Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Callao, veja Callao (desambiguação).
Callao
{{{nome_es}}}
Brasão de {{{nome_es}}} Bandeira de {{{nome_es}}}
Localização
Callao está localizado em: Peru
Callao
Localização de Callao no Peru
12° 2' S 77° 8' O
Alcaide Pedro López Barrios
Região Callao (região)
Dados
Fundação 6 de março de 1537
Área 146 98 km²
População 1 121 027 hab. (INEI [[]])
Densidade 5 514,8 hab./km²
Altitude 5 metros
Gentílico chalaco (a)
Código postal 07001
Website http://www.municallao.gob.pe/
Cidade do Peru Flag of Peru.svg

A Província Constitucional do Callao (Provincia Constitucional del Callao), popularmente conhecida como El Callao ou, simplesmente, Callao, é uma província do Peru. Sua área coincide com a região do Callao, embora o governo da província seja separado do governo da região. Situa-se na costa do oceano Pacífico e possui o principal porto do país. Conta com uma população de 813 264 habitantes (censo de 2005).

É a terceira cidade mais populosa do Peru. Conta com o principal aeroporto do país, o Aeroporto Internacional Jorge Chávez (ao norte da cidade), e com a maior estrutura industrial do país. Encontra-se conurbada com a cidade de Lima,[1] de cujo Centro Histórico dista quinze quilômetros.

Porto de Callao

Índice

TopônimoEditar

No antigo linguajar dos marinheiros espanhóis, callao significava "calhau" e, por extensão, "praia com pedras" (como são as praias chalacas). O uso deste termo é comum nas Ilhas Canárias até hoje.

GentílicoEditar

A palavra chalaco, além de ser o gentílico de Callao, também designa as pessoas que vivem no litoral. A palavra deriva do vocábulo quíchua chala, que significa "litoral".

HistóriaEditar

A região de Callao já é habitada desde 10000 a.C. Quando os incas chegaram à região no século XV, ela era habitada pela cultura Maranga. A cidade começou a ser povoada por espanhóis em 1535, quando desembarcaram os navios de Francisco Pizarro e Diego de Almagro. Em 6 de março de 1537, o espanhol Diego de Ruiz obteve autorização para construir um tambo (hospedaria) na cidade.[2]

Em 1555, se iniciou a construção do primeiro bairro espanhol. No ano seguinte, o vice-rei Andrés Hurtado de Mendoza nomeou dom Francisco López como o primeiro alcaide do porto. Em 1579, o porto foi atacado por Francis Drake. Nos primeiros mapas do Peru, elaborados em 1635 pelo cartógrafo Guiljelmus Blaew, a cidade é referida como "vila do Callao".[3]

Durante o Vice-Reino do Peru (1542-1824), a cidade foi conhecida informalmente como "Porto de Lima". Segundo o cronista indígena Felipe Guamán Poma de Ayala, desde essa época Callao já era o principal porto de todo o litoral oeste da América Espanhola.

Em 28 de outubro de 1746, um terremoto seguido de maremoto dizimou a cidade: dos 5 000 habitantes, somente sobreviveram duzentos. Visando a evitar a repetição da tragédia, o vice-rei José Manso de Velasco criou a cidade de Bellavista, situada a três quilômetros de Callao, em uma planície distante do mar. No entanto, a população chalaca insistiu em viver junto ao mar.

Durante a guerra de independência do Peru, Callao teve uma grande importância estratégica, pois controlava a entrada e a saída de mercadorias, bem como a frota militar.

Entre 10 de dezembro de 1835 e 24 de janeiro de 1836, e entre 31 de agosto e 7 de dezembro de 1836, fuzileiros navais norte-americanos desembarcaram para proteger os interesses norte-americanos durante uma tentativa de revolução.[4]

Entre 1850 e 1851, começou a funcionar a estrada de ferro Lima-Callao, a segunda na América do Sul. Em 2 de maio de 1866, aconteceu a batalha de Callao entre a Armada Espanhola e as forças peruanas em terra, no contexto da Guerra espanhola-sul-americana.

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre geografia do Peru é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. Municipalidad Provincial del Callao. Disponível em http://www.municallao.gob.pe/index.php/la-provincia/ubicacion-geografica. Acesso em 4 de maio de 2017.
  2. HUERTA, C. Cronología de la conquista de los Reinos del Perú (1524 - 1572). p. 41.
  3. Diagnóstico Sócio Económico Laboral de la Región Callao. Disponível em http://www.mintra.gob.pe/archivos/file/estadisticas/peel/estadisticas/diagnostico_socioeconomico_osel_callao.pdf. Acesso em 4 de abril de 2017.
  4. "Instances of Use of United States Armed Forces Abroad, 1798-2007" Updated January 14, 2008 Congressional Research Service reports Grimmett, Richard F., p 7, em inglês, acessado em 24 de junho de 2010