Abrir menu principal

Wikipédia β

Copa Santa Catarina de 2013

A Copa Santa Catarina de 2013 foi a 15ª edição do segundo principal torneio de futebol de Santa Catarina e foi disputada entre os dias 16 de outubro e 15 de dezembro.[1][2] O campeão, recebe o direito de participar da Copa do Brasil de 2014 e da Série D do Campeonato Brasileiro de 2014. Se este já estiver classificado às séries A, B ou C, o vice-campeão assumirá. Se este também estiver, a vaga será repassada para o 3º colocado (o que somou mais pontos na soma de todo o campeonato, além do campeão e vice e assim por diante.[3][4]

XV Copa Santa Catarina
Copa Santa Catarina de 2013
Dados
Participantes 10
Anfitrião  Santa Catarina
Período 16 de outubro15 de dezembro
Gol(o)s 102
Partidas 36
Média 2,83 gol(o)s por partida
Campeão BandeiraJoinville.svg Joinville
Vice-campeão Blumenau bandeira.jpg Metropolitano
Melhor marcador 6 gols:
*Clebinho (Guarani de Palhoça)
*Matheus Gaúcho (Guarani de Palhoça)
Melhor ataque (fase inicial) Canoinhas – 9 gols
Melhor defesa (fase inicial) 2 gols:
*Guarani de Palhoça
*Metropolitano
Maior goleada
(diferença)
Canoinhas 5 – 1 Porto-SC
Estádio DitãoCanoinhas
24 de outubro
Público 20 837
Média 651,2 pessoas por partida
◄◄ Santa Catarina Copa SC 2012 Soccerball.svg Copa SC 2014 Santa Catarina ►►

O Joinville garantiu o título da competição com uma rodada de antecedência, seguido do Metropolitano que ficou com o vice-campeonato.[5][6]

Índice

RegulamentoEditar

A competição foi disputada em três Fases, 1ª Fase (Inicial), 2ª Fase (Sextas-de-final) e 3ª Fase (Quadrangular). Nas três fases todas as equipes iniciarão sempre a disputa com zero pontos ganhos.

A equipe que se sagrar a Campeã da Copa Santa Catarina de 2013 será a terceira representante da Federação Catarinense de Futebol na Copa do Brasil de 2014, bem como será a segunda representante da FCF na Série D do Campeonato Brasileiro de 2014, ambas competições promovidas e administradas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Se esta já estiver classificada às séries A, B ou C, a vice-campeã assumirá. Se esta também estiver, a vaga será repassada para a 3º colocada (a que somou mais pontos na soma de todo o campeonato, além da campeã e vice e assim por diante.[7][2]

1ª Fase (Inicial)Editar

Nesta fase as equipes foram agrupadas em grupos e jogarão entre si, somente dentro do grupo, em turno e returno, com contagem corrida de pontos ganhos, classificando-se para a disputa da 2ª Fase (Sextas-de-final) as duas primeiras colocadas de cada grupo.[7]

2ª Fase (Sextas-de-final)Editar

Esta fase foi disputada pelas equipes que obtiverem as primeiras e segundas colocações nos três grupos da 1ª Fase (Inicial), que foram agrupadas conforme abaixo e jogarão entre si em dois jogos (ida e volta), classificando-se para a 3ª Fase (Quadrangular) apenas a vencedora de cada grupo:

Grupo "D": 1ª colocada do Grupo "C" da 1ª Fase X 2ª colocada do Grupo "A" da 1ª Fase;
Grupo "E": 1ª colocada do Grupo "A" da 1ª Fase X 2ª colocada do Grupo "B" da 1ª Fase;
Grupo "F": 1ª colocada do Grupo "B" da 1ª Fase X 2ª colocada do Grupo "C" da 1ª Fase;

