (Family Four) e a Suíça (Peter, Sue & Marc) a estrearem-se nesse registo.

A vitória do Mónaco foi sua primeira e única vitória. A música foi interpretada por uma cantora francesa, morando na França, cantado em francês, conduzido por um francês e escrito por uma equipa francês. Séverine afirmou mais tarde que nunca visitou o Mónaco antes ou depois da vitória - uma afirmação facilmente refutada pelo vídeo de pré-visualização enviado pela Télé Monte Carlo com a cantora num local no Principado.

Malta fez sua estreia neste concurso, enquanto a Áustria, a Finlândia, a Noruega, Portugal e a Suécia voltaram depois de uma breve ausência. Isso trouxe o número total de países para 18.

LocalizaçãoEditar

 Mais sobre a cidade anfitriã: Dublin

LocalEditar

 
O local para o Festival, o Gaiety Theatre, em Dublin.

O local escolhido foi o Gaiety Theatre, na capital do país, Dublin.[3][4] Esta foi a primeira vez que o concurso foi realizado na Irlanda.

O Gaiety Theatre, construída em 1871, é um espaço que acolhe vários eventos musicais, tais como o pantomima de Natal todos os anos desde 1874.[5]

Quanto à cidade, localiza-se na costa oriental da ilha, na província de Leinster. Desde 1898 possui nível administrativo de condado (county-boroughs). Seus limites são os condados de Fingal a norte, Dublin meridional a sudoeste e Dun Laoghaire-Rathdown a sudeste. Encontra-se na foz do rio Liffey, na baía de Dublin. Tem uma população de 505.739 habitantes na cidade e sua área metropolitana tem 1.661.185 habitantes. Foi fundada pelos Viquingues que a dominaram até 1170.

FormatoEditar

Pela primeira vez, cada emissora participante era obrigada a transmitir todas as músicas em "pré-visualizações" antes da final ao vivo, para ser transmitido em todas as emissoras. Era proibido a publicação das letras e músicas das canções até essa data, caso contrário eram excluídas. A pré-visualização da Bélgica apresentou a Nicole & Hugo interpretando a música "Goeiemorgen, Morgen", mas Nicole foi atingida com uma doença súbita dias antes da final do concurso. Ambos foram substituídos por Jacques Raymond e Lily Castel. Os relatórios sugerem que Castel não teve tempo suficiente para comprar um vestido adequado para o show.

A BBC estava preocupada com a possível reação da audiência à canção do Reino Unido devido às hostilidades que grassam na Irlanda do Norte. Eles selecionaram especificamente uma cantora da Irlanda do Norte, Clodagh Rodgers, que era popular tanto no Reino Unido como na República da Irlanda, para aliviar qualquer mal-estar do público de Dublin. No entanto, Rodgers ainda recebeu ameaças de morte do IRA por representar o Reino Unido.

Grupos de até seis pessoas foram autorizados a realizar pela primeira vez, com a regra em concursos anteriores de realizar solos ou duetoa abolido.[6]

Esta era apenas a segunda transmissão externa da RTÉ e a primeira a cores. O concurso foi transmitido também na Islândia, Estados Unidos e Hong Kong dias depois.

VisualEditar

A decoração era de inspiração celta, com a orquestra localizado num buraco ao pé do palco. O palco foi decorado por uma borda metálica oval. Um espaço circular foi organizado no centro para os artistas. No fundo, foi suspensa uma escultura composta por três círculos de padrões concêntricos. Holofotes de cor foram usados, permitindo dar uma atmosfera diferente a cada atuação.

O espetáculo começou com um filme romântico, uma carruagem com um casal a bordo para uma ótima noite, atravessando Dublin, as suas ruas e parques para estacionar em frente ao Gaiety Theatre.

Foi também uma estreia para a RTÉ, que com este espetáculo produziu o seu primeiro evento a cores. Para as diferentes fases da apresentação, Bernadette Ní Ghallchóir foi instalada numa bancada na sala e dirigiu-se aos telespetadores em irlandês, francês e inglês. As músicas foram precedidas por um cartão postal turístico de seus países. Os artistas não apareceram nesses filmes.

Para o intervalo, foi produzido um filme mostrando danças, músicas e tradições irlandesas, no Castelo de Bunratty, juntamente com a recriação de um banquete medieval.

Bernadette chamou o júri para indicar seus votos, que haviam sido instalados no palco e, à chamada de cada país, todos mostravam a nota que haviam atribuído, em grupos de três países.

Sistema de votaçãoEditar

Um novo sistema de votação foi introduzido no concurso deste ano: cada país enviou dois membros do júri, um com mais de 25 anos e o outro com menos de 25 anos (com pelo menos dez anos de diferença entre as idades), com ambos a pontuar cada país (exceto o seu próprio) com uma pontuação entre 1 e 5 pontos.

Isso significava que nenhum país poderia ter menos de 34 pontos. No entanto, isso deu origem a um grande problema: alguns membros do júri tendiam a atribuir apenas um ou dois pontos, para aumentar as chances de conquista de seus respectivos países.[6] Apesar da polémica, o sistema vira a ser novamente utilizado em 1972 e 1973.

