Partido Republicano Mineiro

Partido político brasileiro
Partido Republicano Mineiro
Líder Afonso Pena
Venceslau Brás
Delfim Moreira
Arthur Bernardes
Fundação 4 de junho de 1888
Dissolução 2 de dezembro de 1937
Sede Belo Horizonte
Ideologia Republicanismo
Federalismo
Agrarianismo
Política do Café com Leite
Conservadorismo
Federalismo
Nacionalismo brasileiro
Espectro político Centro-direita

Política do Brasil
Partidos políticos
Eleições

Partido Republicano Mineiro (PRM) foi um partido político brasileiro criado em 4 de junho de 1888 com o objetivo de representar os ideais republicanos e conservadores da elite agrária do estado de Minas Gerais. Com a queda da monarquia, passou a abrigar um grande contingente do antigo Partido Conservador; e sendo o principal partido do maior colégio eleitoral do país, Minas Gerais, fez frente ao Partido Republicano Paulista (PRP), nas eleições e na alternância do poder, por meio da política do café com leite.[1] Como programa, emulava em muitos aspectos o extinto Partido Conservador, com um toque distintamente nacionalista.

Foi controlado inicialmente na República Velha por políticos do sul de Minas até que Artur Bernardes deslocou o comando do PRM para a Zona da Mata Mineira. Sua comissão executiva, a "tarasca", era muito poderosa e tomava as principais decisões.

Como todos os partidos políticos, o PRM foi extinto com o advento do Estado Novo. Após a ditadura varguista, Arthur Bernardes veio a fundar o Partido Republicano (PR), agremiando parte do antigo núcleo duro do PRM, com uma agenda nacionalista e desenvolvimentista. Extinto pelo AI-2 em 1965, o PR veio a gestar parte expressiva da política nacionalista e conservadora brasileira, a qual encontra atualmente expressão numa grande gama de partidos.

Principais representantesEditar

BibliografiaEditar

Referências

  1. «Política do Café com Leite». Toda Matéria. Consultado em 24 de julho de 2020 
  Este artigo sobre política ou um cientista político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.