Abrir menu principal


José Sarto Nogueira Moreira
Nascimento Acopiara
Cidadania Brasil
Alma mater Universidade Federal do Ceará, Universidade de Lisboa
Ocupação médico, político

José Sarto Nogueira Moreira (Acopiara, 13 de fevereiro de 1959) é médico e político brasileiro. Filiado ao Partido Democrático Trabalhista (PDT), Dr. Sarto foi reeleito em 2018 para o sétimo mandato consecutivo de deputado estadual com 68.937 votos em 160 dos 184 municípios cearenses. No dia 1º de Fevereiro de 2019 foi eleito Presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará para o biênio 2019-2020. Também foi vereador de Fortaleza entre os anos de 1988 e 1994.

BiografiaEditar

Nascido em Acopiara, município do centro-sul cearense, é filho de Antônio Moreira e de Maria Alice Nogueira de Oliveira. Irmão do também médico e político, o vereador de Fortaleza Elpídio Nogueira.

Mudou-se jovem para Fortaleza onde iniciou seus estudos na rede pública municipal. Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Ceará, com estágio nos Estados Unidos da América na área da Ginecologia e Obstetrícia, trabalhou no Jackson Memorial Hospital em Miami.

Em 1988 elegeu-se vereador de Fortaleza pelo Partido Democrata Cristão com 2.604 votos, tendo sido primeiro secretário da Mesa Diretora no biênio 90/92. No ano de 1992, filiado ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro, foi reconduzido à Câmara Municipal, com 3.462 votos, coroando sua atuação no parlamento municipal com sua eleição para a Presidência da Casa pelo biênio 92/94, marcando o início de um novo tempo na política municipal. Nesse período, assumiu várias vezes a prefeitura de Fortaleza.

Em 1994 foi eleito deputado estadual, com a expressiva votação de 29.301 sufrágios, tendo sido o deputado estadual mais votado no município de Fortaleza no referido pleito, e em seguida, presidente do diretório municipal do PMDB, partido pelo qual tinha sido eleito.

Foi reeleito em 1998 e 2002, em cujo pleito ficou na primeira suplência pelo Partido Popular Socialista (PPS), assumindo a vaga interinamente em virtude da nomeação do deputado Mauro Filho para a Secretaria de Administração, em seguida assumindo efetivamente em virtude da nomeação do Deputado Francisco Aguiar para o Conselho do Tribunal de Contas do Município.

Em 2006, envolvido na grande frente que elegeu o governador Cid Gomes, foi conduzido ao quarto mandato, com 58.013 votos - sétimo deputado mais votado do Estado do Ceará. Nessa legislatura, presidiu a Comissão de Constituição, Justiça e Redação.

Eleito em 2010 para o quinto mandato de deputado estadual com 65.282 votos, Dr. Sarto foi vice-presidente da Assembleia Legislativa no biênio (2011/2012), assumindo a presidência da Casa quando Roberto Cláudio, após vitória nas eleições municipais de 2012, assumiu a prefeitura de Fortaleza. Em outubro de 2013, filiou-se ao Partido Republicano da Ordem Social (PROS). Foi líder do Governo Cid Gomes na Assembleia Legislativa durante o biênio 2013-2014.

Nas eleições de 2014 foi reeleito deputado estadual com 85.310 votos, sendo o quinto candidato mais votado na disputa por uma cadeira na Assembleia Legislativa do Ceará. Em março de 2016, filiou-se ao PDT, seguindo os irmãos Cid e Ciro Ferreira Gomes.

No biênio 2015/2016, foi presidente da Comissão de Educação e da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apurou fraudes no Seguro DPVAT no Estado do Ceará. 

Dr. Sarto foi reeleito em 2018 com 68.937 votos em 160 dos 184 municípios cearenses, sendo o candidato mais votado em seis municípios: São Gonçalo do Amarante (7.552 votos), Várzea Alegre (5.282), Paraipaba (3.662), Itapiúna (2.262), Potengi (1.570) e Paramoti (1.470). Entre os eleitos, ele também ficou em primeiro lugar em Amontada (2.706).

No biênio 2019/2018 presidiu a Comissão de Fiscalização e Controle e foi vice-líder do Governo Camilo Santana na Assembleia Legislativa.

Atualmente, é Presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará. No dia 1º de Fevereiro de 2019 foi eleito com votos de 45 dos 46 deputados estaduais cearenses para comandar o Poder Legislativo Estadual no biênio 2019-2020.

Formação acadêmica

Médico formado pela Universidade Federal do Ceará (UFC).

Mestrando em Ciência Política pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa.

Fala inglês, francês e alemão.

Ligações externasEditar