É considerada vencedora da disputa a equipe que, após o jogo de volta (segunda partida), obtiver o maior número de pontos ganhos. Se, após o jogo de volta, as equipes terminarem empatadas em número de pontos ganhos, independente do saldo de gols e de outros índices técnicos, haverá uma prorrogação de trinta minutos, com dois tempos de quinze, para se conhecer a equipe vencedora da disputa. Caso a prorrogação termine empatada, é considerada vencedora da disputa a equipe mandante do jogo de volta (segunda partida). Será mandante do jogo de volta (segunda partida) a equipe que obtiver a primeira colocação nos grupos "A", "B" e "C" da 1ª Fase (Inicial).[7]

3ª Fase (Quadrangular)Editar

Esta fase foi disputada pelo Joinville Esporte Clube e pelas três equipes que se classificaram na 2ª Fase, que jogarão todas entre si, em sistema de turno e returno, com contagem corrida de pontos ganhos, sendo que a primeira colocada foi considerada a Campeã da Copa Santa Catarina de 2013.[7]

Critérios de desempateEditar

Caso duas ou mais equipes terminarem a disputa das 1ª e 3ªs Fases (Inicial e Quadrangular) empatadas em número de pontos ganhos o desempate é estabelecido sucessivamente pelos seguintes índices técnicos:

  1. maior número de vitórias;
  2. maior saldo de gols;
  3. maior número de gols pró;
  4. confronto direto, somente no caso de empate entre duas equipes;
  5. menor número de cartões vermelhos recebidos;
  6. menor número de cartões amarelos recebidos;
  7. sorteio público.

Caso venha a ser aplicado o disposto no item 4, considerar-se-á a soma dos dois jogos realizados entre ambas as equipes, e, se persistir o empate, o desempate dar-se-á pelo maior número de gols marcados na casa do adversário.[7]

Classificação finalEditar

A equipe que for a primeira colocada da 3ª Fase (Quadrangular) será considerada a primeira colocada da competição e lhe será atribuído o título de Campeã, ficando, conseqüentemente, a segunda colocada daquela Fase com a segunda colocação e com o título de Vice-Campeã.

As terceira e quarta colocadas da 3ª Fase (Quadrangular) serão consideradas as terceiras e quartas colocadas da competição.

As quinta, sexta e sétimas colocações ficarão com as equipes que disputarem a 2ª Fase (Sextas-de-final) que não se classificarem para a 3ª Fase (Quadrangular) e que obtiverem, respectivamente, o quinto, o sexto e o sétimo melhores índices técnicos naquela Fase (Sextas-de-final). As demais colocações da competição serão definidas através da classificação da 1ª Fase (Inicial), independentemente de grupo.[7]

ParticipantesEditar

1ª Fase (Inicial)Editar

Grupo AEditar

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG AP
1 Canoinhas 7 4 2 1 1 9 6 +3 58,3%
2 Porto-SC 6 4 2 0 2 6 8 -2 50,0%
3 Caçador 4 4 1 1 2 4 5 -1 33,3%
Classificação à 2ª Fase (Sextas-de-final).
Confrontos

Para ler a tabela, a linha horizontal representa os jogos da equipe como mandante. A coluna vertical indica os jogos da equipe como visitante.

Jogos do Turno estão em vermelho e os jogos do Returno estão em azul.

  CAÇ CAN POR
Caçador 1-2 1-2
Canoinhas 1-1 5-1
Porto-SC 0-1 3-1

Grupo BEditar

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG AP
1 Metropolitano 10 4 3 1 0 5 2 +3 83,3%
2 Juventus de Jaraguá 4 4 1 1 2 5 6 -1 33,3%
3 Brusque 3 4 1 0 3 5 7 -2 25,0%
Classificação à 2ª Fase (Sextas-de-final).
Confrontos

Para ler a tabela, a linha horizontal representa os jogos da equipe como mandante. A coluna vertical indica os jogos da equipe como visitante.

Jogos do Turno estão em vermelho e os jogos do Returno estão em azul.

  BRU JUV MET
Brusque 3-2 0-1
Juventus de Jaraguá 2-1 0-1
Metropolitano 2-1 1-1

Grupo CEditar

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG AP
1 Guarani de Palhoça 8 4 2 2 0 6 2 +4 66,7%
2 Atlético Tubarão 5 4 1 2 1 5 7 -2 41,7%
3 Imbituba 2 4 0 2 2 4 6 -2 16,7%
Classificação à 2ª Fase (Sextas-de-final).
Confrontos

Para ler a tabela, a linha horizontal representa os jogos da equipe como mandante. A coluna vertical indica os jogos da equipe como visitante.

