Troféu Calunga de melhor atriz em longa-metragem

O Troféu Calunga de melhor atriz em longa-metragem[1] é um prêmio laureado a melhor atriz em um longa-metragem brasileiro concedido pelo Cine PE, festival audiovisual do cinema brasileiro.[2]

Troféu Calunga

Lista de VencedorasEditar

Década de 1990Editar

Ano Vencedora[3]
1998
Araci Esteves
Anahy de las Misiones / Rio Grande do Sul
1999
Ludmila Dayer[4]
Traição / Rio de Janeiro

Década de 2000Editar

Ano Vencedora[5]
2000
Laura Cardoso
Através da Janela / Rio de Janeiro
2001
Cláudia Missura, Olívia Araújo, Graziela Moretto, etc.[6]
Domésticas / São Paulo
2002
Carolina Kasting[7]
Sonhos Tropicais / São Paulo
2003
Etty Fraser
Durval Discos / São Paulo
2004
Fernanda Montenegro[8]
O Outro Lado da Rua / Rio de Janeiro
2005
Lu Adams[3]
O Cerro do Jarau / Rio Grande do Sul
2006
2007
Gorete Milagres
Tapete Vermelho / São Paulo
2008
Maria Luisa Mendonça[9]
Nossa Vida não Cabe num Opala / São Paulo
2009
Maria Padilha
Praça Saens Peña / Rio de Janeiro

Década de 2010Editar

Ano Vencedora[10]
2010
Paloma Duarte[11]
Léo e Bia / Rio de Janeiro
2011
Leandra Leal
Estamos Juntos / São Paulo
Marisol Ribeiro
Família Vende Tudo / São Paulo
2012
Hermila Guedes
Boca / Rio de Janeiro
2013
Marieta Severo[12]
Vendo ou Alugo / Rio de Janeiro
2014
Alice Braga[13]
Muitos Homens num Só / Rio de Janeiro
2015
Rita Carelli[3]
Permanência / Pernambuco
2016
Simone Iliescu[3]
Leste Oste / Paraná
2017
Simone Spoladore[14]
O Crime da Gávea / Rio de Janeiro
2018
Patrícia Niedermeier[3]
Os Príncipes / Rio de Janeiro
2019
Giuliana Maria[3]
Abraço / Bahia

Década de 2020Editar

Ano Vencedora
2020
Djin Sganzerla[15]
Mulher Oceano / São Paulo

Referências

  1. Festival de Cinema do Pernambuco: o Troféu Calunga
  2. «Cine PE Festival Audiovisual 2008». www.cultura.gov.br. Consultado em 5 de julho de 2008 [ligação inativa]
  3. a b c d e f g «Histórico de vencedores do Cine PE». Cine PE. 08 de novembro de 2020  Verifique data em: |data= (ajuda)
  4. Ludmila Dayer :: Prêmios Papo de Cinema
  5. «Histórico de vencedores do Cine PE». Cine PE. 08 de novembro de 2020  Verifique data em: |data= (ajuda)
  6. «Coro Luther King». Auditório Ibirapuera. 1 de junho de 2013. Consultado em 22 de outubro de 2013. Olívia Araújo é uma atriz brasileira. Ganhou o Prêmio de Melhor Atriz no Festival de Cinema do Recife e no Cine Ceará por seu papel no filme Domésticas 
  7. Belas Artes a la Carte :: sonhos tropicais
  8. Mariane Morisawa (17 de maio de 2004). «Simplesmente uma diva». IstoÉ Gente. Consultado em 21 de dezembro de 2019 
  9. «"Nossa Vida não Cabe num Opala" tem a direção de Reinaldo Pinheiro e foi o principal destaque das edições 2008 do Cine PE e do Cine Ceará». E-pipoca. Consultado em 28 de dezembro de 2017 
  10. «Histórico de vencedores do Cine PE». Cine PE. 08 de novembro de 2020  Verifique data em: |data= (ajuda)
  11. «Paloma Duarte recebeu o prêmio de melhor atriz pelo musical Léo e Bia, de Oswaldo Montenegro (RJ)». Correio Brazilense. 3 de maio de 2010. Consultado em 30 de março de 2017 
  12. Benevides, Diego (2013). «Marieta Severo é a estrela da segunda noite do Cine PE 2013». Cinema com Rapadura. Consultado em 3 de setembro de 2020 
  13. «G1 - Longa 'Muitos homens num só' fatura dez prêmios no Cine PE». G1. Consultado em 21 de julho de 2018 
  14. «Cine PE apresenta os vencedores da edição 2017». O Globo. Consultado em 24 de janeiro de 2018 
  15. «"Mulher Oceano", de Djin Sganzerla, leva o título de melhor filme do NOVO CINE PE 2020». Cine PE. 09 de maio de 2021  Verifique data em: |data= (ajuda)

Ligações externasEditar