Abrir menu principal

Greg Monroe

basquetebolista estadunidense

Gregory Keith Monroe, Jr. (Nova Orleans, 04 de junho de 1990) é um jogador norte-americano de basquete profissional que atua pelo Toronto Raptors da NBA. Monroe foi escolhido pelos Pistons como 7ª escolha geral no 2010 NBA Draft e nomeado para o NBA All-Rookie Second Team em 2011.[1]Ele foi o último jogador do Pistons a usar a camisa de nº10, número utilizado por Dennis Rodman, que foi aposentado em 1 de abril de 2011.[2]

Greg Monroe
Greg Monroe vs Wizards 2014.jpg
Informações pessoais
Nome completo Gregory Keith Monroe Jr.
Data de nasc. 04 de junho de 1990 (29 anos)
Local de nasc. Flag of New Orleans, Louisiana.svg Nova Orleans,Flag of Louisiana.svg Luisiana,  Estados Unidos
Altura 2,11 m
Peso 120 kg
Informações no clube
Clube atual Estados Unidos Toronto Raptors
Número 15
Posição Ala-pivô/Pivô
Clubes de juventude
2008-2010 Estados Unidos Georgetown Hoyas
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2010-2015
2015-2017
2017-2018
2018
2018-presente
Estados Unidos Detroit Pistons
Estados Unidos Milwaukee Bucks
Estados Unidos Phoenix Suns
Estados Unidos Boston Celtics
Estados Unidos Toronto Raptors
00378 00(5.411)
0079 00(1.210)

Índice

CarreiraEditar

Detroit Pistons (2010-2015)Editar

Em sua estréia na NBA em 30 de outubro de 2010 contra o Chicago Bulls, Monroe começou no banco e atuou por 7 minutos marcando 2 pontos e 3 rebotes. Seu primeiro jogo como titular foi em 10 de dezembro de 2010 contra o Minnesota Timberwolves, nesta partida Monroe marcou 8 pontos e 15 rebotes em uma atuação de 35 minutos. Apesar de ter tido uma temporada fraca em 2010, Monroe cresceu de produção em 2011 virando um dos pilares do Pistons que passava por uma grande reformulação. A sua melhor atuação na temporada de 2011 foi no jogo contra o Indiana Pacers com 27 pontos e 12 rebotes.

Na votação do NBA Rookie of the Year Award da temporada de 2010-11, Monroe ficou na 6ª posição, terminando logo atrás de Gary Neal do San Antonio Spurs.[3]

Na temporada de 2013-14, Monroe terminou sua terceira temporada consecutiva pelo Pistons com mais de 1000 pontos e mais de 600 rebotes, juntando-se a Grant Hill que conseguiu o feito na temporada de 1994-95.[4]

Em 3 de dezembro de 2014, Monroe quebrou seu recorde de pontos, marcando 29 pontos na derrota para o Boston Celtics por 102-109.[5]Em 08 de abril de 2015, ele voltou à ação depois de perder 11 jogos por causa de uma lesão no joelho, marcando 19 pontos e 10 rebotes em outra derrota para o Celtics.[6]

Milwaukee Bucks (2015-2017)Editar

Em 9 de julho de 2015, Monroe assinou um contrato de U$ 50 milhões por três anos com o Milwaukee Bucks.[7][8]Ele fez sua estréia pelo Bucks em 28 de outubro contra o New York Knicks, marcando 22 pontos e 14 rebotes na derrota por 122-97.[9]

Phoenix Suns (2017–2018)Editar

Em 7 de novembro de 2017, Monroe foi negociado juntamente com os direitos de uma escolha protegida na primeira rodada e uma escolha protegida em 2018 na segunda rodada, para o Phoenix Suns em troca de Eric Bledsoe. Greg estava lidando com uma lesão na panturrilha esquerda antes de chegar no Suns. Ele fez sua estréia pelo Suns em 16 de novembro de 2017, registrando 20 pontos e 11 rebotes em 26 minutos como titular em uma derrota por 142 a 116 para o Houston Rockets. Monroe jogou em meio a especulações de que ele poderia ser negociado ou seu contrato comprado. Seis dias depois, ele teve 22 pontos e 15 rebotes em uma derrota por 113 a 107 na prorrogação para seu ex-time, o Milwaukee Bucks. Em 24 de janeiro de 2018, eu tinha 16 pontos e uma alta de 17 rebotes em uma derrota de 116-101 para o Indiana Pacers. Em 1 de fevereiro de 2018, ele foi dispensado pelo Suns.

Boston Celtics (2018)Editar

Em 8 de fevereiro de 2018, Monroe assinou com o Boston Celtics. Em 6 de abril de 2018, ele registrou sua segunda carreira triplo-dupla com 19 pontos, 11 rebotes e 10 assistências fora do banco em uma vitória por 111-104 sobre o Chicago Bulls. Ele se tornou o primeiro pivô celta a registrar um triplo-duplo desde que Robert Parish fez isso em 29 de março de 1987.

Toronto Raptors (2018–presente)Editar

Em 10 de agosto de 2018, Monroe assinou com o Toronto Raptors.

Estatísticas na NBAEditar

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira

Temporada RegularEditar

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2010-11 Detroit 80 48 27.8 .551 .000 .622 7.5 1.3 1.2 0.6 9.4
2011-12 Detroit 66 66 31.5 .521 .000 .739 9.7 2.3 1.3 0.7 15.4
2012-13 Detroit 81 81 33.2 .486 .000 .689 9.6 3.5 1.3 0.7 16.0
2013-14 Detroit 82 82 32.8 .497 .000 .657 9.3 2.1 1.1 0.6 15.2
2014-15 Detroit 69 57 31.0 .496 .000 .750 10.2 2.1 1.1 0.5 15.9
2015-16 Milwaukee 79 67 29.3 .522 .000 .740 8.8 2.3 0.9 0.9 15.3
Carreira 457 401 30.9 .508 .000 .701 9.2 2.3 1.1 0.6 14.5

Referências

  1. «Greg Monroe». Basketball-Reference.com. Consultado em 8 de janeiro de 2016 
  2. «Detroit Pistons To Retire Dennis Rodman's #10 Jersey». www.nba.com. Consultado em 2 de setembro de 2016 
  3. «Blake Griffin named 2010-11 T-Mobile Rookie of the Year». nba.com. 4 de maio de 2011. Consultado em 2 de setembro de 2016. Arquivado do original em 29 de abril de 2014 
  4. «Greg Monroe Signs Qualifying Offer». Consultado em 2 de setembro de 2016 
  5. «Pistons at Celtics». Consultado em 2 de setembro de 2016 
  6. «Celtics at Pistons». Consultado em 2 de setembro de 2016 
  7. «Bucks Sign Greg Monroe». Consultado em 2 de setembro de 2016 
  8. «Monroe chooses Bucks, spurns Knicks, others». Consultado em 2 de setembro de 2016 
  9. «Knicks vs Bucks». Consultado em 2 de setembro de 2016