Abrir menu principal

37.º governo da Monarquia Constitucional

O 37.º governo da Monarquia Constitucional, 3.º governo do Rotativismo, e o 16.º desde a Regeneração, nomeado a 1 de junho de 1879 e exonerado a 25 de março de 1881, foi presidido por Anselmo José Braamcamp.

Governos do Segundo Liberalismo (Monarquia Constitucional)
Brasão de armas do reino de Portugal.svg

São realizadas eleições em 19 de outubro de 1879.

A sua constituição era a seguinte:[1][2]

Cargo Detentor Período
Presidente do Conselho de Ministros Anselmo José Braamcamp 1 de junho de 1879 a 25 de março de 1881
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios do Reino
José Luciano de Castro 1 de junho de 1879 a 25 de março de 1881
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios Eclesiásticos e de Justiça
Adriano Machado 1 de junho de 1879 a 25 de março de 1881
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios da Fazenda
Henrique de Barros Gomes 1 de junho de 1879 a 25 de março de 1881
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios da Guerra
João Crisóstomo 1 de junho de 1879 a 29 de novembro de 1880
José Joaquim de Castro 29 de novembro de 1880 a 25 de março de 1881
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios da Marinha e Ultramar
Marquês de Sabugosa 1 de junho de 1879 a 17 de junho de 1880
Anselmo José Braamcamp (interino) 17 de junho de 1880 a 3 de julho de 1880
Visconde de São Januário 3 de julho de 1880 a 25 de março de 1881
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios Estrangeiros
Anselmo José Braamcamp 1 de junho de 1879 a 25 de março de 1881
Ministro e Secretário de Estado dos
Negócios das Obras Públicas, Comércio e Indústria
Augusto Saraiva de Carvalho 1 de junho de 1879 a 25 de março de 1881

GaleriaEditar


Referências

  1. Maltez, José Adelino. «Governo Progressista de Braamcamp (1879–1881)». Politipédia — Repertório Português de Ciência Política. Observatório Político. Consultado em 18 de setembro de 2013 
  2. Santos, Manuel Pinto dos (1986). «I Parte – Organização do poder governamental; 3. Do poder executivo – 3.2. Elencos ministeriais». Monarquia constitucional: organização e relações do poder governamental com a Câmara dos Deputados, 1834–1910. [S.l.]: Assembleia da República, Divisão de Edições 
  Este artigo sobre História de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.