Carlos Tramontina

Jornalista Brasileiro

Carlos Alberto Tramontina (Adamantina, 11 de maio de 1956) é um jornalista brasileiro.[1][2]

Carlos Tramontina
Carlos Tramontina
Carlos Tramontina
Nome completo Carlos Alberto Tramontina
Nascimento 11 de maio de 1956 (67 anos)
Adamantina, SP, Brasil
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Jornalista
Repórter
Apresentador
Escritor
Principais trabalhos Bom Dia São Paulo
São Paulo Já
SPTV
Antena Paulista
Jornal Hoje
Jornal Nacional
Jornal da Globo
Project Freedom
Flow News

Vida editar

Formado em Jornalismo pela FAAP em 1977,[1] Carlos já foi o editor-chefe e apresentador de inúmeros telejornais da TV Globo São Paulo como Bom Dia São Paulo[2] e SP Já.[1] Em 1998 dividiu a apresentação do SPTV com a jornalista Débora Meneses. Em 2000 apresentou em caráter provisório o telejornal Jornal da Globo,[1][2] substituindo Lilian Witte Fibe. Foi âncora da 2ª edição do SPTV por 24 anos e do documentário dominical Antena Paulista por 23,[1][2] além de ter apresentado o carnaval Globeleza na apuração paulistana. Apresentou também o Jornal da Globo eventualmente entre 2017 e 2022, com a saída de William Waack.[3]

Possui como hobby o alpinismo, já tendo publicado livros a respeito de suas experiências na área. Publicou em 2004 A morada dos deuses: um repórter nas trilhas do Himalaia, um relato pessoal sobre sua escalada da cordilheira do Himalaia. Em 28 de setembro de 2019, Tramontina representou o estado de São Paulo em comemoração dos 50 anos do Jornal Nacional.[4][5]

Em 26 de abril de 2022, Tramontina anunciou em seu Instagram que deixou a TV Globo São Paulo após 43 anos. Foi substituído na apresentação do SPTV 2ª edição por José Roberto Burnier.

Em 11 de março de 2023, Tramontina foi contratado pela CNN Brasil para apresentar o Freedom Project (Projeto Liberdade, em tradução livre), um programa sobre escravidão moderna e um projeto da CNN International programado para estrear em 4 de junho de 2023. Em outubro, ele deixou o canal, já que a atração encerrou-se.[6][7]

Em 8 de maio de 2023, Carlos foi chamado pelo Flow Podcast para apresentar o Flow News, conciliando a CNN Brasil e o quadro do Flow[8]

Seis e ônibus editar

 Ver artigo principal: Seis e ônibus

No dia 14 de fevereiro de 2019, ao apresentar o boletim Radar SP, Tramontina confundiu-se ao falar o horário, misturando com a matéria sobre os ônibus da capital paulista que daria, e acabou falando "seis e ônibus" assim que entrou no ar. O incidente viralizou imediatamente nas redes sociais, tornando-se piada até mesmo dentro da própria TV Globo[9]. Tramontina sempre aderiu à piada, comentando com bom humor em entrevistas. Um dos quadros de seu canal no YouTube, inclusive, chama-se "seis e ônibus", frase da qual solicitou o registro dos direitos autorais no INPI[10].

Programas editar

Na Globo São Paulo editar

Ano Título
1986-1992 Bom Dia São Paulo
1993 SP Já
até 1998 SPTV 1ª Edição
1998-2022 SPTV 2ª Edição
1999-2022 Antena Paulista
2011-2014 Globo Notícia SP
2013-2022 Radar SP

Na Rede Globo editar

Ano Título
de maio a agosto de 2000 como apresentador efetivo, de 2000 até 2005 e 2017 a 2022 como eventual Jornal da Globo
rodízio aos sábados de 2000 até 2005 Jornal Nacional
1989-1991 e 1997 Bom Dia Brasil
rodízio aos sábados de 2001-2002 Jornal Hoje

Na GloboNews editar

Ano Título
até 2001 N de Notícia

Bibliografia editar

  • EntrevistaEditora Globo (1997);
  • A morada dos deuses: um repórter nas trilhas do Himalaia — Sá Editora (2004);
  • Tietê, presente e futuro — BEI (2011)

Referências

  1. a b c d e «CARLOS TRAMONTINA». Museu da TV, Rádio & Cinema. Consultado em 12 de maio de 2022 
  2. a b c d «Carlos Tramontina». Memória Globo. Organizações Globo. 27 de Janeiro de 2004. Consultado em 10 de Agosto de 2014 
  3. «Com Tramontina no lugar de Waack, Jornal da Globo cresce no ibope». 2017. Consultado em 24 de Julho de 2017 
  4. Achôa, Yara (2008). «Carlos Tramontina: A escalada rumo à corrida». Revista Contra-Relógio. Consultado em 10 de Agosto de 2014 
  5. «Priscilla Castro, do Pará, e Carlos Tramontina, de SP, apresentam o JN neste sábado (28)». G1. Consultado em 20 de novembro de 2019 
  6. «Carlos Tramontina chega à CNN Brasil para comandar o CNN Freedom Project». CNN Brasil. Consultado em 26 de maio de 2023 
  7. «CNN contrata Carlos Tramontina para novo programa sobre escravidão moderna». UOL. Consultado em 12 de abril de 2023 
  8. «Carlos Tramontina é contratado pelo 'Flow News': 'Chegou minha vez de ter um programa na internet'». Estadão. Consultado em 26 de maio de 2023 
  9. «"Seis e ônibus": erro de Tramontina vira piada dentro e fora da Globo». tvefamosos.uol.com.br. Consultado em 21 de julho de 2023 
  10. «Seis e ônibus: a marca de Carlos Tramontina». O Antagonista. 30 de julho de 2022. Consultado em 21 de julho de 2023 

Ligações externas editar

  Este artigo sobre um(a) jornalista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Precedido por
Lillian Witte Fibe
Apresentação do Jornal da Globo
2000
Sucedido por
Ana Paula Padrão
Precedido por
Carla Vilhena
Apresentação do SPTV 1ª Edição
1998
Sucedido por
Chico Pinheiro
Precedido por
Carlos Nascimento
Apresentação do SPTV 2ª Edição
1998 - 2022
Sucedido por
José Roberto Burnier