Participações individuaisEditar


ParticipantesEditar

 
  Países participantes
País Título original da Canção Artista Processo Data da Selecção
Tradução em Português Idiomas de Interpretação
  Alemanha "Diese Welt" Katja Ebstein Ein lied für Dublin 1971 27 de fevereiro de 1971
Este mundo Alemão
  Áustria "Musik" Marianne Mendt Seleção interna
Música Alemão vienense
  Bélgica "Goiemorgen, morgen" Lily Castel & Jacques Raymond Canzonissima 1971 6 de fevereiro de 1971
Bom dia, manhã Holandês
  Estado espanhol "En un mundo nuevo" Karina Artista: Pasaporte a Dublín 1971
Canção: Seleção interna
Artista: 30 de dezembro de 1970
Canção: ?
Num mundo novo Castelhano
  Finlândia "Tie uuteen päivään" Markku Aro & Koivistolaiset Euroviisut 1971 13 de fevereiro de 1994
Caminho para um novo dia Finlandês
  França "Un jardin sur la terre" Serge Lama Artista: Sélection française 1971
Canção: Seleção interna
-
Um jardim na terra Francês
  Irlanda "One Day Love" Angela Farrell Irish final 1971 28 de fevereiro de 1971
Amor de um dia Inglês
  Itália "L'amore è un attimo" Massimo Ranieri Seleção interna -
O amor é um instante Italiana
  Iugoslávia "Tvoj dječak je tužan" Krunoslav Slabinac Pjesma Eurovizije 1971 -
O teu rapaz está triste Servo-croata
  Luxemburgo "Pomme, Pomme, Pomme" Monique Melsen Selecção Interna -
Maçã, maçã, maçã Francês
  Malta "Marija L-Maltija" Joe Grech Festival Tal-Kanzunetta Maltija 1971 -
Maria, a maltesa Maltês
  Mónaco "Un banc, un arbre, une rue" Séverine Seleção interna -
Um banco, uma árvore, uma rua Francês
  Noruega "Lykken er" Hanne Krogh Melodi Grand Prix 1971 20 de fevereiro de 1971
A felicidade é Norueguês
  Países Baixos "Tijd" Saskia & Serge Nationaal Songfestival 1971 24 de fevereiro de 1971
Tempo Holandês
  Portugal "Menina do alto da serra" Tonicha Grande Prémio TV da Canção Portuguesa 1971 11 de fevereiro de 1971
Menina do alto da serra Português
  Reino Unido "Jack in the Box" Clodagh Rodgers A song for Europe 1971 20 de fevereiro de 1971
Jack-in-the-box Inglês
  Suécia "Vita vidder" Family Four Melodifestivalen 1971 27 de fevereiro de 1994
Horizontes brancos Sueco
  Suíça "Les illusions de nos vingt ans" Peter, Sue & Marc Selecção Interna -
As ilusões dos nossos vinte anos Francês

FestivalEditar

# País Idioma Artista Canção Tradução para Português Lugar Pontuação
  Áustria Vienense Marianne Mendt "Musik" Música 16º 66
  Malta Maltês Joe Grech "Marija L-Maltija" Maria, A Maltesa 18º 52
  Mónaco Francês Séverine "Un banc, un arbre, une rue" Um banco, uma árvore, uma rua 128
  Suíça Francês Peter, Sue and Marc "Les illusions de nos vingt ans" As ilusões dos nossos vinte anos 12º 78
  Alemanha Alemão Katja Ebstein "Diese Welt" Este mundo 100
  Estado espanhol Castelhano Karina "En un mundo nuevo" Num mundo novo 116
  França Francês Serge Lama "Un jardin sur la terre" Um jardim sobre a Terra 10º 82
  Luxemburgo Francês Monique Melsen "Pomme, Pomme, Pomme" Maçã, maçã, maçã 13º 70
  Reino Unido Inglês Clodagh Rodgers "Jack In The Box" Jack na caixa 98
10º   Bélgica Holandês Lily Castel & Jacques Raymond "Goiemorgen, morgen" Bom dia, manhã 14º 68
11º   Itália Italiano Massimo Ranieri "L'amore è un attimo" Amor é um instante 91
12º   Suécia Sueco Family Four "Vita vidder" Horizontes brancos 85
13º   Irlanda Inglês Angela Farrell "One Day Love" Amor de um dia 11º 79
14º   Países Baixos Holandês Saskia & Serge "Tijd" Tempo 85
15º   Portugal Português Tonicha "Menina do Alto da Serra" Menina do Alto da Serra 83
16º   Iugoslávia Servo-croata Kićo Slabinac "Tvoj dječak je tužan" (Твој дјечак је тужан) O teu rapaz está triste 14º 68
17º   Finlândia Finlandês Markku Aro & Koivistolaiset "Tie uuteen päivään" Caminho para um novo dia 84
18º   Noruega Norueguês Hanne Krogh "Lykken er" Felicidade é 17º 65

ResultadosEditar

Os países votaram em blocos de 3 (Áustria, Malta e Mónaco; Suíça, Alemanha e Espanha...)

