Vida Roubada

Vida Roubada é uma telenovela brasileira exibida de 14 de novembro de 1983 a 7 de junho de 1984, às 19h, pelo SBT, em 178 capítulos,[1] substituindo O Anjo Maldito e sendo substituída Meus Filhos, Minha Vida. exibida pela emissora.

Vida Roubada
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero Drama
Romance
Duração 60 minutos
Criador(es) Raimundo Lopes (adaptação)
Baseado em Ha llegado una intrusa de Marissa Garrido
País de origem  Brasil
Idioma original português
Produção
Diretor(es) Waldemar de Moraes
Antonino Seabra
Elenco Suzy Camacho
Fausto Rocha
Eliane Giardini
Rogério Márcico
Ana Rosa
(ver mais)
Exibição
Emissora original Brasil SBT
Formato de exibição 480i (SDTV)
Transmissão original 14 de novembro de 19837 de junho de 1984
Episódios 178
Cronologia
Anjo Maldito
Meus Filhos, Minha Vida
Programas relacionados Ha llegado una intrusa
Vida robada

Baseada no original de Marissa Garrido, foi escrita por Raymundo López e dirigida por Waldemar de Moraes e Antonino Seabra.

EnredoEditar

Alice assume a personalidade de sua amiga de internato Hilda e vai morar com sua família. Acontece que o passado de Hilda deixou muitos traumas na vida de muitas pessoas, que Alice terá que pagar até conseguir a confiança e respeito de todos. Alice se apaixona por Carlos, um engenheiro que largou tudo para cuidar do pai que está com a saúde frágil devido as maldades de Hilda. Carlos está de casamento marcado com Margarida, porém ela não demonstra muito interesse neste casamento. Meiga e gentil, Alice logo desperta o sentimento de Alfredo, médico da família e grande amigo de Carlos. Alfredo tem uma irmã, Nely, uma moça rebelde que nutre por Carlos mais do que um sentimento de amizade, pois ela também está apaixonada por ele. Com o tempo, Alice logo consegue mandar as mágoas embora, se fazer respeitar e viver um grande romance com Carlos. Mas tudo acaba quando Hilda retorna para assumir o seu lugar.

ProduçãoEditar

A trama foi a última adaptação brasileira de uma telenovela mexicana na década de 80 pela TVS. Sua produção foi bastante mais sofisticada que as anteriores e muito mais longa que as até então exibidas, que duravam apenas três meses no ar. Vida Roubada durou até oito meses e foi adaptada da telenovela mexicana Vida robada.

RepriseEditar

Foi reprisada entre 19 de Junho de 1986 a 13 de fevereiro de 1987, às 14h30, em 171 capítulos substituindo Angelito e sendo substituída por Jogo do Amor.

AudiênciasEditar

A primeira exibição obteve 8,84 pontos, tendo um relativo sucesso. A segunda exibição obteve 5,85 pontos. O último capítulo exibido em sua reprise em 1987, bateu recorde de audiência, chegando a 13 pontos de média. Uma das maiores audiências em reprises de novelas da tarde do SBT naquela época.

ElencoEditar

Trilha sonoraEditar

Vida roubada não teve trilha sonora lançada comercialmente. As canções a seguir fazem parte do LP do programa Vamos Nessa, lançado pela gravadora RCA (hoje Sony BMG) e foram aproveitadas para a novela, que traz na capa o aviso: "Incluindo temas da novela Vida Roubada do SBT".

Referências

  1. Xavier, Nilson. «Vida Roubada». Teledramaturgia. Consultado em 6 de novembro de 2020 
  Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.