Abrir menu principal

Greg Monroe

basquetebolista estadunidense

Gregory "Greg" Keith Monroe (Nova Orleans, 04 de junho de 1990) é um jogador norte-americano de basquete profissional que atua pelo FC Bayern München que disputa a BBL e EuroLiga.[1]

Greg Monroe
Greg Monroe vs Wizards 2014.jpg
Informações pessoais
Nome completo Gregory Keith Monroe Jr.
Data de nasc. 04 de junho de 1990 (29 anos)
Local de nasc. Luisiana,  Estados Unidos
Altura 6 ft 11 in (2.11 m)
Peso 265 lb (120 kg)
Informações no clube
Clube atual Alemanha FC Bayern München
Posição Ala-pivô / Pivô
Clubes de juventude
2008-2010 Estados Unidos Georgetown
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2010-2015
2015-2017
2017-2018
2018
2018-2019
2019
2019
2019-Presente
Estados Unidos Detroit Pistons
Estados Unidos Milwaukee Bucks
Estados Unidos Phoenix Suns
Estados Unidos Boston Celtics
Estados Unidos Toronto Raptors
Estados Unidos Boston Celtics
Estados Unidos Philadelphia 76ers
Alemanha FC Bayern München
00378 00(5.411)
00165 00(2.195)
0020 00(225)
0026 00(265)
0038 00(183)
002 00(6)
003 00(41)

Monroe foi escolhido pelo Detroit Pistons como a 7ª escolha geral no Draft da NBA de 2010 e nomeado para o NBA All-Rookie Second Team em 2011. Ele foi o último jogador dos Pistons a usar a camisa de nº10, número utilizado por Dennis Rodman, que foi aposentado em 1 de abril de 2011.[2]

Carreira no ensino médioEditar

Monroe frequentou a Helen Cox High School em Harvey, Louisiana. Quando se formou em 2007-08, ele foi nomeado McDonald's All-American e ganhou a Primeira-Equipe do Parade All-America após uma média de 21,0 pontos e 14,0 rebotes por jogo.[3]

Considerado um recruta de cinco estrelas pela Rivals.com, Monroe foi listado como o melhor Ala-pivô e o 8° melhor jogador no país em 2008.[4]

Carreira na faculdadeEditar

Em sua temporada de calouros em Georgetown, Monroe foi nomeado o Novato do Ano da Big East com médias de 12,7 pontos, 6,5 rebotes, 2,5 assistências, 1,8 roubadas de bola e 1,5 bloqueios em 30,9 minutos por jogo.[5]

Em sua segunda temporada, Monroe foi nomeado para o Primeiro-Time da Big East com médias de 16,1 pontos, 9,6 rebotes, 3,8 assistências, 1,2 roubadas de bola e 1,5 bloqueios em 34,2 minutos por jogo.[6]

Em 17 de abril de 2010, Monroe se declarou para o Draft da NBA de 2010, precedendo seus dois últimos anos de elegibilidade para a faculdade.

Carreira profissionalEditar

Detroit Pistons (2010–2015)Editar

Monroe foi selecionado foi escolhido pelo Detroit Pistons como a 7ª escolha geral no Draft da NBA de 2010. Em 6 de julho de 2010, ele assinou com os Pistons.

Monroe fez sua estréia na NBA em 30 de outubro de 2010 contra o Chicago Bulls. Ele registrou 2 pontos e 3 rebotes em 7 minutos.[7] Depois de ser reserva no primeiro mês da temporada, Monroe teve seu primeiro jogo como titular da carreira em 10 de dezembro de 2010 contra o Minnesota Timberwolves. Neste jogo, Monroe registrou oito pontos, quinze rebotes e um bloqueio em 35 minutos.[8]

Apesar de um início de temporada lento, a produção de Monroe aumentou em 2011, quando ele se tornou um artilheiro e reboteiro sólido para a reconstrução dos Pistons. Em 23 de fevereiro de 2011, contra o Indiana Pacers, Monroe teve seu melhor jogo da temporada com 27 pontos e 12 rebotes.[9]

Em 4 de maio de 2011, Monroe ficou em sexto lugar no prêmio de Novato do Ano da NBA, terminando bem atrás de Blake Griffin do Los Angeles Clippers.[10]

Durante a temporada de 2011-12, Monroe foi titular em todos os 66 jogos de Detroit com médias de 15.4 pontos, 9.7 rebotes, 2.3 assistências, 1.3 roubadas de bola e 0.7 bloqueios em 31.5 minutos por jogo.[11]

Durante a temporada de 2013-14, Monroe registrou sua terceira temporada consecutiva com mais de 1.000 pontos e mais de 600 rebotes, juntando-se a Grant Hill como o único jogador dos Pistons a fazê-lo desde a temporada de 1994-95.

