Abrir menu principal

Acidente com o Beechcraft King Air prefixo PR-SOM em 2017

Acidente com o Beechcraft King Air prefixo PR-SOM
Acidente aéreo
Beechcraft King Air C90 GT, similar ao avião destruído.
Sumário
Data 19 de janeiro de 2017 (2 anos)
Causa Perda de controle causada por desorientação espacial e condições meteorológicas adversas.
Local Brasil Paraty, Rio de Janeiro
Origem São Paulo Aeroporto Campo de Marte, São Paulo
Destino Rio de Janeiro Aeroporto de Paraty
Passageiros 4[1]
Tripulantes 1
Mortos 5[1]
Sobreviventes nenhum
Aeronave
Modelo Estados Unidos Beechcraft King Air C90 GT
Prefixo PR-SOM
Primeiro voo 2007

O acidente com o Beechcraft King Air prefixo PR-SOM ocorreu no dia 19 de janeiro de 2017. Entre os passageiros que morreram na queda estava o ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki,[2][3][4][5][6] então relator da Operação Lava Jato no STF, e o empresário Carlos Alberto Filgueiras, dono dos hotéis Emiliano.[7] Também morreram o piloto Osmar Rodrigues e mais duas mulheres, Maíra Lidiane Panas Helatczuk e Maria Hilda Panas.[8][9][10][11]

AeronaveEditar

O avião, um bimotor turboélice, modelo Hawker Beechcraft King Air C90, de prefixo PR-SOM, era de propriedade de Carlos Alberto Filgueiras e tinha capacidade para sete passageiros, além do piloto.

Estava registrado em nome da Emiliano Empreendimentos e Participações Hoteleiras Limitada[12][13] e, segundo a ANAC, estava em situação normal de aeronavegabilidade, com inspeção válida até 12 de abril de 2017 e com certificado de autorização de voo válido até 12 de abril de 2022.[14] O avião era considerado seguro.[15]

AcidenteEditar

O voo saiu do aeroporto Campo de Marte, na cidade de São Paulo, às 13h (horário de Brasília), com destino à cidade de Paraty, no estado do Rio de Janeiro, porém a aeronave caiu no mar, próximo à Ilha Rasa, cerca de meia hora depois de decolar, momento em que chovia na região da queda.[16][17]

A aeronave caiu próxima da Ilha Rasa, a 4 quilômetros a sudoeste do aeroporto de Paraty.

VítimasEditar

InvestigaçãoEditar

A Polícia Federal e o Ministério Público Federal abriram, no mesmo dia do acidente, inquéritos para investigarem as causas do acidente,[20][21][22] e a Corte Interamericana de Direitos Humanos pediu por uma rápida e cuidadosa investigação sobre a circunstâncias da queda.[23]

No dia seguinte ao acidente, a Aeronáutica resgatou a caixa-preta do gravador de voz do avião.[24] A aeronave não possuía caixa-preta gravadora de dados.[25] A aeronave foi retirada do mar no domingo, 22, e transportada para o Rio de Janeiro para perícia da Aeronáutica.[26]

Em 23 de janeiro de 2017, o juiz da 1ª Vara Federal de Angra dos Reis, Raffaele Felice Pirro, decretou o sigilo das investigações sobre a queda do avião.[27] Análise preliminar da Aeronáutica "não apontam qualquer anormalidade nos sistemas da aeronave"[28] e que pode ter havido desorientação espacial do piloto.[29]

Relatório finalEditar

Em 22 de janeiro de 2018, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) apresentou o relatório final do acidente. A conclusão foi que não houve falha da aeronave nem falta de combustível. O acidente foi causado por três fatores principais:[30][31]

  • Condições climáticas adversas para o pouso visual (VFR), único modo de operação do aeroporto de Paraty. No momento do acidente, a visibilidade horizontal era de 1 500 metros e a precipitação pluviométrica era de 25 mm/h, condições não recomendadas para operações de pouso e decolagem sob VFR.
  • Cultura operacional dos pilotos: as investigações concluíram que havia entre os pilotos que voavam rotineiramente naquela região, uma cultura de "experiência operacional" em condições adversas, em detrimento das recomendações de segurança para a operação em voo visual, com práticas informais que interferiram na percepção e análise adequada dos riscos envolvidos naquela operação de pouso.
  • Desorientação espacial: provável consequência da baixa visibilidade, de curva executada sobre a água a baixa altura, e das condições de estresse do piloto, que levaram à perda de controle da aeronave.

