Abrir menu principal

Wikipédia β

Copa Libertadores da América de 1980

Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2017). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Taça Libertadores da América de 1980 foi a 21ª edição da competição sul-americana organizada pela CONMEBOL. Foi disputada entre 21 clubes sul-americanos no período de 16 de fevereiro a 6 de agosto. O campeão deste ano foi o Nacional (URU) de Montevidéu após vitória por 1 a 0 sobre o Internacional no Estádio Centenário.

Taça Libertadores da América de 1980
XXI Copa Libertadores
Dados
Participantes 21
Organização CONMEBOL
Local de disputa Flags of the Union of South American Nations.gif América do Sul
Período 16 de fevereiro6 de agosto
Gol(o)s 160
Partidas 75
Média 2,13 gol(o)s por partida
Campeão Uruguai Nacional (2º título)
Vice-campeão Brasil Internacional
Melhor marcador UruguaiURU Waldemar Victorino (Nacional) – 6 gols
Melhor ataque (fase inicial) Uruguai Nacional – 14 gols
Melhor defesa (fase inicial) Argentina Vélez Sársfield – 1 gol
Maiores goleadas
(diferença)
Universidad Católica Equador 5 – 0 Equador Emelec
Olímpico AtahualpaQuito
23 de março, Grupo 4
 
Nacional Uruguai 5 – 0 Bolívia Oriente Petrolero
CentenarioMontevidéu
27 de abril, Grupo 2
◄◄ Libertadores 1979 Soccerball.svg Libertadores 1981 ►►

Índice

Forma de disputaEditar

1ª fase: 5 grupos de 4 clubes cada, disputa em 2 turnos dentro de cada grupo, classifica-se apenas 1 por grupo.

Fase semifinal: 2 grupos de 3 clubes cada (os 5 classificados da 1ª fase mais o Olimpia, campeão do ano anterior), disputa em dois turnos dentro de cada grupo, classifica-se apenas 1 por grupo.

Fase final: 2 clubes, disputa em "melhor de três", terceiro jogo em campo neutro, se necessário.

Equipes ClassificadasEditar

  Argentina
Clube Classificação
River Plate Campeão dos Campeonatos Nacional e Metropolitano Argentino 1979
Vélez Sársfield Vice-campeão do Campeonato Metropolitano Argentino 1979
  Bolívia
Clube Classificação
Oriente Petrolero Campeão do Campeonato Boliviano 1979
The Strongest Vice-campeão do Campeonato Boliviano 1979
  Brasil
Clube Classificação
Internacional Campeão do Campeonato Brasileiro de 1979
Vasco da Gama Vice-campeão do Campeonato Brasileiro de 1979
  Chile
Clube Classificação
Colo-Colo Campeão do Campeonato Chileno 1979
O'Higgins Campeão da Mini-Liga Pré-Libertadores 1979
  Colômbia
Clube Classificação
América de Cali Campeão do Campeonato Colombiano 1979
Santa Fe Vice-campeão do Campeonato Colombiano 1979
  Equador
Clube Classificação
Emelec Campeão do Campeonato Equatoriano 1979
Universidad Católica (EQU) Vice-campeão do Campeonato Equatoriano 1979
  Paraguai
Clube Classificação
Olimpia Campeão da Libertadores e do Campeonato Paraguaio 1979
Sol de América Vice-campeão do Campeonato Paraguaio 1979
Cerro Porteño 3º colocado do Campeonato Paraguaio 1979
  Peru
Clube Classificação
Sporting Cristal Campeão do Campeonato Peruano 1979
Atlético Chalaco Vice-campeão do Campeonato Peruano 1979
  Uruguai
Clube Classificação
Defensor Sporting Campeão da Mini-Liga Pré-Libertadores de 1979
Nacional Vice-campeão da Mini-Liga Pré-Libertadores de 1979
  Venezuela
Clube Classificação
Deportivo Táchira Campeão do Campeonato Venezuelano 1979
Deportivo Galicia Vice-campeão do Campeonato Venezuelano 1979

