Eleição municipal de Sorocaba em 1996

A eleição municipal da cidade brasileira de Sorocaba ocorreu em 3 de outubro de 1996 para eleger um prefeito, um vice-prefeito e 21 vereadores para a administração da cidade. O prefeito Renato Amary, do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), foi eleito no segundo turno. O prefeito Paulo Francisco Mendes (PMDB) terminara seu mandato em 1º de janeiro do ano seguinte.

1992 Brasil 2000
Eleição municipal de Sorocaba em 1996 BandeiraSorocaba.svg
3 de outubro de 1996 (Primeiro turno)
15 de novembro de 1996 (Segundo turno)
Renato Amary.jpg Replace this image male.png
Candidato Renato Amary Caldini Crespo
Partido PSDB PFL
Natural de Sorocaba, SP Sorocaba
Vice Diva Maria Prestes de Barros Araújo n/d
Votos 102 139 92 758
Porcentagem 52,41% 47,59%


BrasaoSorocaba.svg
Prefeito de Sorocaba

Como nenhum dos candidatos atingiram 50+1% houve segundo turno em 15 de novembro do mesmo ano entre Renato Amary (PSDB) e Caldini Crespo (PFL), vencendo a disputa eleitoral Renato Amary, governando a cidade pelo período de 1º de janeiro de 1997 a 31 de dezembro de 2000. Em 2000 Renato se tornou o primeiro prefeito de Sorocaba a se reeleger desde a redemocratização do Brasil.

CandidatosEditar

Candidato(a) a prefeito Candidato(a) a vice-prefeito Coligação
13 Iara Bernardi (PT)
Iara Bernardi
n/d Sem coligação
14 José Theodoro Mendes (PTB)
José Theodoro Mendes
n/d Sem coligação
25 Caldini Crespo (PFL)
José Antonio Caldini Crespo
n/d Sem nome
40 Josenildo Pereira Leite (PSB)
Josenildo Pereira Leite
n/d Sem coligação
45 Renato Amary (PSDB)
Renato Fauveu Amary
Diva Maria Prestes de Barros Araújo Sem nome

Renato Amary, conhecido empresário sorocabano, foi eleito em 1994 deputado estadual, tendo obtido 17.542 votos em Sorocaba, a segunda maior votação na cidade naquele pleito.[1] Caldini Crespo, filho do ex-prefeito José Crespo Gonzáles, também foi eleito deputado estadual em 1994, com a maior votação na cidade de Sorocaba naquela eleição, com 25.023 votos. Amary e Crespo já haviam disputado a eleição municipal de 1992, concorrendo ao cargo de prefeito.

Iara Bernardi estava em seu terceiro mandato como vereadora, havia sido a primeira mulher eleita vereadora na história de Sorocaba, nas eleições de 1982, ao lado de Diva Maria Prestes de Barros Araújo, candidata em 1996 a vice-prefeita na chapa de Renato Amary. José Theodoro Mendes havia sido prefeito de Sorocaba entre 1977 e 1982, tendo construído o Palácio dos Tropeiros.

ResultadosEditar

Poder ExecutivoEditar

Candidato(a)[2] Vice 1º Turno
3 de outubro de 1996
2º Turno
15 de novembro de 1996
Votação
Total Porcentagem Total Porcentagem
Renato Amary (PSDB) Diva Maria 57.731 28,77% 102.139 52,41%
Caldini Crespo (PFL) n/d 65.302 32,54% 92.758 47,59%
Iara Bernardi (PT) n/d 43.659 21,75% Não participaram
José Theodoro Mendes (PTB) n/d 27.975 13,94%
Josenildo Pereira Leite (PSB) n/d 6.025 3,00%
Total de votos válidos 200.692 100,00% 194.897 100,00%
Votos apurados
Votos válidos 200.692 88,46% 194.897 88,26%
Votos em branco 4.265 1,88% 5.007 2,27%
Votos nulos 21.925 9,66% 20.927 9,47%
Total de votos apurados 226.882 100,00% 220.831 100,00%
Eleitores
Comparecimento 226.882 88,32% 220.831 85,96%
Abstenções 30.004 11,68% 36.055 14,04%
Total de eleitores 256.886 100,00% 256.886 100,00%
  Eleito(a)

Vereadores eleitosEditar

Candidato(a) Partido Coligação Votação
Votos Porcentagem
João Donizeti Silvestre PSDB PSDB 2.957 1,30%
Mixirica (Antônio Rodrigues Filho) PFL PFL 2.850 1,26%
Marinho Marte PMDB PMDB 2.845 1,25%
Antonio Carlos Silvano PMDB PMDB 2.817 1,23%
Engº Martinez PSDB PSDB 2.778 1,22%
Arnô Pereira PT PT 2.763 1,22%
Moacir Luis PMDB PMDB 2.547 1,12%
Jorge Pereira Lima PT PT 2.397 1,06%
Yabiku PSDB PSDB 2.287 1,01%
Oswaldo Duarte Filho PMDB PMDB 2.267 1,00%
Waldomiro de Freitas PL PL 2.224 0,98%
Claudemir Justi PFL PFL 1.978 0,87%
Emerson Canas PSDB PSDB 1.962 0,86%
Maria Aparecida de Queiroz Almeida PFL PFL 1.635 0,72%
Jefferson Campos PDT PDT 1.605 0,71%
Gabriel Bitencourt PT PT 1.550 0,68%
Carlinhos da Farmácia PSDB PSDB 1.520 0,67%
João de Andrade PL PL 1.412 0,62%
Benedito de Jesus Oleriano PFL PFL 1.385 0,61%
Rodoviário Perotti PV PV 1.331 0,59%
Laércio Valone Neto Piantore PPS PPS 1.310 0,58%

Neste pleito João Donizeti Silvestre se tornou o vereador mais votado da história de Sorocaba desde a redemocratização do Brasil até então, com 2.957 votos. Silvestre teve 70% dos votos válidos da Zona Eleitoral 357, que engloba os distritos de Éden e Cajuru do Sul. Oswaldo Duarte Filho se reelegeu para o quinto mandato com 2.267 votos, sendo o vereador com maior permanência na Câmara Municipal de Sorocaba naquela legislatura.[3]

Referências

  1. «Resultados das Eleições 1994 - São Paulo - deputado estadual». Seade. 31 de outubro de 1996. Consultado em 3 de fevereiro de 2017 
  2. «Lista dos prefeitos eleitos em 1996». www.folha.uol.com.br. Consultado em 10 de maio de 2019 
  3. Legislaturas