Abrir menu principal

Supercopa Libertadores 1995

Supercopa Libertadores 1995
Dados
Participantes 17
Organização CONMEBOL
Local de disputa Flags of the Union of South American Nations.gif América do Sul
Período 7 de setembro6 de dezembro
Gol(o)s 94
Partidas 34
Média 2,76 gol(o)s por partida
Campeão Argentina Independiente (2º título)
Vice-campeão Brasil Flamengo
Melhor marcador UruguaiURU Enzo Francescoli (River Plate) – 7 gols
Maior goleada
(diferença)
Nacional Uruguai 4 – 0 Argentina Estudiantes
Estádio CentenárioMontevidéu
13 de setembro, Primeira fase
◄◄ 1994 Soccerball.svg 1996 ►►

A Supercopa Libertadores 1995 foi a oitava edição deste torneio de futebol que reunia os clubes campeões da Taça Libertadores da América. O campeão foi o Independiente, da Argentina, que na final venceu a equipe do Flamengo.

Índice

ParticipantesEditar

  Argentina
Clube Cidade Classificação
Argentinos Juniors Buenos Aires Campeão da Libertadores de 1985
Boca Juniors Buenos Aires Campeão da Libertadores de 1977 e 1978
Estudiantes La Plata Campeão da Libertadores de 1968, 1969 e 1970
Independiente Avellaneda Campeão da Libertadores de 1964, 1965, 1972, 1973, 1974, 1975 e 1984
Racing Avellaneda Campeão da Libertadores de 1967
River Plate Buenos Aires Campeão da Libertadores de 1986
Vélez Sársfield Buenos Aires Campeão da Libertadores de 1994
  Brasil
Clube Cidade Classificação
Cruzeiro Belo Horizonte Campeão da Libertadores de 1976
Flamengo Rio de Janeiro Campeão da Libertadores de 1981
Grêmio Porto Alegre Campeão da Libertadores de 1983 e 1995
Santos Santos Campeão da Libertadores de 1962 e 1963
São Paulo São Paulo Campeão da Libertadores de 1992 e 1993
  Chile
Clube Cidade Classificação
Colo-Colo Santiago Campeão da Libertadores de 1991
  Colômbia
Clube Cidade Classificação
Atlético Nacional Medellín Campeão da Libertadores de 1989
  Paraguai
Clube Cidade Classificação
Olimpia Assunção Campeão da Libertadores de 1979 e 1990
  Uruguai
Clube Cidade Classificação
Nacional Montevidéu Campeão da Libertadores de 1971, 1980 e 1988
Peñarol Montevidéu Campeão da Libertadores de 1960, 1961, 1966, 1982 e 1987

TabelaEditar

Primeira faseEditar

Jogos de ida
7 de setembro de 1995 Olimpia   1 – 1   Boca Juniors Assunção (Paraguai)

Monzón   (P) Fabbri   Árbitro:   Antônio Pereira da Silva

12 de setembro de 1995 Cruzeiro   1 – 0   Colo-Colo Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Belletti   Relatório Árbitro:   Javier Castrilli

13 de setembro de 1995 São Paulo   1 – 0   Boca Juniors Pacaembu, São Paulo (SP)

Caio   57' Árbitro:   José Luis da Rosa

13 de setembro de 1995 Independiente   1 – 1   Santos La Doble Visera, Avellaneda (Argentina)

Álvez   95' Jamelli   20' Árbitro:   Julio Matto

13 de setembro de 1995 Nacional   4 – 0   Estudiantes Centenario, Montevidéu (Uruguai)

O'Neill  
González  
Lemos   (P)
Canobbio  
Árbitro:   Mario Sánchez

14 de setembro de 1995 Vélez Sársfield   2 – 3   Flamengo José Amalfitani, Buenos Aires (Argentina)

Trotta   24' (P)
Herrera   37'
Edmundo   27'
Sávio   89' (P)
Rodrigo Mendes   91'
Árbitro:   Salvador Imperatore

14 de setembro de 1995 Peñarol   2 – 3   River Plate Montevidéu (Uruguai)

Pacheco  
Romero  
Cedrés  
Francescoli  
Gallardo  
Árbitro:   Epifanio González

16 de setembro de 1995 Argentinos Juniors   1 – 3   Atlético Nacional Miami (Estados Unidos)

Ferreyra   Aristizábal  
Mosquera  
Álvarez  
Árbitro:   Wilson de Souza Mendonça

20 de setembro de 1995 Grêmio   3 – 1   Racing Olímpico, Porto Alegre (RS)

Adílson   65'
Jardel   66'
Paulo Nunes   79'
López   63' Público: 5.604 pagantes
Árbitro:   Ubaldo Aquino

