Abrir menu principal

HistóriaEditar

A Superliga teve início em 24 de julho de 2007 com oito times, sendo quatro da MLS, a liga de futebol estadunidense (com participação do Canadá) e da La Primera División del Fútbol Mexicano, a primeira divisão do futebol mexicano. As oito primeiras equipes a participar da primeira Superliga são América, Chivas Guadalajara, Monarcas Morelia e Pachuca do México e DC United, FC Dallas, Houston Dynamo e Los Angeles Galaxy pela MLS.

Forma de disputaEditar

O campeonato era disputado no formato da Liga dos Campeões da UEFA - com a diferença que todo o campeonato é disputado em um país-sede (nos anos de 2007 e 2008, o país-sede foram os EUA) - sendo que as equipes são divididas em dois grupos de quatro. Classificavam-se os dois primeiros de cada grupo, que faziam a semifinal com o primeiro colocado de um grupo jogando com o segundo do outro e os vencedores faziam a grande final.

PremiaçãoEditar

O vencedor embolsava um prêmio de um milhão de dólares.

Logotipo e troféuEditar

O elegante logotipo da Superliga, uma pluma, foi inspirado nos símbolos representativos dos países participantes: a águia careca, nativa dos EUA e Canadá e a águia dourada que aparece na bandeira mexicana. O conceito das águias deslizando-se sobre a mesma bola evoluiu para uma representação gráfica de uma pluma com dois lados, uma de prata e uma de ouro, sobre a bola evocando assim o caráter da competição. Históricamente em todos esses países, a pluma tem sido um símbolo de coragem, excelência e glória. O troféu da Superliga reflete essa forma elegante pela qual o desejado troféu será disputado pelas melhores equipes da América do Norte.

Superliga 2007Editar

Primeiros finalistasEditar

A equipe estadunidense Los Angeles Galaxy, do craque britânico David Beckham, e a equipe mexicana Pachuca, campeã da Copa dos Campeões da CONCACAF de 2007, fizeram, em 29 de agosto de 2007, a primeira final da primeira Superliga.

Primeiro campeãoEditar

Após um empate no tempo normal em 1x1, o Pachuca sagrou-se o primeiro campeão da primeira Superliga em uma dramática decisão por penaltis com placar final de 4x3.

Primeiro artilheiroEditar

Landon Donovan, do Los Angeles Galaxy, foi o primeiro artilheiro da primeira Superliga com 4 gols marcados.

Superliga 2008Editar

A Superliga 2008 foi novamente disputada nos EUA de 12 de julho até 5 de agosto. Os quatro melhores times da MLS Cup - os dois melhores da conferência leste e os dois melhores da conferência oeste - disputaram a competição. Foram classificados o Chivas USA (primeira participação), DC United (segunda participação), Houston Dynamo (segunda participação) e o New England Revolution (primeira participação). Além do campeão do ano anterior, o Pachuca, as equipes mexicanas classificadas foram o Atlante (primeira participação), o Chivas Guadalajara (segunda) e o Santos Laguna (primeira).

FinalistasEditar

O Houston Dynamo chegou pela primeira vez à final ao eliminar o campeão do ano anterior, o Pachuca. O seu adversário é o New England Revolution, que eliminou o Atlante na outra semifinal.

CampeãoEditar

O New England Revolution tornou-se campeão da Superliga 2008 ao derrotar o Houston Dynamo em disputa de penaltis por 6x5 após um empate em 2x2 no tempo normal.

ArtilhariaEditar

Stuart Holden, do Houston Dynamo; Ante Razov, do Chivas USA e Shalrie Joseph, do New England Revolution, dividiram a artilharia da competição com 3 gols cada um.

Superliga 2009Editar

Pelo terceiro ano seguido, a Superliga é disputada nos EUA, desta vez no perírod de 20 de junho até 5 de agosto de 2009. As equipes da MLS que participam da Superliga deste anos são: Chicago Fire, Chivas USA, Kansas City Wizards e o campeão de 2008 New England Revolution. O Chicago Fire e o Kansas City Wizards participam pela primera vez; o Chivas USA e o New England Revolution - que irá defender seu título - pela segunda. Entre as equipes do México já estão classificadas o Atlas, o Santos Laguna, O Tigres UANL, e o San Luis. É a segunda participação do Santos Laguna enquanto que os outros irão participar pela primeira vez.

Final e campeãoEditar

A grande final foi entre Chicago Fire e Tigres UANL. Após um empate em 1x1,no tempo normal, os Tigres venceram na decisão por pênaltis por 4x3.

ArtilheiroEditar

O mexicano Armando Pulido, do Tigres UANL, foi o artilheiro da competição com 3 gols.

Superliga 2010Editar

A MLS e a Federación Mexicana de Fútbol anunciaram oficialmente a data de início da Superliga 2010 em 14 de julho próximo, três dias após o término da Copa do Mundo de 2010[1]. As equipes da MLS que irão participar da edição deste ano são: Chicago Fire, Chivas USA, Houston Dynamo e New England Revolution. As equipes do México que irão participar são Pachuca, Monarcas Morelia, Pumas UNAM e Puebla sendo a primeira participação de Puebla e Pumas UNAM.

FinalistasEditar

A final foi entre New England Revolution e Monarcas Morelia com vitória da equipe mexicana por 2x1.

ArtilheiroEditar

O artilheiro foi o mexicano Miguel Sabah com 4 gols.

Superliga 2011 e cancelamentoEditar

A MLS definiu as equipes que iriam participar da Superliga 2011: Real Salt Lake, Red Bull New York, Columbus Crew, San José Earthquakes. Todos debutavam na competição. A Federación Mexicana de Fútbol ainda não tinha anunciado seus representantes quando houve o cancelamento em março desse mesmo ano.

CampeõesEditar

Ano País-sede Campeão Placar Vice-campeão
2007
Detalhes
 
EUA
  Pachuca 1 - 1
(Penaltis 4 - 3)
  Los Angeles Galaxy
2008
Detalhes
 
EUA
  New England Revolution 2 - 2
(Penaltis 6 - 5)
  Houston Dynamo
2009
Detalhes
 
EUA
  Tigres UANL 1 - 1
(Penaltis 4 - 3)
  Chicago Fire
2010
Detalhes
 
EUA
  Monarcas Morelia 2 - 1
  New England Revolution

Equipes que venceram em sua primeira participaçãoEditar

Participações na SuperligaEditar

ArtilheirosEditar

NotasEditar

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar