Abrir menu principal

Caio Calpúrnio Pisão (cônsul em 97)

Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Caio Calpúrnio Pisão (desambiguação).
Caio (ou Lúcio?) Calpúrnio Pisão
Cônsul do Império Romano
Consulado 97 d.C.

Caio (Lúcio?) Calpúrnio Pisão (em latim: Gaius (Lucius?) Calpurnius Piso) foi um senador romano nomeado cônsul sufecto para o nundínio de março a abril de 97 com Cneu Árrio Antonino[1][2]. Há uma incerteza com relação ao seu prenome, que pode ser Caio ou Lúcio[3]. É possível que tenha sido filho de Lúcio Calpúrnio Pisão e de Licínia Magna, filha de Marco Licínio Crasso Frúgio, cônsul em 27. Graças às ligações de seu pai com o imperador Nero, sua carreira teve um bom começo, mas foi interrompida durante o reinado de Vespasiano, especialmente depois do assassinato de seu pai em 70[4]. Foi somente durante o reinado de Nerva que conseguiu recuperar sua carreira. Mas nada mais se sabe sobre seu destino depois disto.

Ver tambémEditar

Referências

  1. Fausto Zevi "I consoli del 97 d. Cr. in due framenti gia' editi dei Fasti Ostienses", Listy filologické / Folia philologica, 96 (1973), pp. 125–137
  2. AE 1954, 222
  3. John D. Grainger, Nerva and the crisis of roman succession in AD 96, Londinii 2003, p. 42
  4. Tácito, Histórias IV 49