Em 30 de junho de 2014, os Pistons fizeram uma oferta qualificativa de um ano para tornar Monroe um agente livre restrito.[12] Em 8 de setembro de 2014, foi anunciado que Monroe assinou a oferta de qualificação dos Pistons, tornando-o um agente livre e irrestrito em 2015.[13] No dia seguinte, a NBA suspendeu Monroe pelos dois primeiros jogos da temporada de 2014-15 por dirigir enquanto estava visivelmente embriagado em fevereiro de 2014.

Em 5 temporadas em Detroit, Monroe jogou em 378 jogos com médias de 14.3 pontos, 9.2 rebotes, 2.3 assistências, 1.2 roubadas de bola e 0.6 bloqueios em 31.3 minutos por jogo.

Milwaukee Bucks (2015-2017)Editar

 
Monroe com os Bucks em dezembro de 2016.

Em 9 de julho de 2015, Monroe assinou um contrato de três anos e US $ 50 milhões com o Milwaukee Bucks.[14][15]

Ele estreou nos Bucks em 28 de outubro de 2015, registrando 22 pontos e 14 rebotes em uma derrota por 122-97 para o New York Knicks.[16] Entre 9 de fevereiro e 7 de março de 2016, Monroe teve um período de 12 jogos como reserva, enquanto o técnico Jason Kidd mexia em sua formação. Em seu primeiro jogo como reserva, ele registrou 29 pontos e 12 rebotes na vitória por 112-111 sobre o Boston Celtics.[17] Monroe voltou à equipe titular em 9 de março para o jogo contra o Miami Heat.

O treinador Kidd atribuiu a Monroe uma função permanente de reserva nos Bucks na temporada de 2016–17 e teve médias de 11.7 pontos, 6.6 rebotes, 2.3 assistências, 1.1 roubadas de bola e 0.5 bloqueios em 22.5 minutos por jogo.[18]

Em 3 temporadas em Milwaukee, Monroe jogou em 165 jogos com médias de 13.3 pontos, 7.6 rebotes, 2.2 assistências, 1.0 roubadas de bola e 0.6 bloqueios em 25.6 minutos por jogo.

Phoenix Suns (2017-2018)Editar

Em 7 de novembro de 2017, Monroe foi negociado, juntamente com escolhas de Draft, para o Phoenix Suns em troca de Eric Bledsoe. Ele estava lidando com uma tensão na panturrilha esquerda ao chegar em Phoenix.[19]

Ele estreou nos Suns em 16 de novembro de 2017, registrando 20 pontos e 11 rebotes em 26 minutos em uma derrota por 142-116 sobre o Houston Rockets.[20] Monroe jogou em meio a especulações de que ele poderia ser negociado. Seis dias depois, ele teve 22 pontos e 15 rebotes na derrota de 113-107 para o Milwaukee Bucks.[21]

Em 1 de fevereiro de 2018, ele foi dispensado pelos Suns.[22]

Boston Celtics (2018)Editar

Em 8 de fevereiro de 2018, Monroe assinou com o Boston Celtics.[23][24]

Em 6 de abril de 2018, ele teve seu segundo triplo-duplo da carreira com 19 pontos, 11 rebotes e 10 assistências em uma vitória por 111-104 sobre o Chicago Bulls.[25] Ele se tornou o primeiro Pivô dos Celtics a ter um triplo-duplo desde que Robert Parish o fez em 29 de março de 1987.

Toronto Raptors (2018–2019)Editar

Em 10 de agosto de 2018, Monroe assinou com o Toronto Raptors.[26] Em 7 de fevereiro de 2019, Monroe foi negociado para o Brooklyn Nets por uma escolha de segunda rodada de 2021 em troca de considerações em dinheiro. Ele foi imediatamente dispensado pelos Nets.[27]

Segunda passagem nos Celtics (2019)Editar

Em 24 de março de 2019, Monroe assinou um contrato de 10 dias com o Boston Celtics.[28] Ele não foi renovado após a expiração de seu contrato.[29]

Philadelphia 76ers (2019)Editar

Ele terminou a temporada de 2018-19 jogando 3 jogos pelo Philadelphia 76ers.