Jogos do Turno estão em vermelho e os jogos do Returno estão em azul.

  ATT GUA IMB
Atlético Tubarão 0-0 2-1
Guarani de Palhoça 4-1 1-0
Imbituba 2-2 1-1

2ª Fase (Sextas-de-final)Editar

Grupo DEditar

         
    Guarani de Palhoça 1 4
     Porto-SC 2 1
9 de novembro Porto-SC 2 – 1 Guarani de Palhoça Estádio Antiocho Pereira, União da Vitória (PR)
19h30
Rafael   34'
Dudu   77'
Súmula   15' Matheus Gaúcho Público: 73
Árbitro:   Ronan Marques da Rosa

15 de novembro Guarani de Palhoça 4 – 1 (pro) Porto-SC Estádio Renato Silveira, Palhoça
17h00
Matheus Gaúcho   15'
Clebinho   43',   98'
Vitor Hugo   91'
Súmula   13' Criciúma Público: 75
Árbitro:   Bráulio da Silva Machado

Grupo EEditar

         
    Canoinhas 1 3
    Juventus de Jaraguá 1 2
10 de novembro Juventus de Jaraguá 1 – 1 Canoinhas Estádio João Marcatto, Jaraguá do Sul
17h00
Rodrigo Crasso   78' Súmula   57' Marlon Público: 286
Árbitro:   Bráulio da Silva Machado

15 de novembro Canoinhas 3 – 2 Juventus de Jaraguá Estádio Ditão, Canoinhas
17h00
Bispo   38'
Marcelo   55'
Fabinho   70'
Súmula   53' Léo
  84' Cícero
Público: 445
Árbitro:   Ronan Marques da Rosa

Grupo FEditar

         
    Metropolitano 1 3
    Atlético Tubarão 1 0
9 de novembro Atlético Tubarão 1 – 1 Metropolitano Estádio Domingos S. Gonzales, Tubarão
18h30
Zilli   29' Súmula   13' Jones Público: 86
Árbitro:   Célio Amorim

14 de novembro Metropolitano 3 – 0 Atlético Tubarão Monumental do Sesi, Blumenau
20h10
Toni   52'
Alessandro   53',   64'
Súmula Público: 377
Árbitro:   Rodrigo D’Alonso Ferreira

3ª Fase (Quadrangular)Editar

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG AP
1 Joinville 16 6 5 1 0 11 1 +10 88,9%
2 Metropolitano 8 6 2 2 2 8 8 0 44,4%
3 Guarani de Palhoça 7 6 2 1 3 9 12 -3 38,9%
4 Canoinhas 2 6 0 2 4 7 14 -7 11,1%
Equipe Campeã da Copa Santa Catarina de 2013.
Confrontos

Para ler a tabela, a linha horizontal representa os jogos da equipe como mandante. A coluna vertical indica os jogos da equipe como visitante.

Jogos do Turno estão em vermelho e os jogos do Returno estão em azul.

  CAN GUA JOI MET
Canoinhas 0-1 0-3 0-0
Guarani de Palhoça 4-4 0-2 1-2
Joinville 1-0 3-1 2-0
Metropolitano 5-3 1-2 0-0

Classificação finalEditar

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG Zona de Classificação ou Eliminação
1   Joinville 16 6 5 1 0 11 1 +10 Copa SC de 2013 e Classificado para Copa do Brasil de 2014
2   Metropolitano 22 12 6 4 2 17 11 +6 Classificado para á Série D de 2014
3   Guarani de Palhoça 18 12 5 3 4 20 17 +3
4   Canoinhas 13 12 3 4 5 19 23 -4
5   Porto-SC 9 6 3 0 3 9 13 -4 Eliminados na 2ª Fase (Sextas-de-final)
6   Juventus de Jaraguá 5 6 1 2 3 8 10 -2
7   Atlético Tubarão 6 6 1 3 2 6 11 -5
8   Caçador 4 4 1 1 2 4 5 -1 Eliminados na 1ª Fase (Inicial)
9   Brusque 3 4 1 0 3 5 7 -2
10   Imbituba 2 4 0 2 2 4 6 -2
Equipe Campeã da Copa Santa Catarina de 2013 e classificada à Copa do Brasil de 2014.
Equipe classificada à Série D do Campeonato Brasileiro de 2014.