26 de setembro de 1995 Olimpia   1 – 2   São Paulo Defensores del Chaco, Assunção (Paraguai)

Gabriel González   46' Caio   15'
Denílson   18'
Árbitro:   Alfredo Rodas
Jogos de volta
20 de setembro de 1995 Boca Juniors   1 – 2   Olimpia Buenos Aires (Argentina)

Pico   M. Sanabria  
Gabriel González  
Árbitro:   Eduardo Gamboa

20 de setembro de 1995 Estudiantes   2 – 2   Nacional Jorge Luis Hirschi, La Plata (Argentina)

Lemma  
Romeo  
Lemos  
Canobbio  
Árbitro:   José Araújo de Oliveira

21 de setembro de 1995 Colo-Colo   0 – 0   Cruzeiro David Arellano, Santiago (Chile)

Relatório Árbitro:   Francisco Lamolina

27 de setembro de 1995 River Plate   2 – 3   Peñarol Buenos Aires (Argentina)

Francescoli  
Ortega  
Magallanes  
Romero  
Bengoechea  
Árbitro:   Antônio Pereira da Silva
    Penalidades  
Francescoli:  

Gallardo:  
Ortega:  
Amato:  
Rivarola:  
Díaz:  
Astrada:  

7–6 Bengoechea:  

Pacheco:  
Rodríguez:  
Gutiérrez:  
Tais:  
Aguirregaray:  
Baltierra:  

 

3 de outubro de 1995 Flamengo   3 – 0   Vélez Sársfield Parque do Sabiá, Uberlândia (MG)

Sávio  
Edmundo  
Romário  

3 de outubro de 1995 Atlético Nacional   2 – 1   Argentinos Juniors Medellín (Côlombia)

Aristizábal    Bennett   Árbitro:   Ángel Guevara

4 de outubro de 1995 Santos   2 – 2   Independiente Vila Belmiro, Santos (SP)

Camanducaia  
Giovanni  
Mazzoni  
Domizzi  
    Penalidades  
Gallo:  

Giovanni:  

Jamelli:  

Marquinhos Capixaba:  

Robert:  

2–3 Burruchaga:  

Serrizuela:  

Arzeno:  

Garnero:  

Cagna:  

 

5 de outubro de 1995 Racing   3 – 3   Grêmio José Amalfitani, Buenos Aires (Argentina)

López   49'
Delgado   84'
Carrario   94'
Jardel   46'   75'
Viqueira   62' (GC)
Árbitro:   Pablo Pena

10 de outubro de 1995 Boca Juniors   2 – 3   São Paulo Buenos Aires (Argentina)

Márcico   (P)
Pico  
Amarildo   
Caio  
Árbitro:   Eduardo Dluzniewski

18 de outubro de 1995 São Paulo   0 – 3   Olimpia São Paulo (São Paulo)

Gabriel González   
Richard Báez  

Quartas-de-finalEditar

Jogos de ida
24 de outubro de 1995 Cruzeiro   0 – 1   São Paulo Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Palhinha   Árbitro:   Wilson de Souza Mendonça

* Partida encerrada aos dois minutos do segundo tempo, devido à inferioridade numérica do Cruzeiro. O clube ficou com apenas seis jogadores em campo: Rogério, Vanderci, Fabinho e Marcelo foram expulsos, enquanto que Luís Fernando saiu de campo por exaustão.


25 de outubro de 1995 Nacional   0 – 1   Flamengo Centenario, Montevidéu (Uruguai)

Sávio   22' (P) Árbitro:   Javier Castrilli

25 de outubro de 1995 Atlético Nacional   1 – 0   Independiente Medellín (Colômbia)

Mosquera   Árbitro:   Márcio Rezende de Freitas

25 de outubro de 1995 Grêmio   2 – 1   River Plate Porto Alegre (RS)

Jardel  
Carlos Miguel  
Francescoli   Árbitro:   Salvador Imperatore
Jogos de volta
1º de novembro de 1995 São Paulo   0 – 1   Cruzeiro Pacaembu, São Paulo (São Paulo)

Dinei   58' Público: 4.680 pagantes
Árbitro:   Félix Benegas
    Penalidades  
Alemão:  

Bordon:  
André Luiz:  

1–4 Nonato:  

Paulinho McLaren:  
Alberto:  
Gélson Baresi:  

 

1º de novembro de 1995 Flamengo   1 – 0   Nacional Rio de Janeiro (RJ)

Kanapkis (GC) Árbitro:   Epifanio González

1º de novembro de 1995 Independiente   2 – 0   Atlético Nacional Avellaneda (Argentina)

Gustavo López    Árbitro:   Eduardo Gamboa

1º de novembro de 1995 River Plate   3 – 2   Grêmio Buenos Aires (Argentina)

