ISPA - Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida


O Ispa - Instituto Universitário (frequentemente conhecido apenas por ISPA, acrónimo para a sua conhecida designação anterior de Instituto Superior de Psicologia Aplicada, oficialmente ISPA - Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida) é um instituto universitário português, situado em Lisboa. Fundado em 1962 como Instituto de Ciências Psicopedagógicas, foi a primeira instituição de ensino superior na área da Psicologia em Portugal.[2] Segundo o Ranking de Xangai, o ISPA está entre as 500 melhores universidades do mundo na área da Psicologia.[3]

ISPA - Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
ISPA
Lema Sapere Aude

"Ousar Saber"

Fundação 1962 (60 anos)
Tipo de instituição Privada
Localização Lisboa, Portugal
Reitor(a) Professora Doutora Isabel Leal
Cores Azul e Preto
          (2021-) [1]
Página oficial www.ispa.pt
Fachada do Ispa

HistóriaEditar

[4]O ISPA iniciou a sua atividade em 1962 com a designação de Instituto de Ciências Psicopedagógicas. A inauguração do Instituto tem lugar em 7/11/1962 sendo que a oferta formativa incluía quatro secções: três de Psicologia Aplicada (Psicologia Pedagógica, Psicologia Clínica e Psicologia Industrial) e uma de Teologia.

Veio a adotar a designação de Instituto Superior de Psicologia Aplicada em 1964 e desde então tem vindo a afirmar-se como uma referência incontornável na história do ensino superior em Portugal. Em 1977 a responsabilidade instituidora do estabelecimento de ensino ISPA passou a ser assegurada por uma cooperativa aberta a docentes e não docentes que nele colaboram e a demais personalidades de reconhecida relevância social, científica e cultural.

Já na década de 80 viria a ocupar as suas atuais instalações em pleno centro histórico da cidade de Lisboa. Nesta altura sentiu-se ainda a necessidade da criação de um apoio a estudantes que, por diversas razões, não podiam frequentar as aulas nas instalações do ISPA, em Lisboa. Assim, surgiu um Centro de Apoio na cidade de Beja, designado [5]ISPA – BEJA, que contava com cerca de 150 alunos e oferecia apenas a Licenciatura em Psicologia Aplicada, com especialização na área da Psicologia Educacional. O ISPA-Beja funcionou até meados da década de 2000.

É também neste período que é criada a Escola de Estudos Pós-Graduados e se iniciam no ISPA os primeiros cursos de mestrado em Portugal nos domínios da Etologia, Psicologia Psicanalítica, Comportamento Organizacional, Psicossomática ou Psicologia Ambiental.

A qualificação e diversificação da oferta formativa e pós-graduada continuaria a ser reforçada ao longo das décadas de 80 e 90 através do desenvolvimento de uma rede de protocolos de associação com universidades europeias e brasileiras de referência e que contribuiu para o intercâmbio de estudantes, docentes e investigadores, decisivo para o desenvolvimento e projeção das ciências do comportamento em Portugal.

A consolidação do projeto ISPA resultou, em 2009, na sua reconversão em Instituto Universitário, no quadro do novo modelo organizativo do ensino superior introduzido pelo regime jurídico das instituições do ensino superior. Com esta nova matriz institucional o ISPA passou a ministrar, de forma autónoma, todos os graus académicos previstos no quadro da organização dos estudos introduzido pelo Processo de Bolonha (1ºs Ciclos–Licenciaturas, 2ºs Ciclos-Mestrados, Mestrados Integrados, 3ºs Ciclos-Doutoramentos), alargando também a sua oferta formativa a outras áreas do conhecimento como sejam tais como as biociências.

É neste contexto que é criado em 2009 o Centro de Biociências do ISPA e se inicia, em 2010, o funcionamento da Licenciatura em Biologia e, em 2013, o Mestrado em Biologia Marinha e Conservação. Durante este período assistiu-se ainda ao aprofundamento de parcerias com outras Instituições de Ensino superior em domínios estratégicos como as Biociências e a Educação.

