Sérgio Menezes

ator brasileiro

Sérgio Menezes dos Reis (Rio de Janeiro, 23 de novembro de 1972) é um ator brasileiro.

Sérgio Menezes
Nome completo Sérgio Menezes dos Reis
Nascimento 23 de novembro de 1972 (49 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade Brasileiro
Ocupação Ator
Atividade 1988–presente

CarreiraEditar

Sérgio começou a carreira profissionalmente em 1988 na montagem Opera Carmen, da Fundação Nelson Allan. Em 1994 faz teste para o personagem Theobaldo de Romeu e Julieta sob a direção de Sérgio Britto. Ganha o papel e a amizade de um dos maiores nomes do teatro brasileiro. No ano seguinte participa de outra montagem dirigida também por Sérgio Britto e coreografada por Renato Vieira, o espetáculo Memórias do Interior.

Em 1996 vai para Salvador participar da montagem de O Sonho de Strindberg dirigida por Gabriel Vilela. Na volta ao Rio de Janeiro faz o curso técnico de artes cênicas do senac e em seguida é chamado para cursar a Oficina de Atores da TV Globo. No final do curso Sérgio Menezes é convidado para o teste de Força de um Desejo novela de Gilberto Braga. Depois de ter vivido o personagem Jesus na novela de Gilberto Braga, o desempenho do ator lhe rendeu muitos convites como por exemplo: em Brava Gente no episódio Meia Encarnada Dura de Sangue de Jorge Furtado, na novela Porto dos Milagres de Aguinaldo Silva, O Beijo do Vampiro de Antonio Calmon, Celebridade de Gilberto Braga e Sinhá Moça (2006) de Benedito Ruy Barbosa.

Além de estar atuando em TV, durante esse tempo Sérgio Menezes teve o privilégio de conciliar o tempo das gravações com o teatro.Hamlet é Negro sob a direção de Antonio Abujamra, O Castiçal, de Giordano Bruno, dirigido por Amir Haddad, Os Negros de Jean Genet por Luiz Antonio Pilar, Anjo Negro de Nelson Rodrigues, Nocaute de Roberto Alvin, entre outras peças. No cimena Sérgio Menezes pode ser visto no curta metragem Achados e Perdidos com Simone Spoladore, Eva Todor e Leonardo Vieira de Eduardo Albergaria Jr; no longa alemão Saudade e também no curta Estação das Flores de Françoise Forton.

FilmografiaEditar

TelevisãoEditar

Ano Título Personagem Notas
1999 Força de um Desejo Jesus
2000 Brava Gente Bonifácio Episódio: "Meia Encarnada Dura de Sangue"
2001 Porto dos Milagres Rufino Aluada
2002 O Beijo do Vampiro Dr. Carlos Delgado
2003 Celebridade Bruno Carvalho
2004 A Diarista Tavares Episódio: "Cabelo Programado"
2006 Sinhá Moça Fulgêncio
2007 Amor e Intrigas Paco Loyola
2009 Bela, a Feia Diogo Marques[1]
2012 Cheias de Charme Heraldo Maranhão
2014 Trair e Coçar É só Começar Juca Episódio: "Chucrute com Feijão"
2014 Politicamente Incorreto Kenji Takashi
2017 Pega Pega Sérgio
2018 O Tempo Não Para Dr. Tales Episódios: "1–4 de agosto"
2018 Detetives do Prédio Azul Bruxo Elias Episódio: "A Maldição do Game"
2019 Carcereiros Kalifa Episódio: "Imagem e Semelhança"
2019 Topíssima Gonçalo
2020 Hard Tony
2021 Quanto Mais Vida, Melhor! Chicão
2022 Dança dos Famosos Participante Temporada 19

CinemaEditar

Ano Título Personagem Notas
2003 Saudade - Sehnsucht Fabio
2010 Cariocas Leonardo "Léo" Curta-metragem
2017 Fala Comigo Cláudio
2021 O Novelo Zeca
2022 Amado Cabo Amado

Prêmios e indicaçõesEditar

Ano Prêmio Categoria Nomeação Resultado
2021 Prêmio Bibi Ferreira[2] Melhor Ator Coadjuvante em Musicais
A Cor Púrpura - O Musical
Pendente

Referências

  1. PopTevê. «"Ele é tão arrogante e excêntrico que acaba sendo patético", diz Sérgio Menezes sobre o Diogo de "Bela, a Feia"». Uol Entretenimento. Consultado em 15 de outubro de 2016 
  2. «Prêmio Bibi Ferreira anuncia indicados da 8ª edição». Acesso Cultural. 7 de junho de 2021. Consultado em 14 de junho de 2021 

Ligações externasEditar