Celso Ayala  
Francescoli   
Arílson  
Celso Ayala (GC)
Árbitro:   Julio Matto
    Penalidades  
Francescoli:  

Gallardo:  

Ortega:  

Hernán Díaz:  

4–2 Dinho:  

Arílson:  

Emerson:  

Goiano:  

 

SemifinaisEditar

Jogos de ida
15 de novembro de 1995 Independiente   2 – 2   River Plate Avellaneda (Argentina)

Mazzoni    Francescoli    Árbitro:   Roberto Ruscio

15 de novembro de 1995 Cruzeiro   0 – 1   Flamengo Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Ronaldão   34' Árbitro:   Jorge Nieves
Jogos de volta
22 de novembro de 1995 River Plate   0 – 0   Independiente Buenos Aires (Argentina)

Árbitro:   Javier Castrilli
    Penalidades  
Francescoli:  

Ortega:  

Amato:  

1–4 Gustavo López:  

Burruchaga:  

Serrizuela:  

Bustos:  

 

23 de novembro de 1995 Flamengo   3 – 1   Cruzeiro Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Aloísio   19'
Márcio Costa   38'
Rodrigo Mendes   65'
Belletti   45' Árbitro:   Óscar Ruiz

FinaisEditar

1° jogo
29 de novembro de 1995 Independiente   2 – 0   Flamengo La Doble Visera, Avellaneda (Argentina)

Mazzoni   38'
Domizzi   72'
Árbitro:   Salvador Imperatore
     
 
 
Independiente
     
 
 
Flamengo
INDEPENDIENTE:
G 1   Mondragón
LD 3   Clausen
Z 2   Rotchen
Z 16   Serrizuela  
LE 15   Bustos
V 5   Cagna   a'
V 21   Molina
M 20   Álvez   b'
M 24   Cristian Domizzi
A 7   Gustavo López
A 9   Javier Mazzoni
Substituição:
V 5   Roberto Acuña   a'
M 16   Jorge Burruchaga   b'
Treinador:
  Miguel Ángel López
FLAMENGO:
G 1   Paulo César
LD 2   Fabiano
Z 3   Cláudio
Z 4   Ronaldão
LE 6   Lira
V 16   Márcio Costa
V 8   Marquinhos
M 9   Djair
M 19   Nélio   b'
A 11   Romário (C)
A 10   Sávio   a'
Substituição:
A 15   Uéslei   a'
V 5   Pingo   b'
Treinador:
  Washington Rodrigues
2° jogo
6 de dezembro de 1995 Flamengo   1 – 0   Independiente Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Romário   62' Público: 105.000
Árbitro:   Epifanio González
     
 
 
Flamengo
     
 
 
Independiente
FLAMENGO:
G 1   Paulo César
Z 3   Cláudio   45'
Z 4   Ronaldão
LE 6   Lira
V 8   Marquinhos
V 16   Márcio Costa
M 19   Nélio  
M 9   Djair  
M 17   Rodrigo Mendes     b'
A 11   Romário (C)
A 10   Sávio
Substituição:
A 18   Aloísio   45'
A 15   Uéslei   b'
Treinador:
  Washington Rodrigues
INDEPENDIENTE:
G 1   Farid Mondragón  
LD 3   Clausen  
Z 2   Rotchen
Z 16   Serrizuela  
LE 15   Bustos
V 5   Diego Cagna
V 21   Molina
M 20   Álvez   b'
M 24   Cristian Domizzi  
A 7   Gustavo López     a'
A 9   Javier Mazzoni  
Substituição:
M 16   Jorge Burruchaga   a'
Z   Kobists   b'
Treinador:
  Miguel Ángel López

ConfrontosEditar

Oitavas de final Quartas de final Semifinais Final
           
                                       
1    Independiente 1 2(3)  
16    Santos 1 2(2)  
     Atlético Nacional 1 0  
     Independiente 0 2  
8    Argentinos Juniors 1 1
9    Atlético Nacional 3 2  
     Independiente 2 0(4)  
     River Plate 2 0(1)  
5    Grêmio 3 3  
12    Racing Club 1 3  
     Grêmio 2 2(2)
     River Plate 1 3(4)  
4    Peñarol 2 3
13    River Plate 3 2  
     Independiente 2 0
     Flamengo 0 1
2    Nacional 4 2  
15    Estudiantes-LP 0 2  
     Nacional 0 0
     Flamengo 1 1  
7    Vélez Sarsfield 2 0
10    Flamengo 3 3  
     Cruzeiro 0 1
     Flamengo 1 3  
6    Cruzeiro 1 0  
11    Colo Colo 0 0  
     Cruzeiro 0 1(4)
     São Paulo* 1 0(2)  
3  - - -
14  - - -  
  Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.