A 20 de setembro de 2013, o ISPA recebeu o Prémio de Psicologia atribuído pela Ordem dos Psicólogos Portugueses (OPP)

Em 2020 o ISPA passa ainda a ministrar autonomamente ciclos de estudos na área da Educação. Nesse contexto, em 2021, é assinado com a Câmara Municipal de Cascais um protocolo de cedência de instalações, no Penedo, que visam acolher atividades destes mesmos ciclos de estudo.

Formação MinistradaEditar

Atualmente ministra [6]Licenciaturas nas áreas da Psicologia, da Biologia e da Educação Básica (curso que resultou da parceria com a ESEI - Maria Ulrich que existiu até ao ano letivo 2019/2020), bem como o Mestrado Integrado em Psicologia do ISPA (que apenas se encontra em funcionamento para os estudantes que ingressaram nesta modalidade até ao ano letivo 2020/2021).

O Ispa oferece ainda [7]Mestrados em Psicologia Clínica, Psicologia da Educação, Psicologia Social e das Organizações, Psicologia Comunitária, Psicologia da Saúde, Psicologia Forense, Psicologia e Psicopatologia do Desenvolvimento, Biologia Marinha e Conservação, Educação Pré-Escolar, Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico e, em parceria com a Universidade Católica Portuguesa, os mestrados em Neuropsicologia e em Neurociências Cognitivas e Comportamentais.

Ministra também [8]Doutoramentos em Psicologia, Biologia do Comportamento, Biologia Integrativa e Biomedicina em parceria com o Instituto Gulbenkian de Ciência e a Universidade Nova de Lisboa, Educação em parceria com a Universidade Nova de Lisboa e o Programa Internacional de Doutoramento em Neurociências em parceria com a Fundação Champalimaud e a Universidade Nova de Lisboa.[9]

InvestigaçãoEditar

A instituição desenvolve atividades de investigação científica, tanto na área de Psicologia, como Biologia e Educação. Atualmente conta com Unidades de Investigação e Desenvolvimento da Fundação para a Ciência e Tecnologia como:

Extensão UniversitáriaEditar

Ao longo da sua história o ISPA tem uma consolidada tradição de transferência de conhecimento para a sociedade, desenvolvendo projetos de intervenção com forte relevância social, científica e cultural em diferentes espaços geográficos e, frequentemente, em parceria com reconhecidas instituições e organizações públicas e privadas.[11]

Assim, o ISPA desenvolve atividade de extensão universitária que abrangem a transferência de conhecimento e tecnologia, a aprendizagem ao longo da vida e o empenho e envolvimento social:

AlumniEditar

Notas

  1. https://www.ispa.pt/noticia/marca-renovada
  2. «ISPA - Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida | ISPA – Instituto Universitário». www.ispa.pt. Consultado em 2 de setembro de 2021 
  3. «ShanghaiRanking's Global Ranking of Academic Subjects». www.shanghairanking.com. Consultado em 2 de setembro de 2021 
  4. «Sobre o Ispa». Ispa – Instituto Universitário. Consultado em 24 de novembro de 2021 
  5. «Diário da República». Diário da República: https://files.dre.pt/1s/1996/09/220a00/33083309.pdf 
  6. «Licenciaturas Archives». Ispa – Instituto Universitário. Consultado em 24 de novembro de 2021 
  7. «Mestrados Archives». Ispa – Instituto Universitário. Consultado em 24 de novembro de 2021 
  8. «Doutoramentos Archives». Ispa – Instituto Universitário. Consultado em 24 de novembro de 2021 
  9. «Candidatos | ISPA – Instituto Universitário». www.ispa.pt. Consultado em 10 de novembro de 2020 
  10. «Investigação». investigacao.ispa.pt. Consultado em 10 de novembro de 2020 
  11. «Extensão Universitária | ISPA – Instituto Universitário». www.ispa.pt. Consultado em 2 de setembro de 2021 
  12. «Alumni». alumni.ispa.pt. Consultado em 23 de novembro de 2021 

Ligações externasEditar