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b Leslie Leitão. «Bombeiros retiram corpo de Teori dos destroços do avião». VEJA. Abril. Consultado em 20 de janeiro de 2017 
  2. «Teori Zavascki estava na lista de passageiros de avião que caiu». VEJASP. Consultado em 19 de janeiro de 2017 
  3. Marcelo Ernesto. «Nome de Teori Zavascki estava na lista de passageiros de avião que caiu, diz STF». Estado de Minas. Consultado em 19 de janeiro de 2017 
  4. «Avião de pequeno porte com Teori Zavascki cai no mar em Paraty». Gazetaweb. Globo.com. Consultado em 19 de janeiro de 2017 
  5. Leandro Prazeres. «Teori estava em avião que caiu no litoral do Rio, dizem STF e família». Uol. Consultado em 19 de janeiro de 2017 
  6. «Relator da Lava Jato no STF, Teori Zavascki morre aos 68 anos após queda de avião em Paraty, diz filho». G1 
  7. Guilherme Amado. «Dono do Emiliano estava no voo». Lauro Jardim, O Globo. Consultado em 19 de janeiro de 2017 
  8. André Barcinski; Italo Nogueira (20 de janeiro de 2017). «Corpo de Teori e outras 2 vítimas da queda de avião são resgatados no Rio». Folha de S.Paulo. Consultado em 20 de janeiro de 2017 
  9. «Carlos Alberto, dono do Emiliano, levou jovem massoterapeuta no avião». Poder 360. 20 de janeiro de 2017. Consultado em 20 de janeiro de 2017 
  10. «Massoterapeuta e mãe são outras vítimas de acidente que matou Teori - 20/01/2017 - Poder - Folha de S.Paulo». www1.folha.uol.com.br. Consultado em 21 de janeiro de 2017 
  11. Fabiana Maranhão (19 de janeiro de 2017). «Por minutos não salvamos mulher, diz homem que ajudou no resgate de avião de Teori». UOL Notícias. Consultado em 24 de janeiro de 2017 
  12. Carolina Oms. «Teori estava em avião que caiu em Paraty, diz filho». Valor. Consultado em 19 de janeiro de 2017 
  13. «Teori Zavascki, ministro do STF, morre em acidente de avião em Paraty, diz filho». BBC Brasil (em inglês). 19 de janeiro de 2017 
  14. «Polícia Federal instaura um inquérito». Tribuna do Norte 
  15. Fantástico (22 de janeiro de 2017). «Avião é considerado moderno e seguro e piloto era especialista na rota». G1. Consultado em 22 de janeiro de 2017 
  16. «Teori estava em avião que caiu no litoral do Rio, dizem STF e família». UOL Notícias. 19 de janeiro de 2017. Consultado em 19 de janeiro de 2017 
  17. «Avião pequeno cai no mar em Paraty; bombeiros confirmam 3 mortos». G1. 19 de janeiro de 2017. Consultado em 19 de janeiro de 2017 
  18. a b c d e MT | Corpos de mãe e filha vítimas de queda de avião são enterrados - MT Notícias MT, Política, Polícia, Mato Grosso | AGORA MT
  19. a b c d e Avião que caiu com Teori Zavaski começa a ser retirado do oceano - Brasil - iG
  20. Victor Chagas (19 de janeiro de 2017). «Polícia Federal e MPF vão investigar causas de acidente que matou Teori Zavascki». Agência Brasil 
  21. Julia Affonso; Fausto Macedo; Fábio Serapião; Mateus Coutinho (19 de janeiro de 2017). «PF abre inquérito para investigar acidente que matou ministro da Lava Jato». O Estado de S.Paulo 
  22. «MPF abre inquérito para investigar acidente que matou Teori Zavascki». G1. 19 de janeiro de 2017 
  23. «Corte Interamericana pede apuração 'cuidadosa' de acidente com Teori». Folha de S.Paulo. 20 de janeiro de 2017. Consultado em 21 de janeiro de 2017 
  24. Azelma Rodrigues (20 de janeiro de 2017). «Aeronáutica encontra caixa de gravação de voz de avião que caiu em Paraty». Correio Braziliense. Consultado em 21 de janeiro de 2017 
  25. «g1.globo.com/politica/noticia/aviao-que-caiu-em-paraty-tinha-gravador-de-voz-diz-fab.ghtml». G1. 20 de janeiro de 2017. Consultado em 22 de janeiro de 2017 
  26. Fantástico (22 de janeiro de 2017). «Avião é retirado do mar de Paraty e será levado para estaleiro em Angra». G1. Consultado em 22 de janeiro de 2017 
  27. Juliana Castro. «Juiz decreta sigilo em investigação sobre queda de avião que levava Teori Zavascki». O Globo. Globo.com. Consultado em 23 de janeiro de 2017 
  28. Rubens Valente (24 de janeiro de 2017). «Áudio não indica falha no avião que caiu com Teori, diz Aeronáutica». Folha de S.Paulo. Consultado em 24 de janeiro de 2017 
  29. Leandro Colon (24 de janeiro de 2017). «Aeronáutica vê desorientação espacial de piloto em acidente com Teori». Folha de S.Paulo. Consultado em 24 de janeiro de 2017 
  30. «FAB divulga resultado de investigação sobre acidente com aeronave PR-SOM». Força Aérea Brasileira. 22 de janeiro de 2018. Consultado em 30 de julho de 2017. Cópia arquivada em 30 de julho de 2018 
  31. «Relatório Final A-013/CENIPA/2017» (PDF). CENIPA. 16 de janeiro de 2018. Consultado em 30 de julho de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 30 de julho de 2018