Primeira faseEditar

Grupo 1Editar

Time Pts J V E D GP GC SG
  Vélez Sársfield 10 6 4 2 0 9 1 8
  River Plate 10 6 4 2 0 9 2 7
  Sporting Cristal 3 6 1 1 4 5 8 -3
  Atlético Chalaco 1 6 0 1 5 2 14 -12

Grupo 2Editar

Time Pts J V E D GP GC SG
  Nacional 10 6 5 0 1 14 4 10
  The Strongest 7 6 3 1 2 9 6 3
  Defensor Sporting 4 6 1 2 3 3 8 -5
  Oriente Petrolero 3 6 1 1 4 5 13 -8

Grupo 3Editar

Time Pts J V E D GP GC SG
  Internacional 9 6 4 1 1 10 3 7
  Vasco da Gama 8 6 3 2 1 7 2 5
  Deportivo Galicia 7 6 3 1 2 4 7 -3
  Deportivo Táchira 0 6 0 0 6 0 9 -9

Grupo 4Editar

Time Pts J V E D GP GC SG
  América de Cali 9 6 4 1 1 11 7 4
  Universidad Católica 6 6 3 0 3 10 5 5
  Santa Fe 5 6 2 1 3 5 5 0
  Emelec 4 6 2 0 4 5 14 -9

Grupo 5Editar

Time Pts J V E D GP GC SG
  O'Higgins 6 6 2 2 2 8 6 2
  Cerro Porteño 6 6 2 2 2 8 7 1
  Colo-Colo 6 6 2 2 2 11 11 0
  Sol de América 6 6 2 2 2 6 9 -3

Fase finalEditar

Grupo 6Editar

Time Pts J V E D GP GC SG
  Internacional 6 4 2 2 0 4 1 3
  América de Cali 4 4 0 4 0 0 0 0
  Vélez Sársfield 2 4 0 2 2 1 4 -3
  AMC INT VEL
América de Cali 0-0 0-0
Internacional 0-0 3-1
Vélez Sarsfield 0-0 0-1

Grupo 7Editar

Time Pts J V E D GP GC SG
  Nacional 7 4 3 1 0 5 1 4
  Olímpia 5 4 2 1 1 4 2 2
  O'Higgins 0 4 0 0 4 0 6 -6
  NAC OHI OLI
Nacional 2-0 1-1
Olímpia 0-1 2-0
O'Higgins 0-1 0-1


FinalEditar

30 de julho de 1980
1º jogo da final
  Internacional 0 – 0   Nacional Beira-Rio, Porto Alegre (RS)

Público: 60.501 (55.623 pagantes).
Árbitro:   Jorge Eduardo Romero



Internacional Nacional
Gasperin
Toninho
Mauro Pastor
Mauro Galvão
André Luiz
Falcão
Batista
Tonho
Jair
Chico Spina (Adavílson)
Mário Sérgio
Técnico: Ênio Andrade.
Rodolfo Rodríguez
José Moreira
Juan Blanco
Hugo De León
Washington González
Eduardo de la Peña
Víctor Espárrago
Arsenio Luzardo
Alberto Bica
Waldemar Victorino
Dardo Pérez
Técnico: Juan Martín Mujica.


6 de agosto de 1980
2º jogo da final
  Nacional 1 – 0   Internacional Centenario, Montevidéu (Uruguai)

Público: 65.000 (59.895 pagantes).
Árbitro:   Edson Perez
Auxiliares:   Juan Silvagno e   Arturo Ithurralde


Waldemar Victorino   35' Report


Nacional Internacional
Rodolfo Rodríguez
José Moreira
Juan Blanco
Hugo De León
Washington González
Eduardo de la Peña
Víctor Espárrago
Arsenio Luzardo
Alberto Bica
Waldemar Victorino  
Julio César Morales
Técnico: Juan Martín Mujica.
Gasperin
Toninho
Mauro Pastor
Mauro Galvão
Falcão
Cláudio Mineiro
Chico Spina (Beretta)
Batista
Adílson
Jair
Mário Sérgio
Técnico: Ênio Andrade.

CampeãoEditar

Libertadores 1980
 
NACIONAL
Campeão
(2º título)