Bayern de Munique (2019 – Presente)Editar

Em 25 de julho de 2019, Monroe assinou com o Bayern de Munique da Liga Alemã de Basquetebol (BBL) e da EuroLeague.[30]

EstatísticasEditar


LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira

Temporada RegularEditar

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2010–11 Detroit 80 27.8 .551 .000 .622 7.5 1.3 1.2 .6 9.4
2011–12 Detroit 66 31.5 .521 .000 .739 9.7 2.3 1.3 .7 15.4
2012–13 Detroit 81 33.2 .486 .000 .689 9.6 3.5 1.3 .7 16.0
2013–14 Detroit 82 32.8 .497 .000 .657 9.3 2.1 1.1 .6 15.2
2014–15 Detroit 69 31.0 .496 - .750 10.2 2.1 1.1 .5 15.9
2015–16 Milwaukee 79 29.3 .522 .000 .740 8.8 2.3 .9 .8 15.3
2016–17 Milwaukee 81 22.5 .534 .000 .741 6.6 2.3 1.1 .5 11.7
2017–18 Milwaukee 5 15.8 .485 - .500 5.0 1.0 0 0 6.8
2017–18 Phoenix 20 23.3 .626 - .674 8.0 2.5 .8 .3 11.3
2017–18 Boston 26 19.1 .530 - .797 6.3 2.3 1.1 .7 10.2
2018–19 Toronto 38 11.1 .460 .000 .574 4.1 .4 .3 .2 4.8
2018–19 Boston 2 2.5 .600 - - 1.5 .5 .0 .0 3.0
2018–19 Philadelphia 3 17.3 .653 1.000 .909 4.3 2.3 .3 .0 13.7
Carreira 632 27.7 .514 .059 .704 8.3 2.1 1.1 .6 13.2

PlayoffsEditar

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2017 Milwaukee 6 23.5 .529 - .833 7.3 1.7 1.3 .5 13.2
2018 Boston 11 9.5 .500 - .682 3.2 .5 .2 .2 4.8
2019 Philadelphia 10 9.0 .400 .250 .788 3.1 .4 .5 .4 4.0
Carreira 27 12.4 .481 .250 .770 4.1 .7 .6 .3 6.4

Fonte:[31][32]

Referências

  1. «Greg Monroe». NBA Stats (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  2. «Detroit Pistons To Retire Dennis Rodman's #10 Jersey». www.nba.com. Consultado em 2 de setembro de 2016 
  3. «Greg Monroe - Men's Basketball». Georgetown University Athletics (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  4. «Greg Monroe, 2008 Power forward - Rivals.com». n.rivals.com. Consultado em 19 de outubro de 2019 
  5. «2008-09 Season Summary». College Basketball at Sports-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  6. «2009-10 Season Summary». College Basketball at Sports-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  7. «Detroit Pistons at Chicago Bulls Box Score, October 30, 2010». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  8. «Detroit Pistons at Minnesota Timberwolves Box Score, December 10, 2010». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  9. «Detroit Pistons at Indiana Pacers Box Score, February 23, 2011». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  10. «Blake Griffin named 2010-11 T-Mobile Rookie of the Year | NBA.com». web.archive.org. 29 de abril de 2014. Consultado em 19 de outubro de 2019 
  11. «Greg Monroe 2011-12 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  12. «Stuckey's stay with Pistons appears over; team declines option on Billups | The Detroit News». web.archive.org. 13 de agosto de 2014. Consultado em 19 de outubro de 2019 
  13. «Greg Monroe Signs Qualifying Offer». Detroit Pistons (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  14. «Bucks Sign Greg Monroe». Milwaukee Bucks (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  15. «Monroe chooses Bucks, spurns Knicks, others». ESPN.com (em inglês). 2 de julho de 2015. Consultado em 19 de outubro de 2019 
  16. «New York Knicks at Milwaukee Bucks Box Score, October 28, 2015». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  17. «Boston Celtics at Milwaukee Bucks Box Score, February 9, 2016». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  18. «Greg Monroe 2016-17 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  19. «Suns Acquire Greg Monroe and Two Draft Picks from Milwaukee». Phoenix Suns (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  20. «Houston Rockets at Phoenix Suns Box Score, November 16, 2017». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  21. «Milwaukee Bucks at Phoenix Suns Box Score, November 22, 2017». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  22. «Phoenix Suns Waive Greg Monroe». Phoenix Suns (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  23. release, Official. «Boston Celtics sign center Greg Monroe». NBA.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  24. «Celtics Sign Veteran Big Man Greg Monroe». Boston Celtics (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  25. «Chicago Bulls at Boston Celtics Box Score, April 6, 2018». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  26. «Raptors Sign Greg Monroe». Toronto Raptors (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  27. «Brooklyn Nets Complete Trade with Toronto Raptors». Brooklyn Nets (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  28. «Celtics Sign Greg Monroe To 10-Day Contract». Boston Celtics (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  29. «Report: Celtics elect to not re-sign Greg Monroe». Celtics Wire (em inglês). 3 de abril de 2019. Consultado em 19 de outubro de 2019 
  30. «Die Bayern freuen sich auf NBA-Center Greg Monroe». FCB Basketball (em inglês). 25 de julho de 2019. Consultado em 19 de outubro de 2019 
  31. «Greg Monroe Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019 
  32. «Greg Monroe College Stats». College Basketball at Sports-Reference.com (em inglês). Consultado em 19 de outubro de 2019