Campeão GeralEditar

Campeão da Copa Santa Catarina 2013
 
JOINVILLE
(4º título)

Principais artilheirosEditar

Maiores públicosEditar

Esses são os cinco maiores públicos do Campeonato:

Público[PP] Mandante Placar Visitante Estádio Data Rodada
1 10 758 Joinville 1–0 Canoinhas Arena Joinville 15 de dezembro 6ª (Quadrangular)
2 2 088 Joinville 3–1 Guarani de Palhoça Arena Joinville 26 de novembro 2ª (Quadrangular)
3 1 826 Joinville 2–0 Metropolitano Arena Joinville 7 de dezembro 1ª (Returno)
4 1 088 Canoinhas 0–3 Joinville Estádio Ditão 19 de novembro 1ª (Quadrangular)
5 543 Metropolitano 2–1 Brusque Monumental do Sesi 24 de outubro 3ª (Turno)
  • PP. ^ Considera-se apenas o público pagante

Média de públicoEditar

Essas são as médias de público dos clubes no Campeonato. Considera-se apenas os jogos da equipe como mandante e o público pagante. Em alguns jogos, o público pagante não foi publicado pela Federação e não entraram para esta contagem:

  1. Joinville – 4 891
  2. Canoinhas – 486
  3. Metropolitano – 360
  4. Juventus de Jaraguá – 274
  5. Caçador – 115
  1. Atlético Tubarão – 98
  2. Porto-SC – 70
  3. Imbituba – 59
  4. Guarani de Palhoça – 55
  5. Brusque – 36

TríviasEditar

  • O Joinville venceu de forma antecipada a Copa Santa Catarina de 2013. Após a vitória fora de casa por 2 a 0 contra o Guarani e contar com o empate em 0 a 0 do Canoinhas com o Metropolitano, o JEC garantiu o título com uma rodada de antecedência.[5][6]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «JEC entrará na fase final da Copa Santa Catarina 2013». Notícias do Dia. 13 de agosto de 2013. Consultado em 15 de agosto de 2013 
  2. a b «Federação divulga tabela e regulamento oficial da Copinha». Futebol SC. 16 de agosto de 2013. Consultado em 19 de agosto de 2013 
  3. «Conselho define Copa SC com treze clubes». Futebol SC. 12 de agosto de 2013. Consultado em 14 de agosto de 2013 
  4. «Canoinhas confirma participação na Copa SC 2013». Futebol SC. 12 de agosto de 2013. Consultado em 15 de agosto de 2013 
  5. a b «Joinville vence o Guarani e leva o título da Copa SC antecipadamente». Diário Catarinense. 11 de dezembro de 2013. Consultado em 12 de dezembro de 2013 
  6. a b «JEC é campeão por antecipação da Copa SC». RIC Mais. 12 de dezembro de 2013. Consultado em 12 de dezembro de 2013 
  7. a b c d e f «Copa Santa Catarina de 2013» (PDF). Federação Catarinense de Futebol. 12 de agosto de 2013. Consultado em 12 de agosto de 2013 
  8. «Com desistências, FCF divulga tabela atualizada da Copa SC». Futebol SC. 7 de outubro de 2013. Consultado em 8 de outubro de 2013 
  9. «Marcílio Dias não disputará a Copa SC». Federação Catarinense de Futebol. 9 de outubro de 2013. Consultado em 14 de outubro de 2013 
  10. «Marcílio Dias desiste de disputar a Copa Santa Catarina». Diário Catarinense. 9 de outubro de 2013. Consultado em 14 de outubro de 2013 

Ligações externasEditar