Países Votantes Países Pontuados
                                   
  Áustria 4 4 5 6 4 3 2 4 3 1 7 7 6 4 6 4 3
  Malta 3 5 5 5 8 2 7 8 2 6 4 6 2 3 2 4 3
  Mónaco 5 2 4 7 10 8 6 8 5 9 4 6 6 6 4 4 6
  Suíça 2 2 10 6 5 8 3 6 4 8 9 3 5 2 2 4 4
  Alemanha 7 3 10 6 7 5 2 5 2 6 4 4 4 5 7 4 2
  Estado espanhol 2 5 2 2 8 5 4 2 2 6 2 5 5 10 6 3 2
  França 3 3 8 6 8 10 5 8 5 9 5 7 7 8 6 4 5
  Luxemburgo 2 2 4 2 2 4 2 4 2 2 2 2 2 5 2 2 2
  Reino Unido 3 3 8 6 6 7 5 6 6 6 5 6 5 6 3 10 7
  Bélgica 3 4 10 3 7 4 3 3 8 2 6 3 2 4 2 10 6
  Itália 6 4 4 7 6 5 4 3 3 3 6 6 2 4 5 2 2
  Suécia 4 2 10 4 6 6 4 2 5 5 7 2 6 2 2 4 2
  Irlanda 6 4 9 5 5 9 6 5 7 4 6 3 5 3 5 6 7
  Países Baixos 3 5 9 5 5 6 9 3 5 6 2 9 5 5 4 3 2
  Portugal 5 2 8 6 7 7 5 6 7 6 3 3 4 9 4 8 5
  Iugoslávia 4 2 10 4 7 7 5 4 6 3 8 6 5 5 6 6 4
  Finlândia 3 3 7 4 5 9 3 5 6 6 2 4 4 6 5 3 3
  Noruega 5 2 10 4 4 8 5 4 6 4 5 6 4 8 5 5 6
Total 66 52 128 78 100 116 82 70 98 68 91 85 79 85 83 68 84 65
Lugar 16º 18º 12º 10º 13º 14º 11º 14º 17º
Países Votantes                                    
Países Pontuados
Resultados por blocos
Países Votantes Países Pontuados
                                   
  Áustria 8 6 9 14 18 22 13 15 20 10 19 15 19 14 13 12 12 12
  Malta
  Mónaco
  Suíça 11 10 22 8 14 12 18 9 13 8 20 15 12 14 17 15 11 8
  Alemanha
  Estado espanhol
  França 8 8 20 14 16 21 7 11 12 13 17 12 15 14 19 11 16 14
  Luxemburgo
  Reino Unido
  Bélgica 13 10 24 14 19 15 11 8 16 8 9 12 11 10 10 9 16 10
  Itália
  Suécia
  Irlanda 14 11 26 16 17 22 20 14 19 16 11 15 9 14 8 13 17 14
  Países Baixos
  Portugal
  Iugoslávia 12 7 27 12 16 24 13 13 18 13 15 16 13 19 16 8 12 7
  Finlândia
  Noruega
Total 66 52 128 78 100 116 82 70 98 68 91 85 79 85 83 68 84 65
Lugar 16º 18º 12º 10º 13º 14º 11º 14º 17º
Países Votantes                                    
Países Pontuados

10 pontosEditar

Os países que receberam a pontuação perfeita de 10 pontos foram os seguintes:

# Países Pontuados Países Votantes
6   Mónaco Alemanha, Bélgica, Jugoslávia, Noruega, Suécia, Suíça
2   Estado espanhol França, Mónaco
2   Finlândia Bélgica, Reino Unido
1   Portugal Espanha

MaestrosEditar

Em baixo encontra-se a lista de maestros que conduziram a orquestra, na respectiva actuação de cada país concorrente.

País Maestro
  Áustria Anders Berglund
  Malta Twanny Chircop
  Mónaco Jean-Claude Petit
  Suíça Hardy Schneiders
  Alemanha Dieter Zimmermann
  Estado espanhol Waldo de los Rios
  França Franck Pourcel
  Luxemburgo Jean Claudric
  Reino Unido Johnny Arthey
  Bélgica Francis Bay
  Itália Enrico Polito
  Suécia Claes Rosendahl
  Irlanda Noel Kelehan
  Países Baixos Dolf van der Linden
  Portugal Jorge Costa Pinto
  Iugoslávia Miljenko Prohaska
  Finlândia Ossi Runne
  Noruega Arne Bendiksen
Maestro anfitrião Colman Pearce

Artistas repetentesEditar

Alguns artistas repetiram a sua experiência Eurovisiva. Em 1971, os repetentes foram:

País (1971) Foto Artista Ano Anterior País Representado Canção Tradução Pontuação Classificação
  Bélgica   Jacques Raymond ESC 1963 Bélgica "Waarom?" Porquê? 4 10º
  Alemanha   Katja Ebstein ESC 1970 Alemanha "Wunder gibt es immer wieder" Os milagres se sucedem outra vez e outra vez 12

Referências

Ligações externasEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Festival Eurovisão da Canção 1971