Antigo malaio

Antigo malaio
Falado(a) em: Malásia e Indonésia
Total de falantes: Extinta. Evoluiu ao malaio moderno
Família: Austronésia
 Malaio-polinésio
  Malaico
   Malaio
    Antigo malaio
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---

O antigo malaio é a forma antiga da língua malaia. Ele foi a língua das inscrições malaias do século VII ao século X. O antigo malaio era dividido em dialetos e escrita em um silabário. A maioria de suas inscrições está na ilha de Sumatra, datadas dos século VII ao século X. Existem tentativas de decifrar a língua desde 1930, sendo o primeiro feito por George Coedès.[1]

Diferentemente do malaio moderno, a o antigo malaio não contava com muitos empréstimos do árabe.[2]

FonologiaEditar

A única forma de descobrir a fonologia do antigo malaio é decifrando os sons das letras do silabário usado. As consoantes mostradas a seguir são as consoantes normalmente implicitadas pelas letras do alfabeto usado.[3]

ConsoantesEditar

Bilabial Alveolar Retroflexa Palatal Pós-alveolar Velar Glotal
Oclusiva Surda p t k
Sonora b d ɖ
Africada Surda
Sonora
Fricativa Surda s ç h
Sonora
Fricativa lateral Surda ʃ
Sonora
Lateral l
Nasal m n ɳ ɲ ŋ
Aproximante j w
Vibrante múltipla r
Aspirada Surda
Sonora

VogaisEditar

No silabário usado, a vogal padrão era [a], e haviam marcações que eram usadas para denotar outras vogais.[3] A seguir está uma tabela de vogais.[4]

Anterior Central Posterior
Fechada i u
Semifechada
Média
Semiaberta
Aberta a
Vogais longas
Anterior Central Posterior
Fechada
Semifechada
Média
Semiaberta
Aberta

InscriçõesEditar

O antigo malaio foi a língua das inscrições malaias do século VII ao século X, dessas inscrições, grande parte está danificadas ou são curtas, e na verdade não são muitas,[2] no entanto, existem três grandes inscrições: Karang Brahi, Palas Pasemah e Kota Kapur. A maioria das inscrições estão na ilha de Sumatra.[5]

DialetosEditar

A língua é pensada ter sido dividida em dialetos que existiram paralelamente com a forma padrão. Existem também evidências da existência de dois dialetos no tempo de Serivijaia que apareceram durante a segunda metade do século VII.[5]

Referências

  1. Adelaar et al. 2005, p. 182–188.
  2. a b Adelaar 2000, p. 231–232.
  3. a b Adelaar et al. 2005, p. 184–186.
  4. Adelaar et al. 2005, p. 188.
  5. a b Adelaar et al. 2005, p. 182–183.

BibliografiaEditar

  • Adelaar, Alexander; et al. (2005). Adelaar, Alexander; Himmelmann, Nikolaus P., eds. The Austronesian Languages of Asia and Madagascar (em inglês). Reino Unido: Routledge. 841 páginas. ISBN 9780415681537 
  • Adelaar, Karl Alexander (2000). «Malay: a short history». Oriente Moderno (em inglês). 19 (80). JSTOR 25817713 
  Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.